Cartas - 11/07/2011

SOTERRAMENTO

, O Estado de S.Paulo

11 Julho 2011 | 00h00

O Brasil "bricado"

Uma cratera digna de figurar nas horrorosas ficções da parte 1 do inferno dantesco soterra famílias, crianças, na zona sul da cidade de São Paulo. A corrupção diária inunda de imundícies nossos jornais, a ponto de gerar sentimentos depressivos nos cidadãos corretos, embora há muito tempo vacinados pela verve de Rui Barbosa. Não obstante isso e muito mais, somos do Brics, estamos na proa e no leme, coitados dos países europeus, disse o ex-presidente iluminado. Viva o Brasil.

AMADEU R. GARRIDO DE PAULA

amadeugarridoadv@uol.com.br

São Paulo

________

GESTÃO KASSAB

Desalojados x estádio

Ao assistir a homens, mulheres e crianças sendo desalojados de favelas ou terrenos invadidos, agredidos e jogados ao relento, ao frio e à chuva, largados à própria sorte, pergunta-se: quantas moradias populares poderiam ser erguidas com os mais de R$ 500 milhões - quantia que certamente vai dobrar - que a Prefeitura tira descaradamente do contribuinte e dá a um time de futebol para construir seu estádio, que só favorecerá os políticos e o clube? Onde está o Ministério Público, que não impede essa barbaridade? Onde está esse povo omisso, leniente e conivente, que aceita placidamente essa agressão aos cofres públicos e ao ser humano?

DAVID NETO

drdavidneto@uol.com.br

São Paulo

________

Crime de "lesa-Município"

O Diário Oficial de 7/7 publicou oito leis sancionadas pelo prefeito autorizando o Executivo a alienar áreas de propriedade do Município. A mais divulgada pela imprensa é a do Itaim-Bibi, onde estão importantes equipamentos municipais, além de uma escola estadual. Mas as outras também são de interesse da cidade, pois abrigam importantes equipamentos do Município, além de que, com certeza, farão falta à Prefeitura no futuro. Na área situada na confluência das Ruas Bresser e Itajaí, por exemplo, está o Depósito de Materiais Inservíveis da Prefeitura, responsável pelo recebimento, armazenamento e alienação de equipamentos considerados sem serventia, como veículos, carteiras escolares, lâmpadas da iluminação pública e móveis diversos. Seria importante que a reportagem do Estadão visitasse esses locais para que a população tenha uma visão real do alcance dessas alienações, que não têm cabimento, se lembrarmos que vários terrenos municipais estão cedidos aos clubes da capital, como os Centros de Treinamento do São Paulo e do Palmeiras, parte do Estádio do Canindé e a área onde será construído o estádio do Corinthians. E a alegação de que o numerário auferido será destinado à construção de creches não garante que isso será feito. Na mesma sessão a Câmara autorizou um aumento estratosférico de salário para os secretários municipais, se comparado com o reajuste anual de 0,01% dos servidores da Prefeitura. O Executivo e os vereadores que aprovaram tais leis cometeram um verdadeiro crime de "lesa-Município".

GILBERTO PACINI

benetazzos@bol.com.br

São Paulo

________

Negócios imobiliários

Nosso prefeito deveria receber o prêmio de imobiliário do ano. Depois do decreto que permite a venda dos 20 mil m2 no Itaim-Bibi, cabe a pergunta: as creches que servirão de moeda de pagamento pelo terreno terão suas obras fiscalizadas ou estarão protegidas pela lei do sigilo eterno?

