Cartas - 10/09/2010

REGIME CUBANO

, O Estado de S.Paulo

10 Setembro 2010 | 00h00

E agora?

Depois de tantos assassinatos, torturas, censuras, miséria e fome, Fidel Castro confessa que errou. Levou mais de meio século "deliciando-se" com a tragédia de uma nação ilhada. No Brasil, suas viúvas, seus viúvos, amantes e bajuladores de todos os sexos persistirão no erro ou vão calar-se para sempre, em benefício dos que sempre souberam discernir entre a doença e a saúde, a inteligência e a burrice, a estupidez e a lucidez? Ele ainda pedirá asilo em Miami, quer apostar?

MOACYR CASTRO

jequitis@uol.com.br

Ribeirão Preto

___________________________

Programa de governo

Se o eventual governo de Dilma tem em seu programa o aumento da presença do Estado, sugiro ao PT conversar com Fidel Castro sobre a "eficiência" desse plano inspirado em Cuba.

FABIO FIGUEIREDO

fafig3@terra.com.br

São Paulo

___________________________

Sempre na contramão

Após 50 anos, Fidel reconheceu que o regime que ele impôs a Cuba não funciona, está ultrapassado e precisa mudar urgentemente. Em contrapartida, aqui, no Brasil, o PT e seus filiados, mais Lula, Zé Dirceu, Dilma e outros adoram e veneram o regime cubano e várias vezes o citaram como exemplo. Isso mostra como eles estão atrasados e, o pior, estão sempre na contramão da História, com a bênção de grande parte da imprensa. Infelizmente, o povo está com os olhos vendados, quando enxergar vai ser tarde. Que Deus nos abençoe!

RICARTE SANDOVAL

ricartesandoval@terra.com.br

São Paulo

___________________________

Quem diria...

"Modelo cubano não funciona mais nem mesmo para nós", diz Fidel. E pede que Ahmadinejad pare de difamar os judeus. Ato contínuo, Chávez declara: "Respeito e amo os judeus." E agora, cumpanheros Lula, Evo, Ahmadinejad, camaradas Franklin, Marco Aurélio, Celso, Dirceu, Dilma, etc.? Emudeceram? Por quê? Vão dizer que já conheciam as declarações de antemão?

LUIZ NUSBAUM

lnusbaum@uol.com.br

São Paulo

___________________________

Atitude exemplar

Ontem, Fidel Castro deu um exemplo ao nosso presidente de quanto pode ser perigosa a atitude do presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, armando-se de projéteis atômicos, condenando a existência do Estado de Israel e também as negociações de paz hoje em andamento. É publico que o Irã apoia e arma vários grupos terroristas. Já pensaram, um terrorista com alguma arma atômica? Apoiar esses grupos fatalmente um dia pode voltar-se contra nós.

ELIE KONDI

elikondi@yahoo.com.br

São Paulo

___________________________

Lucidez

Fidel pede que Ahmadinejad "entenda os judeus". El gran comandante en jefe, quem diria, está mais lúcido na velhice do que na juventude. Increíble!

ARIEL KROK

arielkrok@gmail.com

São Paulo

___________________________

CRIMES NA RECEITA

Intermináveis violações

Mais um crime, agora contra Alexandre Bourgeois, genro do presidenciável José Serra. Não podemos aceitar! Uma nação que quer ser respeitada pelo Primeiro Mundo, e dele ser integrante, não pode compactuar com os abusos cometidos contra o sigilo fiscal de seus cidadãos, e com a anuência do presidente da República. Um presidente que pleiteia (ou pleiteava) cargo internacional não pode, em seu país, comandar operação "abafa" em casos como esses, nem considerar tais crimes, já comprovados (e praticados por integrantes de seu partido), mera "futrica" da oposição. É, no mínimo, incoerente. Essa atitude de S. Exa. constitui, e todos nós sabemos, desrespeito à Constituição e ao pobre povo que o elegeu. Mas o que mais nos intriga são alguns dos nossos intelectuais das mais conceituadas universidades do País, que, apesar de todas as evidências de ilegalidades cometidas por seu "ídolo", continuam a fazer vista grossa diante de tanta truculência praticada por ele com o único objetivo de se perpetuar no poder. O que é isso, companheiros?

NEIVA PITTA KADOTA

npkadota@terra.com.br

São Paulo

___________________________

Império da lei

Mais um membro da família de Serra, o genro, tem seu sigilo fiscal violado. E agora, sr. presidente, vai alegar mais uma vez que o fato denunciado não passa de armação político-eleitoral da oposição para prejudicar sua candidata ou vai se convencer de que estamos realmente à mercê de uma quadrilha que viola a lei acintosamente, invadindo a privacidade dos cidadãos? Desculpas esfarrapadas, não. Rigor nas apurações e respectivas punições, sim. Democracia pressupõe o império da lei.

FRANCISCO ZARDETTO

fzardetto@uol.com.br

São Paulo

___________________________

Nada de estranho

No país onde o presidente é o primeiro a debochar da lei (eleitoral), quebra de sigilo nada mais é que seguir o exemplo que vem de cima. Se ninguém respeita a lei, por que punir um funcionário subalterno de uma repartição?

TOSHIO ICIZUCA

toshioicizuca@terra.com.br

Piracicaba

___________________________

Perguntinha à Receita

Este primeiro lote de devoluções do Imposto de Renda, posso sacar em qualquer sede do PT ou é necessária a assinatura de algum militante autorizando?

PAULO BOCCATO

pofboccato@yahoo.com.br

São Carlos

___________________________

ESCLARECIMENTO

Orçamento da Justiça

Editorial sobre a greve da Justiça estadual (4/9, A3) cita que a proposta orçamentária do Poder Judiciário do Estado de São Paulo para 2012, originariamente de R$ 12,2 bilhões, foi reduzida para R$ 7,1 bilhões pela Assembleia Legislativa. Esclareço que o Poder Executivo tem até o dia 30 de setembro para enviar a proposta orçamentária do Judiciário paulista à Assembleia. Portanto, o corte citado não ocorreu. No momento, o orçamento está em fase de estudos econômicos e financeiros.

ANTONIO CARLOS VIANA SANTOS, presidente do TJ-SP

imprensatj@tj.sp.gov.br

São Paulo

___________________________

"Quanto tempo será que falta para ele admitir que foi um ditadorzinho pra lá de medíocre?"

GUSTAVO GUIMARÃES DA VEIGA / SÃO PAULO, SOBRE FIDEL CASTRO

gjgveiga@hotmail.com

"Vazamento na Receita é enxurrada de crimes"

ROBERTO TWIASCHOR / SÃO PAULO, SOBRE A VIOLAÇÃO DO SIGILO FISCAL DE TUCANOS

E DE OUTROS CONTRIBUINTES

rtwiaschor@uol.com.br

"Para que serve? Cabide de empregos?"

