Cartas

Cartas

MEIRELLES NO BC

, O Estado de S.Paulo

03 Abril 2010 | 00h00

Político de qualidade

"Sem apoio do PMDB, Meirelles desiste de eleição e fica no BC." Nesse caso, graças a Deus que esse partido não aceita político de qualidade.

OLYMPIO F. DE A. CINTRA NETTO ofacnt@yahoo.com.br

São Paulo

___________

Sábia opção

Henrique Meirelles foi eleito em 2002 pelo PSDB a uma vaga de deputado federal do Estado de Goiás e não chegou a assumir a cadeira no Congresso Nacional por ter aceito o cargo de presidente do Banco Central (BC) no governo Lula. Quinta-feira, Meirelles resolveu sabiamente continuar no cargo do BC. A seriedade de sua atuação à frente dos destinos econômicos do País não poderia ser trocada pela incerteza nebulosa que se tornou a indicação do candidato à Vice-Presidência da República na chapa do maior engodo surgido na história recente da política brasileira: Dilma Rousseff.

VICTOR GERMANO PEREIRA victorgermano@uol.com.br

São Paulo

___________

Quase uma barbada

A permanência de Meirelles à frente do BC em fim de governo mostra seu desprendimento a cargos eletivos. Meirelles demonstrou lealdade ao presidente Lula. Merece respeito por sua conduta e isso o mercado reconhece. Lamentável mesmo é que seu nome não tenha sido cogitado para o lugar de Dilma. Seria, provavelmente, uma barbada.

JOSÉ PIACSEK NETO bubapiacsek@yahoo.com.br

Avanhandava

___________

Interesses pessoais

Parabenizo o presidente do Banco Central, verdadeiro baluarte de nossa economia nos últimos sete anos. Ele tinha condições de ser eleito governador, senador ou até ser vice-presidente. Mas preferiu permanecer no cargo. Oxalá mais pessoas pensassem como ele, colocando interesses pessoais em posição secundária.

PLINIO ZABEU pzabeu@uol.com.br

Americana

___________

EDUCAÇÃO

Conferência Nacional

Sem dúvida, o piso salarial dos professores deve ser aplicado e até melhorado. O que está errado no discurso do presidente Lula na Conferência Nacional de Educação é que ele continua com o mesmo discurso populista de palanque. Ele não é tão veemente, por exemplo, quando o assunto diz respeito ao aumento dos benefícios dos aposentados que estão à míngua.

DAVID NETO drdavidneto@uol.com.br

São Paulo

___________

SAÚDE PÚBLICA

Antibióticos

O estabelecimento da agência reguladora Anvisa foi um importante "passo democrático", segundo seu assessor-chefe (Fórum, 30/3). Mas pretender exigir receita médica para antibióticos e anti-inflamatórios é, no mínimo, ignorar que 75% da população é atendida nos ambulatórios públicos, sem médicos, com filas homéricas, isso nos centros urbanos. No campo, não há ambulatório nem médico. Talvez passe a ter, com o advento do PAC 3 ou 4. Aceitem, pois, uma sugestão: deixem como está, até o novo PAC da Saúde ou a volta da CPMF, como sonha o nosso presidente.

A. THEODORO DA SILVA FILHO adgeral@ig.com.br

Mairiporã

___________

NOVA MARGINAL

Relatórios e licenças

O editorial A nova Marginal (1.º/4, A3) resume a importância social, econômica e ambiental da reforma da Marginal e, nesse ponto, coincide com o julgamento da Secretaria do Verde e do Meio Ambiente (SVMA) e do Conselho Municipal do Meio Ambiente (CMMA) ao conceder a licença para a obra. Sobre a reportagem do caderno Metrópole no mesmo dia (C4), a SVMA informa que a fiscalização feita pelo repórter na véspera nós a fazemos semanalmente, e relatórios são encaminhados à Dersa com balanços de cumprimento das exigências da licença. A obra foi entregue parcialmente (como, aliás, é lógico e necessário neste caso) e não está concluída. A licença de operação, que é a etapa última do licenciamento, só será concedida no final da obra e, aí sim, poderemos fazer um balanço completo das obrigações assumidas pela Dersa. A SVMA saberá cobrar adequadamente todos os itens que foram exigidos pelo CMMA.

