Cartas

Cartas

APOIO A CUBA

, O Estadao de S.Paulo

24 Março 2010 | 00h00

Moção de solidariedade

Não há nada mais insólito que a notícia de que há deputados que apoiam a ditadura cubana e apresentam moção a favor do governo dos Castros. Mesmo sendo do PCdoB, dizer que há democracia e justiça social em Cuba é um desvario. E se temos 30 deputados que assim pensam, meu conselho é que todos partam para essa democracia que tanto defendem e deixem a nossa funcionar do nosso jeito, pois assim fica todo mundo contente. Porque na nossa democracia há liberdade de imprensa, liberdade de locomoção, uma economia que funciona e não há necessidade de pedir autorização ao governo para fazer uma compra, uma mudança ou uma viagem. E os criminosos são julgados por uma Justiça que pode não ser perfeita em tudo, mas não é subjugada ao governo.

MARIA TEREZA MURRAY

email terezamurray@hotmail.com

São Paulo

Enquanto as nações do mundo livre condenam as graves violações dos direitos humanos cometidas em Cuba, a deputada Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM) surpreende ao defender o governo da família Castro, que persegue, prende e mata cidadãos que ousam exprimir sua decepção por um regime que há 50 anos produz pobreza, atraso e medo. Será que para alguns comunistas as Damas de Branco, em seu arriscado protesto contra as condições subumanas em que vivem seus parentes nas masmorras cubanas, são agentes da CIA infiltradas, promovendo um ataque a esse paraíso tropical onde pensar diferente dos irmãos Castro pode render até 25 anos de prisão?

PAULO R. KHERLAKIAN

paulokherlakian@uol.com.br

São Paulo

Uma Dama de Branco cubana já vale o peso de Vanessa Graziottin e de outros 30 deputados federais que assinaram a moção em favor da ditadura cubana. Pela coragem de enfrentar os irmãos Castro e sua horda assassina, as Damas de Branco merecem o apoio de toda a Nação brasileira. Elas não se escondem atrás de cargos nem de imunidade parlamentar, como nossos "bravos e corajosos" parlamentares!

LAURO FUJIHARA

laurofujihara@gmail.com

Carapicuíba

_____________

PROGRAMAS DE GOVERNO

Desmontagem da Razão

Relatórios do comitê gestor do PAC revelam que 54% dos 12.163 empreendimentos do governo federal nem saíram do papel. Tal informação é tímida diante da sua importância. Já o plano de expansão do Metrô de São Paulo, que está efetivamente em obras, torna-se um escandaloso caso de atraso de obra, em que pese o dilúvio sobre a cidade. É preciso concordar com Arnaldo Jabor: a maior realização do governo Lula foi a desmontagem da Razão.

KLAUS BENVENUTO

klausbenvenuto@gmail.com

Santo André

_____________

Minha Casa, Minha Vida

Lula e Dilma anunciam o lançamento da segunda etapa do programa. Ótimo! E as casas da primeira etapa foram todas entregues? Prontas para morar, sem nenhum problema?

CELY GONÇALVES

cg_51@hotmail.com

Teresina

_____________

IMPUNIDADE

Os livros de Renan

Renan Calheiros (PMDB-AL) é acusado pelo Ministério Público Federal de improbidade administrativa. Essa nova denúncia não causa surpresa alguma, uma vez que seu currículo tem um histórico de condutas reprováveis. O nosso questionamento, e o que não dá para entender, é: como ele ainda permanece no cargo de senador da República?

Francisco Zardetto

fzardetto@uol.com.br

São Paulo

_____________

ECONOMIA

Previsão de inflação e Selic

A exorbitante taxa de juros constitui uma poupança compulsória pela qual o tão suado rendimento do brasileiro é transferido para as instituições financeiras (o que é visto nos expressivos e sucessivos lucros do setor). Como pode uma elevação nos juros conter o consumo, se os acréscimos na taxa são diluídos no aumento do prazo/número de parcelas para pagamento? O que dita o consumo é o valor da parcela que cabe no orçamento, não a taxa de juros. Aumentar os juros reduz ainda mais a tão exígua renda do brasileiro. Perdem os cidadãos, as empresas, o governo e se beneficia apenas o setor financeiro.

Edson Furlan

furlan.edson@yahoo.com.br

Araraquara

_____________

ROYALTIES DO PRÉ-SAL

O bode

Parece que todos - até a imprensa - estão se fazendo de cegos ou surdos. Ao final dessa novela, os royalties dos poços em produção ficarão exatamente como estavam. Todos ficarão felizes. Rio de Janeiro e Espírito Santo agradecerão ao governo federal por não permitir a consolidação da ameaça de redução de seus recebíveis. Os demais Estados festejarão a nova fonte de recursos do pré-sal. Nada que já não estivesse combinado. Tal qual o bode sendo retirado da sala.

Ubiratan Zaccaro Conesa

uzconesa@globo.com

São Paulo

_____________

EDUCAÇÃO

Falência do ensino

Especialistas, pais de alunos e toda a população são unânimes em concordar que a educação no País está falida. A deficiência no aprendizado infantil e a insuficiência cultural dos jovens saltam aos olhos, nos erros mais corriqueiros de Língua Portuguesa, Aritmética e Conhecimentos Gerais. Para completar, fala-se agora na independência escolar e no estudo regional, e não na formação sólida naquelas disciplinas básicas, extensivas a Ciências, além de História e Geografia, em que se trabalha o País como um todo. Tal como alerta o artigo de Claudia Costin Uma plataforma para a melhoria da educação (20/3, A2). Contudo, se regredirmos a cerca de 30 anos atrás, veremos a bela rede de ensino público fundamental de que dispúnhamos, por onde passou boa parte das melhores cabeças do País - e sem lançar mão do alienado critério de cotas -, mas que foi impiedosamente sucateada, à medida que se implantava o alienígena sistema de aprovação automática. Urge restaurar no estudante o hábito de fazer provas escritas e orais, no mínimo, a cada dois meses, valioso método para a compreensão, fixação e sondagem do aprendizado. O mais é blablablá.