ALEJANDRO BOTTO / SÃO PAULO, SOBRE A JUSTIÇA ELEITORAL

alebotto@globo.com

___________________________

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 3.866

TEMA DO DIA

Dilma é criticada por faltar ao debate na TV

Além de ser alvo dos adversários, petista causou polêmica entre os leitores do Estadão.com.br

"A ausência mostra insegurança. Dilma Rousseff tenta se proteger de críticas e evitar diminuir sua vantagem nas pesquisas."

FRANCISCO COSTA

"Quem perde somos nós, eleitores. Sinto-me humilhada com o descaso da candidata. Que depois de ontem o povo acorde."

DENISE PAZ

"Debater o quê? Apenas responder a ataques de Serra, Plínio e Marina? Isso vai melhorar a escolha dos candidatos? Não!"

WILLIAM LOPES GUERRA

___________________________

Cartas enviadas ao fórum dos leitores, selecionadas para o estadão.com.br

 

 

 

 

 

 

 

 

CAINDO NA REAL

 

Dias atrás o ditador Fidel Castro - ídolo incontestável de Lula, Dilma, Marco Aurélio "top top" Garcia, Franklin Martins, Tarso Genro, Zé "mensalão" Dirceu, outros Zés menos importantes, mas igualmente perniciosos, Celso Amorim e et caterva (leia-se Zé Sarney, seu PMDB) - assumiu seu erro histórico quando mandou perseguir os homossexuais da ilha cubana e, agora, admite de público que o atraso cultural e econômico do povo cubano se deveu à sua visão ditatorial e à retrógrada política socialista, que o passar do tempo demonstrou não ser viável para o mundo democrático. Agora, é só esperar para que o vetusto Fidel venha, de novo, a público para afirmar que cometeu um grande e irreparável erro político ao aceitar as ideias socialistas de outros Estados, que uma a uma ruíram em face da evolução e da globalização dos povos. Agora, uma pergunta que não quer calar: o Lula e a dona Dilma querem retroceder no tempo? O grande ídolo está mostrando a sua face de ser humano, reconhecendo - aos poucos, é verdade - seus erros históricos. Acorda, Brasil! Vamos votar a favor da democracia, não na retrodemocracia proposta pelo PT (o minúsculo representa o que o PT é: apenas um ponto no final do substantivo democracia).

 

Carlos Benedito Pereira da Silva advcpereira@hotmail.com

Rio Claro

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

MODELITO CUBANO

 

Fidel Castro declarou que o modelo cubano não funciona mais. Pelas minhas contas, sobraram só o Marco Aurélio Garcia, Lula, Dilma e o Chico Buarque...

Percy de Mello Castanho Junior webmaster@clubedoscompositores.com.br

Guarujá

_________________________

 

 

 

 

 

FIDEL E SEU SOCIALISMO MORIBUNDO

Finalmente, depois de deixar a "ilha da fantasia" atrasada 50 anos com relação ao desenvolvimento mundial, Fidel vem a público e reconhece que o socialismo cubano não funciona mais nem para Cuba! Será que os jurássicos comunistas e adoradores do "Che" no Brasil vão romper com Cuba, pelas declarações de Fidel? Ou acharão outro ídolo para chamar de "seu"? Ahmadinejad, talvez? Eles são iguais àquelas mulas com viseira! Não mudarão de ideia, não, inclusive porque foi por causa desse socialismo moribundo que se sustentaram capitalisticamente todos estes anos! Mudar pra quê?

Beatriz Campos beatriz.campos@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

COMUNISMO NUNCA MAIS?

Fidel Castro estaria com medo de enfrentar o ajuste de contas e por isso estaria fazendo um balanço de sua vida política? O comandante moribundo demorou 50 anos para chegar à conclusão de que o comunismo é uma furada? Que importância tem o sofrimento do povo cubano para esse sujeito, que dizimou uma geração? Fidel acena para uma economia à moda chinesa, pois percebeu que o modelo cubano não funciona mais. Se um dia funcionou, foi para Fidel e seus apoiadores, tais como Lula e caterva, Hugo Chávez, Evo Morales e Rafael Correa. Seria o momento oportuno para seguidores de Fidel acordarem. Um déspota que executou milhares de cubanos no paredão, além de condenar seu povo à miséria, vai ter o castigo que merece.

O perigo que nos ronda: o escritor Carlos Alberto Montaner, exilado cubano, disse em Miami que o maior temor do governo cubano é a perda de poder do presidente venezuelano, Hugo Chávez. O castrismo faria qualquer coisa, incluindo fraude eleitoral, para impedir a saída de Chávez do poder, até mesmo intimidar opositores venezuelanos. Montaner ainda revelou que a manipulação e a alteração dos resultados eleitorais são feitos em Cuba, onde existe uma notável Universidade de Ciências da Informação, por isso a insistência na utilização de máquinas eletrônicas nas votações venezuelanas. Não é por nada, não, mas depois de tudo o que vimos e do esforço sem medida do presidente Lula para continuar no poder, é bom o brasileiro se acostumar com fraudes nas eleições, pois as urnas eletrônicas estão longe de ser um sistema seguro. Cuba que o diga.

 

 

 

Izabel Avallone izabelavallone@yahoo.com.br

São Paulo

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

FIDEL E SUAS FALAS

O velho caudilho cubano, agora com 84 anos, mas com saúde renovada (creio que não foi pela medicina cubana), resolveu aparecer em público, falar e dar entrevistas a jornais, inclusive americanos. Disse que o sistema que implantou em Cuba não mais funciona. Pergunto: e algum dia funcionou? E o "paredón" e as masmorras, ainda existem?

Essa figuraça, paradigma dos tiranetes sul-americanos e, por aqui, de Lula, Garcia, Dirceu e outros factoides (palavra que elles adoram), reconhece que o seu "sistema" é falho, mas seus adeptos insistem em segui-lo. Será que aceitarão essa "confissão" de Fidel ou continuarão nesse velho sistema? Na realidade, a avidez pelo poder faz com que nossos tiranetes usem todo tipo de desculpa para se apropriarem dos bens públicos como se fossem eles os proprietários, caso claro de Chávez e agora de Lula. A Venezuela está degringolando e Lula, certamente, mesmo dando a impressão de que está tentando fazer a sucessora, vai querer, por fora, continuar mandando e fazendo tudo a seu bel-prazer, e acabará transformando o Brasil na "casa da mãe Joana", como nunca dantes neste país (aproveitando a dica do excelente editorial do Estadão de ontem, página A3) . Que aceite e siga as novas falas de Fidel, seu velho amigo e guru, e mude um pouco seus pensamentos. E que a população de outros países do continente latino-americano faça o mesmo, exigindo eleições periódicas e um outro tipo de governo que não seja o continuísmo, para não dizer ditadura esquerdopata.

Carlos E. B. Rodrigues cebr2403@gmail.com

São Paulo

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

FIDEL, CUBA E O MARKETING

Correção, sr. Fidel "Gagá" Castro: o sistema cubano, grife-se, nunca, jamais funcionou em toda a sua história de horrores, tortura, censura, assassinatos e falta de liberdade...