EDUARDO JORGE, secretário do Verde e do Meio Ambiente ecribeiro@prefeitura.sp.gov.br

São Paulo

___________

ESPORTES

Projeto de Lei nº 564/06

Ao vetar o PL que determina o fim dos eventos esportivos até as 23h15, o prefeito Gilberto Kassab mostra falta de sensibilidade. O que o povo necessita é de silêncio, sossego e, sobretudo, segurança. Infelizmente, quanto mais a população precisa de verdadeiras ações de seus governantes, mais os políticos decepcionam.

VANDERLEI ZANETTI vanzanetti@uol.com.br

São Paulo

___________

A esperança é de que a Câmara mantenha sua promessa de derrubar a decisão do Executivo, mostrando que ainda há políticos que não se rendem à pressão de empresários inescrupulosos.

JORGE ERNESTO BULGARELLI bulga@superig.com.br

São Paulo

___________

COPA DO MUNDO 2014

O Morumbi não serve

Sobre a realização dos jogos da Copa no Estádio do Morumbi, ficou clara a visão tacanha de Ricardo Teixeira, presidente da Confederação Brasileira de Futebol (CBF). Não gosta de São Paulo e ponto final. A cidade não vale R$ 1 para ele. Deixem a coisa para o Estado do senhorio da CBF, que tem mais condições financeiras de promover o evento. A coluna de Antero Greco (São Paulo e a Copa, 2/4, E2) mostra bem o que nos espera.

ANTONIO FERNANDO FERREIRA rdseg@terra.com.br

São Paulo

___________

ESTRADAS

BR-381

Mais cinco pessoas morreram, quinta-feira, num acidente na BR-381. Em 2008-2009, quase 1.500 pessoas morreram na estrada de Minas. O Brasil, que vai gastar bilhões com a festança da Copa e a farra da Olimpíada, não tem dinheiro para salvar a vida de seus filhos.

THOMÉ SANTOS thome.santoss@yahoo.com.br

Belo Horizonte

___________

"Procurador quer enquadrar Sarney em teto salarial... Nós, aposentados do INSS, não corremos esse risco"

VIRGÍLIO MELHADO PASSONI / PRAIA GRANDE, SOBRE O SALÁRIO DO SENADOR

mmpassoni@gmail.com

"Dizer que a educação melhorou é brincadeira..."

LUIZ AUGUSTO DE OLIVEIRA SALES / SÃO PAULO, SOBRE O DISCURSO DE LULA NA CONFERÊNCIA NACIONAL DE EDUCAÇÃO baraolaos@uol.com.br

"A melhor solução seria investir em ciclovias"

ADILSON ROBERTO GONÇALVES / LORENA, SOBRE O TRÂNSITO EM SP

priadi@uol.com.br

___________

Você no estadão.com.br

Total de comentários no portal: 1.253

TEMA DO DIA

Israel lança ofensiva na Faixa de Gaza

Aviões bombardeiam 9 alvos em resposta a milícias palestinas; o Hamas pediu apoio internacional

"Infelizmente, essa é a única linguagem que o Hamas conhece e isso é muito triste. É questão de sobrevivência para Israel." CARLOS LIBERMAN

"Ouvi um rabino propor a um xeque: com trégua e as crianças ensinadas no caminho da paz, em uns 20 anos ela chegaria." ALFREDO JUNIOR

"Beirute e Tel-Aviv se parecem muito. O povo não quer guerra, só os radicais dos dois lados. O mesmo vale para os palestinos." SÉRGIO BUASSALI

