Cartas - 05/07/2011

MEMÓRIA

, O Estado de S.Paulo

05 Julho 2011 | 00h00

Itamar Franco

Dizem que vaso ruim demora a quebrar. Bons exemplos podem ser encontrados no Maranhão ou, atualmente, no ABC paulista. Mas em Minas Gerais nos despedimos de um dos presidentes mais íntegros que a República já viu. Diferente dos nossos últimos líderes, Itamar Franco negou-se a se aliar à corja de corruptos, não fez vista grossa à corrupção. Pagou caro por isso, quase caindo no esquecimento, até se reerguer como senador, e, embora não tenha tido a oportunidade de contribuir nesse cargo para o avanço brasileiro por muito tempo, trabalhou até seus últimos dias pela Nação. Por sua idade, foi motivo de chacotas de Lula, que chamou os políticos mais experientes de "homens do Império". Mas foi Itamar que nos colocou nos trilhos do desenvolvimento, o líder que nos proporcionou viver este momento de desenvolvimento econômico. Muitos preferem acreditar que o Brasil foi endireitado em quatro, oito anos. Eu entendo que o sucesso de sua gestão deu o conforto para que novos gestores pudessem trabalhar melhor em áreas importantes, como a social. Há quem possa negar, mas a semente do desenvolvimento foi plantada por uma única pessoa e o seu nome é Itamar Franco.

THIAGO C. ANDRADE

thiagocandrade@gmail.com

Recife

________

Superioridade

A grande vantagem de Itamar sobre os demais políticos é que ele sempre soube se pôr no seu devido lugar e compor os Ministérios com pessoas capacitadas que honraram seus cargos. Seus feitos são responsáveis pela base de tudo o que até hoje dá suporte ao País.

LAERT PINTO BARBOSA

laert_barbosa@ig.com.br

São Paulo

________

Inflação domada

Poucos se dão conta de que os atuais 6% ao ano de inflação foram alcançados pelo empenho de Itamar Franco, quando essa taxa era 4% ao dia. Foi além: um político íntegro, o que é raro atualmente. Valeu, Itamar!

FABIO FIGUEIREDO

fafig3@terra.com.br

São Paulo

________

Legado histórico

Uma pena que Itamar Franco nos tenha deixado. Fazia no Senado um trabalho brilhante, denunciando com vigor a genuflexão do Legislativo ante a sanha incontrolável do Executivo neste início de governo Dilma. Nada surpreendente, uma vez que se tratava de ninguém menos que o fiador da estabilidade econômica brasileira - quando presidente, foi Itamar que apostou no sucesso do Plano Real, elaborado sob a batuta de FHC, e construiu a viabilidade política para que o audacioso projeto fosse implementado. Deixa um legado histórico: o respeito à democracia, a honestidade e a até então inimaginável vitória na luta contra o dragão inflacionário.

HENRIQUE BRIGATTE

hbrigatte@yahoo.com.br

Pindamonhangaba

________

Depois dele...

Itamar é pai do Plano Real, que deu estabilidade financeira, econômica e social ao Brasil e lançou o País como a quinta maior economia do mundo, tirando milhões de brasileiros da miséria. Depois dele vieram os embusteiros e os aproveitadores que só tiraram vantagens políticas e financeiras e inauguraram o País da censura, da mordaça e da legalização do descalabro e da corrupção.

EDVALDO ANGELO MILANO

e_milano@msn.com

Limeira

________

Reserva moral

Nunca morri de amores por Itamar Franco, visto acreditar que um homem público não se pode dar ao luxo de guardar rancor quando esse sentimento pode influir na vida do povo, como no caso da moratória do Estado de Minas Gerais, que aumentou na época o risco Brasil. Mas de uma coisa não duvido: foi um raro exemplo de político que não pensava no próprio bolso, não via o dinheiro público como um cofrinho que pudesse ser quebrado para pegar dinheiro para si, seus familiares e apaniguados. Admiro o fato de ele não ter enriquecido, e o melhor, nem suas filhas - já outros não veem problemas em seus filhos ficarem ricos enquanto eles desfrutam um poder absolutista. Turrão, sim; desonesto, nunca! Itamar Franco era uma reserva moral e fará falta neste país carente de políticos patriotas.

ALBERTO SOUZA DANEU

adaneu@gmail.com

Osasco

________

Respeito

Declaração do ex-presidente Lula, referindo-se a Itamar Franco: "Mesmo nos momentos de divergência política, mantivemos uma relação de profundo respeito e diálogo". Trata-se de um desrespeito à verdade. Em seus tempos pré-paz e amor, Lula publicamente definiu o que pensava de Itamar com um sonoro palavrão, extensivo à progenitora do ex-presidente que ora nos deixa. A política dá muitas voltas, Itamar pode ter relevado (chegou a apoiar o candidato Lula), mas a manifestação pública de Lula está registrada nos jornais da época. O passamento de Itamar Franco não pode ser usado para mudar os fatos.

LEONARDO GIANNINI

leogann930@terra.com.br

São Paulo

________

Duas grandes perdas

Com a morte de Itamar Franco e Paulo Renato Souza o Brasil perde dois homens públicos que se caracterizaram pela ética e pela dignidade no exercício da atividade política, qualidades que hoje parecem cada vez mais raras e menos buscadas. Itamar deixa-nos o exemplo de coragem afirmativa e correção pessoal no exercício da atividade política e na gestão, além do Plano Real. E Paulo Renato entregou-nos outro país depois de oito anos no Ministério da Educação, com 97% das crianças na escola, sem precisar para isso gastar a fortuna atualmente despendida em promoção pessoal e propaganda do governo.

