Cartas

"ESTADÃO" RENOVADO

, O Estadao de S.Paulo

16 Março 2010 | 00h00

Modernidade

Cumprimento o jornal O Estado de S. Paulo pela excelente reforma promovida nas diversas mídias que integram o jornal. A convergência e a interatividade entre jornal e web representam um avanço importante rumo à modernidade, mas que manteve o mesmo espírito crítico e de compromisso com a informação que caracteriza a publicação.

EDUARDO MARSON FERREIRA, presidente da Helibras

presidencia@helibras.com.br

São Paulo

Online

Parabéns aos responsáveis pelo novo Estadão online. Maravilha! Está mais dinâmico, moderno e fácil de navegar.

JOSÉ AUGUSTO PIMENTEL

jpimentel@epicanet.com

São Paulo

Show

O novo portal do Estadão ficou show! Muito moderno e atraente para ler interativamente. Valeu mesmo!

ADRIANO GOMES

adrianotufao@hotmail.com

São Paulo

Ex-Libris

Com entusiasmo cumprimento a direção e a redação do Estado pela renovação do jornal. O bom gosto e a funcionalidade se aliaram para tornar a apreensão das notícias, das reportagens e dos artigos mais fácil, rápida e agradável. Por todos os cadernos perpassa um toque de claridade que propicia a união do leitor com a leitura. A família de tipos escolhida é excelente e o primeiro caderno Sabático comprova, a mancheias, a afirmativa de que conhecimento é mais do que informação. Parabéns. Isso é fazer jornalismo! No entanto, permitam-me, na condição de antigo assinante, de jornalista que batalhou nas fileiras da casa e de poeta irredimido, um único reparo: a imprópria alteração do Ex-Libris, a logomarca do jornal. Sem tocar na condição de signo que a imagem original carrega, peço atenção para a incompatibilidade entre forma e conteúdo do novo desenho. Pois o que temos agora é o velho arauto com seus jornais no braço esquerdo e sua corneta de chifre de boi na mão direita montado num cavalo andaluz ou lusitano - raças exóticas só recentemente cultivadas no Brasil - como se estivesse numa exibição de picadeiro ou prova de adestramento. O cavalo antigo, de garupa inclinada e pescoço comprido, é o verdadeiro e autêntico cavalo brasileiro, símbolo, ícone e selo da duração do tempo no percurso do jornal. Que se deixe a imagem limpa, sem o Largo de São Francisco ao fundo, tudo bem. Mas o andaluz, ou lusitano, envergando o pescoço e a crineira larga, nada tem de modernidade ou de verdade. Um signo é significado e significante ao mesmo tempo. E o portador das novas, da informação e do conhecimento deve ser fiel ao selo de seu passado, perfeitamente adequado ao presente. Sobretudo quando seu passado é historicamente verdadeiro.

CARLOS SOULIÉ F. DO AMARAL

souliedoamaral@ig.com.br

São Paulo

Fashion

Em 135 anos, história e credibilidade. O velho arauto veste roupa nova, mas sem arredar dos princípios que o norteiam. A Nação, mais uma vez, agradece.

A. FERNANDES

standyball@hotmail.com

São Paulo

Delícia

Não há coisa mais gostosa do que levantar pela manhã, tomar café e ler o Estadão. Depois, então, enfrentar o dia. Agora, repaginado, uma delícia de ver e degustar. Parabéns a todos.

ECILLA BEZERRA

ecillabezerra@gmail.com

São Paulo

Novos cadernos

Todo o meu entusiasmo pelo novo visual do jornal impresso e do digital. Diagramação convidativa, programação visual moderna, leitura facilitada. Os novos cadernos Sabático (eu sentia falta do Suplemento Literário) e Caderno 2 Domingo estão excelentes. Parabéns!

AUGUSTO FRANCISCO PAULO, arquiteto, coordenador executivo do Geef/FAU-USP

afpaulo@estadao.com.br

São Paulo

_______________

BOLSA-FAMÍLIA

Educação

Cumpre-me parabenizar o Estadão pelo lúcido editorial Bolsa-Família e eleição (8/3, A3), que aborda o projeto de lei de autoria do senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) que cria o Bolsa-Família para os alunos de 6 a 17 anos que tiverem bom desempenho escolar e o "ranço" de setores da situação em aprová-lo, porque de iniciativa da oposição. Como bem disse o editorial, "a oposição pode ter ganhos políticos e eleitorais, mas quem ganha mais é a sociedade, sobretudo a parcela mais pobre", e incentiva justamente a área que mais precisa, a educação. Parabéns!

VICTOR JOSÉ FACCIONI, ex-deputado federal constituinte

victorfaccioni@hotmail.com

Porto Alegre

_______________

CORRUPÇÃO NO DF

PPS contesta

O PPS-DF repudia nota publicada na coluna de João Bosco Rabello de domingo. O jornalista faz insinuações maldosas e infundadas de toda ordem quanto a um possível envolvimento deste partido nos esquemas de corrupção do antigo governo do DF. Com referência à Secretaria da Saúde, mencionada no texto, o articulista deveria ter levado em conta o ofício do ministro do STJ Fernando Gonçalves ao STF informando que não há nos autos do Inquérito 650/DF nenhum elemento que incrimine o deputado Augusto Carvalho, ex-secretário de Saúde. O PPS-DF espera que um jornal com a tradição de respeito à democracia como o Estado não dissemine acusações de claríssima orientação eleitoral.

P. S. - O documento do STJ sobre o não-envolvimento do deputado Augusto Carvalho no inquérito pode ser acessado no endereço http://www.pps.org.br/temp/INQ-650-DF-2009-0188666-5.pdf.

CLÁUDIO ABRANTES, presidente do Partido Popular Socialista-DF

diobotelho@pps.org.br

Brasília

N. da R. - O colunista reafirma o conteúdo da nota, que não menciona nomes e se limita a informar que as investigações em curso vão respaldar as denúncias do ex-secretário do GDF Durval Barbosa em relação ao PPS. O inquérito mencionado pelo missivista guarda apenas a primeira etapa das investigações da Polícia Federal e não representa a única fonte de informações sobre a corrupção no governo de Brasília.

_______________

"Caiu a ficha do governador Cabral! O PIB do Rio são a Cide e os royalties..."

JOÃO ERNESTO VARALLO / SÃO PAULO, SOBRE O PRÉ-SAL

jevarallo@hotmail.com

"Quem foi oposição inativa conseguirá implantar um Estado ativo?"

JOSÉ EDUARDO ZAMBON ELIAS / MARÍLIA, SOBRE JOSÉ SERRA

zambonelias@estadao.com.br

"Como pode alguém aspirar a ser secretário-geral da ONU se apoia ditaduras?"

GILBERTO LIMA JUNQUEIRA / RIBEIRÃO PRETO, SOBRE A POLÍTICA EXTERNA DE LULA

glima@keynet.com.br

_______________

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 1.666

TEMA DO DIA

Brasil tenta ser mediador no Oriente Médio

Presidente Lula faz visita histórica a Israel, mas é criticado por ter boas relações com o Irã

"Milhões no mundo têm sido assassinados em nome de religiões, como se dessa forma validassem este ou o outro lado."

CÉSAR AUGUSTO MARTINS

"Alguém deveria ter explicado para o "Cara" que o Oriente Médio não é porta de fábrica, não dá pra ficar em cima do muro."

PAULO ADRIANO

"Parabéns a Lula por manter a histórica independência diplomática brasileira contra pressões de outros países."

RICARDO G. F.{HEADLINE}

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.