_____________________________________________________________

''''''''Cartas enviadas ao Fórum dos Leitores, selecionadas para o Estadão.com.br''''''''

SAÚDE DE MAL A PIOR

Enquanto a saúde vai de mal a pior com erros médicos, pacientes morrendo contaminados, por causa da falta de higiene ,com funcionários terceirizados sem preparo e mal remunerados, se houve falar de médicos com altos salários mais salário de comissionamentos, e recebendo por um único dia de plantão mais de 2 salários mínimos fora a complementação salarial com verba do SUS, que em alguns casos chega a ser mais de 6.000 reais, trabalhando ou não, juntando tudo isso da mais de 27,000 mil reais. E ainda alguns médicos ficam em seus consultórios particulares cobrando por uma consulta de 250 reais até mais .Enquanto isto os administradores contratam médicos temporários sem concurso publico para o trabalho que médicos docentes dos HC do Estado deveriam fazer.

Anderson Aparecido dandersonaparecido@yahoo.com

HORTOLÂNDIA

_____________________________________________________________

BOA IDEIA!

Tenho 51 razões para aplaudir a ideia do presidente Lula de parceria entre a Petrobrás e a Vale. Fósforo e potássio por conta da Vale, nitrogenados por conta da Petrobrás. Se der certo, a medida atenuará sensivelmente a dependência externa do agronegócio brasileiro no setor estratégico de produção de fertilizantes.

Sergio S. de Oliveira ssoliveira@netsite.com.br

Monte Santo de Minas (MG)

_____________________________________________________________

SANEAMENTO RURAL

Sudão, Nepal, Nigéria, Afeganistão e Timor Leste superam o Brasil em saneamento rural (temos apenas 23,1%), segundo a última divulgação da ONU. O Sr. Sérgio Gonçalves, do diretor do Ministério das Cidades, justifica o fato sob o argumento de que apenas vinte por cento da população vive no campo, onde há água abundante para perfuração de poços e espaço para construção de fossas. Por fim, diz que a Funasa, cujas atribuições legais contemplam as populações indígenas e os municípios de população inferior a trinta mil habitantes, está encarregada de promover o Programa Nacional de Saúde Rural, até 2011. E o general De Gaulle, o que diria?

Amadeu Roberto Garrido de Paula amadeugarridoadv@uol.com.br

São Paulo

_____________________________________________________________

SÃO PAULO MINADO

Li o artigo de Walter Rodgers, no caderno Internacional de 1 de abril, e sugiro substituir a bandeira americana sendo corroída, pela de São Paulo também sendo corroída. O efeito da migração é igual em qualquer lugar do mundo.

