Cartas - 08/06/2010

LIBERDADE DE IMPRENSA

, O Estado de S.Paulo

08 Junho 2010 | 00h00

"Estadão" sob censura

Lamentável termos comemorado ontem o Dia da Liberdade de Imprensa, estando nessa data o maior jornal do País, o Estadão, sob censura há exatos 311 dias.

PEDRO SERGIO RONCO sergioronco@uol.com.br

Ribeirão Bonito

____________

DOSSIÊS

Repeteco

Em 2006, na campanha de reeleição, o presidente Lula chamou de "aloprados" os petistas flagrados comprando dossiê sobre tucanos e disse que não sabia de nada. Em 2010 assistimos ao repeteco, a candidata do PT faz como seu guia e também não sabe de nada. Pelo jeito, os petistas só vão saber o que se passa na própria casa quando a Justiça decidir ser justa. Nem com mensalão e valerioduto os petistas descobriram que a casa deles caiu.

CARLOS ALMEIDA CRUZ almeidarj1959@hotmail.com

Rio de Janeiro

____________

Com a confirmação do ex-delegado da PF Onésimo Souza de que estavam envolvidos na produção de dossiês e a queda de Luiz Lanzetta, assessor da campanha de Dilma, o presidente do PT, José Eduardo Dutra, ainda vai entrar com ação contra Serra? Dilma diz que, se eleita, vai dar continuidade ao governo Lulla. Pergunto: mesmo não sabendo de nada, como no caso do último dossiê?

ALVARO SALVI alvarosalvi@hotmail.com

Santo André

____________

Foi só vir à tona novo dossiê contra Serra, planejado pelos arapongas do PT, para a Petrobrás anunciar mais uma descoberta na camada de pré-sal, hoje estimada em 330 milhões de barris de petróleo, riqueza que, todos sabemos, jorrará nas próximas décadas. É a Petrobrás trabalhando...

EDUARDO A. DE CAMPOS PIRES eacpires@terra.com.br

São Paulo

____________

PESQUISA

Poucas opções para tucano

Entre os temas pesquisados que pioraram, e muito, no decorrer dos governos Lula, não constam, por acaso, moral e ética, respeito e obediência às leis, infraestrutura, como estradas federais, portos, aeroportos? Não interessam aos pesquisadores ou realmente não atingiram os eleitores?

GERHARD FINK gerhardfink@uol.com.br

Atibaia

____________

ENERGIA ELÉTRICA

Preços aviltantes

Confirmando a matéria do Estadão (7/6, B1), pesquisas anteriores realizadas pela FGV também dão conta de que a tarifa industrial brasileira já é a terceira mais cara do mundo. Não há por que discutir fórmulas para a renovação das concessões de hidrelétricas. Pelo anterior sistema de "tarifa pelo custo", os consumidores já pagaram pelas hidrelétricas contabilmente depreciadas. A prevalecer os seus direitos adquiridos, a tarifa dessas usinas terá de entrar no mix nacional a custo zero. E pronto! Isso é prática comum no Canadá, nos EUA e em outros países do Primeiro Mundo. Diferentemente do ocorrido com o setor de telecomunicações no passado, o que aconteceu e acontece na área elétrica, principalmente pela falta de uma agência reguladora independente, é o seu total distanciamento dos interesses dos consumidores e contribuintes. Infelizmente, hoje o Ministério de Minas e Energia está entregue aos comandados de Sarney, como no passado também esteve sob as ordens do atual DEM. Não poderia sair coisa boa: a tarifa é escorchante, a qualidade é das piores e a disponibilidade de energia elétrica, das mais preocupantes. A privatização nesse ambiente político/regulatório não poderia ser mesmo tão mal feita, açodada e suspeita. Nessa mixórdia há até uma estatal colombiana comandando o mais pesado, monopolístico e importante sistema interligado da Região Sudeste, a Companhia de Transmissão de Energia Elétrica Paulista (CTEEP). É uma mistura generalizada de incompetências, oportunismos políticos e proveitos privados. Pela importância do assunto, quem sabe, reportagens como a de Renée Pereira, neste momento, tenham o condão de despertar nos candidatos à Presidência a consciência da necessidade de uma urgente proposta moralizadora e definitiva para o setor elétrico brasileiro.

NILSON OTÁVIO DE OLIVEIRA noo@uol.com.br

São Paulo

____________

JUDICIÁRIO

Pós-modernismo

É alentador o projeto de alteração do Código de Processo Civil (CPC), levado ao presidente do Senado e cujo processamento legislativo esperamos seja rápido. Nosso Judiciário sairá da pré-história para o pós-modernismo. No ponto da responsabilização do Banco Central por penhoras online indevidas, não se trata de um retrocesso, como disse o ilustre presidente da Associação dos Magistrados Trabalhistas. Bloqueio indevido e excessivo de contas bancárias é uma enormidade que não se justifica a pretexto de execução de um crédito trabalhista. Lançamos esse argumento com o crédito da insuspeição que nos conferem décadas de militância advocatícia em favor de trabalhadores e de suas entidades de representação.

AMADEU R. GARRIDO DE PAULA amadeugarridoadv@uol.com.br

São Paulo

____________

Litigância de má-fé

O novo Código de Processo Civil precisa, além de deixar de ser "solene e erudito" e apenas uma "peça de admiração dos estudiosos do Direito", servir, principalmente, como um "simples instrumento para a solução de conflitos", conforme muito bem observou Bruno Dantas, diretor de Consultoria Legislativa do Senado. E deveria ainda instituir multas inibidoras e mecanismos pesados de combate às litigâncias de má-fé, procrastinatórias e desvirtuadoras dos processos, que deturpam a finalidade da justiça e tanto atormentam aqueles que de boa-fé recorrem aos tribunais.