M. CECÍLIA NACLÉRIO HOMEM

mcecilianh@gmail.com

São Paulo

_____________

Cartas enviadas ao Fórum dos Leitores, selecionadas para o Estadão.com.br

MAIS UMA ROUBADA

Além de todas as bolsas que são dadas à população carente e todo o dinheiro dos cofres públicos que estão usando para fazer campanha há mais de dois anos para a sua candidata Dil-má, viajando por todo o País, Lulla edita agora decreto concedendo bolsa-combustível de R$374 a 6 mil ocupantes de cargos comissionados, para, na maior caradura que é a finalidade desse decreto, fazer propaganda para a candidata deles, com a desculpa esfarrapada de que quando usarem veículo próprio em serviços externos, e devidamente autorizados pelas chefias, os comissionados poderão ser reembolsados com essa quantia. Uma pergunta: como os comissionados fazem quando saem para fazer serviços externos hoje? Tomam um táxi, usam carros oficiais? O Ministério do Planejamento alegou, quando foi perguntado sobre esse decreto, que não há carros para todo mundo e sairia caríssimo contratar motoristas, comprar mais veículos para tais serviços.

Chega de pensar que nos enganam, sabemos que esse decreto vergonhoso e descarado será para ter mais cabos eleitorais fazendo campanha. E pior, com o nosso dinheiro. Onde estão as autoridades competentes para coibir esse abuso e acabar com a farra que é feita usando nosso dinheiro ao bel-prazer desses que são governo?

A oposição declarou que vai tomar providências, mas só age depois da porta arrombada e nem tem conseguido êxito em suas demandas, tal o poder absoluto dos petralhas, que intimidam e dominam, além da oposição, STF, STJ, TSE, TCU, PF, MPF e demais instituições.

Agnes Eckermann agneseck@yahoo.com.br

Porto Feliz

_____________

COMO NOS LIVRAR DOS EXECUTIVOS E LEGISLATIVOS ?

A carga tributária dos cidadãos deste País é extorsiva, mas a compensação em serviços é desastrosa. Em S. Paulo, dos IPTU e IPVA mais caros, mas nos outros estados é o mesmo, as ruas estão cheias de buracos há muito tempo e os poderes públicos não se mexem. Ônibus, trens e metrô atrasados e superlotados; baixa qualidade das escolas, péssimo atendimento na saúde, pouca segurança e por aí vai. E os serviços do governo federal só funcionam na propaganda eleitoral ou nos por foras. E os mensalões continuados ? Morar em Cuba ou no Irã seria pior? Duvido, porque haverá eleições e nada vai melhorar.

Mário A. Dente dente28@gmail.com

São Paulo

_____________

MAIS UMA INESQUECÍVEL DO ''NOSSO GUIA''

''Não se embrenhem por lugares que vocês não conhecem no Rio.'' Ou seja, não saiam de seus quartos do hotel. Será que ele anda tomando um certo chá?

Antonio Carlos Martins acmartins@uol.com.br

São Paulo

_____________

GUIA TURÍSTICO

Aos visitantes de 160 - cento e sessenta! - países, no Fórum Urbano Mundial, S, Exa. recomendou aos turistas: "Não se embrenhem (sic!) por lugares que vocês não conhecem''. Completou a recomendação afirmando que os turistas devem transitar como cidadãos normais (?!) para perceberem que nada lhes acontecerá, omitindo a informação de que os ditos cidadãos normais são órfãos dos poderes públicos, estando constantemente sujeitos a assaltos, sequestro, balas perdidas, morte.

Depois que a Cidade Maravilhosa foi escolhida como a sede dos Jogos Olímpicos de 2016, os bravos cariocas poderiam ser poupados das observações do pretenso guia ''gurístico''. Ninguém merece, muito menos os cariocas!

Uma grande VAIA é que o presidente está a merecer!

Aparecida Dileide Gaziolla rubishara@uol.com.br

São Bernardo do Campo

_____________

SÓ O RIO É PERIGOSO...?

'''' Não se embrenhem por lugares que vocês não conhecem'''', com isso ele quis dizer que nas favelas do Rio todos são bandidos, como disse que todos os presos políticos também são bandidos. E na sala ao lado do seu gabinete no Planalto, onde José Dirceu arquitetou vários planos criminosos para roubar o País inteiro? E a Bancoop, que roubou as economias dos trabalhadores e desviou grande parte para sua campanha política? Com esses não é preciso ter cuidado ao se embrenhar no Palácio do Planalto? São todos bonzinhos? Para Lulla, preto, pobre e cubano defensor da liberdade são bandidos.

Paulo Francisco Siqueira dos Santos paulosiqueirasantos@hotmail.com

Santa Rita do Passa Quatro

_____________

ORGULHO DO GOVERNADOR

Segunda-feira, na abertura do V Fórum Urbano Mundial das Cidades, o governador do Rio, Sérgio Cabral, estufou o peito com orgulho para dizer, mais uma vez, que a capital do Estado que ele governa é uma das campeãs mundiais no ranking de favelas (mais de mil no total) e teve a coragem de convidar visitantes de várias partes do mundo para conhecê-las, fazendo alguns pensarem que favela é algo positivo.

