Cartas - 11/06/2011

CASO BATTISTI

, O Estado de S.Paulo

11 Junho 2011 | 00h00

Bipresidencialismo

Gozado, o nosso governo. Dirigido por dois presidentes, nem assim é capaz de respeitar a soberania de um país com o qual temos profundas ligações. E o fato mais interessante ainda se torna por pleitearmos assento definitivo no Conselho de Segurança da ONU... A soltura do sr. Cesare Battisti, apesar de usarmos a cabeça de dois presidentes, enodoou a nossa imagem lá fora, pois esse senhor tem contra ele condenação por assassinato, depois de ter sido julgado pelos órgãos competentes desse país amigo. Sinto-me indignado. Apesar de termos um Supremo teoricamente capaz de discernir o que é certo ou errado, não o fez, e nos obriga a conviver com um assassino confesso.

LUIZ ALBERTO DE PAULA SOUZA

alp.souza@terra.com.br

São Paulo

_______

Nos conformes

Para quem pega os peixe e ensina que 10-4=7, não é nada de mais confundir soberania com cumplicidade. Está nos conformes.

HERMÍNIO SILVA JÚNIOR

hsilvajr@terra.com.br

São Paulo

_______

Tratado é lei

Assisti ao vivo à sessão do STF sobre o caso Cesare Battisti e fiquei perplexa com os argumentos dos ministros que votaram pela libertação do terrorista. O que mais se ouvia era "soberania" e "direitos humanos". Esqueceram-se de "Estado Democrático de Direito" e "repúdio ao terrorismo", que, como bem lembrou a ministra Ellen Gracie, também está presente na nossa Constituição. Parabéns ao ministro Cezar Peluso, que negou a libertação do terrorista e soube resumir em poucas palavras o seu brilhante voto: tratado internacional aprovado pelo Congresso Nacional tem força de lei, portanto, é para ser cumprido; o então presidente Lula descumpriu a lei, não apresentou sequer as "razões ponderáveis" que o levaram a negar a extradição. A decisão do Supremo abre um precedente perigoso: agora o Brasil é, de fato, refúgio de terroristas internacionais.

DALILA DE MELLO C. VIEIRA

dalilamelloc@uol.com.br

Alfenas (MG)

_______

Circo no STF

Se o espetáculo já estava pronto para a libertação do Battisti, para que perder tempo com aquela encenação toda? Só faltou o palhaço. Parabéns, ministro Peluso!

CARLOS ROBERTO G. FERNANDES

crgfernandes@uol.com.br

Ourinhos

_______

Aplausos e vaias

Toda a minha admiração vai para os ministros Ellen Gracie, Cezar Peluso e Gilmar Mendes. Quanto aos restantes, uma sonora vaia.

CANDIDA L. ALVES DE ALMEIDA

almeida.candida@gmail.com

São Paulo

_______

Cidadania brasileira

Minha filha casou-se com um italiano em 2005 e logo após meu genro foi à Polícia Federal solicitar o Registro Nacional de Estrangeiros. Passados seis meses apareceu uma funcionária da PF que simplesmente entrou em toda a minha casa para ver se eles eram casados mesmo. Olhou armários e até álbum de casamento para se certificar de que era real. Pois bem, passados mais três meses chegou correspondência para que ele se apresentasse à sede da PF para dar andamento ao processo. A essa altura eles já haviam desistido do Brasil e estavam na Itália. Leio agora, indignada, que o terrorista Battisti receberá em até uma semana o RNE. Teria sido mais fácil se meu genro fosse bandido? Com a palavra o governo, a PF e todos órgãos responsáveis.

DEBORAH MARQUES ZOPPI

dmzoppi@uol.com.br

São Paulo

_______

EMENDA PELUSO

Censura

Humildemente tento dar uma resposta à pergunta formulada pelo ilustre articulista Almir Pazzianotto Pinto ao final de seu artigo de 8/6 (A2), quando diz: "O Estado de S. Paulo está sob censura judicial há quase dois anos. A responsabilidade cabe à lei ou à morosidade do juiz que retém o processo?". Penso que não só cabe à lei, mas principalmente à falta de ética e de senso de Justiça do juiz que retém o processo. Tal atitude é inexplicável (inexplicável?) partindo de quem deveria ser o primeiro a respeitar e obedecer às normas de Direito. Cada vez mais me desanimo com relação aos varões ilustres deste meu Brasil.

ADELINA BITELLI DIAS CAMPOS, procuradora de Justiça aposentada (que nunca atrasou processos sob seus cuidados)

adelinabitelli@uol.com.br

São Paulo

_______

AINDA PALOCCI

Dilma triste

Ora, presidenta, a sua tristeza deveria ter começado quando o demissionário já fazia parte da turma de Ribeirão Preto, quando tentou desqualificar o caseiro, quando foi acusado por Buratti de receber propina, entre outras coisas. Para não se sentir tão triste com a demissão dele era só ter utilizado critérios na escolha do seu ministro como seriedade, responsabilidade, não fazer tráfico de influência com a coisa pública e, principalmente, não invadir e ofender a privacidade individual de nenhum brasileiro.

DARCI TRABACHIN DE BARROS

darci.trabachin@gmail.com

Limeira

_______

Lamento

Se dois dos maiores responsáveis pela crise financeira mundial de 2008 - os bancos de investimento Goldman Sachs e Merrill Lynch - lamentaram a saída de Palocci, porque ele sempre foi considerado um dos principais pró-mercado financeiro (leia-se pró-tubarões), o povo brasileiro e o povo do mundo inteiro só têm a ganhar com a sua queda.

CONRADO DE PAULO

conrado.paulo@uol.com.br

Bragança Paulista

_______

RADARES

Multas x segurança

Li no caderno Metrópole (6/6) que as multas devem quintuplicar... Concordo com um comentário do sr. Sérgio Ejzenberg, para quem atravessar o sinal vermelho não é a solução para a segurança à noite, e sim o policiamento adequado. Assim, ele é a favor da troca dos radares e de multar quem atravessa o sinal à noite. Ora, sabemos que não há policiamento em todos os sinais. À noite, então, ficamos à mercê dos bandidos, que agora terão mais facilidade para nos roubar, pois não poderemos mais usar desse recurso para não sermos assaltados. Essa troca dos radares nada mais é que a troca da nossa segurança pelo lucro com as multas. Espero que a ideia não seja posta em prática...