SEBASTIÃO PEREIRA jardins@oadministrador.com.br

São Paulo

____________

DROGAS

Bolívia

Na brilhante matéria "O Brasil também não é santo", no caderno Aliás (6/6, J3), ao referir-se à geoeconomia das drogas, o jurista Wálter Maierovitch diz que "o problema hoje é que há Estados com uma economia, um PIB, dependente das drogas. A Bolívia é um deles, mas isso não quer dizer que os governantes sejam narcotraficantes ou façam vista grossa". O que quer dizer, então?

CLÁUDIO MOSCHELLA arquiteto@claudiomoschella.net

São Paulo

____________

"A Lei da Ficha Limpa vai valer também para Dilma?"

IDILIO VALLINI / SÃO PAULO, SOBRE A LEI COMPLEMENTAR 135, SANCIONADA PELO PRESIDENTE LULA, SEM VETOS marielconst@globo.com

"Multas recorrentes do TSE não deveriam constar como impedimento, na Lei da Ficha Limpa?"

MARIA DO CARMO ZAFFALON LEME CARDOSO / BAURU, IDEM

mdokrmo@hotmail.com

"Dunga é a cópia do Parreira de 1994, sem Romário e Bebeto"

OSCAR ROLIM JÚNIOR / ITAPEVA, SOBRE A SELEÇÃO BRASILEIRA

rolimadvogado@ibest.com.br

____________

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 3.646

Após empate com Botafogo, time segue líder no campeonato. Brasileirão retorna só depois da Copa

TEMA DO DIA

Corinthians assiste à Copa do Mundo líder

"O Corinthians está ganhando no apito e na sorte. Depois da Copa isso irá mudar, com certeza."

ROMULO SILVA

"O Timão jogou mal, mas foi melhor que o Botafogo no primeiro tempo. Tomara que o Dentinho não vá embora."

VOLMIR MORAIS

"A liderança dependerá se não sair ninguém durante a Copa. Os times estrangeiros vão depenar vários clubes brasileiros."

RODRIGO LEANDRO ALVES

Cartas enviadas ao Fórum dos Leitores, selecionadas para o Estadão.com.br

PRÉ-COPA

Alguém deve avisar o Dunga que em cachorros mortos não se chuta. Quero ver chutar os vivos.

Roberto Stavale bobstal@dglnet.com.br

São Paulo

___________________

PRA FRENTE, BRAZIU!

Primeiro, a "perigosa" seleção do Zimbábue, depois, a ''temível'' Tanzânia! Não vejo a hora de essa ''potãnsa'' que é a nossa seleção enfrentar outros grandes desafios, como ganhar das seleções do Botsuana, Lesoto, Malauí, Suazilândia e o pior de todos, o combinado do Timbuktu! Não tem pra ninguém (desde que seja do Quarto Mundo)! Dá-lhe Tunga, digo, Dunga...

Paulo Boccato pofboccato@yahoo.com.br

São Carlos

___________________

APARTHEID TUPINIQUIM

Dunga disse que não sabia opinar sobre o apartheid. Lula não deve saber também.

Aliás, o Brasil é um país segregativo, mas de uma forma dissimulada.

União só no samba, no futebol e na corrupção.

José Francisco Peres França josefranciscof@uol.com.br

Espírito Santo do Pinhal

___________________

DUNGA

Ninguém acreditou que Dunga desempenharia um grande trabalho à frente da seleção brasileira, inclusive eu. Mas ele provou que é capaz, sim, de ser campeão. Não adianta vários brasileiros torcerem contra, em time que está ganhando não se mexe. E Dunga está ganhando! Cada um tem suas preferências, no Brasil, então... Quem não deu valor por atuar pela seleção de seu país que vá embora mesmo. Vai pra balada agora, porque para a Copa...

Mário Issa drmarioissa@yahoo.com.br

São Paulo

___________________

PAÍS MULTIRRACIAL

Com a proximidade da Copa do Mundo, na bela África do Sul, farto-me de ver reportagens televisivas envolvendo savanas, animais selvagens e negros. Cadê os brancos de lá?

Sergio S. de Oliveira ssoliveira@netsite.com.br

Monte Santo de Minas (MG)

___________________

JABULANI

Suspeitava que a Adidas não tinha ideia de todas as consequências aerodinâmicas causadas pelas microestruturas introduzidas na superfície da Jabulani. Agora tenho certeza. O caderno COPA 2010 de ontem traz uma foto em close onde se vê que a microestrutura é completamente diferente na região dos desenhos decorativos. Na cobrança de bola parada, o jogador poderá escolher a posição da bola no chão, mas nos chutes com a bola em movimento o comportamento da bola se torna imprevisível. O caso agora não é de adaptação. É de resignação. Pimba, e seja lá o que Deus quiser.

José Bizarro Ferreira Mendes zecamendes@terra.com.br

Cotia

___________________

A BOLA

Uma bola desenvolvida com alta tecnologia e não adequada às altitudes do país da Copa? Incompetência ou brincadeira tola?

André C. Frohnknecht anchar.fro@hotmail.com

São Paulo

___________________

CBF, UM MISTÉRIO NACIONAL!

