Cartas - 26/08/2011

CORRUPÇÃO

, O Estado de S.Paulo

26 Agosto 2011 | 00h00

Dilma renega a faxina

A presidente Dilma Rousseff demonstrou, em entrevista, que não gosta do termo faxina e chegou a negar que adote a medida em seu governo. A terceira mulher mais poderosa do planeta, segundo lista publicada pela revista Forbes, prefere falar em "combate ao malfeito". Difícil é entender a irritação da presidente ao tocar no assunto. Se quatro ministros já caíram e outros dois estão na "linha de tiro", nada mais natural do que imaginar demissões futuras. Dilma devia ser mais cautelosa ao dizer que não pode haver demissão todos os dias, pois seja fazendo faxina ou combatendo os malfeitos a sujeira continua se espalhando e os ministros suspeitos de irregularidades, caindo.

SYLEI SILVA

syleisp@hotmail.com

São Paulo

_________

Campeã

Vassoura nova varre melhor. A sra. presidente, que já está na História como primeira mulher presidente do Brasil, continue fazendo a faxina, não ponha a sujeira debaixo do tapete e será campeã de troca de ministros em tão pouco tempo. Faxinados os ministros, vai sobrar verba para faxinar a pobreza deste país.

CARLOS SHEHTMAN

cshehtman@bol.com.br

São Paulo

_________

LULA X DILMA

O inconveniente

Realmente, as declarações e o comportamento de Lula não deixam nenhuma dúvida sobre a sua prepotência, arrogância e falta de senso. Até quando teremos de acompanhar seus comentários e imagens ridículas na mídia, sua absurda ingerência no governo atual? O que pensar de uma presidente que dá trânsito livre ao ex em todos os ministérios e aceita opiniões/interferências nas ações/decisões no seu governo?

LAERT PINTO BARBOSA

laert_barbosa@ig.com.br

São Paulo

_________

RECORDAÇÕES

Detalhe

Meus parabéns a José Nêumanne pelo seu livro O que Sei de Lula, lançado esta semana em São Paulo. Pena que tenha faltado a palavra "tudo" no título.

JAMES F. SUNDERLAND COOK

sunderland2008@gmail.com

São Paulo

_________

HÁ 50 ANOS

"Jânio vem aí!"

Sou contemporâneo dos fatos narrados por José Serra no seu artigo a respeito do cinquentenário da renúncia de Jânio Quadros (25/8, A2), que transcorreu ontem. O homem da vassoura, como apelidado, teria vindo para varrer a sujeira moral nacional. No Rio de Janeiro, na Faculdade Nacional de Filosofia, antro de excomungados, segundo alguns, liderados pelo professor Darcy Ribeiro, por serem tidos por comunistas, predominavam, todavia, seus adeptos. Em tom de pilhéria, o César Mouco, na rua, soltava a voz com a exclamação do título acima, ao observar a bela colega Suzana entrando no carro oficial que vinha buscá-la, após as aulas, para levá-la à repartição, mordomia que o cantor Blecaute ressaltara como "Maria Candelária, alta funcionária, letra O, O, O", na marchinha carnavalesca, anos antes. Jânio, embora homem culto, papo agradabilíssimo, cordial, amável, frustrou a todos, contribuindo para a perpetuação do falso dilema de soluções salvadoras para o País sem o concurso da educação plena do seu povo.

MARDEN BRAGA

mardenbraga@bol.com.br

São Paulo

_________

A renúncia e a viagem

Jânio Quadros era um histriônico e megalomaníaco, mas, sobretudo, maquiavélico. Não foi casual o ato de renúncia no momento em que seu vice-presidente, Jango Goulart, se encontrava na China, no torvelinho da implantação de um regime comunista. Isso praticamente tornava vaga a Vice-Presidência, condição para que o renunciante voltasse ao poder carregado pelo povo, para exercê-lo como imperador. A História não tem explorado o significado dessa viajem oportuna, preparada pelo presidente delirante e alguns assessores diretos.

AMADEU R. GARRIDO DE PAULA

amadeugarridoadv@uol.com.br

São Paulo

_________

CACCIOLA

O crime compensa

Deixar Salvatore Cacciola solto depois de fraudar o País em mais de R$ 1,5 bilhão é um absurdo! Quantos não fariam a mesma coisa para passarem apenas quatro anos presos?

CARLITO SAMPAIO GÓES

carlitosg@estadao.com.br

São Paulo

_________

Soltaram o único!

O Cacciola solto é brincadeira. Ele era o único detido por crimes de colarinho-branco! Quem sabe a Justiça substitua o ex-banqueiro pelos caras do mensalão?!

DECIO FRANCO DE ALMEIDA FILHO

bdfpartners@uol.com.br

São Paulo

_________

VIOLÊNCIA

Insuportável

O assalto à casa de Salim Curiati mostra que a violência em São Paulo chegou a níveis insuportáveis. O deputado e a esposa foram agredidos e ameaçados com armas de fogo. Todos os dias ocorrem casos semelhantes na zonas sul e oeste da cidade. Nossas casas são verdadeiros bunkers, com muros altos, cercas elétricas, alarmes, cães ferozes e seguranças. O descaso de nossas autoridades é criminoso. Preocupam-se com a Copa, em subsidiar a construção de estádios de futebol, em proibir o consumo de cigarros em bares e restaurantes que são assaltados, em criar partidinhos políticos de quinta categoria e em nomear apaniguados para participar do butim do dinheiro público. De que adianta querermos ser a quinta economia do mundo se a sociedade é refém de bandidos?

LEÃO MACHADO NETO

lneto@uol.com.br

São Paulo

_________

LIVROS EM RISCO

Saldões e doações

O Sabático de 20/8 trouxe a notícia de que 2 milhões de livros "encalhados" de uma editora no Rio de Janeiro correm o risco de ser destruídos por problemas como custo de estocagem. Alegam dificuldades burocráticas para doar e fazer saldões. O que é isso?! Certamente, como eu, milhares de pessoas aguardam para comprar livros quando estiverem ao alcance de nossa renda. Saldões são necessários e bem-vindos! Doações a milhares de bibliotecas públicas, também. Inacreditável é cogitar de transformar milhões de livros em aparas de papel!