ALEXANDRE PODGAETI

alexpod@terra.com.br

São Paulo

_______

Com a soltura de Battisti, o Brasil do PT começa a exportar impunidade"

JORGE MANUEL DE OLIVEIRA / GUARULHOS, SOBRE O TERRORISTA ITALIANO

jmoliv11@hotmail.com

"O azar de Osama bin Laden foi não ter vindo para o Brasil"

GUSTAVO GUIMARÃES DA VEIGA / SÃO PAULO, IDEM

gjgveiga@hotmail.com

"Que tal se agora Battisti ficasse hospedado num certo apartamento em São Bernardo do Campo?!"

IVERALDO ANTONIO DUARTE / AVARÉ, IDEM

nanukuloa@hotmail.com

_______

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 2.069

TEMA DO DIA

Vulcão no Chile cancela voos no Brasil

Quase 40% das partidas internacionais foram canceladas devido às nuvens de cinzas vulcânicas no Sul

"Ia passar o fim de semana com o namorado em Gramado, mas os voos estão cancelados."

ERYCKA MARTINS

"Tive o voo cancelado de Florianópolis para São Paulo."

MARIANA MANTOVANI

"Documentos urgentes que preciso enviar para a Argentina, e que normalmente chegariam na segunda, por conta dos problemas com as cinzas do vulcão, podem demorar mais cinco dias!"

BIA SIOLI

_______

Cartas enviadas ao fórum dos leitores, selecionadas para o estadão.com.br

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

NOTAS MANCHADAS

 

Conforme publicado pelo Estadão (Metrópole, 9/6), a aposentada Madalena Rosa de Jesus, de 83 anos, perdeu os R$ 500,00 de sua aposentadoria porque todas as cédulas, sacadas no caixa eletrônico de um banco, estavam manchadas. Ainda segundo a matéria, o Banco Central publicou resolução orientando os bancos a trocarem somente no caso de saques em caixas eletrônicos. Em primeiro lugar, como podem as notas manchadas na ocasião de um assalto voltar para o interior do caixa eletrônico sem o conhecimento do banco e da polícia? Depois, como provar que as cédulas manchadas que se pretende trocar foram sacadas em um caixa eletrônico?

 

 

Cláudio Moschella arquiteto@claudiomoschella.net

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

DÚVIDAS

 

 

Sobre o dinheiro manchado emitido por caixas eletrônicos, fica a pergunta: por que motivo uma nota sai manchada de um caixa eletrônico normal? Há possibilidade de vazamentos? Outra dúvida que ficou foi sobre as palavras de uma autoridade nos jornais televisivos de quinta-feira (9 de junho) que asseverou que todos que forem a bancos trocar notas manchadas devem ter seu pleito atendido, uma vez que se deve confiar na boa índole das pessoas. Se assim for, de que adianta manchar as notas, pois todos os que explodiram os caixas podem trocá-las por dinheiro válido.

 

Geraldo de Paula e Silva geraldodepaula@ibest.com.br

Rio de Janeiro

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

INVESTIGAÇÃO

 

Bancos investigam como notas rosas voltam aos caixas, mas não seria mais fácil investigar como os bancos as recebem?

 

Eduardo Henry Moreira henrymoreira@terra.com.br

Guarujá

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

UNS PERDEM, OUTROS ENRIQUECEM

 

 

Só na Brasil o banco dá o dinheiro pelo caixa eletrônico e não recebe de volta e o Banco Central deixa o prejuízo para quem? Os trouxas da população, que pagam todas as contas. Só falta o ex-ministro Palocci divulgar que está comprando notas manchadas por 10% do valor real, afinal, ficou conhecido por seus milagres com o dinheiro.

 

Celso de Carvalho Mello celsosaopauloadv@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

APRENDERAM RÁPIDO

 

 

A Tecban, empresa que administra caixas da Rede 24 horas, garante que a tinta que mancha as notas quando da explosão de caixas eletrônicos, foi testada e não há possibilidade de lavagem. Não durou uma semana a estratégia de manchar as notas, e os ladrões já aprenderam com limpá-las. O delegado e diretor do DEIC Nelson Silveira Guimarães ficou surpreso com a rapidez dos bandidos. Confesso que eu não. Nesse particular, a bandidagem da rua aprendeu a lição rapidamente, pois os professores do Congresso Nacional têm sido ótimos exemplos de "lavagem de dinheiro", com apenas uma diferença, lá não tem punição.

 

 

Izabel Avallone izabelavallone@yahoo.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

BRASIL ACÉFALO

 

Está bastante claro. O Brasil está contaminado. Todo contaminado. Os maus exemplos vêm de cima. Nossos ocupantes dos mais altos cargos públicos desfrutam de impunidade e privacidade blindada de causar inveja aos mais bem-sucedidos empresários da iniciativa privada. O poste não tem luz própria. A justiça, em nível internacional, acoberta e liberta crápula em vez de extraditar e, internamente, aos espertos da corte, devido às suas capacidades, é aceito como normal enricar da noite para o dia. O Legislativo finge que legisla, é marionete, defende o indefensável. A engrenagem da máquina denominada Brasil, em detrimento do desenvolvimento e de quem paga a conta, funciona acintosamente para beneficiar seus condutores.

 

 

Humberto Schuwartz Soares hs-soares@uol.com.br

Vila Velha (ES)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

AINDA PALOCCI

 

Muitos podem achar que esta história acabou já que Antonio Palocci pediu demissão do cargo. Mas para a maioria das pessoas os fatos não estão claros nem quanto à sua empresa de consultoria e nem quanto ao apartamento alugado em Moema (SP). O desempenho da sua empresa é nebuloso em inúmeros aspectos e ficaram muitas dúvidas como quando e qual tipo de consultoria ele fazia , quantos e quem eram seus clientes e quanto pagavam por cada trabalho. Em relação ao apartamento é preciso que muita coisa seja esclarecida para que fique efetivamente tudo transparente. Não se tem culpa pelos atos de outros porém ficamos todos muito intrigados com o currículo do apartamento que ele aluga. Primeiro porque o ministro possui apartamento próprio localizado em zona nobre de São Paulo e não se entende porque pagar esse aluguel alto. Porque uma pessoa como ele não contrata uma empresa de categoria, como há muitas na cidade, para cuidar de seus negócios imobiliários. Como ele chegou a fazer negócio com uma empresa que nem endereço certo tem. O apartamento é todo enrolado, o dono é um picareta, que deve para todo mundo e que é filiado ao PT, que se utiliza de laranjas e que tem irmão foragido sob denúncia de fazer parte do PCC. A pergunta que fica e que poderia muito ajudar a esclarecer o caso é como Palocci paga o aluguel, condomínio e IPTU do apartamento, se através de cheque, transferência bancária ou dinheiro. Isso poderia começar a esclarecer essa muito estranha história. É a velha história do " follow the money".