MARIO ERNESTO HUMBERG

marioernesto.humberg@cl-a.com

São Paulo

________

MÁRIO CHAMIE

A morte do poeta

"No espaço do campo, passa o homem e sua miragem./ No espaço da cidade, dorme o homem em sua passagem. / No espaço da consciência, gera o vírus a sua voragem./ Por todos esses espaços, de surda força indomável,/ passa o espaço da palavra com sua selva sem margem./ Na selva dessa paisagem, no centro de sua arena,/ age a força do poema, meu objeto selvagem." Mário Chamie (1.º/4/1933 - 3/7/2011)

AMADEU R. GARRIDO DE PAULA

amadeugarridoadv@uol.com.br

São Paulo

________

"Ícone dos políticos brasileiros"

SERGIO S. DE OLIVEIRA / MONTE SANTO DE MINAS (MG), SOBRE ITAMAR FRANCO

ssoliveira@netsite.com.br

"Perde Minas. Perde o Brasil. Perdemos nós. Grande brasileiro!"

JOSÉ ROBERTO PALMA / SÃO PAULO, IDEM

palmapai@ig.com.br

"Antes, Paulo Renato. Agora, Itamar Franco. Mais uma vez, perde o País. Como brasileira, só tenho a lamentar"

TÂNIA PINOTTI / POMPEIA, IDEM

tkita@uol.com.br

________

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 1.084

TEMA DO DIA

OAB reprova 9 em cada 10 bacharéis

Último exame, realizado em dezembro de 2010, teve o pior resultado da história da entidade

"Ainda bem que a OAB reprova. Seria pior se eles estivessem no mercado, habilitados para cometerem arbitrariedades."

JACIANE MASCARENHAS

"A OAB está fazendo o papel que o MEC deveria fazer, já que o MEC é um órgão que não tem qualquer controle."

HELOISA BOTTION VALENTINO

"O problema da OAB não é aprovar, é faturar. Uma instituição quase falida, agora, se vê com os cofres cheios de dinheiro."

AUGUSTO LINO

________

Cartas enviadas ao fórum dos leitores, selecionadas para o estadão.com.br

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ITAMAR FRANCO

 

O Brasil perde Itamar Franco, um exemplo de político que lutou toda a vida pelo Brasil.

Cicero Sonsim c-sonsim@bol.com.br

Nova Londrina (PR)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SENHOR ÉTICA

 

Eu troco obras como metrôs, estradas, viadutos, etc., pela cumplicidade de um governante privilegiando a ética, bons costumes e respeito implacável às nossas instituições. E, infelizmente, um raro exemplar de estatura moral da política brasileira, o ex-presidente Itamar Franco, faleceu. Este brasileiraço cidadão com quase seis décadas de vida pública jamais teve tolerância com a corrupção e picaretagens tão comuns na nossa Republica, e corriqueiro nesta era petista. Itamar Franco, tinha lá seus caprichos ou esquisitices, e quem não os tem, mas não fazia seu povo de idiota,

com promessas vãs, ou populismo desprezível como destes que estão no poder. O Congresso era sua alma!

Usava a tribuna na base do fio de bigode, ou seja, falava a sua verdade, diferentemente dos outros parlamentares que muitas vezes não sabem nem o que estão falando. Ou, recebem o discurso pronto do Planalto, e ainda fazem pose de intelectuais e servidores da Pátria. Jamais um mensalão, fabricação de dossiês falsos, ou este vergonhoso projeto pretende tocar obras bilionárias da Copa e das Olimpíadas, no escuro sem dar satisfação para sociedade ocorreriam sob a gestão Itamar Franco. E se não bastasse este legado que deixa da ética, coisa rara no Brasil, vocacionado por um eleito pelo povo, este Senhor das Minas Gerais deu um grande presidente para 190 milhões de brasileiros, o fim da virulosa inflação com a implantação do Real. Que Deus, o acolha como um dos seus filhos especiais...

 

 

 

Paulo Panossian paulopanossian@hotmail.com

São Carlos

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O GRANDE PATRIOTA SE FOI

 

O baiano ex-chefe da Nação Itamar Franco não está mais entre nós. Aos 81 anos, foi vítima de leucemia. Itamar nos deixa um legado de homem e político integro, ético e honesto, homem simples com uma cronologia de vida impecável. Seus rompantes de fúria surpreendia quem estivesse ao lado. Não poupava críticas ao que fosse de encontro a seus ideais, protagonizando embates históricos. Itamar Augusto Cautiero Franco encerrou uma carreira política vitoriosa e, sobre tudo limpa, ética e honesta, o grande idealizador, o "pai do plano real", perdeu a luta contra a leucemia, e morreu no sábado pela manhã, após estar hospitalizado desde 21 de maio. Minas Gerais e o Brasil perde um excelente senador de oposição ao governo da presidente Dilma Rousseff, uma grande perda para o país. Itamar surgiu no cenário político do país na eleição de 1989, como candidato a vice de Fernando Collor de Mello. Porém, assumiu a presidência da república após o impeachment do ex-governador alagoano, Collor. Hoje vivemos num outro Brasil após o plano real, o país chegou a ter inflação mensal acima dos 80%, que dizimava os salários do trabalhador e desvalorizava nossa moeda a cada segundo. Como presidente chamou atenção por implementar nova forma de tratar denúncias de corrupção.

Ao lado do então ministro da fazenda FHC, lançou em Março de 1994, o índice que seria a base da nova moeda nacional, e salvação de nossa economia, o real. Entre o fim do ano passado e primeiro semestre deste ano, políticos notáveis deixaram a nossa convivência, como ex-governador Orestes Quércia, o ex-vice presidente José Alencar e, no âmbito regional, o não menos importante prefeito de Santo André, Newton Brandão, e o ex-ministro da educação do governo FHC, Paulo Renato de Souza, um homem público notável que dedicou sua vida a causa da educação. Sem ser piegas, o ex-presidente e senador Itamar Franco me faz lembrar de fatos importantes, como a volta do tradicional fusca, por sinal meu primeiro automóvel. Sua iniciativa não vingou, mas deu inicio a fabricação de carros populares no Brasil. Menção honrosa em memória ao homem que recuperou a autoestima do povo "sofrido" brasileiro, que nasceu baiano, adotou Minas Gerais como sua terra e morreu eternamente brasileiro. Que o pai do real e grande patriota vá com Deus, até logo!

