Cartas - 04/12/2010

IMPOSTOS

, O Estado de S.Paulo

04 Dezembro 2010 | 00h00

Mais uma vez, líder

O Brasil lidera o ranking do iPad mais caro. Enquanto no País é vendido por R$ 1.649, na Europa custa R$ 1.120 e nos EUA, R$ 848. Ou seja, quase 50% e 100% mais caro, respectivamente. É o custo dos impostos no Brasil. E ainda falam em CPMF! Pode?

JOSÉ CARLOS ALVES

jc_alves@uol.com.br

São Paulo

________________________

NOBEL

Índia 6 x 0 Brasil

A Índia é uma nação de grandes cabeças pensantes. Eis os indianos contemplados com Prêmios Nobel: Química, Venkatraman Ramakrishnan; Economia, Amartya K. Sen; Física, Subrahmanyan Chandrasekhar; Física, Chandrasekhara V. Raman; Literatura, Rabindranath Tagore e Rudyard Kipling (indiano de origem inglesa).

ANTONIO BORGES DA COSTA

aborgesdacosta@hotmail.com

São Paulo

________________________

CIÊNCIA

Sétimo elemento

A ficção vai se aproximando da ciência. Ou vice-versa. A descoberta da provável incorporação de arsênio à estrutura celular de uma bactéria pode ser o início de uma nova concepção do que é vida, ou a marca de uma fraude. Lembremos que a Nasa já esteve envolvida em polêmicas, como a bactéria marciana, aparentemente para justificar seu orçamento. A ciência é pura, mas nós, cientistas, não. Para constar, o melhor nome para o elemento é arsênio, pois arsênico é restrito para o ácido e óxido dele resultante, extremamente venenoso.

ADILSON ROBERTO GONÇALVES, professor do Departamento de Biotecnologia da Escola de Engenharia de Lorena - USP

priadi@uol.com.br

Lorena

________________________

MEIO AMBIENTE

Ação civil pública

Acaba a Procuradoria Federal da Justiça sediada em São José do Rio Preto, por seu procurador-chefe, de dar um presente de Natal a todos os proprietários de ranchos localizados às margens da represa de Ilha Solteira, na região abrangendo Santa Fé do Sul, Fernandópolis, Votuporanga, Água Vermelha e outras cidades, com ação civil pública, incluindo prefeituras, Ibama e Cesp, determinando a derrubada de todas as construções que se encontram dentro da faixa de cem metros do limite requisitório da Cesp. São mais de 800 rancheiros processados, intimados a derrubar seus imóveis. Acontece que há mais de 40 anos pagamos IPTU, por ser área considerada zona urbana por lei municipal. Estrada asfaltada, luz elétrica, água encanada, enfim, tudo legalmente construído, e agora, de uma hora para outra, a reviravolta. Em se tornando realidade a ação proposta, os rancheiros por certo vão querer a restituição do imposto pago. E as prefeituras vão devolver o numerário recebido? Aí está a questão a ser discutida e resolvida por quem de direito. Aguardemos.

JOSÉ CAETANO

zedobeque@terra.com.br

Santa Fé do Sul

________________________

Assuntos urbanos & Tiririca

Quando frequentei o curso ginasial, aprendi que não se pode desmatar topo de morro para evitar deslizamentos, aterrar mangues, destruir matas ciliares, que o plantio deveria ser em curvas de nível, etc. Pelo que li do leitor sr. Rodrigo Arantes do Amaral (Absurdos urbanos, 1.º/12), isso não mais é ensinado, pois, na opinião dele, é tudo absurdo! Na minha opinião, absurdo é ver a Cantareira, nossa única reserva florestal, verdadeiro pulmão (e filtro) desta cidade, destruída para construção de algumas centenas de casarões, sem sequer a infraestrutura básica de esgoto. Se o problema fosse só com o Tiririca, eu ainda dormiria tranquilo.