João Carlos Braga Jr. cuquineto@hotmail.com

São Paulo

_____________________________________________________________

ISRAEL QUER A GUERRA

A queda do muro de Berlim foi um marco na retomada de um mundo que se supunha evolutivo por sobre as barbas rançosas do autoritarismo e de todos seus correlacionados modos de governo ditatoriais . Israel assume o papel de agressor da liberdade. Reergue o muro da vergonha , confina palestinos em Gaza, tal como um campo de concentração germânico e ataca com armas químicas - de fósforo - civis . Mais, insiste em ocupar território da Jordânia, impede o acordado como arranjo de um acerto que possa por fim a uma disputa secular, afronta os acordos, agride as premissas, força a barra de que se encontre um termo de equilíbrio entre vertentes religiosas radicais, apostando na maior radicalização possível, embasada no convencimento de que americanos lhes darão respaldo , mesmo em situação extremada . O que já não ocorre mais . EUA já não concordam, o mundo evoluído à globalização que se estende ao sentido humano , não concorda. A miséria, a prisão, a imoralidade imposta à Gaza tem preço muito alto, reeditar modos nazistas de confinar inimigos em campos de concentração - como Gaza, versão mais brutal, pois, consciente da experiência bárbara já cometida - já não encontram respaldo nem sustentação moral , agredir acordos internacionais , mesmo com parceiros como o eterno EUA , já não encontram mais apoio e tolerância . A agressão capitaneada pela veia radicalissima de extremistas ortodoxos é o estopim flamejante que Israel lança afrontosamente por sobre um mundo que precisa de paz, buscá-la de qualquer forma, sabe dos riscos de não controlá-la . É uma tocha acesa em paiol, por vontade consciente, não é acidente, é provocação ininterrupta, é um chamado à guerra "full time". Violência e radicalismo que geram mais violência e radicalismo . A terra santa , dividida em três das mais fortes religiões, é o palco do risco de calamidade mundial, e seu principal agente é, e tem sido, a intransigência e a determinação guerreira israelita , sionista e radical, ortodoxa e irredutível . Israelitas merecem sua terra assim como palestinos merecem a sua . Sem desarmamento e sem tolerância o destino é a guerra . Justa, por ambas as visões opostas pela rivalidade , injusta para a humanidade, como um todo .

Ronaldo Parisi rparisi@uol.com.br

São Paulo

_____________________________________________________________

DIGA-ME COM QUEM ANDAS

Lula diz que é amigo de todos e teria abraçado qualquer chefe de estado. Abraça Sarkozy e Ahmadinejad, Chávez e Obama, como se eles fossem iguais. Não são. Ainda vale a máxima ''diga-me com quem andas e te direi quem és''. Estadistas não abraçam ditadores. Simples assim.

M. Cristina da Rocha Azevedo crisrochazevedo@hotmail.com

Florianópolis

_____________________________________________________________

FRASE PERIGOSA

'' Sou grato, também, a sua excelência o senhor presidente Luiz Inácio Lula da Silva e ao seu governo, sem cujo apoio não teríamos feito tudo o que fizemos''. Fizemos? Lí há poucos dias essa frase dita pelo ex-governador de Brasília, quando anunciou que não pretendia recorrer da cassação de seu mandato. Pergunto: denúncia subliminar ou ato falho? Lembrando que ato falho é a expressão de um desejo inconsciente. Seria bom que a Polícia Federal investigasse.

Humberto de Luna Freire Filho hlffilho@gmail.com

São Paulo

_____________________________________________________________

APROVAÇÃO

O que o índice de aprovação do presidente prova? Que 30% da população está informada, 70% acredita em blá, blá, blá, lamentavelmente.

André C. Frohnknecht anchar.fro@hotmail.com

São Paulo

_____________________________________________________________

MENTIRAS

O presidente que debocha das leis do país tem 76% de aprovação da população e o brother Marcelo Dourado que venceu o maior reality show da televisão brasileira, recebendo perto de 100 milhões de votos da mesma população, é homofóbico, machista, mal educado, ignorante, ateu e nazista. Para um país que demonstra que não se importa com a mentira, nada mais acertado do que mentir que apenas no dia da mentira, 1º de abril, foi iniciada a campanha à presidência, da maior mentira política de todos os tempos: Dilma Roussef.

Victor Germano Pereira victorgermano@uol.com.br

São Paulo

_____________________________________________________________

TROCA DE MINISTROS

Seria possível alguém me responder:

1. Para que a Dilma deu posse à sua substituta ontem, se ela não parou na mesa em minuto algum deste ano?

2. Quem são ''aqueles'' quais o Lulla tanto se esbraveja nos palanques?

3. Aquela jaqueta bolivariana pode indicar que ele quer ser Secretário Geral do Mercosul? ou é pouco para ele?

Abs e que Deus nos olhe e proteja!!!