 

Turíbio Liberatto turibioliberatto@hotmail.com

São Caetano do Sul

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ITAMAR 'CAMALEÃO'

 

Mais um camaleão político que se vai. Ansioso por "poder", fez as mais variadas e interessantes alianças - Collor, FHC, Brizola, Lulla e Aécio Neves. Precisamos de um substituto idôneo e não mutante.

 

José Jorge Ribeiro da Silva jjribeiros@yahoo.com.br

Campinas

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

HOMENAGENS

 

Perde o Brasil um dos homens decentes que militavam na política nacional. Aparecerão agora várias homenagens, muitas delas hipócritas, e feitas por pessoas de caráter muito questionável. Vou ficar atento às manifestações, principalmente de um partido radical que tem um "chefe" conhecidíssimo, mas que na oposição chegou a ofender pessoalmente o então ilustre presidente Itamar Franco. O País lhe deve honrarias, pois na sua simplicidade e discrição nunca fez barulhos com as benfeitorias que procurou fazer pelos brasileiros.

Ademar Monteiro de Moraes ammoraes57@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

VELÓRIO

 

Até na hora do descanso final de Itamar Franco figuras como Lula,Collor,Sarney,Temer e outros aparecem para violarem a honradez,honestidade e acima de tudo zeloso da Constituição federal e das leis que regem este país.Nunca se ouviu falar que Itamar estivesse envolvido com qualquer ato de corrupção em toda a sua vida publica,diferentemente destes acima citados.Que Itamar Franco,assim como José Alencar,sejam políticos a serem copiados por esta classe política que infesta as nossas Casas de Leis por este país.Descansou um dos últimos baluartes da política feita com zelo e honradez deste Brasil.

Walter Francisco Barros walterfbarros@yahoo.com.br

Araçatuba

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ABUTRES

 

De carpideiras os nordestinos Sarney, Collor e Lula entendem tanto que estavam juntos no velório de Itamar Franco, "chorando" por mais um político honesto, que morreu. Menos um para atrapalhar...

 

José Francisco Peres França josefranciscof@uol.com.br

Espírito Santo do Pinhal

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

TIMAÇO

 

Que Mano, Ganso, Neymar... Time é esse que apareceu na capa do Estadão: Renan, Sarney, Collor, Lula, Temer e Mercadante. Esse ganha todas!

 

Rubens Tarcisio da Luz Stelmachuk rtls@bol.com.br

Curitiba

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

TIRANDO SARRO

 

O ataúde de um homem público honesto ladeado por vários políticos desonestos. Será que foram ao velório para rir de um colega que não usou de suas prerrogativas para enriquecer. A conferir.

 

Josué José Grande, josuegrande@terra.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

HOMEM PÚBLICO

 

O ex-senador Itamar Franco, apesar de sua longa carreira política, nunca teve a noção clara do que é um homem público.Quando flagrado em publico e sozinho com uma companhia feminina costumava, sem razão, argumentar seu direito a privacidade. Nunca entendeu que um homem público, quando em público, a perde pelo próprio exercício do cargo. Bizarrices à parte, o Brasil perde um político controverso, mas correto no exercício dos cargos que ocupou.

 

Roberto Castro roberto458@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FICHA SUJA

Com o falecimento do ex-presidente Itamar Franco, eleito senador pelo estado de Minas Gerais nas ultimas eleições, quem assumirá sua cadeira no Senado será o suplente. Aquele que legislará para o Brasil durante sete anos e meio sem ter tido um voto sequer. O mesmo tem acontecido sucessivamente com vários senadores que se ausentam para exercer cargos de confiança no governo. Essa tática precisa ser mudada urgente e não dá para esperar a tão famosa reforma política. Chega de agüentar os "Welingtons Salgados" da vida que barbarizam o senado federal. O suplente de Itamar Franco, Zezé Perrella já chega com ficha suja, investigado pela Receita Federal por lavagem de dinheiro. Seguem sugestões para colocar um ponto final nessa prática nada democrática: 1- Que o suplente saia na próxima eleição (esta é a regra mais branda) ; 2- Que imediatamente se convoque nova eleição. (o custo deverá ser questionado); 3- Se o senador se afastar para exercer cargo de confiança no governo que perca seu mandato. (quero ver quem irá topar); 4- Em caso de morte, cassação ou afastamento para exercer outras funções, que imediatamente assuma o seguinte mais votado. Com esta regra 4 com certeza o senado terá a cara escolhida democraticamente pela população, não os conchavos e acertos partidários que seguem apenas interesse de certa elite política. Mais do que nunca chegou a hora dessa discussão entrar em pauta para que deixem de existir no Congresso aqueles antigos "deputados e senadores biônicos" do passado.

 

 

Beatriz Campos beatriz.campos@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SEM ALARDE

 

 

Primeiro o ex-ministro Paulo Renato Souza que se foi.Agora o ex-presidente Itamar Franco.Nestes últimos dias perdemos dois expressivos políticos que,em comum ,tinham o objetivo de servir ao Brasil sem grandes alardes, sem querer nada em troca,ao contrário de outros ,que ainda estão na ativa,gozando de excelente saúde mas que se locupletam do erário...

 

José Eduardo Zambon Elias zambonelias@estadao.com.br

Marília

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SUCESSORES

 

Tancredo pariu Sarney "sem saber", Collor pariu Itamar "forçado", Itamar pariu FHC "consciente".