Porém o seu bem executado marketing pelo mundo, feito principalmente por um monte de puxa-sacos ideológicos (e o Brasil os tem aos quilos) bem posicionados nos meios de comunicação, dizendo o contrário da verdade, alguns ainda através livrinhos que transformaram seus autores (jornalistas em sua maioria) de barbundinhos falidos em milionários do "marxi$mo" editorial, este, sim, sempre funcionou e muito bem, tanto que ainda há um montão de trouxas por aí que seguem acreditando no "paraíso socialista" da famiglia Castro, dona absoluta de uma ilha-prisão chamada Cuba, que é o modelo que os petistas querem para o Brasil!

E estão conseguindo.

Paulo Boccato pofboccato@yaoo.com.br

São Carlos

_________________________

 

 

 

 

 

PEDRA NO CAMINHO

Até o caquético guerrilheiro se convenceu que o regime cubano não tem mais futuro. Eis, então, as perguntas incômodas: como o lullo-petismo pretende justificar suas convicções? Lula irá bajular a quem, quando for buscar seus charutinhos em Cuba? Por essa pedra no caminho os antiquados tiranetes sul-americanos não esperavam, difícil será mudar de opinião enquanto puderem enganar os ignorantes e usufruir as regalias das tão mal faladas "elites". Não podemos deixar de elogiar, mesmo a contragosto, a chamada às falas de Fidel ao sanguinário ditador iraniano, com certeza foi muito mais corajoso que Lula e seus "aloprados" conselheiros diplomatas.

 

Leila E. Leitão

São Paulo

_________________________

 

 

 

 

 

 

NADA DEU CERTO

 

Após 52 anos de ditadura terrorista marxista-leninista em Cuba, exportando a mesma para a América Latina e África, o dono da ilha das fantasias Fidel Castro diz ao mundo que o modelo econômico cubano não deu certo. Meu caro tirano Fidel, não foi só o modelo econômico que não deu certo. Tudo em Cuba, principalmente as liberdades, faliu. Como faliu a URSS, com sua foice e seu martelo. Mas, aqui, nas republiquetas de bananas, essa convicção ideológica ainda está viva nos Hugos Chávez da vida, os quais querem o poder e fortunas à custa do sacrifício do povo. O PT do sr. Lula, seus fantoches e a sua candidata Dilma Rousseff, ex-terrorista e fã incondicional desse mesmo falastrão Fidel Castro, arrombou cofres, assaltou quartéis e casas de armas, participando direta ou indiretamente de assassinatos brutais, apenas para transformar o Brasil no modelo que nunca deu certo - o comunismo - em Cuba e no resto do mundo!

Roberto Stavale bobstal@dglnet.com.br

São Paulo

 

 

_________________________

 

 

 

 

LUCIDEZ TARDIA

 

 

O que será que está por trás da súbita mudança de "pensamento" de Fidel Castro? Após 50 anos, num país onde uma revolução deu origem a uma ditadura, em que reinou absoluto nas mordomias do poder, incitando outros países a aderirem à sua "revolução", com treinamentos inclusive de muitos brasileiros como guerrilheiros, ele vem dizer que o modelo cubano não funciona?

A jornalista Julia Sweig, especialista em Cuba, acredita que as palavras de Fidel - o modelo econômico de Cuba "não funciona mais" - reflitam uma admissão de que "o Estado tem um papel grande (dominador) demais na vida econômica do país".

E agora, como ficarão as(os) viúvas(os) do regime cubano, inclusive o sr. Lula e sua sombra, que pensam em colocar cada vez mais a presença do Estado na economia?

Mais fico pensando que aí tem coisa. Talvez Fidel tenha percebido que, se não mudar, vai piorar ainda mais a situação dos cubanos, então ele aparece novamente como o lúcido (sic) que terá feito a mudança ou novo controle.

Ainda bem que aqui temos e podemos, com eleições, arejar, votando em pensamentos mais modernos e modelos que realmente funcionem!

Tania Tavares taniatma@hotmail.com

São Paulo

_________________________

 

 

 

 

 

O NOVO FIDEL

 

 

A afirmativa da ciência de que o cérebro é um grande desconhecido parece confirmar-se ante as declarações de Fidel Castro, ao cabo de uma séria enfermidade, de que o modelo de Cuba se exauriu, a presença excessiva do Estado no universo econômico é indesejável e a crise dos mísseis foi um episódio sem propósito. Talvez a sanidade mental suceda a uma enfermidade que ajusta e corrige as sinapses neuronais responsáveis pelo bom senso.

 

 

Amadeu Roberto Garrido de Paula amadeugarridoadv@uol.com.br

São Paulo

_________________________

 

 

 

 

 

COITADO DO FIDEL

 

 

Antes não acreditavam nele porque era jovem, revolucionário, utópico. Hoje, porque está velho, conservador, pragmático.

Sergio S. de oliveira ssoliveira@netsite.com.br

Monte Santo de Minas(MG)

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

CHILE X CUBA

Acompanho o desenrolar do governo cubano desde o início castrista, em 1959. Quem acompanhou sabe que Cuba já foi o maior produtor de açúcar de cana, 12 milhões de toneladas. Hoje, essa produção está em 2 milhões de toneladas. Como se pode notar, a queda foi de quase 90%, provando que sua política comunista e de reforma agrária nunca deu certo, conforme acaba de confirmar o ex-ditador Fidel Castro... O Chile foi o inverso de Cuba. O também ditador Augusto Pinochet sempre foi massacrado pelos opositores, que só viam defeitos na sua administração, ao contrário de Fidel Castro, sempre enaltecido pelos companheiros vermelhos... Os fatos reais podem até ser omitidos pelos esquerdistas, mas não há como modificá-los. Prova disso é que Pinochet colocou o Chile como o país mais desenvolvido da América Latina. E Cuba? Que culpa tem o povo cubano de o seu país ser mal administrado?

 

 

Benone Augusto de Paiva benonepaiva@yahoo.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

LULISMO

 

 

 

Como pode o deputado federal Fernando Ferro (PT-PE) afirmar (Folha de S.Paulo, Tendências/Debates, 9/9 ) que "está na hora do surgimento de uma oposição democrática no Brasil conduzida por pessoas mais qualificadas", quando nos encontramos às portas da institucionalização da Lei da Mordaça? O Estadão que o diga, há mais de um ano proibido de comentar as falcatruas do filho do presidente do Senado e grande aliado de Lula, José Sarney? Isso tudo diante da confissão de Fidel Castro de que o modelo cubano faliu.

 

 

Conrado de Paulo conrado.paulo@uol.com.br

Bragança Paulista

 

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

QUE TAL, DONA DILMA, UM PAPINHO COM FIDEL?!