Acredite, ele tem orgulho e não se sente constrangido de mostrar para o mundo o que deveria ser motivo de vergonha e mobilização nacional... O episódio chega a ser cômico se não fosse trágico, um verdadeiro disparate, que certamente passará despercebido pela imprensa menos atenta, sobretudo aqueles que acham que favela é coisa normal e sem solução. Na verdade, nossa sociedade passou a não mais ver nas favelas a falência do modelo político e da gestão da coisa pública. Para muitos, a ''má sorte'' dos que nelas vivem não passa de indolência ou desígnios divinos, já que por opção ninguém teria coragem de viver numa favela.

Enquanto o governador fazia o convite, que foi moderado e literalmente retirado pelo presidente Lula, que desaconselhou a visita às favelas, mais de 400 policiais ocupavam três morros, no complexo da Providência, no Centro, próximos ao evento, para implantar o que também é motivo de orgulho para o governador: estamos falando da tal ''polícia pacificadora''.

Projeto que, para muitos especialistas, não passa de mais um paliativo para acabar com a violência na cidade do Rio de Janeiro, imbróglio. Isso porque polícia pacificadora serve para empurrar o crime de um morro para o outro, não mexendo nas estruturas e no cenário que continua indigno para seres humanos viverem. Com efeito, favela não é assunto só de polícia, mas antes e principalmente de inclusão social e incompetência da classe política. Cumpre, pois, acrescentar que 25 milhões de pessoas vivem nas mais de 20 mil favelas espalhadas por todo o território nacional, um vexame que foge à compreensão de cidadãos minimamente esclarecidos e que envergonha a Nação brasileira.

José Aparecido Ribeiro, especialista em assuntos urbanos jaribeirobh@gmail.com

Belo Horizonte

_____________

PÉ QUENTE?

O ''cara'' agora é o guia turístico da cidade do Rio de Janeiro, disse ''esperem pra ver tanta gente que vai visitar a Cidade Maravilhosa''. A receita será tão elevada que nem vão sentir a falta dos royalties do pré-sal, não é ''seu'', Cabral? Não chore mais, o Arruda chorou, viu no que deu! É só aguardar, o ''cara'' é pé quente.

Luiz Dias lfd.silva@uol.com.br

São Paulo

_____________

LIBERDADE DE IMPRENSA

Todo o dia recebo mensagens de petistas criticando a liberdade ''excessiva'' da mídia. Ora,a mídia tem que ter liberdade, sim, e tem que ser investigativa para descobrir as falcatruas dos governantes.Será que os petistas não viram a postura dela também no caso do mensalão do DEM?Não leram os editoriais contra o Arruda?Por que se acham os únicos ''injustiçados''? O exercício da corrupção prejudica principalmente os mais pobres, que juram defender. E o PNDH-3, um projeto autoritário que quer atrofiar o Legislativo e o Judiciário em benefício do Executivo?Esses petistas são pseudodemocratas, têm ojeriza às críticas, acham-se santificados e os únicos com a voz da razão. Lembram-se de um de seus lemas? ''O PT não rouba e não deixa roubar''? Ora, que caras de pau. Roubam, enfiam na cueca e em tudo quanto é lugar. E a Petrobrás? Só desvios de verbas. Portanto, antes de serem só petistas, sejam um pouco brasileiros e critiquem não só aqueles dos outros partidos que nos roubam, mas também os do seu. Por favor, não brinquem com a democracia (olhem outra frase lulística interessante). Não somos a Venezuela, o Equador ou Cuba. Querem que sejamos. Mas,se Deus quiser, seremos apenas nos seus sonhos.

José Eduardo Zambon Elias zambonelias@estadao.com.br

Marília

_____________

RECLAMAR AO PAPA

O que fazer quanto o Estado protege os malfeitos dos próprios homens do Estado? O Planalto dá a ordem e o senado (minúsculo), através do sempre abjeto Romero Jucá, trata de impedir o depoimento do companheiro (de Lula) Vaccari, sobre os desvios que fez na Bancoop e que lesaram milhares de pessoas. Não há Polícia Federal, Justiça, Ministério Público Federal, PGR, nada que os obrigue. A Constituição jamais previu isso. Ninguém imaginou que gente como aquele um dia chegaria ao poder e agiria dessa forma. Não há proteção contra eles. Resta-nos reclamar ao papa.

M. Cristina da Rocha Azevedo crisrochazevedo@hotmail.com

Florianópolis

_____________

BLINDAGEM DE PICARETAS

Este (des)governo usa e abusa do poder para camuflar os desvios do dinheiro público, em benefício da súcia que se instalou em Brasília. Seus aliados políticos, leia-se cúmplices, fazem verdadeiros malabarismos para impedir qualquer confronto que possa trazer à tona o montante do desvio e os verdadeiros beneficiados. É uma vergonha! Gatunagem institucionalizada pelos PeTralhas.

Claudio D. Spilla Claudio.Spilla@Cspilla.org

São Caetano do Sul

_____________

O TAL DO PAC

A Contas Abertas informa: só 11,3% das obras foram concluídas. Nenhuma surpresa. Se os números da mãe do PAC fossem verdadeiros, a agenda de palanques da dupla não seria tão medíocre e repetitiva.