 

Francisco José Sidoti fransidoti@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SUPLENTE

 

José Perrella de Oliveira Costa, o Zezé Perrella (PDT - MG) suplente de Itamar Franco entra para o cargo sob o "cartão vermelho", pois responde a acusações de ilícitos a Policia Federal. Está muito difícil hoje se encontrar um homem público que esteja "limpo" com a Justiça. Triste constatação. Brasil campeão da corrupção entre os homens que deveriam ter exemplos a demonstrar.

 

Leila E. Leitão

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PERSONAGEM IMPORTANTE

 

Ao morrer Itamar Franco, morre um dos três mais importantes personagens da saída do Brasil do século 18 para o 21, ele junto com Fernando Collor de Mello, e Fernando Henrique Cardoso, nos tiraram das mãos de políticos profissionais e pernósticos, que estiveram muito presente no final da ditadura, demagogos perigosos, falsos democratas que queriam um Brasil atrasado, pena que jamais as escolas vão ensinar aos jovens que vivem em um país moderno por causa de homens que permitiram estas mudanças, o Brasil teve muita sorte de ter ao final dos anos 80 na primeira eleição livre para presidente ter tomado este rumo, pois, na época não poderia ser diferente, as outras opções eram muito velhacas, verdes ou radicais demais, por tanto Itamar Franco teve um papel de destaque no Brasil, tinha personalidade, era moderno e não tinha ranço de político velhaco, vá com Deus Itamar Franco.

 

 

Roberto Moreira Da Silva rrobertoms@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O DISCURSO DE DILMA

 

"Exemplo de honradez pública de Itamar não foi seguido pelos políticos corruptos".

 

Roberto Twiaschor rtwiaschor@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CINISMO

 

Dilma, Lula e outros petistas de primeiro escalão teceram loas ao falecido Itamar e à estabilidade econômica brasileira conquistada graças ao Plano Real implantado por ele e seu ministro da Fazenda Fernando Henrique Cardoso. Para quem não tem memória curta isso cheira a um grande cinismo, pois na época os petistas fizeram oposição ferrenha ao Plano Real, e que se fosse por eles jamais teria sido implantado. Sabem porque? Porque o PT , enquanto oposição, sempre tentou impedir que boas soluções para os brasileiros propostas por adversários políticos fossem aprovadas porque seria dar força aos mesmos. O resto (que somos nós) que se danasse. E hoje , com feições compungidas, elogiam Itamar...ora!

Mara Montezuma Assaf montezuma.scriba@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ATITUDE DIGNA DE RESPEITO

 

Em respeito ao ex-presidente Itamar Franco, a presidenta Dilma Rousseff , entrou em contato com a família de Itamar, falecido no dia 2 de julho, ás 10h55m, a Presidente Dilma, ofereceu o Palácio do Planalto para velar e homenagear o corpo então ex-presidente Itamar Franco, que deixa boas lembranças e feitos históricos na política brasileira. O gesto nobre e respeitoso com a pessoa do estadista Itamar, a Presidenta Dilma provou que é uma pessoa de bom coração e acima de tudo sabe reconhecer os valores dos que foram de fato e de verdade uma pessoa útil à sociedade e país. É para nós eleitores, uma grande alegria e satisfação sabermos que, temos uma Presidenta que tem coração humano e respeitoso em momentos como esse da morte de Itamar que, sempre foi honesto, justo e sério nas suas atribuições como político e Presidente. Nos momentos difíceis e tristes que a mão amiga faz diferença. Uma simples palavra de conforto nas horas mais tristes como o da passagem de Itamar para outra esfera; de um político sem mácula que deixa os seus feitos registrados nos anais da política brasileira e na história do país. Itamar foi um grande estadista e, isso é inquestionável. Homem simples e bondoso que foi, deixará na memória do povo brasileiro, uma grande saudade. Se existe político que merece de fato e de verdade ser homenageado e lembrado para sempre, é sem dúvida a figura do homem que nasceu no mar, recebeu o nome de Itamar, por ter nascido no navio Ita e em pleno mar. Itamar Franco, adotou Minas Gerais como sua terra natal e galgou a sua trajetória política com dignidade até chegar ao posto mais elevado da sua carreira política. O homem Itamar, fez a sua história e deixou um grande legado aos que trilham na política e, aos novos que passarão a trilhar na vida pública brasileira. Os bons feitos não se apagam e nem em vão constarão na história do país. Itamar será lembrado para sempre como um bom filho do país e político sábio, honesto, determinado e decidido a realizar o bem ao país e seu povo. Assim, foi Itamar Franco, pessoa simples, de hábitos comuns como de qualquer cidadão brasileiro e ficou conhecido como o apaixonado pelo FUSCA e fez ressurgir o velho fusquinha nas ruas do Brasil. Ah, Itamar! Você foi nosso Presidente e será referencia para a grandeza do nosso país. E, a Presidenta, Dilma Rousseff, com o seu gesto humano e digno de uma estadista, mostra que fará um governo sério e honesto como o que fez o saudoso Itamar Franco. Parabéns a Dilma pelo gesto nobre e maravilhoso de, nas horas difíceis para a nação e familiares do falecido ex-presidente Itamar, ter oferecido o Palácio do Planalto para velar o corpo do político que deixa a tocha acesa para o futuro do Brasil!

 

 

Paul Morin paulmorin2002@terra.com.br

Curitiba

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

DECLARAÇÕES PÓSTUMAS

 

Neste sábado morreu o senador Itamar Franco, aos 81 anos, ex-Presidente que completou o mandato de Collor, após a sua cassação. A perda de um homem público com "H" maiúsculo é realmente uma grande perda. O que nos chama a atenção é saber as declarações póstumas a saber, Dª Dilma: Itamar deixa uma trajetória de honradez, Lula: um grande democrata e introdutor do plano real, Collor: grande companheiro, Sarney: o país perdeu um grande exemplo para os políticos! Pelo visto não aprenderam nada com o Itamar, muito menos com os seus exemplos, que hipocrisia! Para Itamar agora está melhor, mas para o povo brasileiro vai continuar pior...Se é verdade o que diz o ditado popular, "vaso ruim não quebra", ainda vamos ter que aguentar um pouco mais. Declarações, ora declarações...