 

 

Maria Tereza Murray terezamurray@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

NADA PROMISSOR

 

"...O povo mostrou-se incapaz de controlar seus governantes, os governantes incapazes de controlar seus mais baixos instintos..." Breve Retrato do Brasil, por Olavo de Carvalho. Palocci deixando a Casa Civil sendo aplaudido "de pé" inclusive pela presidenta Dilma e Cesare Battisti ganhando as ruas pelas mãos da Suprema Corte... Tudo pela causa e a causa reabilita os seus. Não importa o tamanho do crime.

 

Myrian Macedo myrian.macedo@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SAÍDA À FRANCESA

 

O primeiro objetivo da política é o nobre trabalho pelo bem social. A luta pela conquista do poder é árdua e não depende só do caráter e da boa vontade do postulante, mas também da formação cívica de quem o escolhe. Poucos usam a política para servir ao país e ao povo. Muitos usam-na para se servir. Com exceções, o povo coloca no poder representantes corruptos que surrupiam os cofres públicos. São décadas de gatunagem. Não há dia em que não se fale da falta de ética na política brasileira. A página política está se tornando praticamente uma página policial. A decepção com os escândalos, a falta de lideranças, a desmotivação em face do comportamento dos políticos tira o ânimo dos homens e mulheres que gostariam de trabalhar pelo bem de todos. Temos de encontrar uma fórmula para aumentar a participação de pessoas sérias e competentes para ocupar o lugar desta geração de políticos que verdadeiramente não deu certo. Insensatez, troca de favores e fisiologismos são os itens que mais vemos no balcão dos negócios políticos. Estamos assistindo ao maior espetáculo de roubalheira em plena luz do dia. Acabaram de vez com os bons costumes! O compromisso maior deles é com eles mesmos e quando assumem com o povo, o fazem na base da enganação. Até quando diante desse quadro político dantesco vamos ficar na torcida de que caia do céu um espadachim para nos livrar da corrupção e dos corruptos? Ninguém faz nada, mas a indignação é geral, e, de tal forma, que se perguntássemos ao povo qual seria a via mais rápida para desinfetar politicamente o Brasil com certeza a resposta apontaria uma saída à francesa. Não se trata de sair de fininho deixando tudo na base do salve se quem puder. Seria uma saída em busca da liberdade, igualdade e fraternidade mandando para a guilhotina todos os políticos nefastos e nefandos. Será que não teríamos uma saída sem traumas? Temos o voto: arma infalível que municiada por um artefato chamado EDUCAÇÃO exterminaria com toda essa corja que infelicita a nação. Uma educação igual, reconhecendo o valor dos professores e os remunerando dignamente, acertaria em cheio o alvo, proporcionando a tão esperada igualdade de oportunidades para ricos e pobres, além de acabar com o famoso jeitinho brasileiro do toma lá dá cá. Todavia, temos de atentar que essa educação que queremos depende da ação dos políticos, e eles não têm o menor interesse em mudar o tipo de ensinamento que aí está e que tanto os beneficia. Esses políticos estão de acordo com as propostas do livro "Por uma vida melhor", onde está escrito: "nóis lê os livro". "Num entendemo nada, mais num tein portância, purque os político ensina votá e dá xurrascada, servejada e ainda deis ou vinti real pra nóis votá neles". Brasileiros, não podemos continuar a mercê dos fisiologistas instalados no congresso e nos gabinetes públicos. Só a sociedade civil organizada pode acabar com tamanha ignomínia. Unamo-nos enquanto é tempo para tomarmos o país dos corruptos que desonram e roubam a todos nós, os filhos desta mãe gentil, pátria amada, Brasil.

 

 

 

Manoel Antunes antunesmanoel@yahoo.com.br

São José do Rio Preto

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

LULA DEMITIU PALOCCI

 

Após a presidente Criatura livrar-se do Palocci, ficou a impressão nítida de ter obedecido uma ordem do Burla, o presidente de fato, que sentindo o cadáver começar a feder, os urubus do PMDB pousando em cima e fazendo cada vez mais o governo de refém, o malandrão livrou-se da carcaça. O santarrão riberopretano não ficará na chuva, assim como o Delúbio, Silvinho e tantos outros, ele terá abrigo no guarda-chuva petista que para isso é grande graças aos fartos recursos federais. O Burla também escolheu a substituta, que por acaso é casada com outro ministro, seu factotum que no frigir dos ovos dará as cartas.

 

Laércio Zannini arsene@uol.com.br

Garça

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A TURMA DO LULA

 

Até quando vamos aceitar Lula, Dilma, Palocci, Dirceu, Genoino, Jucá, Vaccarezza e todos seus seguidores nos empurrando goela abaixo as manobras políticas acontecendo no Brasil desde o ano 2002? A última entrevista do ministro chefe da Casa Civil do Brasil, Antonio Palocci, só serviu para humilhar a inteligência do cidadão brasileiro. Dizer que fechou sua empresa, que deu, em dois meses, lucro de milhões, para se tornar ministro e ganhar em torno de 25 mil reais por mês foi difícil de engolir. Acorda, Brasil, essa gente quer levar as finanças do nosso país para o fundo do poço.

 

Leônidas Marques leo_vr@terra.com.br

Volta Redonda (RJ)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

NOVA MINISTRA

 

 

Não resta dúvidas de que a troca do ministro Palocci pela nova ministra Gleisi Hoffmann deixou o Ministério bem mais bonito. Resta ver se também ficará mais ágil, eficiente, transparente e honesto.

 

Alexandre Martini Neto amartini906@gmail.com

Rio Claro

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

VINTE

 

Sai o homem 20 (milhões) e entra o casal 20.

 

Ronaldo Gomes Ferraz ronferraz@globo.com

Rio de Janeiro

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CESARE BATTISTI

 

 

Agora vai! Mais um bandido incorporado à gangue que governa. Será o próximo candidato à Presidência. Parabéns, Supremo.