O Hino é um símbolo nacional? A Bandeira é um símbolo nacional? Porque sempre nas alusões a seleção brasileira anexamos o Hino e a Bandeira? Por que, num grande clamor nacional, conclamamos todos a se tornarem guerreiros em defesa do Brasil? Deveríamos concluir que a seleção brasileira de futebol também é um símbolo nacional? Ledo engano! É uma entidade privada, sem qualquer vínculo com o Ministério dos Esportes. É propriedade pessoal do sr. Ricardo Teixeira há anos e anos, recebida em uma bandeja, como presente de casamento, do sr. João Havelange. O mais perfeito exemplo de um continuísmo nefasto, regime ditatorial, que afronta a palavra democracia. E não venham me falar naquelas eleições representadas pelas federações estaduais, onde se manipula e se vende o voto. Se representa o emocional de uma nação, por que ser manipulada de forma tão feudal? Já fizeram alguma auditoria sobre suas contas? E quem deveria ou poderia fazê-la? O Tribunal de Contas? A Receita Federal? Quanto entra e quanto sai e de onde vêm suas receitas? Ouço falar em muitos milhões de dólares. Beneficia quem? Alguma creche, algum clube amador ou profissional? Alguma entidade de cunho social? Quanto recebe o clube que cede os jogadores, além do lucro advindo da convocação e que visa tão somente transferências internacionais? No fundo, é uma grande vitrine onde todos ganham: a CBF, os clubes, os empresários, os procuradores e às vezes até os jogadores. Desconhecendo estes bastidores, ficamos aqui a nos digladiar pelos jogadores esquecidos e pelos injustamente lembrados. Cronistas, jornalistas, radialistas e leigos, em eternas mesas-redondas que se prestam tão somente a preencher pautas e que nunca conseguem penetrar ou influenciar as decisões dos senhores do feudo. Por fim, conscientes de nossas fragilidades, nos conformamos e, junto com o máximo mandatário da Nação, apoiamos o Dunga, a CBF, nos enrolamos em uma bandeira e cantando o Hino Nacional, esquecemos de tudo: da pobreza, da fome, da saúde, da educação, da violência e da criminalidade crescente e urramos como seres inconseqüentes: BRASIL!!! BRASIL!!!!!!! Oxalá alguém todo-poderoso nos socorra e remeta de volta aquele esquadrão de mercenários, de preferência já nas oitavas. Sabemos que para cá só voltarão dois, pois os demais se espalharão pelo mundo, inclusive o capo di tuti capi e alguns asseclas, com a mentirosa justificativa de que estarão fazendo observações. Inócuas e inaproveitáveis, mas em um dolce far niente.

Wanderley F. Rocha wanderleyrocha@vivax.com.br

Guarujá

___________________

PATRIOTISMO

Nesta atual e intensa euforia de patriotismo verde-amarelo, sonhando a taça, com alegria, unindo o povo por uma bola, vem-me um sonho forte e singelo vendo a Bandeira, que o vento enrola.

No azul do céu, cheio de estrelas, a faixa diz: "Ordem e progresso". Fico pensando no patriotismo, no entusiasmo do povo expresso e bem dirigido a outra paixão: à nossa Pátria, nossa Nação!

Numa torcida empedernida, com forte empenho e convicção: contra a injustiça, contra a cobiça, a impunidade, a corrupção, a engambelação do povo humilde - que paga impostos sufocantes sem uma digna devolução -; fatos que afetam a democracia e que aviltam nossa Nação, que talvez possam ser derrotados a começar de uma eleição.

Maria Toledo Arruda Galvão de França milatag@ibest.com.br

Jaú

___________________

CENSURA AO ESTADÃO

Se nesta copa o Brasil conquistar o hexa, espero que o mérito da censura ao Estadão seja julgado antes da disputa do hepta.

Roberto Twiaschor rtwiaschor@uol.com.br

São Paulo

___________________

COPOM

Ansioso pelo início da Copa, o torcedor brasileiro nem vai notar que na semana que vem ocorrerá mais uma tungada dos bancos, ops desculpe, instituições, nos cofres do governo.

As "apostas" são de até 1% a mais na Selic, neste cassino onde quem perde é sempre o contribuinte brasileiro, tudo com o beneplácito do presidente sindicalista, que outrora classificava "as instituições" de sanguessugas do povo.

Luiz Henrique Penchiari luiz.penchiari@bericap.com

Vinhedo

___________________

DOSSIÊ

Essa interpelação que o PT está fazendo a Serra na Justiça é a aplicação da máxima: a melhor defesa é o ataque.

Na verdade, esse escândalo sobre o suposto dossiê produzido por petistas aloprados é uma perda de tempo, pois todos nós estamos carecas de saber que essas acusações para lá e acusações para cá não vão dar em nada.

Especialmente agora, que a única coisa que mobiliza os brasileiros é a Copa do Mundo e, depois dela, o assunto já terá esfriado.

Ronaldo Gomes Ferraz ronferraz@globo.com

Rio de Janeiro

___________________

ESCÂNDALO

O presidente do PT, José Eduardo Dutra, declarou, sem ficar vermelho, no caso do dossiê, que o PT repudia tais atitudes? Não sei para quem ele está falando, mas o prato preferido dos petistas é "dossiê", nos últimos dez anos; e os aloprados, os 40 processados, o R$ 1,6 milhão pego na maleta, em hotel, com assessores do Mercadante.Parece norma, nestes casos, mandar ver a vida do adversário político, desde sua primeira comunhão.

Celso de Carvalho Mello celsosaopauloadv@uol.com.br

São Paulo

___________________

"NAPOLEÃO, O PETISTA"

No clássico livro "A Revolução dos Bichos" ("Animal Farm"), do escritor inglês George Orwell, é narrada a história da tentativa de criação de uma sociedade igualitária pelos animais que viviam oprimidos pelos humanos em uma fazenda, liderados por um grupo de porcos, tendo a frente o porco Napoleão.

No final da história, que é uma contundente sátira à tenebrosa política totalitária de Stalin na União Soviética, o porco Napoleão e seu séquito são seduzidos pelo poder e se tornam tão ardilosos e corruptos quantos os humanos, a ponto de se aliarem a eles na opressão aos demais animais da fazenda.

O Partido dos Trabalhadores (PT) - que mais uma vez se vê às voltas com sérias acusações de produzir dossiês espúrios e criminosos contra a oposição, visando a sustentar o seu maquiavélico projeto de perpetuação no poder, por não ter projeto de governo - deveria deixar de lado a hipocrisia, assumir de vez a sua face totalitária e adotar um porco como seu mascote.

PT, quem te viu, quem te vê!

Túllio Marco Soares Carvalho

Belo Horizonte

___________________

MÁ-FÉ

Depois de tantas denúncias de corrupção, algumas delas no STF, como é o caso do mensalão; depois de tantas hipocrisias da parte do nosso presidente, como é o caso do "eu não sabia"; depois de tanta incompetência demonstrada em 8 anos de gestão da coisa pública, como é o caso da falta da construção de hidrelétricas, rodovias, ferrovias, portos, aeroportos; depois do uso de tantos meios ilícitos, como é o caso dos dossiês, do peleguismo, dos reincidentes crimes eleitorais cometidos pelo Lula - votar na Dilma só se justificará por ignorância ou má-fé!