MARC MARTEEN

marcmarteen@yahoo.com.br

São Paulo

________________________

Fogo fátuo

Continuamos querendo superar ilegalidades com jeitinho, condescendências e facilidades, como se não fossem ilegalidades. Com isso produzimos ocupações à beira de mananciais e hoje temos de buscar água (poluída) a 120 km de distância, improvisar abrigos para cidades inteiras que desmoronam, rios navegáveis estão assoreados, córregos são canaletas de esgoto a céu aberto, resíduos e dejetos amontoam-se, passivos ambientais crescem, etc., etc. Outra mania é generalizar a culpa sobre os técnicos, que, na verdade, são guardiães da sociedade e "teimam" em fazer cumprir a lei. A culpa não é deles, e sim da sociedade, que não gosta de cumprir as leis. A lei? Ora... A legislação ambiental brasileira é a mais avançada do mundo, basta perguntar aos especialistas. Ou será que devemos copiar o Primeiro Mundo, que desmatou e contaminou tudo e agora embala e manda o lixo para nós? A legislação existente não é para evitar a extinção da "minhoca dourada", é para evitar contaminações, a (enorme) incidência de câncer, de doenças respiratórias e neurológicas, de solos improdutivos, de catástrofes "naturais" e miséria. Vejam o que é hoje o Vale do Paraíba. Um rio podre, contaminado por metais pesados, e terras que já foram férteis simplesmente estão abandonadas ou despencando morro abaixo. Os textos da senadora Kátia Abreu (30/11, A2), do sr. Marcos Sawaya Jank (1.º/12, A2), do leitor sr. Rodrigo Arantes do Amaral e o projeto do deputado Aldo Rebelo têm o mesmo brilho: o brilho do fogo fátuo. A imprensa também falha ao não dar voz ao outro lado: aqueles que estão na academia, nos centros de pesquisa, em órgãos técnicos são sempre olhados como um bando de excêntricos, visionários. Não são.

ILAN RUBINSTEINN

ilanrubi@uol.com.br

São Paulo

________________________

AVIAÇÃO

Escolas técnicas

No programa dos candidatos a presidente da República, na última eleição, todos falavam das escolas técnicas. Pois bem, os aeroclubes formam pilotos em nível técnico para o Brasil e estão completamente abandonados! Resultado da semana: caos aéreo por falta de tripulação!

RENATO BECHELLI

rbplastic@hotmail.com

Vargem Grande do Sul

________________________

"DONA DILMA"

Sábios conselhos

Partindo da certeza de que a futura presidente lê o Estadão, oportuno é o momento para uma reflexão sobre o artigo inteligentemente escrito pelo nobre deputado João Melão Netto (3/12, A2 ). Como quem avisa amigo é, ouça a voz da sabedoria e, coerentemente, saiba separar o joio do trigo.

ZÁRIO D. GONÇALVES

zario.repet@ig.com.br

São Paulo

________________________

"Depois da guerra que ocorreu no Rio, agora a guerra dos royalties. Pelo andar da carruagem, Sérgio Cabral precisará benzer-se"

VIRGÍLIO MELHADO PASSONI / PRAIA GRANDE, SOBRE O PROJETO DE PARTILHA DO PRÉ-SAL

mmpassoni@gmail.com

"Dilma quer Exército no Rio e pelo Brasil. O Brasil está se tornando um Haiti?"

LUIGI VERCESI / BOTUCATU, SOBRE INSEGURANÇA PÚBLICA

luver44@terra.com.br

"O Exército vai ficar no Rio até a Copa. E depois?"

DENIS MCCARTHY / SÃO PAULO, IDEM

denis@demon.com.br

________________________

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 2.457

TEMA DO DIA

Brasil reconhece Palestina pré-1967

País considera fronteiras até a Guerra dos Seis Dias. Para Lula, ato faz parte do processo de paz

"A paz no mundo só é possível quando cada Estado tiver assegurado sua soberania e a soberania de seu povo."

CARLOS ROBERTO PEREIRA ALMEIDA

"Quando o Brasil defende a posição palestina na negociação de paz com os judeus, perde a isenção de mediar acordos."

JOSÉ MARIA DE JESUS

"O Brasil é um país importante. Tenho orgulho de meu país agora. Ficamos do lado do oprimido."