Ângelo de Agostini angedemari@gmail.com

Campinas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ENXURRADA

 

 

O "Cara" é estrangeiro! Matou 4 em seu país". Lá, foi condenado à prisão perpétua! Fugiu para o Brasil! Agora, contrariando a justiça do país dele, nossa justiça soltou-o! Nosso país virou um grande refúgio para "eles! Cuidado com a enxurrada!

Gilvan de M. Guedes Pereira gilguepe@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

LIBERDADE DE BATTISTI

 

 

Eu entendo porque os terroristas do PT a apoiaram: eles têm de ser coerentes, pois, se condenam Battisti, têm de condenar a dona Dilma , Zé Dirceu,Jose genuíno, Pallocci etc.todos cometeram assassinatos e atos terroristas, segundo eles por uma boa causa! Hoje estão no poder se locupletando! Mas como cidadã condeno a impunidade neste país. Se o Palocci saiu é porque admite que Não tem como provar que é inocente; porque não foi preso?! E os mensaleiros do DEM, não acontece nada!

A coerência Bandida Brasileira e logicamente comparsa e conivente com todos! Se forem punir um, quantos milhares talvez milhões terão que ser punidos?!

 

 

Cecilia Miklos Dale ceciliamdale@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

'BATTISTI FUORI, ANDARE A CASA'

 

 

O mesmo governo que entregou cinicamente os atletas cubanos, estes sim com a certeza que seriam vítimas de perseguição pessoal e recusa-se a receber uma defensora dos direitos humanos do Irã, negou entregar um assassino condenado por um país democrático e parceiro. Os que lutam pelo autoritarismo estão em júbilo. A democracia, em luto.

 

 

Luiz Nusbaum lnusbaum@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

AME-O OU DEIXE-O

 

Como o assassino está sem emprego, o governador Tarso Genro poderia convidá-lo para secretário da Justiça ou o Lula poderia contratá-lo como press-release internacional para suas conferências. Brasil ame-o ou deixe-o, está cada dia mais difícil a decisão.

 

Ronaldo José Neves de Carvalho rone@roneadm.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

NOSSO JEITO BRASILEIRO DE SER...

 

 

Ao endossar a molecagem de Tarso Genro e classificar de soberana a decisão de um ex-presidente aloprado, o STF desrespeita os mais elementares princípios de Direito, atropela o bom senso e coloca nas ruas um bandido italiano condenado por quatro homicídios. Diante de tamanho deboche, só nos resta organizar uma rifa e apostar quantas semanas Cesare Battisti ainda terá de vida, antes de ser executado "alla brasiliana".

 

 

Marco Aurelio Cattani cattani@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FARRA IMORAL

 

 

Depois de oito anos de algazarra voluntariosa e decepcionante, sem falar no rombo financeiro praticado, o mundo todo reconhece a face equivocada e mal intencionada do governo brasileiro. Internamente, a conduta de proteger os mais variados golpes e crimes praticados pelos " afilhados" do painho, cego pelo poder, faz permanecer em catarse a sociedade, vendo a justiça trocar a toga pelo traje do conivente.

Na esfera internacional, reconhece, de pleno, a raiva incontida que rege os desejos de vingança daquele que finge não ser mais, mas é, o comandante em chefe da patota farrista toda. O que ainda não se sabe é de quanto será a conta toda a ser paga pela nação . Os números conhecidos já são incalculáveis, falta saber a quantas anda o custo de manter toda esta farra até o final, se é que se pode esperar um final desta festa avermelhada de vergonha, decepção e desesperança.

 

 

Ronaldo Parisi rparisi@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ASSASSINO LIVRE

 

 

Finalmente o STF se manifestou pela liberdade do assassino italiano que foi condenado lá, fugiu da cadeia, veio para cá e, simplesmente por ser comunista, foi abrigado pelo então presidente e também pelo então ministro da Justiça. O governo italiano pediu a extradição. Mas Lula foi embromando até conseguir a libertação do bandido. Agora ele viverá aqui, certamente terá a cidadania brasileira com muitos benefícios, quem sabe até um "cargo do tipo aspone" no governo (já existem tantos...). Agora, quem pensou que o resultado fosse outro, é porque não conhece certos políticos brasileiros. E logo, logo os 40 do mensalão também estarão livres com a prescrição tão aguardada e determinada pelo então (e ao que tudo indica, também atual - vide o caso Palocci) presidente da República. E ainda dizem que Deus é brasileiro...

 

Plínio Zabeu pzabeu@uol.com.br

Americana

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CESARE BATTISTI

 

Uma coisa me intriga: como é que o Sr. Battisti pagou ou vai pagar os advogados dele? Com que fundos ele conta para sustenta-se agora que foi libertado e não vive mais às custas dos contribuintes brasileiros? De outras coisas tenho certeza que acontecerão em caráter urgente urgentíssimo: concessão de visto permanente de residência no Brasil; filiação ao PT; concessão da nacionalidade brasileira; e eleger-se nas próximas eleições para o Congresso Nacional, onde se sentirá em casa convivendo com elementos da sua espécie.

 

Carlos Burgi carlos.burgi@terra.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

REFÚGIO CRIMINOSO

 

 

Sinto-me envergonhado por ver que o Brasil é considerado refúgio seguro para criminosos de outros países. Nosso governo atual nada faz para mudar essa situação, ainda mais quando leva em consideração a ideologia de foras-da-lei. Vejam o caso de Olivério Médina, o Padre Medina, representante das FARC no Brasil e sua mulher, Angela Maria Slongo, a "Mona" que até emprego conseguiu no Ministério da Pesca. Agora teremos Cesare Battisti, condenado à prisão perpétua na Itália por assassinatos políticos e que, por decisão do STF, pode permanecer tranquilo no Brasil. Nosso país tem um tratado de extradição com a Itália que, neste momento, não foi atendido. Só falta o nosso governo dar-lhe um emprego, talvez no mesmo Ministério da Pesca ou, quem sabe, uma aposentadoria para que ele possa desfrutar das praias do Nordeste ou de Copacabana. Vergonhoso!

 

 

Alvaro Salvi alvarosalvi@hotmail.com

Santo André

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CAMINHO NATURAL

 

 

A decisão, por maioria do STF, em favor do preso italiano foi um verdadeiro abra a boca Battisti,pois permite ficar longe de responder por qualquer prática delituosa e ao mesmo tempo permite que tenha um asilo no Brasil.As reclamações de todos os cantos sobejam e o caso ,possivelmente,terá como destino final o Tribunal Internacional.O governo Lula tanto lutou por defender Battisti,mais ainda o atual governador Tarso Genro que acabaram sensibilizando ao próprio STF,não é sem razão que o Brasil é o caminho mais natural da impunidade mundial.