Helena Rodarte Costa Valente helenacv@uol.com.br

Rio de Janeiro

_____________

EMPACADOS

O que diz a ''mãe'' do PAC, o Programa de Aceleração do Crescimento? Com pouco mais de três anos, 11% das obras foram concluídas, 35% estão em andamento e 54% nem saíram do papel. E o instituto de pesquisas Vox Populi, pasmem, já faz previsão de vitória no primeiro turno da única pré-candidata confirmada para disputar as eleições. Baseado no quê? É otimismo demais ou é a divulgação do ''Princípio de Aceleração do Combinado''? A mitomania e o marketing eleitoral continuam, como sempre, em destaque, estes pelo visto não estão nem um pouco emPACados.

M. Teresa Amaral mteresa0409@estadao.com.br

São Paulo

_____________

PENSANDO BEM, É MELHOR VOTAR NO POSTE

Na capa de certa revista, publicada (Propaganda) pelo Estadão, semanas atrás, perguntava-se sobre a senhora indicada pelo ''seu'' presidente Luiz Inácio Palanque Viajante da Silva: ''Seria ela um poste?" Eu posso responder que ''ela não é um poste''. Pois, se assim o fosse, teria o meu voto. O ''poste'' é bem melhor (não mente), mais útil e traz ''muito mais'' benefícios para o povo brasileiro, ''há tempos ali'', como suportar lâmpadas e fiação elétrica, as sujeiras e as mentiras publicadas (coladas e/ou penduradas) pelos políticos nas épocas das eleições, e serve até para aparar maus motoristas e bêbados no volante. Sem falar nos tantos e tantos xixis dos cachorros, que neles se aliviam, sem ao menos reclamarem, e com pouca despesa para o povo. Mesmo ali, estático, ele trabalha, e muito, para a população. A respeito de uma ''guerrilheira'', não posso e acho que qualquer brasileiro não pode responder e tem até medo de pensar no que pode ''sair dela'', pois da cabeça ou do pensamento dessa estirpe de indivíduo só pode sair coisa ruim para o povo.

Voto no poste.

José Maurício de Campos jmauricio.campos@terra.com.br

Mogi-Mirim

_____________

VERDADES MENTIROSAS

Mentirosos existem entre os homens e estão em todos os lugares. Principalmente no governo e, o que é pior, são pessoas que parecem ser verdadeiras, inspiram a verdade, mas uma verdade que todos sabem ser revestida de mentira. Vejam o PAC, somente 11% das obras foram concluídas! Se se fizessem um concurso entre todos os presidentes do mundo para sabermos quem seria o maior mentiroso, em que ranking estaria o presidente brasileiro? Por que mentir tanto? Mentiu em Cuba ao dizer que não recebeu nenhum comunicado sobre Zapata. Mentiu ao dizer que não sabia de nada sobre o mensalão, e muitas outras mentiras. A mentira cansa e, como disse Abraham Lincoln, ninguém pode enganar todos durante todo o tempo.

Alberto Nunes albertonunes77@hotmail.com

Itapevi

_____________

ARNALDO JABOR

Magnífico, límpido e cristalino o artigo "A anormalidade ficou ''normal''", do Arnaldo Jabor (23/3, D12). Só não enxerga quem não quer. Todos os dias, quando abro os jornais, quando ligo a televisão nos noticiários, quando vejo a podridão que se tornaram as nossas instituições, eu me convenço de que existe alguma coisa de anormal acontecendo. Tenho a mesma sensação do autor, de que alguma coisa sinistra está em gestação... E eu dou mais um passo em direção a Cumbica.

Paulo S. Barci paulo.barci@terra.com.br

Ribeirão Preto

_____________

VOTO ANTIPAULISTA

Segundo Maria Inês Nassif em seu artigo "O voto antipaulista", no Norte e no Nordeste, regiões onde Lula tem quase 90% de popularidade, Dilma será vitoriosa. Depende, pois se Serra souber trabalhar bem dará seu recado aos nortistas e nordestinos desse país, o de que o Estado para se ganhar a vida, com o salário mínimo regional mais alto da Nação, além da maioria de ofertas de empregos que proporciona, é São Paulo. Basta perguntar a qualquer nordestino se ele tem parentes em São Paulo e por que vêm para cá. Isso por si só mostra a força de São Paulo e a administração que é feita aqui. São Paulo é uma megalópole que atrai cidadãos do mundo inteiro, especialmente do Norte e Nordeste do Brasil. Quem soube administrar São Paulo saberá melhorar o Brasil. É uma questão de competência e seriedade no trato do dinheiro público.

Izabel Avallone izabelavallone@yahoo.com.br

São Paulo

_____________

PROMESSA DE POLÍTICO

O governador José Serra (PSDB) tem gasto milhões dos nossos impostos em publicidade de obras, como as estações do Metrô que não vão ser entregues, como diz o comercial. Até quando vamos assistir a essa falta de responsabilidade com o dinheiro público, que, embora parte da imprensa deixe de comentar nos seus editorais, é campanha política, sim, e com os impostos dos paulistas, que, pelo que leio nos Fóruns, parece que ficam cegos e surdos nessas horas. Já que o governo se diz transparente, que publique quanto foi gasto em publicidade nos três últimos meses - para mim bastam estes três últimos meses.

