Cartas

"ESTADÃO" RENOVADO

, O Estadao de S.Paulo

19 Março 2010 | 00h00

Novo figurino

Dr. Ruy Mesquita, a Academia Brasileira de Letras quer lhe dizer o quanto aplaude o figurino novo do Estado. Parabéns, presidente. Amplie, por favor, nossos cumprimentos aos seus colaboradores. Apreço especial do

MARCOS VINICIOS VILAÇA, presidente da ABL

Rio de Janeiro

A União Brasileira de Escritores felicita a iniciativa do Estado de abrir um novo espaço para a literatura, com o lançamento do caderno Sabático. Em especial pela lembrança de reviver, na edição inaugural, um escrito de Antonio Candido, nosso associado histórico. Nossa entidade festeja a perspectiva de que valiosos debates literários sejam realizados em futuras páginas.

JOAQUIM M. BOTELHO, presidente

secretaria@ube.org.br

São Paulo

Cumprimento toda a equipe do Estado pela reformulação do portal e do jornal impresso. No alto de seus 135 anos, mais uma vez mostrou ousadia ao estimular a convergência das mídias sem abandonar seu compromisso com o leitor e a qualidade da informação. Iniciativas como essa reforçam a força e o caráter da imprensa brasileira, contribuindo para o desenvolvimento sociocultural do País.

PAULO GODOY, presidente da Abdib

pgodoy@abdib.org.br

São Paulo

Congratulamos o Estado pelas reformulações realizadas. O novo projeto gráfico e os suplementos criados dão leveza ao jornal e tornam a leitura ainda mais agradável e dinâmica. O Estadão soube aliar forma e conteúdo - a tradição e o conteúdo de um jornal centenário espelhados numa publicação moderna, em sintonia com o seu tempo. Parabéns!

ARMANDO MEDEIROS DE FARIA, diretor de Marketing e Comunicação do Banco do Brasil

raquelrosa@bb.com.br

Brasília

O Estado está de parabéns. Recriou-se, rejuvenesceu, ficou simplesmente melhor. Porém nem tudo é perfeito. Permanece um problema a comprometer o jornal em termos de visual e conteúdo: Há 231 dias sob censura. Até quando? Que possamos logo ver a manchete Fim da censura.

ROMEU CHAP CHAP, presidente do Conselho Consultivo do Secovi-SP

secovi@secovi.com.br

São Paulo

Parabéns ao Estadão por sua nova repaginação, que o tornou ainda mais dinâmico e agradável de ler. Além do compromisso com a informação e o conhecimento, tornou-se um fiel termômetro da nossa democracia.

PAULO R. KHERLAKIAN

paulokherlakian@uol.com.br

São Paulo

As transformações do Estadão e do Estadão.com fazem orgulhar-nos da imprensa brasileira. As inovações pioneiras do Grupo Estado o credenciam a ser um dos melhores do mundo. Parabéns.

JOSÉ DE ASSIS TITO, diretor da Mídia Provider

josetito@midiaprovider.com.br

Belo Horizonte

LULA NO ORIENTE MÉDIO

Mais uma pérola

"Quem sabe a divergência entre EUA e Israel seja a coisa mágica que faltava para se chegar a um acordo." Quando esse homem volta para casa?

HUMBERTO DE LUNA FREIRE FILHO

hlffilho@gmail.com

São Paulo

Na Jordânia

Lula disse na Jordânia que chegou mais longe que dom Pedro II. Realmente, muito mais, mas o resultado de suas viagens, guardadas as devidas proporções e épocas, não trouxe para o Brasil nem 10% do que conseguiu nosso ilustre imperador, um grande brasileiro deposto por um golpe militar, sem dúvida, o melhor governante que o País já teve.

CARLOS E. DE BARROS RODRIGUES

ceb.rodrigues@hotmail.com

São Paulo

O "vírus da paz"

Como o presidente Lula, contaminado pelo "vírus da paz", pretende resolver a situação do Oriente Médio tratando o assunto com tamanha desigualdade e amadorismo. Todos têm deveres e direitos nesse caso, concordo. Mas sorrir para regimes que apoiam terroristas não é um bom sinal do tal vírus.

SÉRGIO ECKERMANN PASSOS

sepassos@yahoo.com.br

Porto Feliz

O mediador

Estou torcendo para o presidente Lulla voltar logo para mediar a briga dos gêmeos da novela Viver a Vida, antes que eles se matem.

MIGUEL POLITI

miguel.politi@ uol.com.br

São Paulo

LEI ELEITORAL GENEROSA

Obras do PAC

As regras - chamemo-las assim - do jogo eleitoral permitem tudo, até que a ministra Dilma possa visitar as obras do PAC depois de uma eventual derrota nas urnas - dever de toda mãe dedicada.

ALEXANDRU SOLOMON

asolo@alexandru.com.br

São Paulo

PRÉ-SAL

Royalties

Esse assunto dos royalties está "embaçado". Pelo que entendi, a emenda devia versar sobre o pré-sal, mas acabou atingindo as zonas já produtoras. Os "experts" estão devendo uma estimativa do custo do barril extraído do pré-sal. Tendo em vista que países mais ricos que o nosso não têm divulgado pesquisas sobre ocorrências semelhantes, desconfio que o custo de produção não seja competitivo. E não venham com a conversa de que Deus é brasileiro e nos brindou com esses bilhões de barris, etc... O pré-sal não é exclusividade nossa.

NESTOR R. PEREIRA FILHO

rodrigues-nestor@ig.com.br

São Paulo

H1N1

Crianças e adolescentes

Concordo com o leitor sr. Mário A. Godoy (Esqueceram de mim, 18/3). Não só esqueceram as pessoas de 40 a 59 anos, como se fossem imunes à gripe, como crianças e adolescentes de 3 a 19 anos, em plena idade escolar. Absurdo!

SONIA M. A. ALEM MARRACH

soniamarrach@linkway.com.br

Rio Claro

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 1671

TEMA DO DIA

Ciro diz temer manobra eleitoral de Lula

Para deputado, alianças estaduais podem fazer o PSB negar-lhe a legenda para a disputa presidencial

"Tomara que ele não aponte sua metralhadora para o lado da Dilma. Porque espero que ela ganhe no primeiro turno."

HENRIQUE LUZ

"Ciro poderia ter sido vice do Aécio com PSB e PDT apoiando. Mas o PSDB insistiu no Serra."

CESAR PEREIRA

"Quem mandou confiar no "Cara"? Ele já fritou tantos! Ciro se deixou envolver. Agora chora como o Sérgio Cabral."

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.