 

 

Yvette Kfouri Abrao abraoc@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O CRIME COMPENSOU

 

 

Cesare Battisti assassino italiano, foi solto por uma Corte sem credibilidade nenhuma, com o apoio de políticos que deveriam estar na cadeia de Papuda, junto com o ex-presidente Lula o grande defensor de corruptos petista e de facínoras estrangeiros. Sem dúvida o Brasil é um País governado por bandidos desde de 2003, portanto a bandidagem é a classe poderosa e dominante nesta republiqueta imunda.

 

José Francisco Peres França josefranciscof@uol.com.br

Espírito Santo Pinhal

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

BRASIL SEM SENTIDO

 

 

Se o Battisti fosse um bombeiro do Rio de Janeiro, ele continuaria preso, mas, como e um terrorista assassino, ganhou a liberdade e vai ter um empreguinho no governo. Esperem pra ver.

 

Ademar Monteiro de Moraes ammoraes57@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

BOMBEIROS DO RIO

 

Depois de verificar que a população não só do Rio como de todo o País apoia e simpatiza com o movimento dos bombeiros o Sr. Governador toma medidas que nos lembram a queda recente de um ditador. Depois de mandar descer o cassetete, aumenta salários para calar o movimento justo e troca o comando administrativo dos bombeiros. Ainda por cima se esconde da população e imprensa. Por que não fez isso antes? Uma vergonha o salário de míseros R$ 800,00. A diferença é que lá o ditador caiu. Aqui o político demagogo e irresponsável continuará a fazer estragos. Que a justiça se sensibilize e trate o assunto apenas como um grito de sobrevivência de uma classe que honra a sua farda e presta serviços impagáveis à população.

 

Carlos Edson Ferreira Vieira calevieira@uol.com.br

Guarulhos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CONTRADIÇÕES

 

 

O assassino confesso da USP é solto e vai responder, por longo tempo, em liberdade. Os bombeiros que salvam vidas e lutam por um salário mais digno, são presos. O assassino Battisti, que tirou quatro vidas em assaltos, está solto e vai ganhar visto de permanência no Brasil. Os Atletas Cubanos que queriam apenas Liberdade, foram presos e deportados. Que país é este?

 

Marco Antonio R. Nunes nunesmarcelao1@ig.com.br

Pindamonhangaba

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

VERGONHA

 

 

Apresentou-se na quinta-feira, 9 de junho de 2011, Irlan Graciano Santiago, que participou do assalto que resultou na morte do estudante Felipe Ramos de Paulo, no estacionamento da Faculdade de Economia. Segundo nossas leis, quem comete algum crime, sendo primário, tendo residência fixa e confessando espontaneamente o delito, tem direito a responder ao processo em liberdade. São leis assim que têm trazido insegurança e intranquilidade à população brasileira, exposta à sanha criminosa e impune de meliantes de toda a natureza. O jovem que se apresentou ontem, alegou estar passando necessidade, não tendo dinheiro para comprar leite para o filho. Não lhe ocorreu recorrer à caridade pública como fazem centenas de pessoas - e em maior ou menor grau, são socorridas. Achou mais fácil, emocionante, assaltar algum "bacana". E na cabeça de boa parte da população, graças à pregação constante de parte dos nossos lúcidos políticos, quem tem determinada posição social, um pouco a mais de dinheiro pode e até deve ser espoliado, pois tal diferença de grau social e econômico não é justa; tal dinheiro e posição, talvez sejam fruto de apropriação indébita (roubo, mesmo). A população brasileira tem assistido entre incrédula e revoltada, mas sempre perplexa, a afrontas dessa natureza. Quantos casos temos visto de assassinos condenados a vários anos de prisão, até por múltiplos assassinatos, serem postos em liberdade, em nome de uma discutível e injusta (em minha opinião) progressão de pena. Alega a Justiça que a finalidade é reintegrá-los ao convívio social. Como não são seguidos, vigiados, e muito menos assistidos em possíveis e reais necessidades, acabam reincidindo, assaltando, traficando e matando quem cumpre seus deveres sociais, trabalhando, pagando (pesados) impostos e mantendo essa injusta condição social e política a que todos estamos expostos. E é um país com este arcabouço legal, que se arvora o direito de questionar a Justiça de um país (Itália) que vive há muitos anos em pleno regime democrático, alegando que o "coitadinho" do Cesare Battisti não teria segurança em seu país, já que ele (e somente ele) alega ser um perseguido político. Alguém conhece outro italiano nas mesmas condições? Que vergonha de ser brasileiro!

 

 

 

Adilson Lucca Sabia adilsonsabia@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A CARA DA IMPUNIDADE

 

Sinto-me indignado com a matéria mostrada pela Globo sobre o assassinato do estudante da USP Felipe Ramos de Paiva, e as declarações do marginal que o assassinou Irian Graciano Santiago, é revoltante ouvir réu confesso, justificando o assassinato dizendo que, o motivo que o levou a matar foi o fato "precisar comprar leite para o filho", é mostrar a cara da impunidade e o cinismo do elemento, nos levando a ter nojo de ser Brasileiro, e por uma justiça criminal que nos deixa absolutamente ainda mais enojados...

 

Benedito Raimundo Moreira br_moreira@terra.com.br

Guarulhos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

LICENÇA PARA MATAR

 

Comovente o depoimento do assassino do estudante da USP, noticiado pela mídia. Tipo lombrosiano, o bandido se apresentou à polícia relatando o latrocínio e apontando como único culpado, o estudante, que teria reagido ao assalto. Por ser primário, foi imediatamente liberado pelo delegado e certamente continuará assaltando e matando até terminar o processo, o que levará pelo menos dez anos. Nos países do primeiro mundo, tipos como esse seriam imediatamente aprisionados e depois de alguns meses, executados na câmara de gaz ou cadeira elétrica. Por muito menos do que isso o diretor do FMI, também primário e com residência fixa, continua preso em Nova Iorque. É uma sucessão de crimes que vem revoltando a opinião pública, numa terra sem lei, caracterizando o Brasil como o país da impunidade. Até quando?