EDUARDO BRITTO

britto@znnalinha.com.br

São Paulo

_________

"Este país está podre ou só agora as falcatruas estão aflorando? Nesta toada, não sobra governo até o fim da ano"

ULYSSES FERNANDES NUNES JUNIOR / SÃO PAULO, SOBRE A CORRUPÇÃO GENERALIZADA

ulyssesfn@terra.com.br

"A terceira mulher mais influente do mundo é a Dilma ou o Lula?"

RICARDO MARIN / OSASCO, SOBRE QUEM MANDA DE FATO NO GOVERNO DO BRASIL

s1estudio@ig.com.br

_________

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 1.092

TEMA DO DIA

Escolas de SP terão merenda vegetariana

Proposta de cardápio para alunos da rede municipal deve ser implantada uma vez por semana

"Será que agora estão tomando consciência?"

SANDRA CASTRISCHER

"Quer dizer, então, que, se uma criança não gosta de comida vegetariana, ela é obrigada a comer? É o mesmo que forçar uma criança vegetariana a comer carne."

LIVIA SANTO

"É um bom passo em favor do meio ambiente e mostra às crianças que há alternativas à carne."

DANIELA KISSLING

_________

Cartas enviadas ao fórum dos leitores, selecionadas para o estadão.com.br

MANIPULADORES

"Tudo legal, moral e constitucional", alegou o ministro das Cidades, Mario Negromonte, após ter usado abusivamente verba pública para financiar sua campanha eleitoral. Nada de surpresas nessa indecorosa afirmação. Essa é a forma habitual no Congresso de dar trato ao dinheiro público. Ninguém fiscaliza absolutamente nada, cada qual faz o que quer nesse reduto onde a corrupção e os desmandos afloram por todos os lados. Protestos, indignação, repulsas em nada sensibilizam esses caras de pau que, descaradamente canalizam com maestria o dinheiro do contribuinte para a realização de seus projetos pessoais.

Francisco Zardetto fzardetto@uol.com.br

São Paulo

________

''MAYDAY'' PARA A COALIZÃO

O governo Dilma parece lambuzado no próprio melado que jamais havia comido. Como a tendência da fila é se movimentar, agora é a vez do Ministério das Cidades, criado para atender o compadrio dos aliados, e que está se tornando assunto do dia nos noticiários. Enquanto o Montenegro cuida das estatísticas, o Negromonte, ministro, anuncia um catastrófico Paranoá de sangue em Brasília, quando afirma que "em briga de família, irmão mata irmão, e morre todo mundo". O ministro, de profecias tão macabras, é acusado de oferecer mesada de R$ 30 mil aos deputados do PP, numa reedição do ainda não resolvido processo do mensalão. É muita gente falando idiomas diferentes, transformando Brasília numa Babel, onde a confusão não era maior. O ministro Mário Negromonte atira para um lado perigoso quando afirma que o caos virá na hora em que começar a vazar a folha corrida de alguns deputados.

Jair Gomes Coelho jairgcoelho@gmail.com

Vassouras (RJ)

________

MENSALÃO

Enquanto isso, vai passando o prazo e o mensalão não é julgado. Parece ou não brincadeira?

Maria do Carmo Zaffalon Leme Cardoso mdokrmo@hotmail.com

Bauru

________

PRAZO FATAL

Amanhã, dia 27/8/2011, é o prazo fatal para que haja o julgamento do processo conhecido por mensalão, de 2005, até que enfim! Agora vamos confirmar se há imparcialidade do Supremo Tribunal Federal (STF) ou se estão os ministros coniventes com toda a corrupção que tem sido divulgada. Será que deixarão prescrever para fugirem da responsabilidade de julgar? Podemos confiar na nossa Justiça? Ou vai prevalecer a impunidade que reina em nosso país?

Luiz Dias lfd.silva@uol.com.br

São Paulo

________

ONDE HÁ FUMAÇA...

No evento do mensalão ficávamos, dia após dia, aguardando novidades... era uma novela. Hoje a novela é outra, mas também se desenrola, porque a corrupção que grassa avança desnorteada e toma conta dos órgãos governamentais sem pudor e sem trégua. Triste herança a presidente Dilma recebeu! Que tenham vergonha aqueles que lha deixaram!

Ruth de Souza Lima e Hellmeister rutellme@terra.com.br

São Paulo

________

RADIOGRAFIA

Radiografia da corrupção nos ministérios põe à mostra o esqueleto de Lula.

Roberto Twiaschor rtwiaschor@uol.com.br

São Paulo

________

TODOS SABIAM

Não foi a primeira vez, nem será a última, que Lula se reúne com ministros do governo Dilma como se presidente fosse ele, e os ministros, todos muito interessados, aceitam as rédeas. Todo mundo sabia que Lula não deixaria o poder por nada deste mundo e que Dilma estaria apenas "guardando lugar" até 2014. O que Lula não sabia é que Dilma tem personalidade própria e dificilmente vai largar o poder para ele. Ela já demitiu quatro ministros e vai demitir outros mais. Nem PT ou PMDB tem mais força do que os milhões de votos que ela recebeu e que, se souber fazer uso e fizer um bom governo, tem chances de se reeleger. O que estamos vendo é um grande jogo de forças. Lula tenta mostrar que quem sempre mandou e ainda manda é ele. Dilma tenta mostrar que ela foi eleita e presidente é. Neste angu logo vai aparecer o caroço. Por que Lula estaria se reunindo com ministros ao arrepio da presidente? E por que os ministros estariam aceitando essa situação? Está mais do que claro. Esses ministros estão "sujos" e sabem que mais cedo ou mais tarde serão demitidos. A mídia não perdoa, denuncia. Ou Lula e "seus" ministros derrubam Dilma ou Dilma acaba com eles e com Lula. Quanto mais ministros demitidos, acusados de corrupção, pior para Lula, que foi quem os nomeou e permitiu a mão grande. Nessa briga de cachorro grande, muitos sairão mordidos e arranhados.

Odair Picciolli pedraseartes@suednet.com.br

Extrema (MG)

________

LULA E OS MINISTROS DE DILMA

Dona Dilma não tem nada a reclamar das reuniões do ex-presidente Lula, a portas fechadas, com os seus atuais ministros, porque o que foi combinado nunca é caro. Ajoelhou, espontaneamente, tem que rezar.