Fidel Castro, em plena recuperação de saúde, apto, inclusive, a depor com a coragem que sempre o caracterizou, surpreendeu o jornalista americano Jeffrey Goldberg, da revista "The Atlantic", quando lhe perguntou se o modelo cubano ainda era digno de exportação, Fidel lhe respondeu: "O modelo cubano não funciona nem mais para nós!" Que tal, dona Dilma, um papinho com Fidel, se eleita, para desistir logo desse seu "Estado forte"?! Tomara que dona Dilma tome os rumos democráticos de que todos precisamos! Mesmo assim... Dizem que a História sempre se repete! Curioso, perguntei a um famoso cientista político por que tal fato acontecia. Pensativo, sério, depois de algum tempo, respondeu-me: Sagrado, a História se repete, simplesmente, porque ela é democrática, e sempre dá uma chance de os homens aprenderem com as lições de outras épocas! Perplexo, quis melhor esclarecimento, e ele retornou: Na França, Maria Antonieta provocou os miseráveis, sugerindo-lhes, fria e ironicamente, na falta de pão, que comessem os caros brioches com que se deliciava no palácio, ao lado de seu infeliz marido, o qual dominava, Luiz XVI! Lula não é Luiz XVI, mas é um "monarca" bem-intencionado! Dilma Rousseff não é Maria Antonieta, mas desconfia-se de suas intenções - ela mesma o disse!!! - de estabelecer um "governo forte", centralizado e estatal! Enquanto isso... Bem, enquanto isso, sob as benesses eleitoreiras que proclamam a subida das classes C e D, surgem, como na obra de Vitor Hugo, duas novas e miseráveis classes, sem eira nem beira, com que tropeçamos diariamente nas ruas, as dos sentados e desdentados, brancos e negros, nas portas, mendigando, fazendo malabarismos nos sinais de trânsito, dormindo em escuros e tenebrosos cantos de ruas mal iluminadas, enfim... E como aumentam os "cidadãos" dessas classes E e F!!! Não os conhecem? Que alienação! Aliás, essa palavra alienação, por seu próprio significado etimológico, no item filosofia, do "Aurélio", define, segundo Hegel, processo essencial à consciência e pelo qual ao observador ingênuo o mundo parece constituído de coisas independentes umas das outras, e indiferentes à consciência - independência e indiferença que serão negadas pelo conhecimento filosófico! Para Marx, que sempre contrariou Hegel, por sua Ideia Absoluta, que tentava impor a realeza em nome de Deus, nada mais do que a separação - leia-se "alienação" capitalista!!! - dos verdadeiros produtores dos bens de consumo de usarem seus próprios produtos, transformados em "mercadorias", ou seja, fatores de lucro para os patrões... Mas a ambição criada pelo poder sempre trai o ideal do revolucionário vitorioso, agora todo-poderoso, levando-o a repetir as mesmas incoerências socioeconômico-culturais que combatia na burguesia, que Lula diria na "zelite"! E não é o que estamos vendo no Brasil?! O povo despreparado pela falta de uma educação pura e nobre - olhem o Enem! -, enganado no estômago pelo Fome Zero (!), manipulado eleitoralmente pela esmola do Bolsa-Família, não vê - e não vê mesmo!!! - a criação rocambolesca e mefistofélica de duas novas classes, cada vez mais pululantes pelas calçadas, ruas e avenidas esburacadas das grandes cidades brasileiras: as "novas" classes imergentes - com i mesmo -, a imergirem e mergulharem na escuridão da pior das alienações: aquela que é produto, não da incapacidade dos cidadãos, mas da falta de caráter, de dignidade e de amor daqueles que controlam o poder, sejam vestidos pela direita, ou, pior, pela esquerda, que, em sua réplica social, afunda cada vez mais o miserável na miséria que "combatia"!!! E aí estão os resultados "sociais", "econômicos" e "culturais": a tradicional classe dominante, a classe A - não confundir com o carro da Mercedes -, sempre dominante, plena de banqueiros e empresários "bem-sucedidos", altamente ligados ao poder político e "social" dos novos-ricos da República macunaímica: a esquerda que domina a arrecadação agiota dos "contribuintes", do roubo estatal, fazendo que a classe A, sua cúmplice, hoje, seja também sinônimo de "donos" da produção do povo, para distribuir não com ele, povo alienado, mas com os ricos de sempre: espécie de governo Robin Hood dos ricos!!! E o que sobra?! Como disse, no início, duas miseráveis classes, mais miseráveis do que as hoje bem colocadas C e D - que competem com a falida classe B (ex-classe média...), mas duas miserabilíssimas - e põe miséria nisso!!! - "classes" alienadas - jamais sociais!!! - que chamaríamos de "classe" E - dos excluidíssimos!!! - e "classe" F - cujo significado deixaríamos para ser nomeado pela mente patriótica, corajosa e resoluta de nossos leitores - e nossos (não meus, pois não fui nem sou candidato!!!) eleitores!!! E não se esqueçam: são classes que aumentam geometricamente, enquanto a melhoria social é hipocritamente aritmética, para que os lucros da classe A, do governo a ela "associado" - leia-se acumpliciado!!! -, sejam mais do que geométricos, pois são estratosféricos, nessa galáxia da corrupção desenfreada, sem que Lula "saiba"! E se Dilma for eleita - o que é bem provável!!! -, que leia e medite sobre o fim da Rússia e da China "comunistas" - e Cuba vai na esteira, na palavra do próprio Fidel Castro -, hoje simples desculpas ideológicas para um neocapitalismo mais perverso do que aquele defendido pelos economistas de direita! E que medite muito sobre essas democráticas considerações que agora lhes escrevo! Se for eleita, que seja bem-sucedida em seu desempenho pela verdadeira democracia, mas não deixe de ter um papinho com o seu "guru" de Sierra Maestra!

 

Sagrado Lamir David david@powerline.com.br

Juiz de Fora (MG)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

ESTUDANTES OU GUERRILHEIROS?

 

 

Escrevo apenas para juntar minha voz à daqueles que prezam, acima de tudo, a liberdade, a justiça, a paz e a verdade. Nos tempos de estudante, quando frequentávamos a universidade, implantada a ditadura militar, procuramos, cada qual a seu modo, repudiar a quebra dos princípios democráticos: compositores, músicos, artistas, escritores e poetas cantaram a dor de seu povo, atores subiram aos palcos e lançaram seu protesto; e a grande maioria dos estudantes empunhou as armas da paz: a palavra, o estudo, o próprio aprimoramento intelectual, escorada no aconchego de suas famílias (onde se aprimoram as virtudes morais), armas essas que promovem o progresso por meio do qual a Nação aos poucos retorna à normalidade democrática. Inversamente, a hoje candidata Dilma Rousseff preferiu o caminho das armas de fogo, a guerrilha e, dizem, o roubo, o sequestro, a violência, enfim, tudo aquilo que é alheio à busca da paz, tão cara aos brasileiros. Esse caminho ela mesma o escolheu! Sofreu, certamente, nas mãos de seus algozes a serviço da ditadura, o que, sem dúvida, é abominável. Mas é menos abominável o regime sangrento imposto pela revolução cubana de Fidel, a quem ela tanto admira? É menos abominável a tirania de Ahmadinejad, de Chávez ou de ditadores africanos a quem ela e seu patrono tratam de "amigos"? É menos abominável apoiar membros terroristas das Farc, fechar os olhos aos desmandos de "companheiros" corruptos ou fazer vista grossa à criminosa devassa fiscal de milhares de contribuintes? Pergunto aos cidadãos de bem, antes que se passe a faixa presidencial, se julgam prudente ter essa senhora como comandante suprema das Forças Armadas Brasileiras a decidir os destinos de nossa Pátria.