 

M. Teresa Amaral mteresa0409@estadao.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

TRISTEZA

 

Meu sentimento é de extrema tristeza pela morte do presidente Itamar Franco. Um cidadão que lutou pelos seus ideais até o último dia de sua vida. Um presidente com coragem para "convocar" Fernando Henrique para ministro, refazer uma economia em frangalhos e recolocar o país no mapa mundial. Um homem que nunca cedeu às pressões dos Collors, Calheiros, Sarneys, Lulas e Dilmas. Um senador que, apesar da saúde fragilizada, teve coragem de se levantar e protestar contra as atitudes de um senado comprado e submisso. Hoje em dia, a corja toda de corruptos bandidos se uniu e, certamente, sem a presença do presidente Itamar Franco, a luta contra esses bandidos ficará muito mais difícil. Deus angariou um poderosíssimo aliado. O Senado Divino se fortaleceu muito. O senado daqui, da Ilha da Fantasia, perdeu de vez seu sentido de ser. Que Deus vos abençoe, presidente Itamar Franco! Ao Brasil, que Deus tenha piedade de nós.

 

Ricardo Marin s1estudio@ig.com.br

Osasco

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

INEGÁVEL RECONHECIMENTO

 

Vaiaram o collor (minúsculo mesmo) no velório do presidente Itamar. Um profundo reconhecimento do

povo ao falecido presidente.

José Piacsek Neto bubapiacsek@yahoo.com.br

Avanhandava

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CÍNICOS

 

Brasil, um país de cínicos. Era de causar vergonha ver a "camarilha" ao redor do caixão.

Celia Henriques Guercio Rodrigues celitar@hotmail.com

Avaré

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

MORTO E HERÓI

 

É deprimente o cinismo com que grande parte da imprensa, e dos políticos brasileiros, mudam de opinião sobre as pessoas, de acordo com as conveniências de cada momento. Vejamos o exemplo do que agora está acorrendo em relação ao ex-presidente Itamar Franco, que imediatamente após falecer, passou a ganha generosos espaços na mídia, e nos discursos dos políticos pilantras, exaltando suas mil e uma ações públicas. Infelizmente, esta mesma mídia, e esses mesmos políticos, que agora tecem loas ao velho Itamar, antes, quando ele ainda estava vivo, insistiam em tratá-lo como se fosse mais um "Forrest Gump da vida", um tipo que teria sido "bafejado pela sorte", ao ser escolhido para a vice de Fernando Collor de Mello, segundo muitos, exatamente por ser "inofensivo", e não representar perigo para o titular do cargo. Quis o destino, que com a queda de Collor, Itamar Franco tivesse a Presidência da República fortuitamente "colocada no seu colo", ocasião em que, conhecedor de suas limitações, teria tido o bom senso de deixar que o PSDB, tendo a frente o então ministro da economia, Fernando Henrique Cardoso, implantasse o "Plano Real", e livrasse o Brasil da bancarrota inflacionária, enquanto curtia seus dois anos de poder, restringindo-se, quase que exclusivamente, a fazer "figuração" em recepções e viagem oficiais, e em algumas badaladas festas públicas. Agora, depois de morto, o mesmo Itamar que antes foi continuamente ridicularizado por grande parte da mídia, e pela maioria dos seus pares, ganha honras e deferências de exemplar Chefe de Estado. Fala sério!

 

Júlio Ferreira julioferreira.net@gmail.com

Recife

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

RESPEITO AO DINHEIRO PÚBLICO

 

Enquanto o governador do Rio de Janeiro, Sérgio Cabral, utilizou, irregularmente, para o traslado dos corpos de seus amigos, vítimas do acidente de helicóptero na Bahia, avião da Força Aérea Brasileira a família de Itamar Franco, a princípio, havia recusado a oferta do corpo ser levado em avião da FAB, querendo demonstrar o quanto Itamar Franco respeitava o dinheiro público. Só aceitou a referida oferta do governo ao saber que havia, no caso, o direito ao uso do avião.

 

Eni Maria Martin de Carvalho enimartin@uol.com.br

Botucatu

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FAB

 

Essa, sim, foi uma legítima participação da FAB no traslado do corpo de Itamar Franco. Não aconteceu para atender ao pedido de políticos poderosos de ocasião. Se possível fosse, pela gratidão dos brasileiros ao grande presidente que ele foi, a FAB deveria transportá-lo até o céu.

 

Ronaldo Gomes Ferraz ronferraz@globo.com

Rio de Janeiro

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

MOSCA BRANCA

 

Itamar Franco o único e ultimo político honesto faleceu, é sem duvida nenhuma uma perda irreparável para o Brasil honesto, podem procurar no Senado, na Câmara de Deputados, no governo em geral que não será encontrado outro político honesto como Itamar, era mosca branca, sempre andou na verdade em más companhias, cometeu alguns deslizes, como ser vice do Collor, apoiar a campanha do Lula, mesmo assim, terminou a sua vida com saldo positivo, que serve de exemplo para todos que escolheram a política como meio de vida, para que o façam com decência e honestidade, é muito difícil na verdade se manter incólume, pois o poder geralmente sobe a cabeça e corrompe principalmente pessoas que não tiveram berço e estrutura familiar, como tem acontecido com frequência nos governos, após a saída dos militares.