Sergio S. de Oliveira ssoliveira@netsite.com.br

Monte Santo de Minas (MG)

________

AVACALHAÇÃO GERAL NA REPÚBLICA

A coisa está de tal modo avacalhada, que o advogado-geral da União, Luiz Antonio Adams, foi a um encontro com Lula, no instituto que leva seu nome, para prestar contas dos processos que envolvem o ex-presidente. Como se o advogado-geral da União fosse advogado de Lula! Onde essa gente pensa que está? Na Casa da Mãe Joana? É a avacalhação geral da República.

Maria Cristina Rocha Azevedo crisrochazevedo@hotmail.com

Florianópolis

________

NAS MÃOS DE QUEM?

Precisamos saber... desde quando o advogado-geral da União presta serviços particulares ao "ex" Lula dando conta ao mesmo do andamento dos processos que o envolvem? Estamos vivendo um momento de extrema perturbação dos valores, quando alguns que se "acham incomuns" podem usar o público como privado. As artimanhas vão desde o presidente do Senado até aqueles que já saíram e não largam a rapadura. "Brasil nas mãos do povo"? Pura balela!

Leila E. Leitão

São Paulo

________

FORBES

A revista Forbes indica que Dilma Rousseff é a 3ª mulher mais poderosa do mundo. Logicamente que com uma população de quase 200 milhões de bons consumidores, e um PIB de mais de US$ 2 trilhões, o poder da canetada da presidente é imenso. Mas, sinceramente, e sem despeito algum, gostaria que esta mesma revista até 2014 eleja a Dilma como a mulher mais capaz de administrar uma Nação.

Evidenciando que privilegiou a ética, investimentos em saúde, educação, transportes, infraestrutura, e privatizações como grande marca da sua gestão. Não será uma tarefa fácil.

Porque nos seus primeiros oito meses de mandato, as denúncias de corrupção vêm numa velocidade de um ótimo carro de Fórmula 1, o que está estagnando o governo...

Paulo Panossian paulopanossian@hotmail.com

São Carlos

________

PARTICIPAÇÃO POPULAR

A revista Forbes, uma publicação de prestígio internacional, considera a presidenta Dilma como a terceira mulher mais importante do mundo atual. Ela é superada apenas pela primeira-ministra da Alemanha e também pela secretária de Estado norte-americana. Este é um fato que merece destaque para todos os brasileiros. Estamos com um Brasil diferente, reconhecido internacionalmente. Temos problemas, mas são questões que acontecem há muito tempo, como é o caso do comportamento corrupto de políticos, mas também de servidores públicos mal intencionados e empresários que se aproveitam desses comportamentos e levam vantagens em contratos de vendas de serviços, de execução de obras públicas ou de fornecimento de mercadorias. São questões que se apresentam como um desafio para quem governa, mas a participação popular é essencial para o devido controle.

Uriel Villas Boas urielvillasboas@yahoo.com.br

Santos

________

O EXERCÍCIO DO PODER CONTRA A CORRUPÇÃO

Segundo a revista Forbes, a presidenta Dilma é a terceira mulher mais poderosa do mundo. Resta a nossa representante crer e exercer esse poder, livrando-nos, assim, com garra e coragem, dos abutres "antiverde-amarelo" que querem impedir o salto desse gigante Brasil!

Mara Fonseca Chiarelli mara.chiarelli@ig.com.br

Mogi Guaçu

________

DILMA X CORRUPÇÃO

Cada vez mais evidente a crescente corrupção que está infestando a administração pública. Os esforços da presidente, sinceros ou inseguros, representam uma luta quixotesca para a governabilidade contra um impenetrável muro de corrupção rasteira. As repetidas denúncias da mídia são insuficientes para auxiliar esses esforços, nem as vozes isolados de poucos legisladores e juízes do STJ. Essa situação é uma grave afronta à democracia de um país e nosso povo tão pacífico, mais resignado que revoltado, não se organiza para deter essa perigosa tendência.

Entretanto, considerando que essa situação afeta toda a população, sem distinção, há possibilidade de ouvir a voz do povo, através de uma proclamação conjunta das mais importantes forças vivas da sociedade, através da ampla publicação de um impactante manifesto à Nação, na mídia, jornais, revistas e TV, denunciando sua grave preocupação por esta situação, não apelando, mas exigindo aos integrantes dos Três Poderes tomarem ações necessárias para a moralização dos setores responsáveis, restabelecendo uma real democracia e um país de ordem e progresso!

Pablo L. Mainzer plmainzer@hotmail.com

São Paulo

________

FAXINA DA DILMA

Perplexidade total: surge a presidente que não esconde a corrupção e promove a saída dos corruptos e dos incompetentes, e tem gente que reclama - políticos e não políticos! Queriam o quê? Que varresse pra debaixo do tapete, como fazia o antecessor? Em nome da governabilidade? Que governabilidade? Governabilidade da safadeza? Votei no Serra, mas se soubesse que a Dilma teria as atitudes que está tendo, teria votado nela! Não afrouxe, Dilma, virei seu cabo eleitoral!

Pedro Piccoli pmpicc@terra.com.br

Curitiba

________

INICIATIVA DA FAXINA

Estamos contentes com a faxina que se inicia no governo brasileiro, reduzindo um pouco os desvios de dinheiros públicos. Parabéns à imprensa livre, que é a verdadeira motivadora dessa faxina. Não se veem iniciativas nesse sentido do governo, que somente age após ser pressionado pela opinião pública. Está muito claro que é por isso que o PT luta tanto contra a liberdade da imprensa. A presidente, que por muitos anos foi chefe da Casa Civil, deve saber muito bem da faxina que é necessário fazer. Como fazer para que ela tenha força e coragem para executá-la?

Wilson Scarpelli wiscar@estadao.com.br

Cotia

________

''RADIOGRAFIA DA CORRUPÇÃO''

Como leitor e missivista do Estadão, quero cumprimentar o professor Carlos Alberto Di Franco pelo excelente texto publicado em 22/8 (A2). Embora a corrupção seja um mal mundial (e uma característica da raça humana) e que encontra no Brasil um terreno fértil para se desenvolver, o nível absurdo atingido nos últimos oito anos e meio de governo petista é para nos deixar aturdidos. A impunidade, que garante aos comandantes do País a certeza de cada vez mais enriquecerem à custa do dinheiro público, é o nosso grande problema. Bem abaixo do seu belo texto, há uma crescente seção - Fórum dos Leitores - riquíssima de opiniões, que diariamente demonstra quantas pessoas bem intencionadas gostariam de ver uma mudança radical nesse estado crítico, lamentável e deplorável da nossa sórdida classe política. A coligação "pragmática e aética que foi concebida pelo antecessor da atual presidente, e seus asseclas ,continua dando as cartas na atual administração, cujos escalões são preenchidos pelo crime organizado. A enxurrada de demissões é apenas um jogo de cena, pois as moscas varejeiras apenas mudam de posto.