Eugênio José Alati eugeniojosealati@yahoo.com.br

Campinas

___________________

CRIMES GRAVES

Conforme o "Estadão" de 5/6 (A9), "PSDB vai convocar arapongas para depor no Congresso", o líder da minoria na Câmara, Gustavo Fruet (PSDB-PR), vai acionar os Ministérios Públicos Federal e Eleitoral e pedir a abertura de inquérito policial para apurar a montagem da central de dossiês, porque é preciso saber de onde vem o dinheiro para pagar as operações. "Se vier do Fundo Eleitoral, está caracterizado o crime". E se conforme o mesmo jornal (A8), "Delegado confirme Operação "dossiê", o custo da operação, orçada em R$ 1,6 milhão, fosse assumido por um empresário prestador de serviços ao governo federal (Lula), o crime não seria até maior? (Nestes casos, quase sempre, "do couro sai a correia"!) No meu entender, os dois crimes seriam muito graves, se já não o são!

Adherbal Ramon González gonzalezadherbal@ig.com.br

Santa Cruz das Palmeiras

___________________

ESPIONAGEM PETISTA

O que devemos pensar deste governo? Já fizeram tudo de desonesto e criminoso para se perpetuar no poder. Mensalão, falsos dossiês, uniram-se aos mais nefastos coronéis que sempre dominaram o País, trazendo a miséria ao nosso povo. Não satisfeitos, outra vez armam espionagem das mais baixas contra o opositor. Baseados nisso, o que nós, brasileiros, devemos pensar das urnas eletrônicas? Não recebemos recibo. Não temos como conferir votos em caso de fraude. Por último, o PT infiltrou-se em todos os órgãos públicos, com sua militância faminta. Por que não no TSE, que controla as urnas eletrônicas? Com certeza, do lado dos petralhas esta será uma eleição suja, porque têm muito a perder $$$. A nós, que amamos nossa Pátria, sobram desconfiança e impotência contra esse estado de coisas!

Beatriz Campos beatriz.campos@uol.com.br

São Paulo

___________________

IRRACIONALIDADE ATROZ

O esquema montado para fazer dossiês contra Serra e seus familiares, divulgado pela Veja, se verídico, vindo de quem vem, é de uma irracionalidade atroz. Nos anos do governo Serra na Prefeitura e no Estado de São Paulo nunca houve denúncias de mensalões, obras superfaturadas, tentar escapar de investigações do Tribunal de Contas, etc., que são corriqueiras no governo federal. O Brasil está de pernas para o ar: os trambiqueiros querendo investigar os éticos. Teriam sucesso garantido se investigassem os mais, mas muitos mais, de 300 picaretas "da base" no Congresso e as contas dos sindicatos/sindicalistas.

Mário A. Dente dente28@gmail.com

São Paulo

___________________

QUARTEL DE ABRANTES

Arapongas estão no ar, para a campanha dossiêlizar. Caixa 2 vai sobrar para a ''CARETA'' emplacar. Justiça, por contra própria, tem nada a observar. E muito menos adianta tardiamente multar.

Antonio Wuo wuo.antonio@gmail.com

Mogi das Cruzes

___________________

BIG BROTHER

Dossiês e espionagens são comuns em regimes totalitários. Se Dilma vencer, o povo brasileiro sentirá na pele o que é o verdadeiro Big Brother...

Gilberto Dib gilberto@dib.com.br

São Paulo

___________________

A CRIA IMITA O CRIADOR

Ela também não sabe de nada e não viu nada. Quando não tiver mais jeito e ela tiver que assumir, será que vai chamá-los de aloprados?

Carlos Montagnoli carlosmontagnoli@uol.com.br

Jundiaí

___________________

PETROBRÁS E PESCADORES DA BAÍA DE GUANABARA

Muito oportuna a matéria do Estadão a respeito da contaminação dos mangues da Baía de Guanabara. Passados dez anos do grande vazamento de óleo ocorrido em janeiro de 2000, verifica-se que não somente os manguezais continuam sofrendo os efeitos daquele acidente, como também os pescadores da região não tiveram, até hoje, seus direitos assegurados. Para uma empresa que se gaba de tanto trabalhar pelo povo brasileiro, é no mínimo estranha a recusa da Petrobrás em garantir a indenização devida aos pescadores. Que eles consigam obter na Justiça tudo a que têm direito, para que possam ao menos amenizar o sofrimento causado em suas vidas pelo vazamento.

Inoã Pierre Carvalho Urbinati inoacarvalho@yahoo.com

Rio de Janeiro

___________________

PLANOS DE SAÚDE

Consta que ontem (7/6) começaram a vigorar as novas coberturas dos planos da saúde e isto é preocupante. Para o bom entendedor, o governo está simplesmente transferindo para a assistência médica privada mais responsabilidade sobre a saúde, mas evidentemente com um novo ônus financeiro, que uma significativa fatia dos usuários não tem condições de arcar. Não é a primeira vez que o poder constituído quer nos forçar a andar de carro de alto luxo, abstraindo-se de uma realidade que nos permite andar apenas de carro mil cilindradas. Isto é que se chama fazer caridade com o dinheiro alheio.

Luiz Antonio da Silva lastucchi@yahoo.com.br

Ribeirão Preto

___________________

AEROPORTOS

Não é preciso grandes estudos para constatar que o governo federal não tem mostrado a menor capacidade em oferecer serviços e estrutura de qualidade em nossos aeroportos, que estão um verdadeiro caos. Basta transitar por eles.

Por força de trabalho, viajo regularmente pelo Brasil e ao exterior. É de uma claridade solar a precariedade e ineficiência dos principais aeroportos brasileiros: instalações apertadas e lúgubres; ambientes visualmente opressivos e sem graça; filas por toda a parte; atrasos nos pousos e decolagens por conta do excesso de tráfego; estacionamentos insuficientes. Só não vê quem não quer.