O PSDB está faz 15 anos no poder, sem contar Montoro, e continua prometendo. Mas, como não sou analfabeto nem ignorante, ainda me lembro da promessa do governador Serra, que quando foi eleito para Prefeitura de São Paulo: ele até assinou em cartório documento afirmando que concluiria todo o mandato, mas dois anos depois foi tratar do seu projeto pessoal, pois todos sabem tratar-se de uma pessoa personalista, e nos deixou essa herança maldita que é o prefeito Kassab.

Vocês querem que eu acredite nessa gente?

Grimaldo Grimaldi Junior grimagri@terra.com.br

São Paulo

_____________

SERRA E A POLÍCIA CIVIL

A perseguição minuciosa, ideológica, criteriosa e especial que o governador José ''não pago precatórios'' Serra e o PSDB movem arbitrariamente e de modo continuado contra a Polícia Civil do Estado de São Paulo também será, cedo ou tarde, objeto de análise, via urnas, nesta campanha eleitoral!

Incrível, mas o Gargamel do Palácio dos Bandeirantes e o seu partido, que nutrem genuíno desprezo pelos policiais civis paulistas, esqueceram-se de três coisinhas básicas em sua vendetazinha mesquinha contra a Polícia Civil: a primeira é que policial também vota, a segunda é que possuem memória e, finalmente, a terceira: polícia e policial tem no País todo!

As urnas dirão...

Paulo Boccato pofboccato@yahoo.com.br

São Paulo

_____________

DEMORANDO MUITO

Está mais do que na hora de a senadora Kátia Abreu (DEM-TO) ter seu nome definido como a vice de Serra. Se a decisão demorar tanto quanto demorou a declaração de que de fato é candidato à Presidência, o governador Serra e o PSDB vão ''''pro brejo'', como a vaca do caipira. Não é à toa que tempos atrás o PSDB era o partido que levava a pecha de ''em cima do muro''.Infelizmente, continua o mesmo. Sempre pouco claro e muito indefinido.

José Piacsek Neto bubapiacsek@yahoo.com.br

Avanhandava

_____________

TRISTE EXEMPLO DE POLÍTICO

É notória a falta de compromisso de alguns políticos com as causas partidárias, ideológicas, cívicas e sociais. Na realidade, embora adorem afirmar que são "homens públicos", no mais das vezes fazem da atividade política e, principalmente, do mandato outorgado pelo povo mero instrumento de satisfação de mesquinhos interesses particulares. Vejamos o exemplo que nos está sendo oferecido pelo senador Sérgio Guerra (PSDB-PE), que tão logo soube que seu nome estava sendo ventilado para compor a chapa majoritária da oposição, no pleito estadual de 2010, como vice do peemedebista Jarbas Vasconcelos, apressou-se a desmentir a notícia, não admitindo sequer discutir a conjuntura que seria formada a partir dessa nova composição. A verdade é que, pelo menos até o dia da eleição, todas as atenções de Sérgio Guerra estarão voltadas para construir uma fórmula que possa garantir sua permanência em Brasília, durante a próxima legislatura. Se não puder renovar seu mandato de senador, tarefa que a cada dia se torna mais difícil, seguramente vai investir na "aquisição" de um mandato de deputado federal, empreitada que julga ser mais viável, desde que consiga manter o apoio eleitoral dos "seus prefeitos" (será que, em termos políticos, voltamos ao tempo da escravidão?). Como sabe que para manter esses apoios é condição sine qua non que não entre em rota de colisão com o governador Eduardo Campos, com quem "divide a lealdade" desses prefeitos, Sérgio Guerra vai explorar exaustivamente aquela manjada tática política de "dar uma no prego, outra na ferradura". Enfim, quem nunca viu um tucano em cima do muro?

Júlio Ferreira julioferreira.net@gmail.com

Recife

_____________

HAY QUE TER MUITO BOM HUMOR

Acordo muito bem humorado. A maioria dos brasileiros também acorda desta forma. É um fato milagroso, uma prova insofismável de que Deus é brasileiro. Enquanto escovo os dentes começo a tomar conhecimento das notícias pela TV, pelo rádio, pelo Twitter, pelos sites dos jornais e outros lugares.

Vejo uma foto do FHC cumprimentando Joaquim Roriz. Sorridentes. Roriz é o pai político do fantástico delator Durval Barbosa, o homem que gravou toda a roubalheira da quadrilha do Arruda. Tempos atrás, Roriz foi flagrado numa gravação recebendo propina do tal de Diamantino, dono do transporte coletivo em Goiás. Renunciou ao cargo de senador para não ser cassado. E ali estava o Roriz, numa linda manhã de março, banhado

pelo sorriso de FHC, pronto para apoiar José Serra, desde que o PSDB o apoie no Estado. Abro o Twitter e vejo o Serra inaugurando pelo teclado algumas obras em São Paulo. Ele diz que está fazendo isso porque não tem mais tempo vago na sua agenda. Em outra reportagem reparo que a Dilma parece uma barata tonta no palanque do Lula. Meu bom humor aos poucos vai sumindo. Como não sou egoista, acho que o bom humor de todo brasileiro vai desaparecendo também. ''Eu quero renascer, sempre'' disse Clarice Lispector. Não sei se nos dias de hoje, ao acordar, a nossa grande escritora repetiria essa frase.

Wilson Gordon Parker wgparker@oi.com.br

Nova Friburgo (RJ)

_____________

VOTOU EM QUEM?

Maluf é procurado pela Interpol. Expulso do seu partido, o PP.

Condenado na Suíça. Com certeza, o Brasil não poderá entregá-lo aos americanos.

Agora é só esperar as próximas eleições e lá estará o danado, concorrendo a algum cargo e sendo eleito.