 

Arsonval Mazzucco Muniz arsonval.muniz@superig.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SOCIEDADE REFÉM

 

 

O assassino do jovem aluno da USP entregou-se à polícia com sorriso sarcástico, culpando a vítima por sua sina. Negou-se a dar o nome do comparsa no crime (claro, foi o outro que atirou. Não é sempre assim?). Saiu livre e responderá em liberdade, podendo ainda cometer mais crimes. Quem se responsabilizará pelos crimes futuros? A justiça? A polícia? O pior é ainda ter que ouvir o advogado de defesa alegar que há "ética" até mesmo entre ladrões para justificar a não delação. A mesma desculpa usada em todos os crimes cometidos neste país, seja de que alçada for. Enquanto não houver mudança nas leis e seu cumprimento efetivo, a sociedade continuará refém de todos os criminosos.

 

Lucia Helena Flaquer lucia.flaquer@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CRIME NA USP

 

Causou-me espanto a "justiça" mandar soltar um criminoso confesso, que todos sabem que seguirá aprontando das suas para garantir o leite, fraldas e roupas para seu filho(entenda-se comprar drogas). Quantas vidas serão necessárias mais ? Depois ainda falam que não devemos ter inveja dos EUA.

 

Jose Roberto Palma palmapai@ig.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PIADA OU ABSURDO?

 

Um dos criminosos da dupla suspeita de ter matado o estudante da USP no último dia 18 de maio, entregou-se à polícia na tarde desta quinta-feira. Irlan Graciano Santiago, 22 anos, assumiu que, ao lado de um comparsa ainda não identificado, tentou roubar o carro do aluno da Universidade de São Paulo que reagiu no momento da abordagem e que, por isso, foi morto. Como se apresentou por vontade própria, não tem passagem pela polícia e possui residência fixa, o suspeito já está solto. Quando o bandido não se entrega, a polícia não prende, quando o bandido se entrega, a polícia solta. Até quando as leis deste país vão continuar favorecendo os criminosos e prejudicando as vítimas?

 

 

Victor Germano Pereira victorgermano@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

JUSTIÇA SUBSERVIENTE

 

 

Enquanto valorosos homens do Corpo de Bombeiros do Rio permaneciam por mais uma noite atrás das grades, depois de terem sido chamados de vândalos pelo nobilíssimo governador, a suprema (minúscula mesmo!) corte do País, mandava soltar o assassino italiano, defendido pelo criminalista petralha e pelos 'cumpanhero' de sempre. Os primeiros lutam por melhores e mais dignos salários para trabalhar em defesa da população e manterem suas famílias, enquanto o italiano luta para se safar da pena que o condenou à prisão perpétua em sua terra natal e para viver no bem bom, ao respaldo de um governo idiotizado por ideologias ultrapassadas. É ou não é uma afronta às pessoas de princípios, honestas e trabalhadoras? Dá para se ter orgulho de dizer que somos brasileiros, com essa justiça subserviente aos poderosos?

 

 

Aparecida Dileide Gaziolla rubishara@uol.com.br

São Bernardo do Campo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A MÁFIA DOS PODERES

 

 

A revolta dos bombeiros no Rio de Janeiro, as greves do transporte público em São Paulo e em Brasília, a crise da saúde na Bahia e a paralisação das escolas no Ceará, mostram o retrato do Brasil da atualidade. O Brasil da falta de governos sérios; dos políticos desonestos; da impunidade patenteada; da corrupção banalizada; da censura aos jornais, dos conchavos palacianos; dos abrigos de terroristas; e dos negócios por baixo do pano. Por fim, o Brasil de um povo que não sabe escolher seus representantes. Tudo que está acontecendo, hoje, em nosso país é consequência de uma política voltada para os interesses escusos de pessoas despreparadas e desonestas, porém, com o poder de decidir o destino de uma Nação. A violência nas escolas, a falta de médicos nos hospitais, a insegurança das pessoas nas ruas e nas suas próprias casas e os escândalos de corrupção que marcaram o Brasil nos últimos oito anos, é a maior prova da falta de seriedade e competência dessa classe de indivíduos que os poderes amparam. Por muitos anos estamos nas mãos de políticos e governantes interesseiros que entendem que as providências para problemas como estes só devam ser tomadas se resultarem no aumento da popularidade de um governante ou se renderem alguns dividendos à classe política. A única vontade política demonstrada por esses atuais acionistas dos poderes é quando decidem alguma coisa em benefício próprio, por exemplo, quando resolvem reajustar seus proventos. Ai, de um dia para o outro, na calada da noite, eles tomam providências sem maiores dificuldades. Há mais de oito anos, os governos do Brasil tentam amenizar a desordem no país, com programinhas fajutos lançados no meio de uma crise para dissimular a roubalheira dessa máfia, a serviço da corrupção e do tráfego de influência. Programinhas como este tal de Brasil Sem Miséria que, sabemos, vai acabar como o Fome Zero e outros que nunca saíram do papel. Tem quem pergunte por que a bandidagem tomou uma proporção desmedida em nosso país. Ora, não se pode negar que os atos de transgressão as leis e a Constituição do país, promovidos pelos políticos da atualidade, tenham influído de forma significativa a bandidagem. Não podemos esquecer o exemplo deixado por aqueles que escandalizaram o Brasil com seus mensalões, suas ambulâncias superfaturadas, suas amantes custeadas com dinheiro do contribuinte, suas bezerras de ouro, seus caixas dois, seus bingos, seus dossiês, suas caixas de pandora, suas arapongagens, seus nepotismos debochados e até com o cinismo descarado para dizer que não viu e não sabia. Foi inspirada, nestes e noutros exemplos, que a bandidagem tomou conta do Brasil de forma indiscriminada. Mas o povo precisa saber que os nossos problemas não se resumem numa nota manchada de tinta - onde, enquanto o governo tenta empurrar o prejuízo para a população, os marginais já descobriram uma maneira de limpar as notas marcadas e relançarem no mercado. Hoje em dia tem bandido atuando em todos os segmentos da nossa sociedade, inspirados na doutrina dos poderes. Bandidos que assaltam inspirados nos policiais que participam de esquemas de contrabando e tráfego de drogas; bandidos que sequestram inspirados nos promotores de justiça que se envolvem em formação de quadrilha e na corrupção (e ainda se fingem de louco para fugir da pena); bandidos que roubam inspirados nos políticos que recebem propinas de empreiteiras e desviam dinheiro público; e bandidos que furtam inspirados em ministro que consegue multiplicar por 20 vezes o seu patrimônio em 4 anos. Uma pergunta já deve ter sido feita pela milionésima vez: quantos bandidos (fora aqueles que limpam marcas em notas roubadas) já foram presos? Nenhum. Ao invés disso estão todos no governo. Todos blindados pelos poderes e todos enriquecendo à custa do tesouro público. Ao final de tudo, certamente, ficará uma crise inflacionária para o povo penar. Esse povo besta que vê as coisas ruins acontecerem no seu país, da mesma forma como assiste a novelas: calado, diante da expectativa do final. No Brasil, quando um político ou governante reconhece que praticou um crime contra o patrimônio público, não precisa se preocupar em devolver nada. Basta que se afaste do cargo que exerce, por decisão própria, que o povo o perdoa pela generosidade do gesto, a justiça arquiva o pedido de investigação contra ele até que sua vida pregressa seja esquecida e a máfia dos poderes o ampara, até que ele se sinta pronto para praticar outro crime de lesa-pátria.