Desaparecem aqui, aparecem acolá, sem que uma enxurrada de punições promova uma faxina ética e honesta."Submergem estrategicamente, caem no esquecimento e voltam para roubar mais". Quem não consegue uma vaga no Senado ou no governo estadual, logo é premiado com um Ministério. Os cargos são criados para determinadas pessoas e nunca, jamais, escolhe-se pessoas talhadas, preparadas, instruídas para os cargos. É assim com Ciência e Tecnologia, com Defesa, com Transportes, com Turismo, com Agricultura, com Pesca, com Cultura e, pasme, com Educação! A política é a arte da negociação mas não pode ser a ferramenta da bandidagem. Quando grandes juristas e o Executivo acham que meliantes, ladrões do dinheiro público apareçam algemados ao povo, seja "inadmissível", "escracho", mostram, claramente, qual é o tipo de ética que perseguem. Como missivistas do Estadão - eu mesmo me manifestando através de três ou quatro cartas diárias - cansamos de pressionar autoridades do STF, através de cartas, telegramas, petições públicas. Não vemos sucesso em "desinstalar a rede criminosa do coração do Estado brasileiro". O lobby do crime organizado é muito mais eficiente que nós, que executamos um trabalho de Sísifo. Caso o Sr. analise as cartas do Fórum, verá que os leitores não atiram a esmo. Concentramos, pressionamos e criticamos. Mordemos e não soltamos.Inclusive, incomodamos.

Tempos atrás sugeri ao Estadão que se criasse um Impostômetro, para que o povo saiba e acompanhe de forma didática, quanto dinheiro foi surrupiado do seu bolso e por quem. Se temos um Impostômetro, que nos avisa quanto entra, por que não sabemos quanto se perde? Quanto ao movimento nas ruas, numa "magnífica balada da cidadania", sou completamente cético. A classe média, mais informada e educada, é omissa. Ainda mais desprovida de apoio de qualquer tipo decente e honesto de oposição, que simplesmente segue ao "se não pode com o inimigo, adere". As massas miseráveis, totalmente reféns do populismo interesseiro e da desinformação jamais sairiam da sua "cômoda" situação do Bolsa-Família, para ouvir o que a classe média teria a dizer, caso esta se propusesse a falar.

Flavio Marcus Juliano opegapulhas@terra.com.br

São Paulo

________

O COMBATE À CORRUPÇÃO

O artigo de autoria do professor e jornalista Carlos Alberto Di Franco foi magistral (aliás, o são todos os seus artigos das segundas-feiras) e mostra claramente o problema da corrupção e bandidagem e como fazer para combater. O artigo é um roteiro a ser seguido com persistência por todos nós, para salvar o nosso país dessa praga que vem consumindo a nossa esperança. Esse artigo é digno de constar dos anais, pelo seu elevado conteúdo (placar da corrupção, morder e não largar). Os cumprimentos ao professor Carlos Alberto e ao nosso Estadão.

Francisco Petrini franpetri@yahoo.com.br

São Paulo

________

NÃO NOS ABATAMOS COM A CORRUPÇÃO

Correto e oportuno o artigo de Carlos Alberto Di Franco que exorta o povo brasileiro a afastar a desolação criadora de um inconsciente coletivo negativo em relação à corrupção. Temos instituições sólidas e agentes públicos íntegros capazes de revertê-la ou de reduzir significativamente suas proporções, com a participação do povo e da imprensa. Como assinalou em matéria publicada ontem o professor Celso Lafer, a pior corrupção (sinônimo, em latim, de destruição) é a que incide sobre as consciências e que se inclinariam ao mecanismo alternativo produto do imaginário do populista e desequilibrado Jânio Quadros: ou acabamos com a corrupção, ou locupletemo-nos todos...

Amadeu R. Garrido de Paula amadeugarridoadv@uol.com.br

São Paulo

________

ONDE ESTÃO OS NOSSOS ANNA HAZARE?

É gratificante ver na Índia, o ativista Anna Hazare, 74, repetir os métodos pacifistas de Gandhi e mobilizar o país em sua cruzada anticorrupção. E no Brasil? Por que não vemos nada parecido por aqui ? Estamos atolados em grossa corrupção - talvez ainda pior do que na Índia - e assistimos passivamente o erário público ser dilapidado por políticos e empresários corruptos, em total impunidade. Afinal, onde estão os nossos Anna Hazare? Até quando iremos tolerar que esses bandidos ''privatizem'' o Estado e só usem a coisa pública em benefício próprio? Se as instituições funcionam mal, então o povo deve se revoltar e assumir o comando. Chega de inércia e passividade diante de tantos abusos, corrupção e impunidade.

Renato Khair renatokhair@uol.com.br

São Paulo

________

POLTRONA DE PREGOS

Senhora Dilma, excelentíssima presidente do Brasil, a senhora deve estar ouvindo falar em nossa movimentação, a poderosa sociedade civil do Brasil está se movendo e promoverá e executará caminhadas pacíficas por todo seu feudo, o nosso país! A senhora está convidada, seus asseclas e (in)subordinados também, mas creio que não aceitam nosso convite. A senhora compactuou muito tempo com isto que está explodindo agora, sua eleição valeu este lupanário que está aí em Brasília. Na disputa presidencial, valendo a cadeira de pregos do Planalto, vocês aceitaram qualquer preço, agora paguem o que foi estabelecido, questão de honra, essa palavra em desuso! Dói muito saber que aquele pessoal convicto, que realmente pegou em armas na esperança de fazer um país sério, com chances igualitárias para a maioria, juros financeiros normais, trabalho que se mostra na realidade, falta de corrupção ou ao menos punição, apuração de toda e qualquer falcatrua, essa gente convicta está por aí, vagando ao sabor do vento, sem força para mais nada, birutas humanas! Coloque mais uma almofada em sua poltrona de pregos!