Jose Mendes josemendesca@ig.com.br

Votorantim

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

EXEMPLOS

 

Mesmo depois de morto, Itamar Franco deixa exemplos que precisam ser considerados, menos no que parece, mais no que a mensagem sugere... Sua família negou as "pompas" de um velório no Palácio do Planalto e uso de avião oficial para o translado do seu corpo de São Paulo até Juiz de Fora e BH. Esta atitude revela entre outras coisas que além de bom político Itamar também foi um bom pai e um homem decente. Assistindo noticias como essas, nasce um fio de esperança para o Brasil, mergulhado na corrupção e na falta de ética de políticos que trocam apenas de partidos e cadeiras e não tem compromisso com o dinheiro público. Parabéns a Itamar Franco pelo legado e a sua família por este ato de cidadania que tem sentido maior do que a mera economia de alguns trocados para o erário público. Ao contrário de políticos que se foram recentemente e que deixaram fortuna, Itamar Franco, até onde se sabe, não era um homem rico, mas em paz de espírito e possivelmente com o sentimento de dever cumprido com ética e transparência. Detalhes que lhes custaram estigma e fama... Este sim poderia ter sido chamado de herói, pois era comprometido com o seu dever de homem publico e deixa saudades.

 

José Aparecido Ribeiro jaribeirobh@gmail.com

Belo Horizonte

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ITAMAR, EXEMPLO PARA DILMA

 

A presidenta deveria seguir o exemplo de Itamar, de saudosa memória: homem simples, absolutamente ético, que fez um governo excepcional que deveria ter durado o dobro, pelos resultados obtidos para o povo. Duvido que a Dilma, com essa abundância de ministros herdados do Burla, indicados pelos partidos da base, (QI) ineptos para os cargos, e alguns mantidos apesar da incompetência demonstrada na educação, Copa e Olimpíada, consiga fazer um governo que faça mais, cobre menos e não aumente sua dívida ainda mais

 

Mário A. Dente dente28@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ENGOLIREMOS?

 

O suplente do falecido senador Itamar Franco é o senador José Perrella, investigado por enriquecimento ilícito, lavagem de dinheiro e evasão de divisas. Agora, só com autorização do STF. Vai ter que ser engolido até 2018. Por que até agora estas investigações não foram concluídas? O que contribuiu para este atraso? É, assim caminha o Brasil. Processos retidos ou engavetados ou andando a passos de cágado. Dependendo de quem é o investigado. Se fosse um Zé Mané já estava apodrecendo numa cela qualquer. Este é o país que queremos?

 

Panayotis Poulis ppoulis46@gmail.com

Rio de Janeiro

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ITAMAR E DILMA

 

Quando o ministro Hargreaves teve seu nome envolvido num escândalo, o presidente Itamar Franco afastou-o do cargo para se defender. Provada sua inocência, foi recolocado no posto com todas as honras. Quando Palocci foi acusado de enriquecimento ilícito, a presidente Dilma o afastou dizendo: Vá para casa e continue fazendo consultorias que da muito mais dinheiro. E ele foi e tomara não volte nunca mais.

 

Carlos Montagnoli carlosmontagnoli@uol.com.br

Jundiaí

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

TROCA

 

Eu trocaria tranquilamente o lugar de Itamar no caixão por pelo menos 50 políticos que estiveram no funeral.

Angelo Antonio Maglio angelo@rancholarimoveis.com.br

Cotia

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

MUNDO SÓRDIDO

 

Na primeira página do Estadão de 4/7 estava estampada uma foto do velório do senhor Itamar Franco, onde se veem Lula, Sarney, Temer, Collor, Mercadante e outros petistas que, com a maior cara-de-pau, demonstraram estar "consternados" com a morte do ex- presidente. Quanta hipocrisia! E dizer que, todos eles, não se cansaram de execrar o senhor Itamar Franco e Fernando Henrique Cardoso, quando eles elaboraram o vitorioso Plano Real, aquele mesmo que foi aproveitado por Lula e lhe deu notoriedade nos oito anos em que governou o País. Todos os que aparecem na foto, se tivessem o pingo de caráter, nunca deveriam ter comparecido nesse velório. Êta, mundo sórdido!

Adolfo Zatz dolfizatz@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

UM POLÍTICO SINGULAR

 

Desejo cumprimentar o nosso Estadão por seu Editorial de 04/07, UM POLÍTICO SINGULAR, no qual faz ume pequena biografia de Itamar Franco, um excepcional homem público, que em praticamente pouco mais de meio mandato, fez pelo Brasil muito mais do que fizeram outros em um, dois ou mais. Um grande brasileiro, que assumiu o Brasil no caótico estado em que o "caçador de marajás" o havia deixado, e conseguiu plantar e fixar novas metas que, apesar dos governos petistas, ainda permanecem, e tornaram o Brasil um país muito mais respeitável após seu governo e do que o sucedeu. É pena que os sucessores de Itamar e de FHC não seguiram seu exemplo de ética. moralidade, seriedade na gestão de serviços públicos, e ainda deixaram a corrupção rolar a olhos vistos, com uma política do toma lá, dá cá, nepotismo e muitas outras falcatruas, sem contar sua execrável política internacional, ao se unir a tiranos de outras plagas e abrigar bandidos. Itamar deverá ser lembrado pela sua teimosia, sua sisudez e seu comportamento exemplar e, como bem disse o editorialista, o Brasil se divide en antes e depois de Itamar Franco.

 

Carlos E. Barros Rodrigues carlosedleiloes@terra.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

BOM EXEMPLO

 

Porque será que a família de Itamar dispensou avião da FAB para traslados e o Palácio do governo para o velório, quando políticos capitaneados por Sarney viajarão em jatos da nossa força aérea? Questão de princípios....