Paulo Celso Biasioli pcbiasioli@yahoo.com.br

Limeira

_____________________________________________________________

DIFERENÇAS

Manifestamente, a candidata petista Dilma Rousseff, no seu discurso de despedida pregou o continuísmo. José Serra, ao passar o Governo de São Paulo para o vice, pediu a Alberto Goldman continuidade. Pois é exatamente de continuidade, sem continuísmo, que todos os brasileiros precisam. Que os petistas se informem da importância e diferença.

Valdeir Celestino de Oliveira vcelestinodeoliveira@yahoo.com

São Paulo

_____________________________________________________________

CONTINUÍSMO

Dilma prega continuísmo... então, como já são quase 16 anos de governo FHC, pois o nobre presidente Lula continuou e manteve a linha mestra de FHC (câmbio flutuante, programas assistenciais, etc. ), vamos fazer uma continha: 8 anos de FHC + 8 anos de FHC na figura do tagarela, se a Dilma ganhar e manter este ''continuísmo'', o que eu duvido, então teremos 20 anos de FHC.

Carlos Roberto Gomes Fernandes crgfernandes@uol.com.br

Ourinhos

_____________________________________________________________

RECORDAR É VIVER

Me lembro como se fosse hoje. A minha indignação foi inenarrável! Tempos da ditadura militar no Brasil. Guerrilheiros da esquerda armada, em um roubo a banco, comandados por uma pessoa, para mim, totalmente desequilibrada, assassinaram, com um tiro na cabeça, uma menina de oito meses que se encontrava no colo da mãe no local e momento do roubo! Porque? Pasmem! Por que a mãe não tinha conseguido acatar a ordem da pessoa que comandava a operação de fazer o seu bebê assustado parar de... chorar! Esse episódio horripilante caiu no esquecimento. Acho que está na hora de relembrá-lo. Que tal o Estadão ajudar a todos nós brasileiros a se lembrarem desse episódio? O motivo é muito claro: Se não me falha a memória, alguns, ou pelo menos um, dos guerrilheiros que praticaram esse roubo ao banco, talvez até a pessoa que o comandou, fazendo parte do governo Lulla, acabaram ou acabou de se descompatibilizar para disputar as próximas eleições. Recordar é viver!

José Luiz de Andrade Figueira jlafigueira@hotmail.com

São Paulo

_____________________________________________________________

É PAC PACAS

Nos oito anos do governo FHC muito foi realizado para recuperar o país principalmente em decorrência do Plano Real, mas sobrou ainda para o atual governo prosseguir nesse intento. Em um governo normal, planeja-se para os anos seguintes, as obras e os programas sociais para que tenham começo, meio e fim e os seus respectivos editais de licitação são elaborados dentro da boa técnica e das leis e normas existentes. O Tribunal de Contas da União não tem que intervir a todo instante como agora. Porém no atual governo criou-se as Secretarias vinculadas diretamente ao presidente alterando a estrutura hierárquica do país. Para os cargos do primeiro escalão a escolha do titular foi feita mais por critérios políticos que técnicos. Como resultado, na infraestrutura os portos e as estradas tiveram uma melhora pífia enquanto que as ferrovias e as hidrovias evoluíram muito pouco ou quase nada. Para garantir a continuidade e o comando do PT no Palácio do Planalto, o presidente Lula resolveu que a ministra Dilma seria a sua substituta dando lhe o pomposo título de Mãe do PAC. E o que na realidade é o PAC, foi explicitado com precisão pelo editorial do Estadão de 31/03. Sim porque o PAC não é nada mais que uma sigla inventada por um marqueteiro qualquer para dizer o que o governo deveria fazer por obrigação. E não fez nem a metade do que se propôs fazer e o país perdeu a chance de evoluir muito mais por conta do bom período da economia mundial. O PAC é a cortina de fumaça para ser utilizada em época de eleição. É impossível não associar o PAC ao Fura-Fila do ex-prefeito Maluf, quando lançou a candidatura do seu poste à Prefeitura de São Paulo. Embora tenha percorrido todo o país, na base do "o olho do dono engorda o porco", não foi executado nem 50% dos projetos listados no PAC. Como a candidatura petista está empacada, o presidente lança o PAC 2, o qual, como nos informa o Estadão, engloba as ações dos próximos governos, incluindo obras inexeqüíveis e o muito que deixou de ser realizado pelo "primogênito" da mamãe. Ora, pelo andar da carruagem, se a sua candidata continuar na rabeira das pesquisas eleitorais teremos o PAC 3, PAC 4 e quiçá PAC 5, com planos que deveriam ser executados nos próximos vinte anos.