Mauricio Villela mauricio@dialdata.com.br

São Paulo

________

ACESOS

Os paulistanos querem mobilizar 1 milhão de cidadãos conscientes através da internet numa passeata na Av. Paulista contra a corrupção. A ideia é excelente e louvável, especialmente para uma cidade que consegue mobilizar 2 milhões de gays ou de religiosos em passeatas gigantescas. Porém, a indignação não é só dos paulistanos, mas dos brasileiros de todos os cantos e níveis sociais, de norte a sul e de leste a oeste. Então, em vez de 1 milhão, vamos mobilizar 78 milhões de cidadãos num simples gesto: vamos acender os faróis dos carros no Brasil todo e mostrar que o País está indignado com a corrupção e com o modelo eleitoral falido. Acenda os faróis do seu carro e passe essa ideia para frente numa corrente pela ética e pela decência na política.

Comece agora e faça a sua parte. Em breve o País inteiro vai estar aceso e cobrando atitudes dos políticos.

José Aparecido Ribeiro jaribeirobh@gmail.com

Belo Horizonte

________

ADEUS, PÁTRIA AMADA

E não adianta espernearmos... A corrupção está ai e a punição é apenas demissão. Não há processos aos corruptos. Eles ficaram ricos roubando e, desempregados, poderão viajar para onde quiser. Nós continuaremos palhaços num país onde o povo não quer saber de ler, estudar, ter uma vida digna. Qualquer emprego serve para esse povo, qualquer político vagabundo e ladrão está bem para esse povo, e infeliz será o político que roubar pouco, porque será humilhado por esse mesmo povo, que dirá: esse político foi mesmo muito besta! Nossas instituições estão falidas, servem apenas como fachada, nossa democracia é falsa. Nossos políticos sabem que nada adiantará ao povo reclamar ou escrever aos jornais e à Internet. Por isso continuaremos sem hospitais, sem segurança, sem salário digno, sem coisa alguma. Teremos apenas o futebol como cenário que, com a ajuda da mídia, faz o povo delirar. Adeus, Pátria amada, Brasil. Já era! Este país pertence aos vagabundos!

Alberto Nunes albertonunes77@hotmail.com

Itapevi

________

PELA PORTA DA FRENTE

A corrupção no Brasil criou metástase, virou rotina no meio político em qualquer nível, tanto municipal, estadual ou federal. Não é mais novidade. Só tem um porém: alguém já viu algum candidato entrar pelas portas do fundo a mão armada e tomar o poder? Não sejamos hipócritas, eles entram pela porta da frente, alguns reeleitos e com o nosso voto, além de tudo consciente.

Arnaldo Luiz de Oliveira Filho arluolf@hotmail.com

Itapeva

________

REFORMA

Os políticos que aí estão não farão uma profunda reforma político-partidária-eleitoral capaz de, na luta pelos cargos de mandato, premiar a retidão e conter a sanha dos corruptos e aproveitadores, a menos que sejam tangidos pela sociedade. Ou a sociedade brasileira reage e participa, ou nos afundaremos cada vez mais no atoleiro. De fundamental importância é a questão dos dinheiros das campanhas eleitorais.

Euclides Rossignoli euros@ig.com.br

Itatinga

________

QUANDO VOLTARÁ O DINHEIRO?

Afinal, com essa roubalheira toda em vários órgãos do governo onde houve corrupção, os valores já foram ou deveriam ser bloqueados. Vai demorar o tempo que levou a faxina dos escombros dos aviões da Vasp e Varig! A Justiça tem vários meios de fazer tal bloqueio, como a penhora online e outros mais. Falta o quê? Coragem! Esse dinheiro é do povo e para o povo deve voltar!

Maria de Mello nina.7mello@uol.com.br

São Paulo

________

COMPLACENTE

É uma irresponsabilidade a complacência com a corrupção demonstrada pelo governador Jaques Wagner ao afirmar que erigir como bandeira seu combate seria um "desserviço" ao País (25/8, A3). Qualquer um em cargo de gerência, administração ou liderança sabe que se deve exigir o máximo para conseguir um pouco menos, havendo sempre uma degradação no resultado desejado. Assim, quando um governador dá sinais de tolerar atos ilícitos e contrários às leis e à Constituição, argumentando ser comum, ou ocorrer no mundo todo, é como dizer a todos que o desvio de dinheiro público é aceitável desde que dentro de limites. Isso não pode continuar! Devemos exigir de nossos governantes mais responsabilidade e respeito às leis. Com a atitude do sr. Wagner não é de se admirar que a corrupção continue se espalhando; e os honestos sofrendo na senzala de altos impostos, enquanto os donos do poder impunemente se festejam na casa grande!

Silvano Corrêa scorrea@uol.com.br

São Paulo

________

GASTOS DE CAMPANHA - GLEISI HOFFMAN

Não é preciso procurar nada, basta explicar a lógica em se gastar R$ 8 milhões na eleição de um político para um mandato de 96 meses, ou seja, R$ 83 mil por mês. Qual a recompensa para tamanho investimento?

Silvio Barboza Silvio gerencia.higiene@multi-uso.com.br

São Paulo

________

ESCÂNDALO NA PESCA

Será que agora a Ideli conseguirá se "Salvati"?

Mohamed Abdalla Kilsan kilsanabdalla@terra.com.br

São Paulo

________

IDELI

Quando a ministra pedirá demissão? Salvatti terá como se salvar?