Já passou da hora de tirar a (des)administração desse importante setor das mãos do governo federal e delegá-lo a quem tenha competência no assunto. Os usuários e contribuintes agradecem.

Paulo Ribeiro de Carvalho Jr. paulorcc@uol.com.br

São Paulo

___________________

COMUNICAÇÃO

A Telefônica vem sendo avaliada como a pior prestadora de serviço, segundo publicações anuais da grande imprensa. Isso se confirma nas dezenas de reclamações que, como consumidor, protocolei na Anatel, onde também protocolei recentemente reclamação contra a Nextel. Aliás, esta última, pelo andar da carruagem, parece-me que é daí pra pior.

Orivaldo Tenorio de Vasconcelos prof.tenorio@uol.com.br

Monte Alto

___________________

MATRIZ ENERGÉTICA

Quem morou na roça sabe: quando a Mula empaca, ou vai ou vai, e não tem argumento nem jeito que dê jeito. Foi assim com a tranposição do São Francisco, vai ser assim com Belo Monte. Caso estivessem dispostos ao diálogo, poderiam considerar que o impacto ambiental da energia hidrelétrica é inestimável, quando muito estimado generosamente por partes interessadas de alguma forma no resultado, juntando o fato de que a ainda incipiente energia eólica será fortemente beneficiada pela economia de escala, é fácil concluir que a médio e longo prazo a melhor escolha é um mix de energias renováveis puxado pela eólica, adicionado a matriz já existente.

Antonio Cavalcanti da Matta Ribeiro antoniodamatta@ig.com.br

Guarulhos

___________________

CUSTO DE GERAÇÃO

Como foi amplamente noticiado, as estimativas do governo do custo de implantação da usina de Belo Monte estão no nível de dois terços dos orçamentos dos investidores interessados. Portanto o preço apontado na tabela está deformado, além de não considerar o investimento nas linhas de alta tensão longas e as perdas na transmissão. Além disso é impossível para o leitor avaliar se o tratamento fiscal e financeiro nos preços de geração alternativos é o mesmo. Noticiaram-se subsídios especiais para Belo Monte. As turbinas eólicas consideradas na tabela também não consideram as potências hoje disponíveis. Com a redução de preços alcançável na fabricação com uma demanda garantida e condições de avaliação justas, a energia eólica não aparecerá mais onerosa do que a de Belo Monte, sem causar os problemas sociais, também não contabilizados. Portanto, não é justo acusar os ''ambientalistas'' de ''reclamões'' idealistas utópicos.

Harald Hellmuth hhellmuth@uol.com.br

São Paulo

___________________

ENERGIA DOS IMPOSTOS

No Brasil, apesar de termos a maior reserva hídrica do planeta, temos também a terceira mais cara tarifa de energia. Ficando atrás somente da Itália e do Reino Unido, conforme matéria do Estadão (7/6, B3).

A voracidade de arrecadação do governo Lula fez com que os impostos sobre o custo de energia saltassem de 35,91% em 2002 para 45,08% até 2008.

Logicamente que 193 milhões de brasileiros estão pagando esta conta, porque somente para o setor industrial a elevação neste período foi de 150%.

Este é o verdadeiro modelo de justiça social e distribuição de renda do petismo! Que prefere gastar bilhões de reais a fundo perdido com sindicalismo fajuto, TV pública e acomodação de milhares de camaradas nas nossas instituições a aliviar o custo de produção, incrementar centro de pesquisas e o mercado de trabalho.

É o tal do desprezível e já muito conhecido, e de tristes lembranças, "Estado forte", que esses alojados no Palácio do Planalto proclamam ser melhor para o País.

O pseudossucesso deste governo, cantado em verso e prosa, é o mesmo de um camelô especialista em produtos pirateados...

Paulo Panossian paulopanossian@hotmail.com

São Carlos

___________________

DEMAGOGIA NO ENSINO SUPERIOR

É de estarrecer a dose de demagogia de que se tem valido o governo do PT para iludir os brasileiros. Desta vez é a criação de mais duas universidades públicas, a Unila (Universidade Federal da Integração Latino-Americana) e a Unilab (Universidade Federal de Integração Luso-Afrobrasileira). O editorial ''Demagogia no Ensino Superior'' do Estadão deste domingo 6/6/2010 ilustra como o interesse político foi determinante neste caso, apesar da crítica situação das outras Universidades Federais - da crônica falta de verbas para compra de equipamentos, e de falta de condições para manutenção de professores motivados. Guardadas as devidas proporções, vale a pena ver a reportagem sobre a Universidade de Harvard levada ao ar pela GloboNews nesta semana. Apenas para destacar um aspecto, a comparação entre os dois critérios de admissão de estudantes mostra bem a pujança da nossa nunca-antes-neste-país imbatível demagogia. Visite http://globonews.globo.com/Jornalismo/GN/0,,MUL1597099-17671,00.html

Alceu R Cruz Jr. arcruzjr@terra.com.br

Campinas

___________________

VIOLÊNCIA INACEITÁVEL

Deixa-nos consternados a notícia publicada pelo Estadão (7/6, A14) sobre a desoladora situação das mulheres haitianas, as quais se socorrem da gravidez para evitar surras e outros atos de violência de seus maridos. A que ponto pode chegar o grau de selvageria desses tresloucados, cujos atos, infelizmente, em grande parte são causados pelo caos social que assola o pequeno país. Uma colônia francesa que já foi uma das mais prósperas no século 18 hoje se encontra em estado de extrema penúria, em razão de inúmeros fatores, inclusive terremotos. Que esta triste notícia sensibilize as nações poderosas e que estas viabilizem programas de investimentos maciços em educação, infraestrutura e saúde, para dar uma condição de vida melhor aos haitianos. As bravas heroínas haitianas teriam muito a agradecer.