RICARDO ALMEIDA

________________________

Cartas enviadas ao fórum dos leitores, selecionadas para o estadão.com.br

 

 

 

 

 

 

A BRUXA VAI ESTAR SOLTA

 

É mesmo impressionante! Pelo segundo ano consecutivo, o Campeonato Brasileiro de Futebol termina mal, com a rivalidade regional predominando sobre o espírito esportivo. Este ano, invertendo os papéis, o São Paulo facilitou a trajetória do Fluminense, para impedir o avanço do arquirrival Corinthians. No último domingo não foi diferente, Palmeiras também foi menos combativo do que se esperava diante do Fluminense, ainda que seu goleiro fizesse defesas impressionantes, indo contra sua própria torcida, que queria a derrota do "porco". Nos dois casos, não há como negar a supremacia técnica e estratégica dos cariocas, mas também é inegável que os dois times paulistas não se empenharam, não criaram maiores dificuldades para o adversário, uma coisa totalmente antiética, para não dizer retrógrada. Nos dois jogos, os dois goleiros paulistas brilharam, mas o restante dos times foi uma lástima, pouco interessados na vitória. Nos dois casos, tem sido profundamente lamentável, igualmente, o comportamento dos torcedores. É o fim da picada! Pagar ingresso e entrar no estádio para pedir que seu time perca só pode ser coisa de são-paulinos e palmeirenses, é uma atitude que afronta a honra esportiva. É triste que dentro de campo esse tipo de rivalidade prevaleça, que jogadores abram caminho para a vitória do adversário, deveria haver alguma punição para o time que adota essa tática antiética. Mais triste ainda é o torcedor exigir aos gritos, em coro, que seu time não vença. No último domingo, verdadeiros torcedores ficaram indignados ao ver palmeirenses festejarem a derrota de seu time, porque iria dificultar a vida do Timão. No Rio, vascaínos não foram diferentes, festejaram a derrota de seu time porque dificultava a vida do Fluminense. Tem mais, a principal torcida organizada do Guarani promoveu um protesto em frente ao Brinco de Ouro da Princesa para que o "bugre" entregue o jogo ao Fluminense, domingo, no Engenhão, evitando assim o título para o Coringão. No vôlei, nossa seleção masculina vem demonstrar ao mundo como é possível ser campeã pelo caminho antidesportivo. Por mais que um treinador e alguns jogadores teimem em apresentar uma versão destoada do que todos testemunharam pela tevê. É inédito, porém, que a torcida incentive seus jogadores a perderem. É inédito e revoltante, uma vergonha para o futebol pentacampeão mundial. Não podemos permitir que esse destaque conquistado com tanta luta seja desperdiçado, desrespeitado, como está acontecendo na reta final do Brasileirão. Eu acredito em milagres, e você?

 

Turíbio Liberatto turibioliberatto@hotmail.com

São Caetano do Sul

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

MALA BRANCA

Nesse fim de semana, a partir de sábado, aeromoças deverão dizer: "Atenção, senhores passageiros com destino ao Rio de Janeiro, Goiás e Belo Horizonte, esta aeronave está levando em seu bagageiro a famosa mala branca."

Virgílio Melhado Passoni mmpassoni@gmail.com

Praia Grande

 

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

MALA PRETA GANHA JOGO?

Se a mala preta ou branca ganhasse jogo, a seleção brasileira não seria penta, seria muito mais! O dinheiro que a CBF promete aos jogadores em todas as Copas não é pouco! No entanto, ainda estamos tentando ganhar o Hexa...

 

 

Toshio Icizuca toshioicizuca@terra.com.br

Piracicaba

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

CONDUTA DESLEAL

 

 

É inaceitável a declaração do goleiro do Guarani, feita no início da semana, de que aceitaria receber dinheiro (mala branca) de outro clube para dificultar as coisas no jogo contra o Fluminense, no domingo. É um bom exemplo de conduta antiética, desleal e imoral, que jamais poderia ser aceita ou tolerada no futebol profissional. O jogador recebe o seu salário do clube em que atua e jamais deveria aceitar dinheiro de outro clube ou aceitar esse tipo de "incentivo". Com jogadores como esse goleiro, não surpreende que o Guarani tenha feito péssima campanha e já esteja rebaixado.

 

Renato Khair renatokhair@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

TORCEDOR TROUXA

 

 

 

Cenas da tevê mostraram torcedores do Fluminense "pastando" em filas imensas por horas e horas em baixo de chuva, sol e frio, sofrendo por um ingresso para o jogo de domingo. Quando conseguia seu ingresso, saía feliz como pinto no lixo, como eles próprios se acham, mas isso vale para todas as torcidas. Ele e tantos outros que passam por essa situação, são trouxas elevados ao cubo explorados pela cartolagem, que trata sem o mínimo respeito aqueles que sustentam os clubes via compra de ingressos, camisetas e produtos de patrocinadores. São clubes pessimamente gerenciados, quase todos falidos e devendo milhões na praça. Pior ainda é o que sai festejando depois de comprar ingresso de cambista, crendo-se esperto por não pegar fila, quando, na verdade, mais ainda passa recibo de trouxa.