 

 

Edméa Ramos da Silva paulameia@terra.com.br

Santos

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

ELEIÇÕES

Durante oito anos de governo, não se tentaram as indispensáveis reforma tributária e política. Os investimentos do PAC não chegaram nem a 50% do previsto. Professores e policiais continuam recebendo salários indecentes. A educação nunca foi tão esquecida. O filho de Lula, o Lulinha, até bem pouco tempo antes de o pai assumir a Presidência, era monitor do Jardim Zoológico de São Paulo e hoje é um empresário que se pode classificar de milionário. Não consta que tenha faturado a Mega-Sena ou outra loteria. Lula não cansou de esbanjar nosso dinheiro, perdoando dívidas de bilhões e ajudando outros governos, enquanto milhares de brasileiros aguardam melhorias inadiáveis aqui, no País. Lula jogou fora dinheiro, na construção dos metrôs de Bogotá e de Caracas.

Acovardou-se quando o governo da Bolívia se apoderou de uma refinaria da Petrobrás. Desastre total foi ter-se metido na questão do enriquecimento de urânio do Irã. Foi um vexame o Brasil ter sido ignorado pelas grandes potências no dia seguinte ao tratado entre Irã e Turquia, e acabar assinando sanções da ONU ao Irã. O puxa-saquismo a Fidel Castro, um ditador há 51 anos, que sabidamente já executou 30 mil cubanos no "paredón", é simplesmente inexplicável. Dar guarida a Cesare Battisti, um assassino julgado e condenado pela Justiça italiana, foi um ato de irresponsabilidade exclusiva de Lula, que bem mostrou seu caráter torto e péssimo julgamento das questões sérias. As invasões de terras pelo MST, atos totalmente ilegais, não têm sido combatidas, e triplicaram no governo de Lula, ganhando ares de sua conivência. Diz ser do povo, mesmo vivendo como um rei, tomando vinho de R$ 15 mil cada garrafa e uísque de R$ 55 mil, usando ternos e gravatas italianas, tendo comprado um avião Airbus de 65 milhões de dólares. As pessoas mais humildes consideram Lula um deus, sendo que a Bolsa-Família nem foi criação sua, mas sim do governo FHC. A candidata a presidente imposta por Lula tem um único objetivo: perpetuar Lula e o PT no poder, aceitando atuar como mera marionete nas mãos de José Dirceu. Por ela ter participado do sequestro de embaixador dos Estados Unidos, não poderá entrar naquele país, o que representa uma vergonha para nós, brasileiros. Estamos todos sob a ameaça de um regime de terror nos moldes da Venezuela e de Cuba. Por isso, pense bem antes de votar!

 

Iracema Palombello cepalombello@yahoo.com.br

Bragança Paulista

_________________________

 

 

 

 

 

 

A ONU E O IRÃ

Incompreensível o fato de a ONU aceitar como membro um país com leis tão atrasadas como o Irã, leis que nos deixam envergonhados como seres humanos. Deveria ser papel da ONU exigir que seus membros tivessem um mínimo de civilidade.

Antonio Augusto Barella aabarella@hotmail.com

Ourinhos

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

CANDIDATO SERRA

Candidato Serra, se o senhor não reagir já, com audácia e destemor, sua derrota será inevitável, e de tal forma contundente que porá fim à sua carreira política. Será um fim melancólico, experimentará o ostracismo imerecido.

O PSDB foi incapaz de perceber que, ao desconstruir Fernando Henrique Cardoso com afirmações e comparações deselegantes, Lula exteriorizava seu atormentado complexo de inferioridade. Imagino como lhe deve ser frustrante saber que jamais terá o título de doutor nem terá o comportamento refinado do estadista FHC.

Seria fácil aquietar Lula com um "chega pra lá". Mas, em vez das reprimendas e de ostentar porte altivo, o PSDB perdeu a noção do seu valor, acovardou-se e permitiu que Lula, com leviandade, usurpasse os méritos de FHC, os quais deram ensejo a que a situação econômica lhe chegasse altamente favorável. Lula, agora, deita e rola e o PSDB encolheu-se e parece envergonhar-se de seu líder maior.

Líder que foi eleito e reeleito com méritos e justamente contra Lula, seu detrator. Líder em cujo governo foram criados vários benefícios sociais. O povo tinha fartura de comida, o frango custava R$ 0,90 o quilo, era a maior comilança, lembram-se? O Plano Real consolidava-se e as perspectivas eram de um futuro risonho, e hoje, ó cúmulo do despudor, Lula as divulga como suas, em delírio megalomaníaco e bazófia antipática.

Candidato Serra, ordene a seu marqueteiro que localize os jornais do período FHC. Exiba as manchetes triunfantes na televisão, enalteça, enfática e categoricamente, à exaustão, os acertos daquela gestão e os frutos que hoje colhemos. O senhor terá farta e convincente argumentação para desarticular os usurpadores e reduzi-los à sua verdadeira dimensão.

Serra, não perca tempo: é melhor triunfar na garupa de FHC do que, pela soberba, perecer pelo fio da espada petista!

 

 

Jaime Manuel da Costa Ferreira jaimemcferreira@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

REINCIDÊNCIA

Enquanto Serra reluta em agredir Lula em seu programa, Lula repete sua cínica participação no programa de TV da tarde de ontem. Não há mais dúvidas. Para ele e o PT, os fins justificam os meios, e os fins nós sabemos quais são...

Gilberto Dib gilberto@dib.com.br

São Paulo

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

GABRIEL

Não concordo com a exibição do bebê Gabriel, neto de Dilma Rousseff. A criança está sendo usada com evidentes propósitos eleitorais. Dilma deveria, antes de tudo, preservar a imagem da sua família. É impossível não associarmos a "apresentação" de Gabriel à imprensa da campanha eleitoral da avó. Um bebê tão bonito, tão saudável, usado assim, é de dar raiva!

M. Cristina da Rocha Azevedo crisrochazevedo@hotmail.com

Florianópolis

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

GABRIEL E O DIREITO À VIDA

Só espero que Dilma não faça uso do nascimento de seu neto na campanha eleitoral. Que consiga deixar a criança fora disso. A propósito, será que agora, vendo Gabriel vindo à luz, belo e saudável, a candidata ainda terá coragem de continuar defendendo o aborto?

Eliana França Leme efleme@terra.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

A QUE PONTO CHEGAMOS!

 

 

Vendo a imagem da candidata chapa-branca Dilma Rousseff com seu neto recém-nascido no colo e seu futuro "primeiro-ministro" Lula trombeteando aos quatro ventos que seria um mensageiro de Deus, um novo Messias, e, para completar, o candidato a vice, Michel temer, exagerando ao comparar com o

anjo Gabriel, tudo isso se resume a um mero golpe de marketing, usando um bebê que mal acabou de vir ao mundo e já sendo usado como instrumento político!