Francisco Zardetto fzardetto@uol.com.br

São Paulo

___________________

ESTILO AUTORITÁRIO

A posição de Israel de rejeitar a investigação da ONU sobre a agressão a um comboio de pacifistas que levavam mantimentos e medicamentos para os moradores da Faixa de Gaza mostra um estilo autoritário. E cria uma situação que exige um posicionamento firme de todos os integrantes do Conselho de Segurança daquele organismo. Afinal de contas, quando se trata de impor medidas e sanções contra alguns países, como no caso do Irã, não faltam pronunciamentos e ameaças. Por que em relação a Israel tem de ser diferente? Se não for tomada nenhuma medida, quem pode assegurar que outros ataques não virão, e mais, colocando em risco a paz no mundo em que vivemos?

Uriel Villas Boas urielvillasboas@yahoo.com.br

Santos

___________________

DISCURSO DO PRIMEIRO-MINISTRO TURCO

Em seu discurso, o primeiro-ministro turco, Recep Erdogan, pronunciou corretamente

em hebraico o sexto mandamento: ''Lo tirtzakh'' (Estadão, 5/6). Mas

errou na tradução ao dizer que significa ''Não matarás''. Um erro muito frequente.

Na verdade a tradução correta do sexto mandamento é ''Não assassinarás'' (''Não

matarás'', em hebraico, seria ''Lo taharog''). É mais ou menos como confundir a

proibição de estacionar com a proibição de parar. Claro que há situações em que a

religião permite matar. Por exemplo em autodefesa, ou na guerra, ou quando o

Estado aplica a pena de morte. Assassinar é outra coisa, é matar por motivo vil. Por exemplo explodir um carro-bomba, jogar um avião contra um prédio, lançar

foguetes a esmo sobre civis, etc. Isso, de fato, é proibido.

Leo Bain leobain@attglobal.net

São Paulo

___________________

CRIME BÁRBARO

O primeiro-ministro turco não tem a menor moral para julgar Israel. No começo do século 20 os turcos cometeram o maior genocídio proporcional da humanidade, matando 1,5 milhão de armênios, de uma população total de 4 milhões de pessoas, e até hoje o governo turco não reconhece esse crime bárbaro. Ministro Erdogan, antes de se meter na vida dos outros, cuide dos seus crimes vergonhosos.

Marcio Pitliuk pit@pitcom.com.br

São Paulo

___________________

GAZA

A situação deplorável em que se encontra o povo da Faixa de Gaza iniciou-se quando, em resposta à tomada de poder pelo Hamas em 2007 e aos ataques contínuos e indiscriminados de mísseis a Israel, o governo deste país impôs severas restrições ao acesso de bens a Gaza, bem como ao trânsito de pessoas através das fronteiras.

Quando cessarem os ataques com mísseis e a segurança dos cidadãos em Israel estiver restabelecida, certamente o bloqueio ao território palestino será levantado.

O auxílio humanitário aos palestinos deve começar por conter o belicismo do Hamas.

Flávio José Rodrigues de Aguiar rsd100936@terra.com.br

Resende (RJ)

___________________

PIOR CEGO É AQUELE QUE NÃO QUER VER

O episódio com o navio Mavi Marmara e sua repercussão na mídia é um claro exemplo do ditado "pior cego é aquele que não quer ver".

Muito longe de ser radical, e muito a favor de dois Estados (palestinos e israelenses) convivendo em paz, não posso, no entanto, deixar de posicionar-me diante de tamanha desigualdade de tratamento por parte de algumas pessoas (e declarações) tendenciosamente anti-Israel.

Independente de quem está certo ou errado, ou se ação foi ou não justificada, seguem abaixo explicações claras para uma visão mais lúcida dos fatos que levaram à ação de Israel no navio que dizia conter apenas ''ajuda humanitária'' à Gaza.

1 - As motivações do navio de bandeira turca não eram humanitárias, mas provocar a inevitável reação de Israel.

2 - Entre seus 581 passageiros estavam 40 ativistas de uma organização turca ligada ao Hamas e à Al Qaeda.

3 - Dos seis navios da flotilha, o Mavi Marmara foi o único a recusar a oferta de atracar em Israel para inspeção sob supervisão da ONU.

4 - Dez soldados israelenses desceram através de cordas ao convés do Mavi Marmara para inspecioná-lo. Todos portavam apenas armas não letais.

5 - Sessenta "pacifistas" os receberam e os atacaram com barras de ferro, bastões de madeira, facas e cadeiras. Um verdadeiro linchamento.

Veja o filme que mostra esses fatos contundentes e inegáveis http://www.youtube.com/user/idfnadesk#p/a/D367B77C57326D3E/2/0LulDJh4fWI

Veja o filme que mostra o material apreendido no Mavi Marmara http://videos.publico.pt/Default.aspx?Id=3335c7aa-975c-4922-958c-3c9423d9a482

6 - Em legítima defesa, um grupo de elite naval israelense saltou no convés para defender e salvar a vida dos soldados. Infelizmente resultou em fatalidades.

Exemplo para pensar: seu irmão desce à recepção do prédio para conversar amigavelmente sobre um problema com seu vizinho, que já o recebe a pauladas. Quando você vê seu irmão caído e sangrando, reage para protegê-lo e acaba matando o vizinho. Independente de quem tinha razão sobre o problema inicial, de quem é a culpa pela tragédia fatal?

Segue abaixo o e-mail da médica brasileira Ana Luiza Tapia, que imigrou e atualmente está servindo no Exército de Israel, relatando com suas palavras o que ocorreu nesse episódio.

"Sei que todos já estão cansados de ouvir falar do que aconteceu em Gaza nesta semana, mas como ouvi muitas asneiras por aí, resolvi contar a vocês a minha versão da história. Eu não quero que pensem que virei alguma ativista ou algo do gênero. Eu continuo a mesma Ana de sempre. Mas por ter feito parte desse episódio, não posso me abster de falar a verdade dos fatos.

EU ESTAVA LÁ! NINGUÉM ME CONTOU. NÃO LI NO JORNAL. NÃO VI FOTOS NA INTERNET OU VÍDEOS NO YOUTUBE. VI TUDO COMO FOI, AO VIVO.