Laércio Zanini arsene@uol.com.br

Garça

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

DOMINGO SOU TRICOLOR DESDE CRIANCINHA

Adoro futebol, já joguei, sou canhoto no pé, mas sempre fui direito para pensar e agir! Comecei em Bicas, criancinha, torcendo pelo América - o do Rio! -, de grandes e saudosos craques, bastando lembrar Maneco, o famoso "Saci de Irajá", que fazia malabarismos com a pelota de deixar Robinho com inveja! O tempo passou, o América desceu, continua sendo meu clube preferido, mas, segundo o ditado popular, " o segundo time de todos os torcedores"! Contudo, como torcedor, sempre tive o "fair-play" que a Fifa vem tentando - e não conseguindo!!! -, vistas as sangrentas batalhas campais - literalmente falando!!! - entre "torcedores" fanáticos de "torcidas" rivais! Ora...Agora, depois de me declarar americano, o que quero dizer com o título acima?

Apenas que, acima de qualquer preferência clubística, mais do que ter simpatia por um clube, penso e sinto nos bastidores de minha razão e de meu sentimento humanista, contra qualquer mala preta - e mala branca também -, que devemos fazer do esporte um Leitmotiv condutor de um caráter humanista e exibidor da inteligência e da alma que representam Deus dentro de nós! Daí, por toda essa tragédia que se abate sobre a capital cultural, a Cidade Maravilhosa de todos nós, brasileiros e cidadãos do mundo, não tenho a menor dúvida de que a vitória do Fluminense sobre o Guarani, neste domingo, será uma homenagem e um prêmio a esse sofrido povo carioca, neste momento crucial de luta entre o Bem e o Mal, em que a alegria consagradora de um time carioca deverá ser aplaudida do Oiapoque ao Chuí, até por corintianos e cruzeirenses, que se desgastam analisando "ética" entre a "defesa" - por Ronaldo

Fenômeno!!! - do uso de mala branca para "estimular" a vitória do "desanimado" Guarani, quando, de fato, ele, como carioca de São Cristóvão, no íntimo, deveria também vibrar com a alegria da conquista da taça por um time que ajuda a recuperação daquilo que poderíamos chamar de "o modo carioca de ser". Sursum corda!

Sagrado Lamir David david@powerline.com.br

Juiz de Fora (MG)

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

BLATTER, TEIXEIRA ET CATERVA

 

Os ingleses denunciaram Blatter, Teixeira et caterva, daí a coisa ficou RUSSA e mandaram os ingleses CATAR coquinho.

Luiz Henrique Penchiari luiz.penchiari@hotmail.com

Vinhedo

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

COMPETENTE NÃO É O QUE COMPETE

Não é de hoje que se tenta propagar o mito da necessidade de se ter políticos chefiando órgãos importantes do Estado. Segundo essa "teoria", os técnicos ou "tecnocratas" seriam seres bitolados, desprovidos de sensibilidade - uma vez que a competência técnica estaria funcionando como antolhos.

Por outro lado, ainda de acordo com essa crença, o "político" seria aquele ser superior dotado de ampla "visão sistêmica" - seja lá o que isso quer dizer -, o que lhe permite uma correta interpretação da "realidade objetiva" - outro belo chavão; o que seria uma realidade desprovida de objetividade?- e a consequente tomada das decisões corretas.

Nada contra o sr. Paulo Bernardo, afinal, ele já apresentou, no passado, medidas para conter a gastança qualificadas como "rudimentares" pela NOSSAPRESIDENTE, então na Casa Civil, fato que depõe a favor dele.

Só uma pergunta: seria Paulo Bernardo o homem certo no lugar certo, chefiando o Minicom?

Não há nisso nenhum viés antipetista, já que, desde sempre, a pasta das Comunicações foi entregue a pessoas cujo conhecimento do assunto era, isso sim, "rudimentar". Vamos torcer, sem grande esperança, para que haja um segundo escalão competente, capaz de carregar esse piano.