Não dá para negar: nós é que elegemos esse tipo de gente

Vota Brasil, mas, por favor, vota certo !

Odair Picciolli pedraseartes@suednet.com.br

Extrema (MG)

_____________

CARTOLA

Ciro Gomes, mais uma vez, demonstra que não está batendo bem da cabeça.

Primeiro, declarou que vai ser o próximo presidente do Brasil.

Depois, disse que reconhece no Congresso o santuário da democracia, com gente decente, boa e inteligente.

Ele deve ter se referido a algum Congresso que nós não conhecemos e que, certamente, não é o nosso.

Quanto a ser o próximo presidente do Brasil, sugiro ao presidente do Grêmio Esportivo Brasil, o Brasil de Pelotas, que tome suas medidas acautelatórias, porque Ciro aparenta estar de olho no seu cargo.

Ronaldo Gomes Ferraz ronferraz@globo.com

Rio de Janeiro

_____________

"HERÓI" DE BARUERI

Ao assistir nesta segunda-feira ao programa CQC, da Rede Bandeirantes, o brasileiro descobriu um dos heróis da democracia brasileira, o prefeito municipal de Barueri. Esse senhor, ao ser flagrado num ato comum aos chefes de Executivo neste país, sejam eles prefeitos, governadores ou presidentes da República, o de esconder crimes praticados por seus auxiliares e parentes, usou como arma o ridículo de dizer que lutou pela democratização do País, como se isso lhe desse o direito de cometer crimes, praticar corrupção e outros desvirtuamentos mais da mesma democracia que ele diz defender. O prefeito Furlan, de Barueri, é a cara da política atual deste país, uma política suja, corrupta e criminosa. E quando disse ao repórter que este era um babaca e outros do CQC também, ele claramente definiu o eleitor brasileiro na sua visão, ou seja, somos todos uns babacas. Felizmente, poderemos neste ano eleitoral sair da condição de babacas e repudiar gente como ele da política do Brasil.

Marcio José Gonçalves marciojg1952@yahoo.com.br

Colorado (PR)

_____________

METÁFORA ESCLARECEDORA

Havia uma empresa que preparava mão-de-obra para o mercado. Os mestres- de- obras eram bem qualificados e muito conceituados na sociedade. A empresa passou por muitas direções e reformas, que infelizmente só pioraram a qualidade dos serviços, trazendo insatisfação para a população, que juntamente com a direção, passou a culpar os mestres- de- obras. Finalmente, um diretor teve a idéia (luminosa) de aprovar automaticamente todos os aprendizes para obter maior economia na empresa. Eles por sua vez, felizes com a idéia, passaram a faltar ás aulas, e a provocar desordens durante as mesmas, e os mestres desmoralizados, sem meios de manter sua autoridade. Os aprendizes sabiam que de qualquer forma, no final, o certificado estaria garantido. O resultado, foi o pior possível O diretor não satisfeito, junto com sua equipe resolveu suprimir estatutos, mudar o sistema de remuneração dos mestres, não respeitando mais a data dos dissídios, ignorando totalmente os aposentados, que entraram em estado de penúria, premiando com bônus, justamente na data que seria do dissídio,apenas alguns dos mestres que preenchessem alguns requisitos, por eles bolados Naturalmente houve revolta, tentativas inúteis de diálogo,greves, e a empresa consequentemente continuou a cair na sua qualidade de mão- de- obra para o mercado.O Magistério Paulista encontra-se na mesma situação, por causa da inflexibilidade, inacessibilidade e insensibilidade do Sr. Governador

Cleonice Nogueira cleoagsn@hotmail.com

Campinas

_____________

RENAN, O CARA

O nobre senador Renan Calheiros, amigão do Lula, agora é acusado de improbidade por ter usado a gráfica do Senado para publicar um livro exaltando suas grandes e enormes qualidades.

Isso não é nenhuma novidade, aliás, nesse ponto o Renan não está sozinho, pois todos os senadores, sem exceção, usam tudo o que o Senado tem, inclusive mais de 80 funcionários por cabeça. Nem os grandes sultões do petróleo têm tantos parasitas para ajudá-los!

Isso é uma demonstração do pouco-caso dos nossos políticos, seja de que partido forem, com o otário povo brasileiro.

O outro amigão do Lula, José Sarney, disse em alto e bom som que este ano o Senado iria ser moralizado, só se esqueceu de dizer por quem. Pois quem está lá hoje não tem interesse nem moral para fazer isso.

Até gente do DEM que outrora era oposição se aconchegou com as falcatruas. E o ex-diretor Agaciel, será que foi aposentado com algum ato secreto? Claro, com aposentadoria integral, afinal de contas, o coitado tem uma mansão de mais de R$ 5 milhoes... A extinção do Senado seria a melhor maneira de passá-lo a limpo e, por favor, sem essa de democracia. Os políticos brasileiros só têm interesse numa coisa quando se elegem: fugir de processos e ficarem biliardários.

A Receita Federal deveria, quando saem da vida privada, controlar todos os bens de políticos até a 20.ª geração.

Antonio Jose G. Marques

São Paulo

_____________

OS LIVROS DE RENAN

A Secretaria de Editorações e Publicações do Senado dá um banho na China, e em todos os ''piratas'', editando o livro "Sem Justiça não há Cidadania", ao custo unitário de R$0,26, isso mesmo, vinte e seis centavos o exemplar. Já da obra "Discussões de Cidadania e Retratos Brasileiros", o exemplar custou caro, R$ 5,78, conforme o Estadão (A8-23/3).