Como vocês sabem, eu estou servindo na emergência médica do exército de Israel, departamento de trauma. Isso significa: medicina em campo.

4:30h da manhã de segunda-feira: meu telefone do exército começa a tocar. Possíveis conflito em Gaza? Pedido de ajuda da força médica, garantir que não faltarão médicos. Minha ordem: aprontar-me rapidamente e pegar suprimentos, o helicóptero virá me buscar na base.

No caminho, me explicam a situação. Há um navio da ONU tentando furar a barreira em Gaza. Li todos os registros fornecidos pela inteligência do exército (até para entender o tamanho da situação).

- O navio se aproximou da costa a caminho de Gaza. O acordo entre Israel e a ONU é que TODOS os barcos devem ser inspecionados no porto de Ashdod em Israel e todos os suprimentos devem ser transportados pelo NOSSO exército a Gaza. Isso porque AINDA HOJE, cerca de 14 mísseis tem sido lançados de Gaza contra Israel diariamente. E não podemos permitir que mais armamento e material para construção de bombas seja enviado ao Hamas, grupo terrorista que controla gaza. Dessa forma, evitamos uma nova guerra. Ao menos por agora.

- O navio se recusou a parar. Disseram que eles mesmo entregariam a carga a Gaza.

- Assim, diante de um navio com 95% de civis inocentes (os outros 5% são ativistas de grupos terroristas aliados ao Hamas, que tramaram toda essa confusão), Israel decidiu oferecer aos comandantes dos navios que parassem para inspeção em alto mar. Mandaríamos soldados para inspecionar o navio e se não houvesse armamento ele poderia seguir rumo a Gaza. ESSA FOI UMA ATITUDE EXTREMAMENTE PACIFISTA DO NOSSO EXÉRCITO, EM RESPEITO AOS CIVIS QUE ESTAVAM NO NAVIO. E, SE NÃO HÁ ARMAMENTO NO NAVIO, QUAL É O PROBLEMA DE QUE ELE SEJA INSPECIONADO?

- Os comandantes do navio concordaram com a inspeção.

5:00h - Minha chegada em Gaza. Exatamente no momento em que os soldados estavam entrando nos barcos. E FORAM GRATUITAMENTE ATACADOS: tiveram suas armas roubadas, foram espancados e esfaqueados. Mais soldados foram enviados, desta vez para controlar o conflito. Cerca de 50 pessoas se envolveram no conflito, 9 morreram. Morreram aqueles que tentaram matar nossos soldados, aqueles que não eram civis pacifistas da ONU, mas sim militantes terroristas que comandavam o grupo. Todos os demais 22 feridos entre os tripulantes do navio, foram ATENDIDOS E RESGATADOS POR NÓS, EU E MINHA EQUIPE E ENVIADOS PARA OS MELHORES HOSPITAIS EM ISRAEL.

- Entre nós, 9 feridos. Tiros, facadas e espancamento. Um deles ainda está em estado gravíssimo após concussão e 6 tiros no tronco. Meninos entre 18 e 22 anos, que tinham ordem para inspecionar um navio da ONU e não ferir ninguém. E não o fizeram. Israel não disparou nem o primeiro, nem o segundo tiro. Fomos punidos por confiar no suposto pacifismo da ONU. Se soubéssemos a intenção do grupo, jamais teríamos enviados nossos jovens praticamente desarmados para dentro do navio. Ele teria sim sido atacado pelo mar. E agora todos os que ainda levantam a voz contra Israel estariam no fundo mar.

- Depois de atender os nossos soldados, me juntei a outra parte da nossa equipe que já cuidava dos tripulantes. Mesmo com braceletes dizendo MÉDICO em quatro línguas (inglês, turco, árabe e hebraico) e estetoscópios no pescoço, também a nós eles tentaram agredir. Um deles cuspiu no nosso cirurgião. Um outro deu um soco na enfermeira que tentava medicá-lo. ALÉM DE AGRESSORES, SÃO TAMBÉM INGRATOS.

- Eu trabalhei por 6 horas seguidas atendendo somente tripulantes do navio. Todo o suprimento médico e ajuda foram oferecidos por Israel.

- Depois do final da confusão o navio foi finalmente inspecionado. LOTADO DE ARMAS BRANCAS E MATERIAL PARA CONFECÇÃO DE BOMBAS CASEIRAS. ONDE É QUE ESTÁ O PACIFISMO DA ONU???

- Na terça-feira, fui visitar não só os nossos soldados, mas também os feridos do navio. Essa é a política que Israel tenta manter: nós não matamos civis como os terroristas árabes. Nós não nos recusamos a enviar ajuda a Gaza. Nós não queremos mais guerra. MAS JAMAIS VAMOS PERMITIR QUE MATEM OS NOSSOS SOLDADOS.

Só milionário idiota que acha lindo ser missionário da ONU não entende que guerra não é lugar para civis se meterem. Havia um bebê no barco (que saiu ileso, obviamente): alguém pode explicar por que uma mãe coloca um bebê em um navio a caminho de uma zona de guerra? Onde eles querem chegar com isso? ELES NÃO ENTENDEM QUE FORAM USADOS COMO FERRAMENTA CONTRA ISRAEL, E QUE A INTENÇÃO NUNCA FOI ENVIAR AJUDA A GAZA E SIM GERAR POLÊMICA E CRIAR AINDA MAIS OPOSIÇÃO INTERNACIONAL. E CONTINUAM SEM ENTENDER QUE DAR FORÇA AO TERRORISMO DO HAMAS, DO HEZBOLLAH OU DO IRÃ SÓ SIGNIFICA MAIS PERIGO. NÃO SÓ A ISRAEL, MAS AO MUNDO TODO.

Eu sempre me orgulho de ser também brasileira. Mas nesta semana chorei. De raiva, de raiva de ver que especialmente no Brasil, muito mais do que em qualquer outro lugar, as notícias são absolutamente destorcidas. E isso é lamentável.