Alexandru Solomon alex101243@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

MACUNAÍMA

 

No bem lançado editorial "O povo sou eu" (2/12, A3), o Estadão analisou a apoteose mental, etilicamente potencializada, de que foi acometido o presidente Lula. Distante da vida dura em que andava em jegue, sente-se humilhado por voar em um mísero Airbus Aerolula. Homem de nenhuma leitura, assumiu-se agora como a "encarnação do povo brasileiro". Tivesse ele lido Mario de Andrade, saberia que é, de fato, a reencarnação de Macunaíma, "o herói sem nenhum caráter".

 

Hélio de Lima Carvalho hlc.consult@mail.com

São Paulo

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

"O POVO SOU EU"

A gravidade é que o governo não termina e viverá até 31/12/2014. Felizmente, não somos fanáticos políticos, senão teríamos outro fascista encarnando os seus súditos na "Estória" humana.

O termo "democrata" é um jargão mentiroso e disfarça os meios de que se utiliza para o seu jogo de ser diferente em sua onipotência. É um caso de psiquiatria em fase terminal. Equivale aos túneis (galerias pluviais e de esgoto) de fuga dos criminosos do Complexo do Alemão.

Na missa de sétimo dia do senador Romeu Tuma, o seu filho discursou: "O meu pai evitou que o lula fosse morto." Os pensamentos são vários, mas trouxe a classe trabalhadora para a Presidência.

Jürgen Detlev Vageler vatra_ind@yahoo.com.br

Campinas

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

O REI E O POSTE

No site WikiLeaks a Rússia é equiparada a uma cleptocracia autocrática, oligarquia no poder, um Estado mafioso. Mas o Brasil de Luiz XIV é tão ou mais, corrupto do que a Rússia de Batman e Robin, com uma população ignorante, Sarney, mensalão e a Maria Bonita, a presidente-fantoche.

 

José Francisco Peres França josefranciscof@uol.com.br.

Espírito Santo Pinhal

 

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

FARSA

Magnífico! Verdadeiro! Irretocável o editorial "O povo sou eu". Uma verdadeira "refrescada" de memória do incauto eleitor brasileiro, que parece que ainda não se deu conta da farsa que está sendo preparada e que tem estreia marcada para 1.º de janeiro de 2011.

 

 

José Carlos Werneck jc_werneck@hotmail.com

Brasília

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

MAIS FARSA

Terminada a eleição mais fraudulenta da nossa História, antes que a população pudesse digerir toda a sujeira e os desmandos patrocinados pelo presidente e seu grupo de sustentação, e antes que o Brasil real voltasse a ocupar as manchetes dos noticiários com fatos, dados e imagens bem diferentes daquilo que os marqueteiros vomitaram, eis que um grande e dispendioso circo vem ocupar as atenções

do País. E pior, o maior vilão dessa história ainda sai como herói.

É muito triste ver o Brasil afundando cada vez mais e o presidente, liderando uma legião de notórios parasitas do Estado, impondo suas vontades à Nação como se sua popularidade (ilegítima, diga-se) lhe desse esse direito.

E agora, quem nos poderá salvar? O Judiciário?! Os Tiriricas? Pobre Brasil.

Carlos Eduardo Stamato dadostamato@mdbrasil.com.br

Bebedouro

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

A CARA DO BRASIL

 

 

Está acabando o mandato do semialfabetizado e vai começar o mandato do semianalfabeto. Se transformarem o semianalfabeto em semialfabetizado e o vestirem bem, ele terá chance de um dia ser presidente. Cada povo tem o governo que merece.

 

 

Helenir Roberta José hrjose@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

SOFÁ DE PSICANALISTA

A encarnação do povo aconselha: "Você tem de se tratar, quem sabe fazer uma psicanálise?"

Helena Rodarte Costa Valente helenacv@uol.com.br

Rio de Janeiro

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

DOENÇA DO PRECONCEITO

 

Quem precisa "se tratar" não é o jornalista que fez uma pergunta pertinente, mas seu algoz. Isso mesmo, o Lula que deixa a Presidência sem largar o osso tornou-se algoz dos brasileiros que trabalham e que somam 46% de indignados com direito a voto. Se não aproveitar a oportunidade para se tratar "da doença do preconceito" contra aqueles que trabalham, Lula pode tentar um supletivo e depois, quem sabe, passar no Enem para conseguir uma vaga na universidade.