 

 

 

Francisco Ribeiro Mendes mendes.brasilia@gmail.com

Brasília

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CRÍTICAS

 

 

É no mínimo curioso o texto de José Serra no Estadão quando cita fatos relativos a condição de estradas e custo de pedágios, e o comportamento do atual diretor do DNIT. O atual diretor do DNIT sempre teve ligações com o PMDB e curiosamente nos governos FHC, foi sempre o Ministério dos Transportes e por conseguinte o DNIT/(DNER), quem sempre comandou o dito Ministério e um nome forte foi sempre o de Eliseu Padilha, deputado federal pelo PMDB, seu Ministro.Criticar por criticar é falta de assunto meu caro Serra, arrume outras.

 

José Piacsek Neto bubapiacsek@yahoo.com.br

Avanhandava

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PRIVATIZAÇÃO

 

 

A "pior ideologia" e defeito num político é a falta de autenticidade! Fugir do tema na hora da campanha e só voltar a tratar dele depois atirando pedras é muito feio e fácil (9/6, A2). Seria importante que o ex-governador Serra num próximo artigo falasse sobre o que ocorreu na privatização do setor elétrico aqui em São Paulo e sobre as soluções que vislumbra para melhorar a qualidade dos serviços e reduzir o absurdo preço da energia elétrica à população. Por oportuno, poderia também explicar porque preferiu vender o monopolístico sistema interligado paulista (importante e estratégico a toda região Sudeste), à uma obscura estatal colombiana vetando a conceituadíssima CEMIG de participar da concorrência. O interesse do consumidor foi nesse caso, colocado em primeiro plano ou prevaleceu uma politicagem partidária e rasteira?

 

 

Nilson Otávio de Oliveira noo@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

JOSÉ SERRA X GOVERNO PT

 

Sobre o artigo 'A pior ideologia é a incompetência', no Estadão de quinta-feira, parece que José Serra finalmente acordou para o óbvio. Pena que um pouco tarde demais. Ele deveria ter mostrado essa obviedade toda durante sua pífia campanha eleitoral em 2010.

 

 

Paulo Ribeiro de Carvalho Jr. paulorcc@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

IDEOLOGIA E INCOMPETÊNCIA

 

Os seus esforços como governador visando profissionalização nos serviços públicos e na campanha para presidência alertando para as deficiências causadas pelas indicações políticas para os cargos de confiança das organizações do estado, não recebem do PSDB apoio que represente realmente interesse do partido. O Presidente FHC com muito esforço e propriedade iniciou o processo das Reguladoras, com orientação independente da voracidade dos partidos e respectivos políticos, infelizmente a mudança de governo não permitiu que a orientação fosse mantida: Os partidos não abrem mão da legalização permitida pela constituição das indicações para cargos de confiança e em comissão nas organizações do estado ( TITULO III, CAPITULO VII, SEÇÃO I, ART. 37, ITENS II E V). As constituições desde a republica velha têm mantido esta vergonha que tem estimulado o investimento nas eleições de políticos sem escrúpulo e seus parceiros, visando o retorno na captura das organizações do estado, e naturalmente tornando-as ineficazes, ineficientes e corruptas. Observa-se que os partidos não apresentam programas com respeito ao aperfeiçoamento democrático, seja selecionando candidatos, seja defendendo a necessidade e de acabar com o loteamento político das organizações do estado: SÃO TODOS FARINHA DO MESMO SACO?

 

 

Darcy Andrade de Almeida dalmeida1@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A IDEOLOGIA E OS DESANTENADOS

A ideologia é a incompetência dos desantenados, ou seja. a dos burocratas sentados no poder. Parabéns, Serra. Ótimo artigo publicado no Estado de 09 de junho de 2011.

Lino André Votta Alves lvottaalves@gmail.com

Campinas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

MUY AMIGO

 

 

Pois é, agora José Serra vem falar do PT e das privatizações. O que ele não diz é que uma das razões da tática petista de atacar o governo FHC ter dado certo é que ele, José Serra,enquanto candidato do PSDB, não defendeu o governo FHC. Pelo contrário, preferiu até escondê-lo de sua campanha, adotando o mantra de que iria "melhorar e ampliar os programas do PT". Atacar agora é fácil, defender o legado de FHC durante a campanha é que é difícil...

 

 

Yvan Leonardo Barbosa Lima yvanlima@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

QUE PAÍS É ESTE?

 

Mensaleiros livres, leves e soltos, ministro que defende o uso da Língua Portuguesa errada, ministro que enriquece rápido demais e cai fora para não ter que se explicar, assassino estrangeiro sendo anistiado pelo maior tribunal de justiça do país, tudo sob as bênçãos do "pai de todos", que ainda dá as cartas no governo. E, os coitados dos bombeiros, que deveriam ganhar o que realmente merecem, presos! Seria para rir se a coisa não fosse grave. Realmente, ainda não deu para ver que exemplo bom vem do andar acima das nossas pobres cabeças. "Nunca antes neste país" se viu tanto valores éticos e morais tão deturpados como agora.