Robert Haller robelisa1@terra.com.br

São Paulo

________

SOBREVIVENDO

Nasci na Itália e com mais ou menos seis anos me disseram que eu era um filho da loba, daquela loba que amamentou os fundadores de Roma, Romolo e Remo. Alguns anos depois virei balilla, nome de um corajoso rapaz genovês que iniciou uma revolta contra a ocupação austríaca. Os austríacos eram os malvados inimigos da pátria e meu dever era amá-la e defendê-la em nome do Rei e do Duce. Depois veio a guerra e os antigos inimigos do norte viraram nossos amigos e aliados. Era comum murmurar a respeito da pérfida Albione, do rei Giorgetto da Inglaterra e da derrota da França. Passou um tempo e enquanto os americanos bombardeavam nossas casas, o Duce ficou preso, o rei fugiu e ninguém mais sabia quem era amigo e quem inimigo. Neste período, como nos jogos de futebol os italianos se dividiram em dois times, pro e contra aqueles que provisoriamente estavam por cima. Nunca gostei de futebol e fiquei neutro. Logo depois fomos libertados dos nazi-fascistas pelos americanos. Ganhamos sopa enlatada e cigarros Lucky Strike. O mercado negro foi o começo da globalização que trouxe de volta para Itália todos os mafiosos que o fascismo tinha expulsado. Mais tarde casei e sou me sobrou tempo para trabalhar e tentar de melhorar de vida. Resolvei tentar a sorte e mudei para o Brasil. Vivi uma época de trabalho seguro e vida tranqüila sob a mão severa do governo militar. As crianças uniformizadas iam para escola sem medo de balas perdidas, o malandro era simpático, o povo educado. Ma aqui também nada era como parecia ser e vim saber que a ditadura tinha feito horrores, torturado e matado. As esquerdas triunfaram. Os assaltos a bancos feitos durante a ditadura foram considerados atos de heroísmo. Depois de um burguês de inteligência avantajada um operário barbudo ficou presidente da Republica e finalmente o Brasil ficou o país do futuro. Esquecidas as falsas teorias socialistas passamos a imitar a América do Norte e conseguimos ter shopping, outlets, carros e engarrafamentos a vontade, bancos enriquecendo vertiginosamente, o pais crescendo e oferecendo aos donos do poder magníficas ocasiões de por a mão no bolso do próximo, que somos nos. Justiça é feita, os países ricos estão na miséria, o Brasil é imune as crises econômicas, simples marolas que não assustam. Nesta nossa terra abençoada ainda temos alguns probleminhas na saúde, na educação, na segurança, nas estradas, nos portos, nos aeroportos, na justiça e na ética manchada por um exíguo grupo de corruptos. Teremos a copa e as olimpíadas e milhões de pessoas poderão constatar nossos sucessos.

Franco Magrini framagr@ig.com.br

Cachoeira Paulista

________

ENQUANTO ISSO...

Onde será que a ex-primeira dama obteve os R$ 600 mil para aplicar em ações da Previ?

Maria Regina Alves Barbosa mre_barbosa@hotmail.com

São Paulo

________

REPÚBLICA PETISTA

Na aparelhada república petista, os jovens que lutem, os adultos que se agarrem e os velhos que se explodam.

João Henrique Rieder rieder@uol.com.br

São Paulo

________

ONERAÇÃO PERNICIOSA

Quantidade é a palavra de ordem do PT. Qualidade, nem pensar! Quantidade de companheiros pendurados nos ministérios e nos cargos de confiança é o lema! Fazer levantamentos, obter informações junto aos setores produtivos, analisar dados, tirar conclusões, a fim de propor soluções viáveis, com qualidade, "vichi, nem pensar! Isso dá muito trabaio, Sô!. Chuta qualquer coisa prá frente que quem sabe da gor! Não é nosso mentor mor que gosta de propor tudo com base no futebor e quem nos ensinô que não é da pena estudá?"

Carlos Leonel Imenes climenes@ig.com.br

Belo Horizonte

________

SEMELHANÇAS FUNDAMENTAIS, PATRIOTISMO E GENEROSIDADE

O editorial Aliança contra a miséria, de 20 de agosto de 2011, deve ser altamente elogiado pelo espírito conciliador. A sabedoria demonstrada por nossa presidente Dilma e pelo governador Alckmin é exemplar. Tanto no reconhecimento por aquela de que nossa cidadania anseia por "semelhanças nas questões fundamentais" como na declaração deste de que "ultrapassamos o período de disputas". Na área habitacional, tenho convicção de que serão concretizadas metas desafiadoras. Mais de trezentas mil moradias poderão ser viabilizadas no estado até 2014, devido à decisão do chefe do executivo paulista de contribuir com o programa Minha Casa Minha Vida, acrescentando recursos estaduais advindos do ICMS aos subsídios federais. A sinergia fará com que haja sucesso onde cada programa - federal ou estadual - encontra dificuldades em cumprir suas metas individualmente. É preferível colaborar inteligentemente na construção em conjunto de mais de trezentas mil moradias a tentar como Dom Quixote lutar solitariamente pela possível execução de poucas dezenas de milhares "só pela vaidade de chamar de suas". Parabéns ao Brasil ético e colaborativo!

João Crestana, presidente do Secovi-SP, presidente da Comissão Nacional da Indústria Imobiliária da CBIC j.torrear@uol.com.br

São Paulo

________

PACTO REPUBLICANO

FHC e Alckmin reuniram-se com Dilma para fazer um pacto republicano. FHC parece que se esqueceu que ele pertence ao PSDB, cuja representatividade no Congresso é insignificante. Se ele quer mostrar sua verdadeira face de amigo de Lula e do PT, está sendo coerente, como foi nas eleições de 2002, 2006 e 2010 nas quais não mostrou o mínimo interesse em ajudar os candidatos do PSDB.

Francisco Samuel Fiorese samucafiorese1@yahoo.com.br

Campinas

________

REGIÃO VALORIZADA

Agora o povo entende por que o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, não queria que o aeroporto Internacional de Campinas (Viracopos) fosse reformando para ser moderno de grande porte, e nem apoiou o trem-bala ou trem rápido: é que aparentemente já estava tudo planejado para investir em outra região. Com a criação da Aglomeração Urbana de Jundiaí (AU). Reuniu os municípios de Cabriúva, Campo Limpo Paulista, Itupeva, Jarinu, Louveira, Várzea Paulista e Jundiaí e, claro, por causa disso ele queria construir o Aeroporto Internacional em Jundiaí, tudo leva a crer que essas terras em volta da cidade vão valorizar muito, será que tem muitos deputados, prefeitos e outros políticos com propriedades nesta região?

Anderson Aparecido dandersonaparecido@yahoo.com

Hortolândia

______

INVESTIMENTOS

Muito se tem falado sobre a entrada de capital estrangeiro no País. Tem havido um destaque favorável ao capital de investimento e uma crítica ao capital especulativo. Tudo bem. Mas não vejo análise ou comentário algum sobre o capital de investimento que não vem para ampliar o nosso parque industrial, mas simplesmente para adquirir instalações já existentes. Nesses casos há apenas uma mudança de propriedade inclusive com desnacionalização das nossas indústrias ou até mesmo da área de serviços.

Paulo Ferreira de Souza Filho pfsf04@globo.com

São Paulo

________

SOBRE CELSO, CEZAR E LULA, PARA VARIAR...