Usar deste expediente por motivos torpes é deprimente!!!

A que ponto chegamos, com atitudes como estas, mostrando baixa estatura ética de políticos e aspirantes ao cargo mais elevado de uma nação!

 

Lauro Fujihara laurofujihara@terra.com.br

Carapicuíba

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

CABO ELEITORAL

 

Colocar uma criança de cabo eleitoral? Pena ele não saber o que é política...

 

Cícero Sonsim c-sonsim@bol.com.br

Nova Londrina (PR)

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

DEBATE ESTADÃO/TV GAZETA

Copiando seu criador, a criatura não compareceu ao debate Estadão/TV Gazeta, sob a alegação de "problema de agenda". Agora, medo de enfrentar os crimes de seus correligionários e o temor de perder a falsa imagem de Dilminha suave é chamado de "problema de agenda"? A candidata do PV, Marina Silva, disse tratar-se de desrespeito para com os outros candidatos. Diríamos que pior desrespeito foi perpetrado contra os eleitores, demonstrando total arrogância na certeza do "já ganhei!"

Não é à toa que o palanqueiro presidente demonstra total desprezo às instituições, à liturgia do cargo, aos pagadores de impostos, deixando seus afazeres para servir de escudo da sua cria e, na falta de humildade para assumir a responsabilidade pela partidarização da Receita Federal e consequente desordem que ali impera, vocifera contra a pequenina oposição, colocando a candidata como vítima de preconceito, como sempre faz para justificar o injustificável.

Vítimas são os pagadores de impostos extorsivos e, se tiverem juízo, saberão reconhecer o embuste que nos está sendo impingido!

Reajam, eleitores, para o bem das futuras gerações!

 

 

Aparecida Dileide Gaziolla rubishara@uol.com.br

São Bernardo do Campo

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

AUSÊNCIA DE DILMA

 

A ausência de Dilma em debate eleitoral é desrespeito, sim, sobretudo, à prática democrática.

 

Roberto Twiaschor, rtwiaschor@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

MEDO

Dilma não quer ir a debates por medo... O medo de não ter o que dizer, de explicar, de responder. O medo de perder eleitores pelas bobagens que poderão ser proferidas. É isso e nada mais! Afinal, o que tem ela a nos dizer, se somente sabe repetir o que ouve? Lá olharão dentro de seus ouvidos para ver se tem o rádio receptor...

Alberto Nunes albertonunes77@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

"ESSA MOÇA"...

Plínio referiu-se a Dilma no último debate em que ela não marcou presença como "essa moça" que "não é do ramo" e "foi montada". Eu acrescentaria: "está sendo maquiada", pelo Lula, para ludibriar mais uma vez a população brasileira e fazer com que ela possa vencer as eleições, com falsas promessas, reinaugurando o que já foi inaugurado, mostrando falsas imagens de hospital inacabado e explorando o PAC, bolsas, etc. Tudo isso para que ele possa continuar no comando do País nos bastidores e planejar seu retorno ao "pudê" nas eleições de 2014. Que Deus nos proteja e nos ajude a enfrentar essa tormenta.

 

Angelo Tonelli angelotonelli@yahoo.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

SEGUNDO TURNO

O segundo turno vem aí! Pela cara do desespero do Lula no pronunciamento à Nação no horário eleitoral do PT, sendo esse dia, o 7 de setembro, muito importante para todos os brasileiros, e não respeitando nossa Constituição, como sempre está acostumado a fazer de nossa nação e do povo de pa-lha-ços... Aliás, está bem enquadrado o Tiririca nessa lambança, nada mais justo, justíssimo, o Tiririca fazer parte desse circo de aloprados petistas. O Lula até agora está no poder se achando o "bom", "o melhor", à custa da economia deixado pelo ex-presidente Fernando Henrique Cardoso - Palocci que o diga, e sempre confirmou que essa economia que está aí bombando é DNA do FHC e dos tucanos. O que o Lula fez nada mais é do que pegar esse montão de reais e fazer a festa com o Bolsa-Família e investir numa candidata Pinóquia que não comparece a debates porque o ventríloquo dela tem medo de expor a Pinóquia e ela se sair mal. O Lula até agora, como presidente da República, não sabe que violar sigilo de contribuintes brasileiros é crime. Pergunte ao Tiririca, presidente, quem sabe ele pode ajudá-lo?! Porque as instituições que poderiam resolver esses assuntos estão desmoralizadas!

 

 

ANA MARIA GMACHL amaeleitora@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

FUGA DA PETISTA

 

No debate da TV Gazeta/Estadão entre presidenciáveis realizado em 8/9, sentimos a falta do sorriso falso da Dilma.

Mas, por outro lado, aquela bancada que ela deveria usar no programa reflete também o vazio de suas ideias e da falta de coragem de enfrentar a Nação.

E se Dilma Rousseff tivesse sido realmente uma guerreira em defesa da Pátria, e não uma ex-terrorista, sequestradora e assaltante de bancos na ditadura militar, não teria fugido à sua responsabilidade e participaria do debate com a dignidade que se requer de um verdadeiro líder que objetiva dirigir este país

Essa candidata petista representa o próprio fosso de incompetência repleta de mentiras, desrespeito à sociedade e às nossas instituições, a que, infelizmente, assistimos há quase oito anos do governo que ela representa.

No próximo dia 3 de outubro nós, eleitores, teremos uma rara oportunidade de utilizar nossa autonomia cidadã, através do voto popular, para colocar no Planalto um novo presidente, que, mesmo com os grandes desafios que terá pela frente, resgate os princípios éticos, a austeridade e as grandes reformas constitucionais.

E certamente essa tarefa jamais estará à altura do petismo...

 

 

Paulo Panossian paulopanossian@hotmail.com

São Carlos

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

TIRO NO PÉ

 

A ausência de Dilma Rousseff no debate Estadão/TV Gazeta veio reforçar as suspeitas da sua participação na violação do sigilo fiscal da filha e do genro de Serra. O Brasil precisa de um presidente destemido, comprometido com a verdade, que enfrente os problemas com coragem e determinação. Fora, Dilma. Já!

José Carlos Degaspare degaspare@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

LULLA, DILMA E SIGILO FISCAL

Em sua imperdível coluna de ontem, 9/9, Dora Kramer diz que, no Dia da Independência, de broche da Bandeira Nacional na lapela, Lulla fez pronunciamento à Nação no horário eleitoral do PT para desancar a oposição, defender sua candidata Dilma e confundir a opinião pública acerca das quebras de sigilo fiscal. Que me perdoem o trocadilho, mas melhor seria ter dito 'deboche da Bandeira Nacional', vale dizer, da Nação brasileira.

Um e outro não reverenciam o alto cargo da Presidência, pois, em matéria na mesma página, Dilma rebateu críticas de que recorreu a Lulla para defendê-la do mesmo escândalo, alegando que sua fala foi institucional, como figura proeminente do PT, fazendo distinção oportunista e inaceitável das coisas.