 

Fabio Figueiredo fafig3@terra.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

CAPACIDADE

 

O artigo de Fernando Henrique Cardoso no domingo no Estadão ('A soma e o resto', A2) dá visão da capacidade do sr. FHC, um verdadeiro estadista, bem diferente dessa corja de políticos que hoje desmandam no País. A única decepção foi ele não ter dado total apoio ao Serra nas eleições de 2002 - seus princípios não permitiram - e deu de mão aberta o poder ao PT e hoje estamos nessa lamentável situação.

Laert Pinto Barbosa laert_barbosa@ig.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

'A SOMA E O RESTO'

 

Somando tudo, resta a conclusão de que a carreira política de Itamar Franco foi muito mais rica do que a de Fernando Henrique.

 

Sergio S. de Oliveira ssoliveira@netsite.com.br

Monte Santo de Minas (MG)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FHC

 

Dr.Fernando Henrique, meu eterno presidente. Parabéns pelo seus excelentes artigos publicados no nosso Estadão. O de domingo me fez lembrar do nosso querido dr. Miguel Reale. Permita-me fazer uma observação no seu texto, quando o sr.diz que a vida vai passando, acho que nós é que passamos pela vida, pois ela é una. O lamentável é que tem milhões de pessoas que não sabem nem porque estão aqui, nesta dimensão cuja existência é transitória, são verdadeiros vivos-mortos. Considero o senhor como baluarte de nossa moral política, tão escassa na atualidade. Com consideração e respeito.

 

José Clementino Teixeira airiclaw@gmail.com

Pedregulho

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

UMA COBRANÇA CONTEMPORÂNEA A FHC

 

Em primeiro lugar, o meu muito obrigado por tudo que o senhor fez de bom (e continua fazendo) como homem público. Sempre votei no senhor e tive inclusive uma participação discreta na sua campanha para prefeito de São Paulo. Mas quero fazer uma crítica por algo que o senhor não fez e que poderia ter melhorado muito a história contemporânea do nosso País. Quando o senhor lutou para mudar a Constituição, para se permitir um segundo mandato, o senhor cometeu dois pecados capitais: primeiro mudou regras durante o jogo, a reeleição só deveria valer para os próximos mandatos e não para o vigente; e o segundo pecado, de longe o mais grave, o senhor perdeu a oportunidade de promover uma ampla reforma política, mudando principalmente o nosso sistema eleitoral proporcional, que é uma das principais causas da falência do nosso sistema político. A sua omissão, em nome de um projeto de poder que não difere do projeto petista, condenou o nosso sofrido País a mais algumas décadas de atraso constitucional. Nisso o senhor e o presidente Lula se igualaram, declararam que a Reforma Política era a mãe de todas as reformas e não se empenharam em viabilizá-la. E o pior é a herança que o Senhor deixou para o seu partido, que continua numa omissão covarde e submissa e não tenta promover com todas as suas forças essa reforma que pode ser tão importante para o futuro do nosso País, como foi o Plano Real para a estabilidade da nossa moeda.

 

Israel Aron Zylberman aronz@uol.com.br

Carapicuíba

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FHC FEZ O POSSÍVEL

 

Caro Amadeu R. Garrido de Paula, referente ao seu comentário aqui, no Fórum, permita-me dizer, FHC fez o que foi possível democraticamente, pelo que fez, é até odiado pela população, devido ao grande esforço que nós, o povo, tivemos de fazer em sua gestão, o resultado de nosso esforço e desta gestão foi apropriado pelo sucessor ( que o desqualificou para conseguir isto) que não fez reforma alguma, quando havia condições para isto, para não ser impopular. Quantos estadistas na nossa história, tiveram coragem, de fazer reformas consolidadoras? A sua preocupação é a minha, será que teremos um novo estadista para continuar as mudanças? Veja que, em matéria de gestão, voltamos para trás, com aumento dos gastos públicos acima do recomendado, já voltou a inflação, estão disfarçando o crescimento, que é anulado pela inflação. O que nos espera no futuro? Mais esforço, que já fizemos ( que foi e está sendo usado para satisfazer ego )? Vamos torcer para que o povo acorde, há tempo de retomar e fazer as correções necessárias para o crescimento equilibrado de nosso país."

Nelson Pereira Bizerra email-nepebizerra@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

UM SERRA TARDIO

Se, durante a última campanha eleitoral, não fosse a besteira do José Serra e dos tucanos esquecerem FHC e o medo de "sair pro pau" contra o Lula, talvez hoje não teríamos de continuar aguentando esse folgado que viveu uns 30 anos à custa de sindicalizados, oito à nossa e ainda continua governando de fato o País via sua criatura, a presidente de direito. De nada adianta agora um Serra bravo, mas tardio, e ainda assim boicotado por membros do "seu" PSDB como o Trairécio mineiro. Em tempo, tiro o chapéu para homenagear Itamar Franco, recém falecido, que herdou um país quebrado e teve a coragem de bancar FHC e seu Plano Real, que acabou com a inflação absurda que corroia o país.

Laércio Zannini arsene@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O PAPEL DA OPOSIÇÃO

O documento escrito por José Serra apontando a situação do Brasil sob a o governo Dilma/Lula causou impacto tanto na oposição como na situação. Os primeiros ficaram incomodados com as verdades ditas pelo ex governador e estão receosos de apoiar, coisa que parece que Serra não estava esperando muito. Afinal, com o racha que há no PSDB muitos ficam "pisando em ovos" ao falar do governo. Os segundos chegaram a achar o cúmulo Serra dizer estas coisas agora que Dilma falou bem de FHC desdizendo tudo que disse na campanha eleitoral. A verdade é que Serra disse o que já deveria ter dito há muito e honrou, mesmo que tardiamente, o seus 44 milhões de votos. Os cidadãos que votaram contra o governo nas eleições passadas não acreditaram naquela história do "nunca antes neste país" e na "herança maldita de FHC". Se o PSDB ainda vai continuar a ser de oposição tem que se definir, pois ficar fazendo mesuras para o PT não o legitima. Se não for para fazer oposição que se torne partido da situação.