Celso Daniel morreu em 2002, no raiar na Era Lula, pois empecilhos são para serem tirados do caminho mesmo. E já estamos em 2011, no interregno de seu governo... uma pausa necessária para não ferir a pobre Constituição e também poder ganhar uns cobres dando palestras sobre blábláblá, pagas regiamente por empresas que foram favorecidas por Lula durante os 8 anos de seu reinado. Um verdadeiro toma lá, da cá. Há quatro anos o ministro do STF Cezar Peluso pediu vistas no processo no qual é acusado Sergio Gomes, o Sombra, de ser o mandante da morte de Celso Daniel. Pobre Sombra... este processo já lhe rendeu até um infarto, imagine a barra que tem que segurar , pois se abrir a boca para se defender da falsa acusação, vai para céu, e se fechar a boca vai preso. O dilema nem é tão grande assim... Cacciola que o diga, pois a prisão passa rapidinho. E há quatro anos que o ministro Cezar Peluso continua dando vistas... Realmente, quatro anos é pouco para um ministro entender o juridiquês cada vez mais confuso que é empregado pelos advogados nos processos, porque são tantas as brechas utilizadas pelos defensores para livrar a cara de seus clientes bandidos, que fica até difícil vinculá-la a uma lei... Bom, espero que as vistas estejam no fim... pois mais de oito testemunhas de acusação já embarcaram para o andar de cima, sem que ninguém atentasse para esta infeliz coincidência... e se for para no final julgarem que Celso Daniel se matou porque estava estressado, e que, portanto, não existem culpados, que isso se faça mais rápido, para tirar o bonde deste processo da frente, pois que atrás vem gente. (Se o tom de meu comentário fere o protocolo devido à toga de um ministro, a demora deste processo fere a dignidade do povo brasileiro, mas principalmente fere a memória de Celso Daniel .)

Mara Montezuma Assaf montezuma.scriba@gmail.com

São Paulo

________

GILBERTO CARVALHO

Como é que pode o senhor Gilberto Carvalho, acusado de levar dinheiro desviado da prefeitura de Santo André para José Dirceu - à época em que o prefeito Celso Daniel foi morto -, ter sido secretário particular de Lula e ter se transformado no atual secretário-geral da Presidência da República, sendo que responde a processo pelo esquema de corrupção?! Não tem alguma coisa que cheira mal nisso tudo, não?

Conrado de Paulo conrado.paulo@uol.com.br

Bragança Paulista

________

CACCIOLA LIVRE!

Realmente no Brasil o crime compensa! O ex-banqueiro Cacciola está livre depois de ficar apenas três anos preso por dar prejuízo aos cofres públicos de mais de R$ 1 bilhão. Não devemos nos surpreender se daqui a pouco estiverem livres também Beira-Mar e Marcola. Que sensação temos nós, pais que criamos nossos filhos cidadãos íntegros, honestos e cumpridores dos deveres cívicos, porque com certeza se fossem bandidos teriam mais chance de ficarem milionários em pouco tempo. Trabalhador honesto no Brasil raramente fica rico, porque aqui na banãnia basta ter bons advogados para que nas milhares de brechas do nosso intricado sistema judiciário arrumem um jeito para que todos sejam soltos, o que para um milionário como Cacciola fique mais facinho ainda. Basta molhar as mãos das "ortoridades"! Pobre Brasil!

Beatriz Campos beatriz.campos@uol.com.br

São Paulo

________

O GRANDE NEGÓCIO

É, seu Salvatore Cacciola! Eu tenho certeza que você ficou p da vida quando as autoridades brasileiras lhe prenderam pela simples atitude de ter praticado um rombo bilionário dos cofres públicos. Mas aos poucos sua raiva foi passando e você foi entendendo que o Brasil é o grande amigo dos contraventores, sequestradores, assassinos, terroristas, narcotraficantes, corruptos... País maravilhoso! Amigo dos bandidos, até o seu conterrâneo Cesare Battisti foi recebido de braços abertos dando uma banana aos brasileiros honestos e inclusive ao seu próprio país, a Itália. Cacciola, você não pode guardar mágoa do Brasil: lembra-se de que até para fugir da prisão você não teve dificuldades? Você é um homem inteligente e é claro que chegou a conclusão que voltar preso aqui, no país da impunidade, seria o seu grande negócio... Jamais iria cumprir a prisão tanto propalada! Dito e feito. Fez de conta que cumpriu sua pena, e tchau, tchau, bambino! Você e aqueles bilhões estão livres e soltos. Tenho certeza que hoje você está amando o nosso querido e maltratado Brasil, e nada de devolver a grana!

Benone Augusto de Paiva benonepaiva@yahoo.com.br

São Paulo

________

COMO UM PÁSSARO

O Cacciola, ao sair da prisão, disse em alto e bom som: free as a bird? No Brasil é muito bão (bão mesmo) ser larápio do colarinho de qualquer cor. Rouba-se bastante, contrata-se um advogado digenio ou da família, foge-se do País, por qualquer fronteira, pagando um pequeno valor, e depois se volta ao País na marra, para inglês naturalizado ver, e ficamos bonzinhos na prisão com muitas mordomias. Então, após um ano e pouco do um bilhão afanado ninguém mais lembra nem fala, só no alvará de soltura.

Isso não é um paraíso fiscal, é um país paraíso? Que bom ser rico, corrupto e sonegador no país do "faz de conta que alguém prende ricos e sacanas".

Asdrubal Gobenati asdrubal.gobenati@bol.com.br

Rio de Janeiro

________

CIDADÃO BRASILEIRO?

Cesare Battisti recebeu cédula provisória de estrangeiro, concedida pelo Ministério da Justiça. Vai poder circular em qualquer lugar no Brasil, sem ser incomodado. O "coitadinho" está morando de favor na casa de um amigo no litoral. Agora uma "boa ideia para o Lulla" (que perigo): que tal arrumar uma bolsa família para o "inocente Battisti"?

Newton Flora nfcomunicacoes@uol.com.br

São Paulo

________

PRESOS

Causa no mínimo estranheza o fato de pais de presidiários estarem aos prantos pelo fato de terem que sustentar seus filhos prisioneiros (caderno Metrópole, edição de 21 de agosto, pág. C1). Considerando que ninguém dorme honesto e acorda bandido, onde estavam esses pais quando suas crias começaram a mostrar desvio de comportamento? Que paguem pela sua omissão, pois.