Mario Helvio Miotto mhmiotto@ig.com.br

Piracicaba

_____________

MEDO OU FALTA DE PRINCÍPIOS

Esta atitude do governador Aécio só mostra o despreparo de um político diante de uma situação em que ele é contrariado, até parece criança mimada.

Caro Aécio, não espere no futuro apoio de paulistas, pois no passado vocês já se mostraram não confiáveis. Saia de cima do muro, é agora o seu momento. Serra e Aécio já.

Claudemar Buosi claudemar.buosi.GUIMAR@petrobras.com.br

São Bernardo do Campo

_____________

PALAVRAS PROFÉTICAS

Em 1644, Maurício de Nassau, contrariado e entristecido, deixou o Brasil, dizendo: "O Brasil está perdido para sempre."

Em l960, o general Charles De Gaulle, então presidente da França, em visita ao nosso país,, disse: "Este país não é sério."

Em 31 se julho de 2009, o jornal O Estado de S. Paulo foi impedido de divulgar informações em que a Polícia Federal relatava o que havia investigado sobre a atuação do empresário Fernando Sarney.

Pelo visto, como sempre, o tempo se constitui no grande juiz da História, ao acabar confirmando a profecia!

Eduardo Ciciliati eduardo.ciciliati@hotmail.com

Osvaldo Cruz

_____________

LULA REITERA AMBIÇÃO

Alguém precisa avisar o nosso querido presidente de que mediar não quer dizer fazer média no Oriente Médio.

Sergio S. de Oliveira ssoliveira@netsite.com.br

Monte Santo de Minas (MG)

_____________

O MICO VAI SOBRAR PARA NÓS

O "cara" insiste em mediar as desavenças históricas de centena de anos entre judeus e palestinos. Esse posicionamento, se em nome do povo brasileiro, nos permite algumas interpelações:

1) Que língua ele pretende usar em seus argumentos para convencer os litigantes?

2) vai usar os papagaios de pirata para se fazer entender?

3) Quantos anos ele estudou, e em que universidade, a História desses dois povos, para se arvorar em mediador do processo de paz entre eles? O que pretende e em nome de quem?

4) Ele pensa que sim, mas não consegue, nem dentro da fiel torcida corintiana, mediar desavenças da "cumpanheirada", em assuntos internos do PT, imagina!

Luiz Carlos Cunha luiz.cunha@terra.com.br

São Paulo

_____________

LULA NA ONU?

Todos os ex-secretários-gerais da ONU, como Dag Hammarskjöld (sueco), U-Thant (birmanês), Peres de Cuellar (equatoriano), Koffi Annan (nigeriano), falavam fluentemente o inglês, e o atual, Ban Ki-moon (coreano do sul) também fala a língua inglesa. Só faltava um brasileiro que só fala (mal) o partuguês ocupar o cargo máximo da ONU. Como existe sempre o ''nunca antes...'', o tabu pode ser quebrado.

Toshio Icizuca toshioicizuca@terra.com.br

Piracicaba

_____________

RETRATOS DO BRASIL

Lula almeja o cargo de secretário-geral da ONU. Tem todo o direito. Há um pequeno empecilho. Nesta função deve observar princípios de independência e da imparcialidade. Mas confraterniza, admira, apóia ditadores e regimes de exceção, dá abrigo a terroristas assassinos condenados, como no caso Cesare Batistti e assume publicamente posições que primam pela parcialidade em situações de conflito, como no palestino-israelense ou situações de desentendimento como o episódio Zelaya em Honduras. Já o senhor Paulo Salim Maluf se cruzar a fronteira de 181 países será preso por ordem da Interpol. Por aqui é tratado de Excelência, recebe 15 salários por ano, fora as verbas e passagens aéreas pagas pelo dinheiro público além de gozar de imunidade parlamentar. Estamos ou não bem servidos?

Luiz Nusbaum lnusbaum@uol.com.br

São Paulo

_____________

COCORICÓ

Há políticos que cantam de galo, batendo asas na mídia ao menor sinal de desproteção a bandidos, terroristas, assassinos internacionais e afins. Sempre ardentes defensores dos direitos duvidosos de certos humanos. Já no caso dos dissidentes cubanos, em greve de fome, apenas dão um piozinho baixinho num canto de poleiro. Ao invés de cacarejar as suas convicções pessoais pelo terreiro, preferem obedecer às raposas que assaltam o galinheiro.

Flavio Marcus Juliano opegapulhas@terra.com.br

São Paulo

_____________

REIS DA SUÉCIA E O AEROLULA

O casal real da Suécia viaja em avião comercial. A pátria de Nobel não dispõe de um Aerogustav. Donde se conclui que é melhor ser presidente no Terceiro Mundo do que ser monarca no Primeiro.

Roberto Vieira robervieira@uol.com.br

Recife

_____________

DINHEIRO NO LIXO

A prefeitura de Iporá, no Estado de Goiás, despejou no aterro sanitário do município (lixo) 12 mil livros didáticos. Entre os livros havia dicionários que o Ministério da Educação poderia utilizar para entender o significado da expressão "dinheiro do contribuinte".

Essa é uma das explicações que comprovam um dos rumos que tomam as verbas que pagamos de Imposto de Renda.