Não me entendam mal. Eu não acho que todos os árabes são terroristas. MAS SEI QUEM OS CONTROLA HOJE. E que esta guerra não é só contra Israel. O Islamismo prega o EXTERMÍNIO de TODO o mundo não árabe. Nós só somos os primeiros da lista.

Por favor encaminhem este e-mail aos que ainda não entendem que guerra é guerra e que os terroristas não são coitadinhos.

Um beijo a todos. Shabat Shalom"

Marcelo Szpilman marceloszpilman@globo.com

São Paulo

___________________

CONTO DA CAROCHINHA

Vinha um maravilhoso navio de excursão, lotado com mais de 700 turistas e suas crianças, desfrutando as maravilhas do Oriente Médio, e aportou na Turquia. Havia até uma cineasta brasileira com seus auxiliares e ''cameraman'' com equipamento de última geração, para registrar e transmitir ao vivo para o mundo os alegres momentos de tão feliz viagem. Eis que embarcaram mais alguns turistas religiosos e pediram para trazer a bordo uma partida de cadeiras de rodas, remédios e alimentos destinados à infeliz população da Faixa de Gaza. Embarcaram também, para alegrar o grupo, Papai Noel, o Saci, Pernalonga, Huguinho, Luizinho e Zezinho, Frajola, Piu Piu, Tico e Teco (os verdadeiros, não artistas fantasiados). Dirigiram-se então à Faixa de Gaza para entregar a carga, pois a população de lá tinha urgência especialmente das cadeiras de rodas, amplamente filmadas. Pois não é que um grupo de soldados malfeitores suspeitou ''do nada'' que a carga continha armamento e resolveu atacar sem aviso e invadir o pacífico e desavisado navio, atirando para todos os lados e matando 9 turistas de propósito?

A cineasta conseguiu aproveitar para filmar toda a ação, mostrando mais tarde seu lado, depois de bem editado e arrumado. O mais curioso é que a excursão virou moda, pois logo outros navios aproveitaram para conseguir também suas cargas de cadeiras de rodas, atraindo mais turistas ansiosos para participar da adrenalina.

Alguém deve avisar às agências de viagem que bolaram a pacífica excursão que na Coreia do Norte podem estar precisando muito de cadeiras de rodas.

Alberto Futuro carlos_futuro@viscondeitaborai.com.br

São Paulo

___________________

AJUDA

60% do povo africano vive em absoluta miséria. Por que não mandam ajuda como eles mandam para as pessoas em Gaza?

Helga Szmuk helgasz@uol.com.br

Florianópolis

___________________

PRINCÍPIOS DE HELSINQUE

Agradeceria o esclarecimento do grande público de que Israel cumpre à risca acordos internacionais. A Turquia é que, comprada, se meteu em aventura irresponsável, colocando em risco as vidas que nem eram de seus concidadãos, mas de 95% de inocentes úteis que serviram de ''bucha de canhão''.

Vejam abaixo os princípios que nortearam a ação de Israel (tradução livre).

Princípios de Helsinque acerca da Lei da Neutralidade Marítima "Navios mercantes navegando sob a bandeira de um estado neutro podem ser atacados se:

5.1.2(3) Houver bases razoáveis de que carregam contrabando ou que estão rompendo um bloqueio, se após serem alertados, os mesmos, intencional e claramente se recusarem a ser visitados e inspecionados, capturados ou desviarem-se de sua rota.

5.1.2(4) a. se os mesmos se engajarem em atos beligerantes a favor do inimigo

c. se prestarem-se a missões de inteligência a favor do inimigo

e. de alguma outra forma contribuírem efetivamente com ações militares dos inimigo, ex. carregando materiais militares, e se não for viável às forças atacantes colocar passageiros e tripulação em local seguro.

A não ser que as circunstancias não permitam, devem ser alertados de modo que possam mudar de rota, descarregar ou tomar outras precauções.

5.2.1 Da visita e da busca

Como exceção ao Principio 5.12 paraárafo!, e de conformidade com o Princípio 1.3 (2ª. Sentença)

Navios beligerantes podem sofrer visita e busca assim como os navios mercantes neutros como forma de assegurar o caráter e a destinação de sua carga. Se um navio tentar esquivar-se deste controle ou oferecer resistência, medidas coercitivas necessárias ao exercício do direito são permitidas.

Isto inclui o direito de desviar o navio da sua rota se, no local onde foi encontrado, a visita e a busca forem impraticáveis/ não forem possíveis.

5.2.10 Bloqueios

Bloqueio, ou seja, a interdição de todo ou de parte do tráfego marítimo saindo de, e/ou entrando de um porto ou costa beligerante é uma forma legitima de guerra naval.

Um bloqueio não pode impedir o acesso a portos ou costas neutras. Barcos neutros que se acredite com razoável boa probabilidade de estarem rompendo um bloqueio podem ser parados e/ou capturados. Se, após devidamente alertados, os mesmos resistirem, podem ser atacados.

Quem quer brincar com fogo tem que saber que pode se queimar!

Joe Diesendruck joediesen@gmail.com

São Paulo

___________________

APOCALIPSE NOW

Iara Lee, a cineasta brasileira que fazia parte da Flotilha da Liberdade, é uma ativista ou, com sua máquina cinematográfica profissional e com seu cinegrafista ao lado, uma simples oportunista? Virou celebridade por aqui, mas, antes, lembro-me que a única coisa que li sobre ela foram poucas linhas na orelha do guia "Nova York no Meu Bolso".

Eni Maria Martin de Carvalho enimartin@uol.com.br

Botucatu

___________________

PARABÉNS, PREFEITO; PARABÉNS, TAKEO

Ao grande ser humano Takeo Genda, meus cumprimentos pela luta incansável pelos direitos humanos e pela conquista de ser o primeiro funcionário público municipal transexual a ser tratado por seu nome social. Que seu exemplo de dignidade seja seguido.

Luiz Nusbaum, médico lnusbaum@uol.com.br

São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.