Antonio Carlos Monteiro tonyrock@terra.com.br

Campinas

________

MST E IMPUNIDADE

Incentivado pela impunidade de sempre o MST invadiu novamente a fazenda da empresa Cutrale, a mesma que no ano passado foi notícia internacional devido à depredação praticada por este grupo que é alimentado pelo dinheiro público. Muito mais incentivados ainda ficam os seus componentes quando o secretário-geral da Presidência e a ministra da Casa Civil os recebem. Será que estes dois importantes ministros não tem nada mais importante a fazer e deixam seus compromissos com o país para falar com estes baderneiros que se impõe pela força bruta, arrasam plantações de fazendas produtivas, ameaçam os funcionários, depredam instalações e ferramentas? Se há o ministro da Reforma Agrária e o presidente do Incra que deveriam estar à frente nestas situações o que estes importantes auxiliares da presidência foram fazer ao se encontrar com os líderes deste grupo criminoso? Quando se tem notícia de que na Inglaterra foram presos os arruaceiros que participaram das depredações e saques em Londres e imediatamente foram julgados e condenados compreende-se porque aqui no Brasil o crime e a violência se expandem cada vez mais. Além de não serem punidos os arruaceiros, ladrões e assassinos neste país são muitas vezes recebidos como grandes cidadãos até por ministros.

Sem falar nos escândalos dos políticos, que são sempre deixados para lá...

Maria Tereza Murray terezamurray@hotmail.com

São Paulo

________

DESMEMBRAMENTO DO PARÁ

Concordo plenamente com o Sr. Marco Aurélio de Mello, que afirma que o plebiscito deveria ser nacional, e não apenas paraense. Pois caso o desmembramento do Pará seja aprovado, quem é que vai pagar os salários dos novos governadores, deputados federais, senadores e apadrinhados? Todos os brasileiros que trabalham e pagam seus impostos em dia. Na minha opinião, para diminuir a roubalheira neste país, é necessário o enxugamento da máquina pública, por isso o governo federal deveria fazer um plebiscito nacional para que pudéssemos dizer que queremos menos prefeitos e vereadores, menos governadores, deputados estaduais e federais e senadores, menos ministros, menos cargos de confiança, enfim, menos vagabundos mamando nas tetas do governo.

Maria Carmen Del Bel Tunes Goulart carmen_tunes@yahoo.com.br

Americana

________

PONTO FINAL NA ERA KADAFI

Demorou, mas está chegando o fim do ditador Muamar Kadafi, que reinou por 42 anos e sufocou o seu povo de todas as formas. Agora chega a hora dele sentir a dor que a sua gente agonizou por mais de três décadas. Qual serão o futuro da Líbia e seu povo, só o tempo poderá mostrar ao mundo. A guerra acirrada que vem se arrastando por um bom tempo, tem deixado aquele país num verdadeiro destroço. Difícil é saber como aquele povo tem sobrevivido a tanta violência, miséria e fome. A força e resistência dos rebeldes se devem a ajuda externa. Os conflitos internos de um país deixaram de ser apenas do país. No mundo globalizado, os países de ponta como os Estados Unidos da América (EUA), Inglaterra e França, intercedem sempre que há conflitos de guerra em países do mundo e dão ajudas em equipamentos, alimentos, e armas bélicas. O mundo globalizado está supervisionado pelo país líder mundial que são os Estados Unidos (EUA) e, qualquer país que entre em situação de guerra não ficará fora da interferência do líder mundial e forças aliadas. Na guerra de Muamar Kadafi, os Estados Unidos, França e Inglaterra contribuíram para o avanço e vitória parcial ou total dos Rebeldes e, assim será quando ocorrer a mesma situação com qualquer país do mundo. Os países que pensam em armar até os dentes no mundo de hoje, é mera vaidade, que de nada servirá em caso de guerra. Alias, em se tratando de guerra que começa de um país contra o outro, logo surgem interesses de outros países apoiarem o "lado a "ou lado b" e assim, o mundo todo fica envolvido no problema que vira um problemão. A guerra sempre existiu. mas depois que a tecnologia tomou conta de toda atividade humana, a guerra se tornou de ameaça para o mundo todo. O armamento bélico de alta potência como mísseis, bombas atômicas e outros artefatos de precisão, dispensa no ataque final o confronto direto de tropas. O país mais bem preparado aperta um botão e decreta o final do conflito ou cala o mundo inteiro para sempre. Kadafi está prestes a ser calado, mas sem a necessidade do uso de armas bélicas que seria usado em casos de confronto entre duas grandes potências. Ainda bem que a guerra de Kadafi ficou restrita ao território líbio. Apesar dos destroços e misérias que gerou a guerra dos Rebeldes contra as forças do ditador Kadafi, as ajudas que chegarão ao país, devolverá ao povo sofrido o direito e recursos para recomeçar a batalha pela vida, bem estar social e econômica. O mundo só pára quando acontecer um holocausto total que dizima vidas e todos os recursos que o planeta tem para tornar viável a existência de vida.

Paul Morin paulmorin2002@terra.com.br

Curitiba

________

CADÊ?

O Kadafi se eskadafedeu...

Victor Germano Pereira victorgermano@uol.com.br

São Paulo

________

ESPERANÇA

Kadafi, a cada fim do dia, levanta os olhos para o céu, à procura da retomada da ditadura. Tirano, não consegue tirar dos rebeldes a força da libertação. Ditador, continua ditando a dor de seu povo, líbios dúbios, cansados de tanta opressão. E seu quartel-general, símbolo máximo de sua ação é tomado, revisitado, revistado. Na celebração de uma vitória, sua estátua é desmoronada, e a cabeça caída, vencida, rola ao chão sob a mira das armas de jovens, antes tão desarmados, desesperançados, porém agora, ao olharem para o céu, ansiosos pelo que há de vir, percebem na claridade das nuvens o porvir de um raio de esperança...

Cacilda Amaral Melo cacilda09@uol.com.br

São Paulo

________

IDEOLOGIA? DIREITOS HUMANOS? QUE NADA

O Brasil é de retórica ímpar ao se referir a questões ideológicas, de direitos humanos, de solidariedade entre os povos. Mas na prática o que importa são os negócios, a grana, os dólares, os dinares. Embaixador brasileiro no Cairo mantém contatos com os rebeldes líbios, através do presidente do Conselho Nacional Transitório, preocupado, não com as pessoas, mas com as empresas brasileiras que atuam na Líbia. Que tristeza!

Luiz Nusbaum lnusbaum@uol.com.br

São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.