Virgílio Melhado Passoni mmpassoni@gmail.com

Praia Grande

_____________

DENÚNCIA DO FLAMENGO

Uma agremiação de futebol que só foi campeã brasileira de 2009 graças às

decisões contraditórias do STJD vem a público, por meio do seu treinador,

acusar os clubes de São Paulo de ''plantarem'' na mídia os fatos ocorridos

com os seus jogadores Adriano e Vagner Love em suas comunidades, com

o intuito de desistabilizar o time na Libertadores. É profundamente lamentável.

Com a palavra os co-irmãos paulistas ofendidos.

João Ernesto Varallo jevarallo@hotmail.com

São Paulo

_____________

PADRES E PEDÓFILOS

Merece elogios o papa Bento XVI por ter escrito uma carta plena de coragem e dignidade ao clérigo irlandês, condenando os abusadores, pedindo perdão às vítimas e esperando que a justiça faça o seu caminho". Só não se pode concordar com esse seu ''esperando que a justiça faça seu caminho'', já que significa que ele praticamente ''lava as mãos'', quanto a qualquer punição. É lamentável que o papa não cuide ele próprio de punir os transgressores, expulsando-os do clero, para em seguida denunciá-los ao Ministério Público, para que sofram uma ação penal devida, passível de cadeia para todos eles, esses delinqüentes de batina.

Conrado de Paulo conrado.paulo@uol.com.br

Bragança Paulista

_____________

A IMPRENSA E O CASO ISABELLA

Ainda, no início das investigações sobre a morte da menina Isabella, a avó materna afirmou que poderiam dizer o que quisessem sobre Alexandre, menos que ele era mau pai. Também foi ventilado naquela ocasião que ele, em certa ocasião, realmente ameaçara Ana Carolina Oliveira e sua mãe, mas por não concordar que a filha fosse à escola com tão pouca idade. Cabe a imprensa complementar com dados de arquivo, o que se falou no tribunal, para que a população procure entender o caso sem ter, como o ministério público, já certeza de quem são os culpados. Há de se lembrar que o promotor montou o histórico do crime a partir de manchas de sangue encontradas no carro dos acusados, manchas essas que nunca foram confirmadas pelo Instituto de Criminalística, como sendo sangue. Todos têm, e com a mais completa razão, muita pena dessa mãe, mas há de se pensar que se Alexandre não for o culpado pela morte de Isabella, além da dor da perda da filha, também suporta a dor de acusação tão grave.

É preciso tudo fazer pela verdade, pela justiça, e a imprensa tem papel importante, não pelo resultado do tribunal que agora cabe aos jurados, mas para que a população possa entender, se o resultado for diferente do que o esperado.

Eni Maria Martin de Carvalho enimartin@uol.com.br

Botucatu

_____________

PSIU

Após a leitura de uma matéria publicada no Estadão sobre alterações na lei do Psiu, escrevi diretamente ao e-mail do vereador Carlos Apolinario (com cópia para todos os vereadores) com um pedido de esclarecimento. Gostaria de compartilhar com outros leitores esses questionamentos, além de cobrar publicamente dequele parlamentar uma resposta sobre a pergunta: a quem essas mudanças beneficiam?

"Exmo Sr. Vereador Carlos Apolinário (DEM),

Tive conhecimento através de matéria publicada no jornal O Estado de S. Paulo (http://www.estadao.com.br/estadaodehoje/20100318/not_imp525867,0.php#noticia) das alterações realizadas no Programa de Silêncio Urbano (Psiu) da cidade

de São Paulo, que entrou em vigor no último dia 15/03, e cujo projeto de lei foi apresentado por Sua Excelência.

Por considerar este um tema caro aos cidadãos de São Paulo, dadas as condições ambientais extremamente difíceis de nossa cidade, tomei liberdade de escrever diretamente aos nossos representantes no legislativo municipal para mais esclarecimentos, e espero de Sua Excelência e daqueles que aprovaram as mudanças uma manifestação.

De acordo com as informações publicadas na matéria citada, acredito que as novas medidas a serem implementadas são um retrocesso civilizatório, já que dificultam a fiscalização e aplicação da lei, além de terem um caráter claramente condescendente com os estabelecimentos geradores de ruído - como bares, restaurantes, casas noturnas e templos religiosos. Não bastasse a redução de multas e alongamento dos prazos de interdição que abrem margem ao desrespeito, a extinção da denúncia anônima desestimula o munícipe a reclamar de estabelecimentos barulhentos, por medo de retaliação; e a necessidade de que a medição de ruído seja feita apenas com presença de denunciante, fiscal e denunciado, além criar um constrangimento que também desestimula a denúncia, cria dificuldades que praticamente inviabilizam a fiscalização e, portanto, o cumprimento da própria lei.

Gostaria de ouvir de Sua Excelência uma justificativa sobre estas alterações propostas no Psiu, assim como compreender de que forma Sua Excelência e os vereadores que votaram contra a derrubada do veto do Exmo. Senhor Prefeito Gilberto Kassab (DEM) acreditam que os moradores da cidade de São Paulo se beneficiam com as alterações propostas. Gostaria de saber, na visão do senhor, a quem ou a quais segmentos da sociedade estas mudanças beneficiam. Aproveito para perguntar se o projeto prevê aumento do efetivo de pessoal e melhora das condições de trabalho do PSIU, de modo a atender às mais de 75.000 denúncias recebidas anualmente, sem o quê a lei não teria validade.

Em caso de não haver condições de fiscalização, gostaria de saber se o senhor se responsabilizaria pela proliferação de estabelecimentos infratores na cidade."

Gustavo Maximiliano Silva Oliveira gummxx@gmail.com

São Paulo

_____________

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.