Carlos Almeida Cruz almeidarj1959@hotmail.com

Rio de Janeiro

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

BANANA

A fotografia estampada na página A10 de ontem não é a imagem de uma bursite, mas, sim, uma boa "banana" para o povo brasileiro.

Ruy de Jesus Marçal Carneiro ruycar88@uol.com.br

Londrina (PR)

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

AQUI, Ó!

A foto de Lula com "bursite" foi mal interpretada. É a mesma banana que ele nos deu ao longo de todo o seu governo... Dá até pra ouvir um sonoro "aqui, ó"!

Gilberto Dib

São Paulo

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

MALVERSAÇÃO DO DINHEIRO PÚBLICO

Lula alardeia que há necessidade de se comprar um novo avião para a Presidência, com argumentos de porta de botequim. Se ele fosse bom nordestino, e não um retirante deslumbrado que já farreou o suficiente com o dinheiro público, distribuindo recursos a seu bel-prazer sem olhar as necessidades internas de seus "supostos" irmãos castigados com a seca e a miséria, teria mais zelo com o dinheiro público, ainda mais que perdeu toda ingerência sobre ele. Mas, em início de governo, como fazer alguma maracutaia senão por intermédio de atitudes escusas, como foi no início de seu primeiro mandato, ao comprar uma superluxuosa aeronave, toda decorada, nos EUA? Cheira mal essa interferência no novo governo, ainda mais sob a sombra de antigos correligionários.

João Roberto Gullino jrgullino@oi.com.br

Petrópolis (RJ)

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

ÔNIBUS ESPACIAL

Lula reclamou do Aerolula. Quer um avião novo para a companheira Dilma, com maior autonomia de voo. E ainda disse, em tom de galhofa (será?), que, assim que Dilma providenciasse um novo veículo para se locomover ao redor do mundo, o Aerolula deveria ir pra ele. Sugestão ao presidente: deixe o Aerolula com Dilma e entre em contato com a Nasa caso queira um veículo próprio. Os americanos aposentarão sua frota de ônibus espaciais no ano que vem. Insista no pedido, presidente. Esses veículos têm uma autonomia de voo de dar inveja a qualquer Aerolula: vão até o espaço sideral. Ah, caso tenha êxito em seu pedido, aproveite o ônibus espacial até o seu limite, hein. Umas temporadas no espaço - bem longe do Brasil - seriam um belo presente a todos os milhões de brasileiros cansados daquele que, sem qualquer constrangimento - e bom senso -, se autoproclama a verdadeira "encarnação do povo".

Henrique Brigatte hbrigatte@yahoo.com.br

Pindamonhangaba

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

HUMILHAÇÃO

 

 

Luiz Inácio Lula da Silva afirmou que "o Brasil passa humilhação" porque o avião presidencial tem apenas 12 horas de autonomia. Espero que essa pérola seja para fechar o ano e encerrar o seu governo. Presidente, a Suécia, apesar de ser um país rico, não tem "avião presidencial", seus dirigentes usam aviões comerciais. Esse país jamais se sentirá humilhado por isso, principalmente porque os homens que o dirigem têm dignidade e moral. Eles não falariam tamanha idiotice, digna de Terceiro Mundo, onde uma quadrilha de sindicalistas pelegos e incompetentes tomou de assalto o poder, comprando com o bolsa-esmola o pobre substrato cultural que compõe 80% do nosso eleitorado. Presidente, o que humilha um país é o fato de seus dirigentes entrarem no governo pobre e saírem ricos; é o presidente estar no centro das denúncias de corrupção envolvendo o Poder Executivo e o Legislativo e dizer que não viu, não ouviu nem sabia de nada; são as alianças espúrias que seu governo fez e sua sucessora continua fazendo; são as tentativas de segregar a população em nome dos direitos humanos com a finalidade de melhor dominar e se perpetuar no poder; é bajular ditadores e lhes perdoar as dívidas; é tentar a todo custo neutralizar a oposição, que por sua vez não é lá bem uma oposição, porque parte dela se vende; é permitir que sua antessala vire balcão de negócios; e, finalmente, ser papagaio de pirata do protoditador Hugo Chávez e, de quebra, lamber as botas de Fidel Castro. Necessário se faz que alguém lhe diga que são esses os verdadeiros motivos que humilham um país e que está na hora de uma correção na sua escala de valores.