 

Geraldo de Menezes Gomes gdmgomes@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

ESCUDEIRO OFICIAL

Luiz Inácio Lula da Silva foi à TV no horário eleitoral gratuito para servir de escudo para dona Dilma, principal suspeita de envolvimento com a pouca-vergonha na Receita Federal, comandada pelo pau-mandado Otacilio Cartaxo. Se o "poste" for eleito, não tenham dúvidas de que o criador terá emprego com estabilidade de quatro anos como escudeiro, conselheiro e garoto-propaganda do Palácio do Planalto, já que a criatura se mostrou incapaz de, sozinha, se defender de qualquer acusação. O Brasil não merece isso.

Humberto de Luna Freire Filho hlffilho@gmail.com

São Paulo

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

ATESTADO

Parabéns, sr. Luiz Inácio da Silva! A sua aparição na TV, "tentando" defender o crime perpetrado com a quebra do sigilo fiscal de cidadãos brasileiros, provou duas coisas.

Primeiro, que o seu assombrado ministro da Fazenda, chefe direto da Receita Federal, não tem autoridade para apurar e justifica o delito, afirmando que "vazamentos ocorrem"... Segundo, que a sra. Rousseff perdeu uma oportunidade de ouro para provar a milhões de espectadores que conhece o assunto e, energicamente, o condena. Caso típico de duplo atestado de incompetência!

 

 

Eduardo Augusto de Campos Pires eacpires@terra.com.br

São Paulo

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

SUMIÇO

Idoso que sou, e procurando acompanhar o que se passa no País, tornei-me um ávido leitor de jornais e revistas, especialmente agora, época de eleição. Tenho, porém, notado que ultimamente, em tempos com sigilo e sem sigilo - "ou por sigilo" - dona Dilma sumiu... Será que ela "tomou Doril"?

Gilvan de M. Guedes Pereira gilguepe@uol.com.br

São Paulo

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

POR QUE A DILMA?

O fato de pessoas menos esclarecidas e, portanto, menos informadas votarem na Dilma é perfeitamente compreensível. O mesmo acontece com as pessoas que recebem a Bolsa-Família ou outros benefícios. O que me surpreende são as pessoas esclarecidas que votarão na Dilma! A Dilma nem sequer foi candidata do PT, foi indicada pelo Lula, um presidente cujo mandato, além de inoperante, não construiu sequer uma hidrelétrica, ou refinaria, rodovia, ferrovia, porto ou aeroporto de grandes dimensões; a dengue tomou conta do País; as drogas vindas das Farc geram a insegurança total, teve um mandato marcado pela corrupção e ele próprio se revelou mentiroso quando disse que não sabia do mensalão! Respeito os que não queiram votar no Serra porque ele seria a continuidade do governo de FHC. Mas votar na Dilma?! Por que não votar na Marina, que é muito mais representativa desse pensamento?

 

Eugênio José Alati eugeniojosealati@yahoo.com.br

Campinas

_________________________

 

 

 

 

 

 

DORA KRAMER E O "MACUNAÍMA"

Dora Kramer e muitos leitores do Estadão se enganam ao atacar o presidente Lula e o PT, só vendo irregularidades, malandragens, oportunismo e crimes nesses oito anos de governo, numa visão míope, parcial e distorcida da realidade. Esquecem-se de que - apesar de todos os erros, falhas e defeitos cometidos e que também ocorreram nos oito anos de FHC/PSDB - o Brasil deu um grande salto, cresceu e se desenvolveu muito nesta última década: resgatou sua autoestima, conquistou o respeito e a credibilidade internacional e tirou dezenas de milhões de brasileiros da zona de pobreza. E Macunaíma somos todos nós, brasileiros, que ainda precisamos melhorar muito em termos de educação, civilidade e cultura, independentemente do governante de plantão ser fulano ou beltrano.

 

Renato Khair renatokhair@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

COMPETITIVIDADE

 

Para desmentir Lula e sua candidata, a obscura, que "nunca antes na história desse país" se viveu momento tão maravilhoso, nada como a reportagem do Estadão de ontem (página B4). Segundo o ranking das economias mais competitivas do Fórum Econômico Mundial, o Brasil caiu da 56.ª posição para a 58.ª e está atrás de países como Costa Rica e Azerbaijão. O Brasil tem o pior impacto da carga tributária sobre o setor privado e fica em último lugar nos indicadores que medem a regulação do governo. E agora, "cumpanhero" Lula? E agora, "cumpanhera" Dilma, a obscura?

Marcos José de Freitas e Silva marcosjfreitas@uol.com.br

Praia Grande

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

AINDA LULA E O 7 DE SETEMBRO

Em pleno 7 de Setembro, data em que o presidente da República deveria falar como representante da Nação inteira, nós o vimos usar o horário eleitoral gratuito do seu partido para falar apenas àqueles que estão com a sua candidata, que neste momento apresenta aproximadamente 50% das intenções de voto, ou seja, no Dia da Independência do Brasil, uma das datas mais importantes da nossa História, aquele que deveria representar a todos nós menospreza os outros 50% de brasileiros, apenas para escudar sua candidata, já que ela não consegue se sustentar sozinha, nem mesmo numa campanha eleitoral, o que dirá, no exercício diário da Presidência da República.

Ao invés de punir os responsáveis pelo crime na Receita Federal, Lula ainda tem a desfaçatez de acusar aqueles que sofreram as violações de sigilo ilegais de estarem cometendo um crime contra o País e contra as mulheres brasileiras, quando, na verdade, crime de lesa-democracia é usar a estrutura do Estado para difamar e destruir a biografia de opositores e seus familiares. Isso é atitude típica de ditadores, talvez seja por isso que Lula se dê tão bem com eles.

Mas, para nossa sorte, a soberba de Lula é tamanha que ela ainda haverá de engoli-lo.

Sandro Ferreira sandroferreira94@hotmail.com

Ponta Grossa (PR)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

"INEXPLICANDO"

Impressionante a cara de pau de alguns políticos e afiliados que vêm a público dizer que os acessos realizados por alguns funcionários da Receita Federal se limitaram apenas a dados cadastrais, tipo nome, endereço e telefone, como se isso abonasse a quebra de sigilo e elucidasse de vez a questão. Nossa despesa com políticos é a segunda mais cara do planeta e ainda somos obrigados a ouvir explicações primárias como essa. Haja paciência...

Hermínio Silva Júnior hsilvajr@terra.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

DESESPERO POR PERDER A MAMATA

Eu não pude deixar de escrever. Como é que alguém deixa o Lula se meter na propaganda política desse jeito? Só aparece ele, e não sua pupila. É visível o desespero dele se a sua candidata por ventura não entrar, não é? Você acha que ele está contente em largar essa mamata? Mas desta vez não vai dar. Ele vai sair e vai levar toda aquela corja de ladrões, aquela quadrilha que ele enfiou na nossa goela por oito anos. Porque, se a Dilma entrar, misericórdia, o que vai ser do povo brasileiro? Se até violar contas bancárias está valendo, Brasília vai continuar sendo uma baderna. Fora com todos eles!!!