Obviamente como todo plano mal elaborado, vai depender dos próximos presidentes, que deverão no mínimo ser do PT para dar certo. A sigla adotada representa na verdade o projeto Precisamos Alavancar a Candidata. Lula já declara que pretende voltar ao Palácio do Planalto. A máxima de que, via de regra, a criatura se volta contra o criador não foi levada em conta.

Gilberto Pacini benetazzos@bol.com.br

São Paulo

_____________________________________________________________

SÁBADO DE ALELUIA

Neste sábado de Aleluia, os únicos que serão malhados são: o povo, que pagou até agora mais de R$ 300 bi de impostos para o projeto eternidade no poder, o Estadão (246 dias censurado), a imprensa não alinhada, enfim, todos aqueles que ousam manter a cabeça de fora desse mar de lama.

São raivosamente malhados, por simplesmente discordarem da injúria, mentira, prepotência, etc. etc. dos donos do poder.

Alberto Bastos Cardoso de Carvalho albcc@ig.com.br

São Paulo

_____________________________________________________________

O POETA DOS ESPORTES

Foi-se Armando Nogueira, o poeta dos esportes. Não faleceu, pediu tempo, foi convocado! Os laudos dos médicos legistas estão todos errados. Não foi disso nem daquilo, foi de tristeza! Logo o seu esporte predileto, aquele dos Didis, Manés, Pelés e tantos mais está, há muito tempo, em franca decadência. Basta ver que hoje o nosso ainda melhor jogador de futebol é gordo e gesticula obscenamente para a sua torcida e nem sequer para a seleção vai ser indicado. Não existem mais craques na sua melhor concepção. São um bando de pernas-de-pau que excessivamente bem remunerados correm pra lá e pra cá enquanto a bola sofre por falta de um bom tratamento, aos quais estava acostumada. Correrias tantas que o drible... (de que se tratamos?) Hoje, as comemorações são ridículas. Temos até "reboleicham". Até as rodas de comentaristas estão a desejar. Maioria compostas de pessoas encolerizadas, neuróticas trocando farpas. Tempos em que os grandes times eram verdadeiramente imbatíveis e justificavam o status que tinham. Não é que não seja salutar ver esse ou aquele time, lá do interior, brilhar e vencer um time considerado grande, mesmo porque é do futebol, mas não é por mérito que acontece, é pela decadência dos de primeira linhagem que só caem, caem, caem enquanto os cartolas sobem, locupletam-se e gol que é a alma do futebol...

Hildeberto Aquino hildebertoaquino@yahoo.com.br

Russas (CE)

_____________________________________________________________

BICICLETAS

Porque aqui as Bicicletas tem que andar nas calçadas e, pior, na contra mão?

Robert Haller robelisa@click21.com.br

São Paulo

_____________________________________________________________

GREVE DO PROFESSORADO

Dia 1/4 li um comentário de um colega assinante Sr. Edmilson Ressalto, que eu sou veemente contra a opinião do subscritor pelos seguinte motivos: O colega alega em seu texto, que é contra a pacífica manifestação dos professores por melhores salários e condições de trabalho ocorrida na Av. Paulista ponto nevrálgico da economia brasileira. Ainda, discorre que a população não admite tal ato, qual seja, greve pacífica que na visão do colega é uma forma ''antidemocrática'' para externar opinião. Em continuidade, argumenta que a população indefesa não deve ser refém de uma greve, sendo certo que a polícia deve agir de forma dura com os grevistas. É o breve relatório.