Mas ficar incomodado com quem se opõe ao governo PT é que não dá. Oposição é parte da construção democrática e não tem nem mesmo a obrigação de ser justa. Quando na oposição o PT em nenhum momento cogitou de fazer justiça em seus atos ( até ações contra o Plano Real Mercadante fez ) e nem mesmo foi defensor da verdade. Oposição é para debater, apontar erros, propor alternativas e o governo deve estar preparado para isso numa democracia. Afinal o Serra disse nada mais é que a pura verdade, mais evidente ficou agora depois da divulgação das falcatruas e corrupção no Ministério dos Transportes.

 

Maria Tereza Murray terezamurray@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SUPERSSAFRA DE BANDIDOS

 

A safra de bandidos continua batendo recordes. Quando se pensa que acabou, surge uma nova leva. Realmente, rato é uma praga de difícil controle. Quatro integrantes da cúpula do Ministério dos Transportes, foram afastados por cobrarem 4% de propina sobre o valor das licitações. O chefe escapou, provavelmente por ser amigo do rei. Um dos afastados tem sobrenome bem sugestivo, Pagot, "pagô... levô". Todos iriam direto para a cadeia se o Brasil fosse um país sério. Para completar o arastão da semana, sabe-se que um outro patriota meteu a mão em R$ 57 mi da Petrobrás. A roubalheira, a pouca vergonha e a desmoralização reinante na cúpula do governo é tão institucionalizada que o picareta que faz dos cofres da Petrobrás seu fundo de reserva, é senador, faz parte da base alugada do governo e, acreditem, presidente da Comissão de Constituição e Justiça do Senado (CCJ). Até quando vamos aceitar tudo isso passivamente?

Humberto de Luna Freire Filho hlffilho@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

BRASIL 0 X 0 VENEZUELA

 

Será que o frio argentino prejudicou nossas aves ? Ganso e Pato nem apareceram, o topete de Neymar ficou mais arrepiado ainda ,Robinho continua jogando muito, pena que só para o Galvão Bueno. Já o Mano Menezes continua com o mesmo palavreado: estamos no rumo certo...

Virgílio Melhado Passoni mmpassoni@gmail.com

Jandaia do Sul (PR)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SELEÇÕES BRASILEIRAS

 

Copa América:Brasil X Venezuela =0/0- Decepcionante! Copa Mundial de futebol feminino=Brasil 3 X Noruega 0. Parabéns. As mulheres hoje estão se sobrepujando com galhardia,o chamado sexo forte, tanto no campo desportivo, como no campo político,como é do conhecimento público. No político, estão galgando os mais respeitáveis e altos cargos, desde presidentes de governos, ministros de Estado, presidentes de órgãos governamentais importantes, etc. No campo desportivo,estão dando uma lavada nos homens. Haja vista, a aludida vitória empolgante de 3X0 sobre a Noruega em campo europeu, com dois gols feitos pela atacante Marta. Ela está depenando os Pato e Ganso e pondo no bolso o decantado Neymar. Durante o jogo com a Venezuela,deu-se um fato inédito. Entrou no campo um cachorro vira-lata correndo por todo o gramado,dando muito trabalho para retirá-lo, o que nos leva à seguinte reflexão:será que o vira-lata não queria ajudar a fraca seleção brasileira? Campeonato e copas não se ganha com firulas e com preciosismo, mas, sim, com bola na área e na rede. Este é o alvitre Sr.Técnico e é o que a Seleção Feminina está fazendo.

 

Antonio Brandileone abrandileone@uol.com.br

Assis

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

DESFILE

 

Com esse salto alto, a seleção do Mano arrasaria na São Paulo Fashion Week.

A. Fernandesstandyball@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PAGANDO POUCO

 

Tivemos um técnico de seleção brasileira de futebol que induzia seus jogadores a consumir cerveja na sua constante propaganda diária, até mesmo ao meio dia dentro de casa. E já vigorava a lei do bafômetro. E o resultado da copa do mundo foi decepcionante para os brasileiros. E agora temos outro técnico dando o mesmo exemplo de consumo de bebida aos seus comandados. Tudo indica que vamos ter a mesma decepção na Copa do Mundo. Será que a CBF paga pouco ao seu técnico?

 

Leonardo Silveira lf_silveira@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ELENCO MILIONÁRIO, FUTEBOL PÍFIO

 

Será que agora cai a mascara do "lord ingles" que comanda a seleção brasileira? E a "lua de mel" com a crônica esportiva vai até quando? Ninguém questionou nada até agora, apesar das atuações sofríveis dos seus comandados. Agora não pode alegar falta de tempo pra treinar. O time é um amontoado de indecisos, inseguros em atuar, temendo que qualquer erro possa provocar sua dispensa nas futuras convocações. Perdeu-se a ousadia e a improvisação. O futebol não é uma ciência exata. Quando cair do seu trono, o estrago já estará feito.

 

João Ernesto Varallo jevarallo@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

NEYMAR

 

Dono da bola? Neymar? Dono da bola foi o Rosales, lateral da Venezuela, que não o deixou sequer pegar na bola.A distância entre o suposto novo "Rei" do futebol e os grandes craques (depois de Pelé, é claro) é ainda de anos-luz!

 

Edmir Netto de Araujo edmir.netto@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

JOGADA DE MARKETING

 

Revelado: a verdadeira homenagem da camisa grená do coringão era para a Venezuela, foi ideia de Mano Menezes!

Luiz Henrique Penchiari luiz_penchiari@hotmail.com

Vinhedo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

VOO FRUSTRADO

 

"Neymar" prá cá, "Neymar" prá lá... Nem o Pato nem o Ganso voaram. Ficou mesmo é no Mano a Mano!

Silvano Corrêa scorrea@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.