 

 

Claudete Matos claudete.antoniassi@gmail.com

Jundiaí

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

SIGILO

 

 

Ainda bem que estou fora desse tal de sigilo. Mesmo filho de pais semianalfabetos e operários, pai negro, sou pós-graduado. Além de trabalhar em empresas privadas, lecionei, paralelamente, em escola particular durante 15 anos. Hoje, aposentado, acompanho perplexo o comportamento de um "líder" que, bem diferente de mim e de parcela do povo brasileiro, só procurou aprender a ser "esperto", deita e rola sobre o ignorante povo brasileiro com atitudes totalmente absurdas para a posição. Estou tranquilo, pois não possuo praticamente nenhum bem (o pouco declaro no Imposto de Renda) e minha conta bancária vive no vermelho. Minha única preocupação são minhas mensagens - das quais tenho orgulho - publicadas no Fórum dos Leitores. Ainda bem que o "home" não lê jornal, senão...

Laert Pinto Barbosa laert_barbosa@ig.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

SECESSÃO

As façanhas do grupo partidário que atualmente "aparelha" o nosso governo, pela origem da maioria dos seus componentes, e pelo aparente sucesso no imaginário popular, verificado na região situada acima do Equador, deve ter o mesmo fundamento do apoio dado a Antonio Conselheiro e, mais recentemente, aos prodígios cometidos pelo capitão Virgolino.

A horda liderada por alguém que se autointitula o "demônio de Garanhuns" age como se fosse onipotente, desprezando com soberba a legislação eleitoral vigente, no intuito de manter as rédeas do poder, a qualquer custo...

Nos casos precedentes, foi do Sul que partiu o antídoto para tais males, embora hoje não se identifique força capaz de conter tal dissolução, que, continuada, levará à secessão!

Caio Augusto Bastos Lucchesi cblucchesi@yahoo.com.br

São Paulo

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

E OS RIOS?

 

 

Infelizmente, nos debates entre os candidatos a governador ninguém fala dos rios! Sócio do Clube Pinheiros, que vai comemorar no sábado 111 anos, lembramos que dali partiam os atletas para a travessia a nado de São Paulo, até o Clube Espéria, no Tietê. O Rio Pinheiros transformou-se num esgoto imundo.

Em Paris, janta-se a bordo do "Bateau Mouche", navegando pelo Sena.

Quando teremos isso?

 

Arsonval Mazzucco Muniz arsonval.muniz@superig.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

ESCROQUES E EX-CRAQUES

 

1) Está sendo amplamente comentada nas ruas a vergonhosa candidatura de um comediante que, além de não saber a descrição sumária do cargo a que concorre, ainda humilha o eleitor. Talvez o eleitor não tenha percebido que o palhaço está apenas sendo usado por escroques escondidos atrás da lona do circo, que o usam para penetrar na política sem maiores dificuldades.

2) Um vídeo que corre na internet mostra um senador paulista, aparvalhado, tentando prestigiar uma "abundante" candidata, cujo QI deve estar naquela região abaixo da cintura.

3) O novo técnico da seleção de futebol terá a oportunidade de agendar um amistoso em Brasília, após as eleições, em vista da grande quantidade de ex-craques que tentam arrumar a vidinha através da política e do voto dos eleitores ignorantes. Que seleção!

 

Flavio Marcus Juliano opegapulhas@terra.com.br

São Paulo

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

 

SENADO

 

Gostaria de saber como a Marta Suplicy convive com um companheiro de chapa ao Senado que foi acusado de espancar a mulher, sendo ela uma feminista e que tanto lutou pela mulheres, como afirma em sua propaganda eleitoral, através do programa TV Mulher? Ela pode nos dar uma explicação deste paradoxo?

Francisco da Costa Oliveira fco.paco@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

EXEMPLO NO PASSADO

Os dois candidatos que lideram as pesquisas de intenções de voto para o Senado por São Paulo, Marta e Netinho, respectivamente, bem que poderiam, dado o seu passado histórico, ter incluso em sua propaganda eleitoral o slogan "UNIDOS PELA FAMÍLIA". Afinal, têm competência e história para tanto.

José Piacsek Neto bubapiacsek@yahoo.com.br

Avanhandava

 

 

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

ENGANAÇÃO OU IGNORÂNCIA

Não é que Marta Suplicy pensa que senador da República pode determinar que se faça o uso do bilhete único para o transporte em São Paulo? Ou é ignorância pura quanto aos deveres de um senador ou ela está enganando o povo paulista.

 

Eni Maria Martin de Carvalho enimartin@uol.com.br

Botucatu

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

 

E AGORA, JOSÉ?

Netinho senador, Dilma presidente e Tóffoli ministro do Supremo Tribunal Federal. Tá bom ou quer mais?

 

Orivaldo Tenorio de Vasconcelos prof.tenorio@uol.com.br

Monte Alto

 

 

 

 

 

 

_________________________

 

 

 

 

 

SENADO OU CADEIA?

Lula afirma: "Netinho vai dar uma cara nova ao Senado". Caso seja eleito, o que espero que não aconteça, não seja igual a como ficou o rosto de sua ex-mulher Sandra, que ele tão bem espancou.

Luiz Nusbaum lnusbaum@uol.com.br

São Paulo

_________________________

 

 

 

 

 

 

 

DESMORALIZAÇÃO DO LEGISLATIVO

Tiririca, Mulher Melão, Cameron Brasil, Maguila, Rosana Star, Netinho de Paula e afins são candidatos da coligação Mercadante/Dilma.

Isso nos mostra que o PT está mesmo empenhado em desmoralizar a imagem do Congresso Nacional e transformá-lo num circo, cabaré ou qualquer coisa do tipo. Uma vez assim classificado pela população, o Legislativo se torna motivo de chacota e como instituição cai no total descrédito diante do universo popular.

Congresso fraco é igual a Executivo forte, que faz e desfaz aquilo que bem entende, onde seis ou sete manobrarão uma massa de adesistas que agora contam com ex-personalidades à espera de um emprego, já que suas carreiras naufragaram ou mesmo que já se exauriram.

Sou totalmente contra o sistema eleitoral hoje em vigência, em que o eleitor deve escolher seis candidatos em pouco mais de 60 dias. É óbvio que aqueles com mais destaque (governador e presidente) recebem maior atenção e aqueles que disputam o Legislativo têm de concorrer com aberrações como as acima citadas.

Sou a favor da dissociação das eleições legislativas das executivas, de modo que o eleitor dedique a mesma atenção aos membros do Legislativo que dedica aos do Executivo. Vários países utilizam esse método e com certeza isso evitará que as Casas Legislativas sejam tratadas como circos ou palcos de show de horrores.

O PT dedica-se à desmoralização do Legislativo e isso, é lógico, só serve para facilitar sua perpetuação no poder.

 

Frederico d'Avila fredericobdavila@hotmail.com

São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.