 

Humberto de Luna Freire Filho hlffilho@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

CLUBE DOS 9

Segundo diz a ONU, existe no nosso planeta cerca de 191 países - a ONU desconsidera alguns, como Taiwan e Groenlândia, mas isso não vem ao caso. O que conta é que apenas nove países contam com aviões para uso exclusivo de seus governantes, que são EUA, Alemanha, África do Sul, Argentina, Rússia, Venezuela, Chile e França. E os outros 182, continuam passando vergonha? Lula é incrível.

 

Carlos E. Barros Rodrigues ceb.rodrigues@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

SANGRIA DESMEDIDA

A cogitação de o Brasil - na verdade, nós, que somos o País - comprar novo avião presidencial, o quadrimotor Airbus 340, de cerca de US$ 400 milhões, e que o presidente Silva diz não haver razão para não comprar, mostra como o poder sobe à cabeça. Isso só para não fazer a escala para reabastecimento que o atual Airbus ACJ exige numa viagem transoceânica. Como se o presidente do Brasil, e agora a presidente, fosse peça-chave na política internacional. Essa foi demais. E a mulher eleita presidente disse nos dias seguintes ao pleito que "temos que acabar com a miséria no Brasil". É gozação em grau máximo, mil vezes pior que o da Martaxa no "relaxe e goze" do caos aéreo de 2007. Missão para o Ministério Público Federal, barrar essa sangria desmedida de dinheiro público.

Bob Sharp bobsharp@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

MOVIMENTO NACIONAL

Enquanto a maioria da população brasileira, especialmente no Norte e Nordeste, não possui rede de esgoto e água encanada, o governo federal está preocupado em adquirir um novo avião: o Aerodilma. E o Lula ainda apoia tal iniciativa! Isso é um abuso, pois quem entende de aviação - consultores e especialistas - diz que o Aerolula é um avião atualizado, sofisticado tecnologicamente, que garante conforto e segurança ao presidente e seus tripulantes. Tanto é que ele fez inúmeras viagens

internacionais ao longo de sua gestão sem ter maiores atropelos.

Portanto, é preciso haver um movimento nacional, do povo brasileiro, mesmo ainda que seja por e-mail, descarregando uma avalanche deles na Casa Civil, dizendo um NÃO ao Aerodilma. A compra desse avião é uma vergonha para o povo brasileiro! Basta de gastos desnecessários do governo federal!

 

Lineu M. Dias de Lima lmd@matrix.com.br

São Paulo

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

MORDOMIAS

Incompatível com a austeridade prometida por Dilma, Lulla defende a compra do Aerodilma: "Não tem por que não comprar. Acabou aquela bobagem do Aerolula. Acho que o Brasil precisa de um avião com mais autonomia para o presidente. O Brasil não pode ser um país grande do jeito que é e ter um comportamento humilhante muitas vezes lá fora." Para Lula, "o Brasil passa humilhação" porque a autonomia do Aerolula é limitada. Em voos mais longos, é preciso fazer escalas. Para se deslocar de Brasília até a Ásia, por exemplo, o Aerolula faz duas paradas. Com o Aerodilma, o voo seria direto.

Que maravilha! Desde quando é "humilhação" um avião parar para reabastecer? Humilhação é morrer na fila esperando atendimento médico ou ter de entrar na Justiça para conseguir uma vaga em UTI.

Por que comprou, em 2003, o avião que chama agora de obsoleto? Para as mordomias do rei e da rainha (pai e mãe dos pobres) não há restrição, mas para melhorar o minguado salário dos aposentados, nem pensar!

Bem feito para quem acreditou serem elles os fiéis representantes dos pobres.

Maria Eloiza Rocha Saez m.eloiza@gmail.com

Curitiba

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

MODÉSTIA DO PRESIDENTE

Fosse o Aerolula o único motivo de "vergonha e humilhação" do Brasil, estaria de bom tamanho. O que dizer do caos aéreo, terrestre e marítimo, em geral?

Luiz Nusbaum lnusbaum@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O QUE SERÁ FEITO COM O AEROLULLA?

Perguntar não ofende: eu não entendi... O que será feito com o Aerolulla?

Elle será levado para São Bernardo do Campo, naquele comboio de 11 caminhões?