 

 

Tânia Pinotti tkita@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

COPENHAGUE

 

Só quero, se possível, entender: pergunto aos doutos do Ipea porque só alguns países, entre eles o Brasil, são obrigados a se manterem como os "guardiães" da ecologia mundial e a cumprir todos os acordos internacionais? A responsabilidade da vida na terra não é de todos os povos e nações? Todos nós, independentemente de raça ou língua não somos corresponsáveis pela nossa própria sobrevivência? Gostaria ainda que eles nos informassem, já que são responsáveis pesquisadores, qual a área de APP e reserva legal exigida nos EUA, China e Europa, inclusive na própria Dinamarca? A que distância se pode plantar às margens e seus rios e córregos? Com certeza, se nos informarem, prestarão um grande serviço (aliás isto já é incumbência do Ipea) a toda nação brasileira.

 

Saulo Antonio Melo Siqueira saulomelosiqueira@uol.com.br

Cássia (MG)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

POBRE DILMA

 

Distraída com as peripécias do Ministro da Educação, Fernando Haddad. Pouco curiosa com as espertezas do ministro da Casa Civil, Palocci. Traída, a última a saber do caso da Erenice Guerra. Afônica, não se manifesta por nós sobre nada disso. Dependente... do Lulla. Refém de todos os partidos aliados e do fogo amigo.

 

Cecília Centurion ceciliacenturion@globo.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CONVITE AO MINISTRO HADDAD

 

Prezado Ministro Fernando Haddad, nesta 6ª feira, 10 de junho, comemorou-se o Dia da Língua Portuguesa, que coincide com a data da morte de Luís Vaz de Camões (o Sr. conhece a obra do poeta e seu culto ao nosso idioma?). Pois bem, 250 milhões de pessoas que falam português no Mundo desejam convidar V. Excia. e seus doutos colaboradores a avaliar a importância dessa data. O próprio Camões, Camilo Castello Branco, Olavo Bilac, Eça de Queiroz, Castro Alves, Castilho e muitos outros cultores do idioma - onde quer que estejam - sentir-se-iam honrados se fossem lembrados nesse dia, pois a possibilidade de serem esquecidos e menosprezados a partir de sua gestão é muito grande. Aliás, como prega seu amigo e líder que se jacta de nunca ter lido um livro na vida e acha que todos têm que ser iguais a ele... Vamos respeitar e homenagear o nosso idioma, senhor Ministro e não conspurcá-lo como V. Excia e seus "cumpanheros" vêm fazendo!

 

 

João Natale Netto natale@natale.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

MEC

 

Esse MEC está mesmo de mal a pior. Primeiro, quer acabar com o vernáculo. Depois, proíbe a leitura de Monteiro Lobato, por ter linguagem "politicamente incorreta". Ao invés de ensinar o respeito ao ser humano em todas as circunstâncias e optar pela educação do aluno de maneira integral, estimula precocemente a sexualidade, incentiva o homossexualismo, etc. Agora, querem tirar as verbas dos excluídos deficientes visuais, auditivos, etc. Dizer que algo é politicamente incorreto, é qualificar o que é correto e, portanto, é uma contradição em termos. O governo está tão preocupado com a visão do mundo do que é politicamente incorreto, que optou simplesmente por ser incorreto. Esse é um dos inúmeros efeitos do relativismo, que nega a Verdade, de que tanto o papa fala. Em vez da misericórdia e o apoio que leva à Verdade, como tantas vezes fez Jesus com a samaritana, a adúltera, o jovem rico, são Pedro e todos os outros apóstolos, escolhem tapar a ferida das pessoas ao invés de curá-la. O que os olhos não veem, o coração não sente. Nesse caso, mais uma inverdade, pois a ferida pode estar coberta, mas a infecção continua lá e a ferida será maior e mais profunda. Esse governo prefere de fato nivelar por baixo. O mundo, sob o pretexto de não ferir a liberdade e não magoar as pessoas, prefere nivelar por baixo. A educação é a base de um mundo melhor, mas o que ensinam hoje é a covardia. Temos que rezar muito por esse país, pois o caminho escolhido não é o de formar consciência reta, mas de anestesiá-la das pessoas.

 

 

Maria Fernanda Pecora Gedeon fpecora@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

TORRE DE BABEL

 

Uma observação que uma pessoa amiga fez sobre os meus textos fez-me pensar um pouco mais detidamente sobre o assunto. Estamos sendo bombardeados diuturnamente com apelos pornográficos de todos os tipos e manifestações de sexualidade por todos os canais possíveis. Chegamos a uma situação pior que a de Sodoma e Gomorra, porque eles não tinham Rádio, TV, Internet, telefone. Estamos sendo governados (?) por corruptos de todos os tipos e criminosos de vários tons de colarinho, do branco ao preto, passando por todas as cores do arco-íris. Há em construção ou em projeto pelo país afora uma série de torres para receber gente que não se entende e que se comporta com inimizade pura.

O Vernáculo tem sido agredido de todas as formas possíveis e imagináveis pelos donos do poder e seus asseclas, todos comandados por um Doutor Honoris Causa homenageado recentemente na Universidade de Coimbra (o que me deixou até com cãibras) e que continua com a sua campanha agressiva contra "azelite". Agora, oficialmente, o Ministério da Educação ensina errado o Portugues (a língua, não o dono da padaria) e a Matemática o que brevemente nos levará a uma total falta de identificação de nós mesmos e total falta de comunicação.

Enquanto isso, repito: "Se nóis pega deis peixe e vende cuatro ainda fica cete"! Parabéns, Brasil e viva o rei lullalánãosei, o autor dessa novela da vida diária!

 

Ricardo Melhem Abdo ricabdo@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

COLÉGIO OFÉLIA FONSECA, 90 ANOS

 

Como aluno, irmão de alunos, pai de alunos e sobrinho de alunas do querido Ofélia Fonseca, lembro que a excelente reportagem do caderno Metrópole esqueceu de destacar as abnegadas educadoras D. Lidia Hernandez e D. Josefina Costa que contribuíram intensamente por mais de 45 anos à nossa educação primária.

 

Roberto Paes de Barros robertopaes@globo.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

DULCE FIGUEIREDO

 

Faleceu D. Dulce Figueiredo. Alguém conhece um general ou mulher de general, que se tornou milionário ao passar pela presidência do Brasil? Figueiredo era honesto, assim como eram honestos os militares que passaram pelo governo brasileiro. Entretanto, nessa pseudodemocracia temos os novos ricos esbanjando dinheiro e riqueza pública. É uma pseudodemocracia para corruptos!

Alberto Nunes albertonunes77@hotmail.com

Itapevi

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.