Em primeiro lugar, a manifestação pacifica em local público é um direito individual do cidadão descrito em nossa carta magna no artigo 5- inciso XVI que reza o seguinte mandamento '' todos podem reunir-se pacificamente sem armas, em locais abetos ao público, independentemente de autorização, desde que não frustrem outra reunião anteriormente convocada para o mesmo local, sendo apenas exigido prévio aviso à autoridade competente''. Portanto, tal ato de modo algum é antidemocrático e autoritário como o colega relatou.

Ademais, atos como esse reforçam a democracia no BRASIL, tendo em vista que colocam em prática o direito de um povo.

Por outro lado, no que cerne a população indefesa, quem realmente os defende são os professores. É curial em nosso país, que a '' população indefesa'', são os nossos irmãos que possuem uma renda salarial baixa tendo um nível intelectual igual. Dessa feita, esses bem como os seus filhos migram para o ensino público, categoria criticada pelo colega. Nesse diapasão, é necessário relatar, que os nobres professores lutam diariamente nas escolas públicas sem nenhuma estrutura, com baixíssimos salários para que possam passar para a ''população indefesa'', os ensinamentos necessários para uma formação intelectual adequada. No mais, a luta dos professores por um estrutura de trabalho adequada e por salários dignos é totalmente lícita merecendo aplausos da população, eis que a luta diária dessa categoria é incessante. Impede relatar, que o governo atual de São Paulo é totalmente omisso na área educacional, tendo em vista que não fornece nem estrutura digna de trabalho muito menos um salário compatível com a importância da função realizada pelos nobres professores.

Diante de todo exposto, a manifestação dos professores no passeio público é totalmente permitida pelo nosso ordenamento jurídico, consoante o que reza a nossa Constituição Federal vigente, sendo certo que tal atitude enaltece a democracia. No que tange ao mérito da greve é irretorquível afirmar que as condições de trabalho, bem como os vencimentos dos professores são aviltantes, sendo certo que a greve exteriorizada para população no passeio público é totalmente plausível para que seja agasalhada a verdadeira ''POPULAÇÃO INDEFESA''.

Claudio da Silveira Bueno Neto claudiobneto@ig.com.br

São Paulo

_____________________________________________________________

FALTA RECONHECIMENTO

Nós do SINDAEVPESP agendamos com o Secretário da SAP uma reunião e entregamos a nossa proposta no início do ano passado, nesta pauta constava a equiparação salarial com os Agentes de Segurança Penitenciária, após 1 ano de espera o governo envia uma proposta para a Assembleia dando um reajuste virtual para os AEVP - Agente de Escolta e Vigilância Penitenciária, digo virtual pois o reajuste foi de 6% para quem está a 3 anos sem nenhum aumento salarial. Efetuamos um serviço de qualidade e não somos reconhecidos pelo estado, temos equipamentos de péssima qualidade, trocamos tiros com marginais e para nos defendermos a caminho de casa temos que comprar arma e pagarmos para ter o porte da mesma. Fazemos serviço de Polícia e ganhamos R$ 600 a menos que um policial civil ou militar em início de carreira. O Governo Serra não atende nenhuma solicitação de negociação e ainda diz que qualquer ameaça de greve é política.

Herivelto de Oliveira herivoliv@ibest.com.br

São Paulo

_____________________________________________________________

DENGUE

A dengue avança assustadoramente mais uma vez. Mais 220 mil casos em dois meses. E em São Paulo, a oposição ao prefeito Kassab tentou manobrar o orçamento para não ter campanha informativa sobre dengue para a população. Se a moda pega, a oposição burra vai fazer a festa do mosquito da dengue em todo o País.

Andrea C. Carvalho spdeiacarvalho@gmail.com

São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.