 

Joana D'Arc Rondine jorondine@estadao.com.br

São Bernardo do Campo

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

DOAÇÃO

Atendendo ao pedido do Lulla, lanço a campanha: "Vamos doar o Aerolulla se ele prometer viajar e nunca mais voltar ao Brasil."

 

 

Deborah Marques Zoppi dmzoppi@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

ABSURDOS

Conforme publicado esta semana pela FAO, órgão das Nações para Agricultura e Alimentação, o índice de preços dos alimentos elaborado por eles atingiu em novembro 205,4 pontos, o maior nível em 28 meses. Ainda bem que aqui, no Brasil, o governo resolveu não considerar esse insignificante item "alimentação" para nossos cálculos, ou seja, somos imunes a essa variação.

Angelo Tonelli angelotonelli@yahoo.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

PAÍS DOS TIRIRICAS

 

 

Enquanto os professores não tiverem um salário decente, o caos na educação continuará. Que incentivo tem um jovem ao escolher o magistério, visto que as condições de trabalho são as piores possíveis, além dos baixos salários e da carga de trabalho incompatível com a realidade? Enquanto o governo finge que remunera seus professores, os pais dos alunos buscam cada vez mais escolas cujos professores tenham uma formação adequada. Segundo Paulo Ziulkoski, presidente da Confederação Nacional dos Municípios, "os professores precisam ganhar bem, mas o entrave é saber quem vai pagar a conta". Todos os anos a mesma discussão toma conta da pauta. Não existe por parte dos governos nenhum interesse em investir em educação, pois o montante destinado a educação nem sempre é usado, e na maioria das vezes é desviado para outros setores. Um país que tem a mais alta carga tributária vive choramingando na hora de destinar recursos para a educação. A cantilena é sempre a mesma nos Estados e municípios, que também recolhem altos impostos, mas nunca têm dinheiro quando o assunto é educação. O único momento em que a educação é lembrada é durante as campanhas eleitorais, depois o assunto morre e, a depender da vontade do Congresso, a sociedade pode esquecer, pois no Brasil a educação nunca foi nem será prioridade. Nossos governantes aprenderam que é melhor governar para um povo que não pensa, não cobra nada e não se importa com a cultura, deixando suas crianças serem adotadas pelos traficantes. Brasil, país dos Tiriricas.

 

 

Izabel Avallone izabelavallone@yahoo.com.br

São Paulo

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

CÔRTES DESCARTADO

Ainda bem que a presidente eleita, Dilma Rousseff, descartou a indicação do sr. Sérgio Côrtes para o Ministério da Saúde. A intenção do governador, naturalmente, seria livrar o secretário de Saúde das denúncias de irregularidades praticadas e que são razões apresentadas em processo pelo Ministério Público do Rio. Não ficaria bem nomear pessoas que ainda não tenham a ficha limpa, em face das pendências existentes, para ocupar cargos públicos. A responsabilidade das escolhas é fundamental para se saber como será conduzido o País.

Odiléa Mignon cardosomignon@gmail.com

Rio de Janeiro

 

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

PARECE QUE NÃO SEI

 

Inocente o governador Sérgio Cabral, será que ele achou que os ministros de Estado eram nomeados por mérito ou desempenho?

Victor Germano Pereira victorgermano@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

MAIORAL

Lulla "é o melhor, o maior, o extraordinário presidente", mas "nuncantesneçepaiz" houve um baba-ovo como Sérgio Cabral.

A. Fernandes standyball@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

CARIOCADA

A "nomeação" (é, entre aspas) feita pelo governador Sérgio Cabral do dr. Côrtes para o Ministério da Saúde do governo da presidente eleita, Dilma, é um exemplo perfeito da mais típica cariocada.

José Piacsek Neto bubapiacsek@yahoo.com.br

Avanhandava

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

POLÍCIA MILITAR

Causou-me muita, muita emoção mesmo, a fotografia na primeira página do Estadão de ontem, da menina abraçando uma dos policiais que a ajudaram sair de um sequestro.

Parabéns à Polícia Militar de São Paulo, atitudes como esta demonstram que devemos acreditar nessa corporação.

Nossos governantes precisam se conscientizar urgentemente da necessidade da melhoria dos salários desses dignos policiais

 

Alvarez Aguiar alvarez.atib@hotmail.com

São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.