DECIO FRANCO DE ALMEIDA

bdfpartners@uol.com.br

São Paulo

________

Caro e contra a população

A Operação Urbana Água Espraiada previa túnel de 400 metros em 2001. Em 2007 Kassab apresentou projeto de túnel de 4,5 km e custo de R$ 2 bilhões, o qual preenche a mesma função de ligação que o túnel inicialmente aprovado, da Roberto Marinho até a Imigrantes. Nessa proposta as desapropriações aumentaram exponencialmente e já se percebia que o foco era a liberação de terrenos faltantes aos agentes imobiliários. Em 2008 o traçado foi reduzido para 3,7 km e o custo aumentou para R$ 2,7 bilhões. Agora, em 2011, o projeto final prevê redução de traçado para 2,7 km e aumento de custo para R$ 3,7 bilhões. Em cinco anos da perversa administração Kassab, apoiada por vereadores que traem seus eleitores, temos aumento de custo linear do túnel de 208%. E a Câmara Municipal, ainda assim, o aprova! Já há superfaturamento? Temos aqui mais uma manifestação do urbanismo kassabista de extrema-direita, sempre em benefício dos agentes imobiliários - custe o que custar em valores monetários e em direitos dos paulistanos. Isso tem de acabar já!

SUELY MANDELBAUM, arquiteta urbanista

suely.m@terra.com.br

São Paulo

________

Túnel-bala

Em vez de serem gastos uns R$ 4 bilhões numa única obra, São Paulo precisa com urgência de pequenas obras (ou correções geométricas, como dizia Maluf). O recorte de algumas esquinas, tomando cerca de 10 a 20 metros quadrados de alguns imóveis, já ajudaria muito a fluidez do tráfego. Essa experiência foi feita em outras gestões e funcionou. Com esse montante poderiam ser construídas outras pontes estaiadas ao longo das Marginais, eliminados nós de estrangulamento de trânsito, com pequenos túneis ou passagens elevadas, alargamento de algumas avenidas ou criação de vias paralelas, etc. No eixo Avenida Washington Luís-Avenida Interlagos, eternamente congestionado, por exemplo, desde a década de 1970 pouco foi feito para melhorar seu fluxo, apesar de a população impactada ter dobrado, ou mais. Estudem-se soluções para a Roberto Marinho de menor custo e aproveitemos melhor o dinheiro do munícipe para diminuir ao menos 15 minutos de seu sofrimento diário no trânsito, impactando pedestres, passageiros de veículos públicos e motoristas.

EDISON ROBERTO MORAIS

ermorais@uol.com.br

São Paulo

________

Carnaval paulistano 2012

Cantem comigo a Máscara Negra da Prefeitura de São Paulo: "Quanto lixo, oh! tanta porcaria!/ Mais de mil buracos pelo chão,/ o prefeito está voando/ pelo amor à sua sina/ no meio da confusão./ Foi ruim te ver outra vez,/ está fazendo três anos,/ foi na eleição que passou./ Eu sou aquele eleitor/ que em ti votou e te elegeu, que horror./ A mesma cara de pau/ que esconde o teu rosto/ eu quero matar a curiosidade;/ Vou criticar-te agora,/ não me leve a mal:/ é uma vergonha a capital...".

FLAVIO MARCUS JULIANO

opegapulhas@terra.com.br

São Paulo

________

"Se o prefeito usa a iniciativa privada para fazer 200 creches, por que pagarmos impostos?!"

CARLOS JOSÉ BENATTI / SÃO PAULO, SOBRE OS NEGÓCIOS IMOBILIÁRIOS DE KASSAB

cjbenatti@globo.com

"Um bom nome para o estádio do Corinthians seria Kassabão. Uma justa homenagem"

NELSON CARVALHO / SÃO PAULO, SOBRE O "PRESENTE" DE R$ 420 MILHÕES EM ISENÇÕES FISCAIS

nscarv@gmail.com

"E com o RDC aprovado, a bola oficial da Copa de 2014 poderia ser denominada Jaburlante"

ANÍZIO MENUCHI / PRAIA GRANDE, SOBRE O REGIME DIFERENCIADO DE CONTRATAÇÕES

amenuchi@uol.com.br

________

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 597

TEMA DO DIA

Senador fraudou licitação da Petrobrás

Empresa de Eunício Oliveira soube com antecedência quais eram seus concorrentes e os procurou

"Se fosse um país realmente sério, a oposição pediria à PF uma investigação ampla sobre todos os negócios da Petrobrás."

ALVARO CALLEJON

"Chama a atenção que os órgãos de fiscalização e controle simplesmente não funcionam. Todos estão no mesmo barco."

FRANCISCO RIBEIRO

"Deve-se proibir que empresas de políticos participem de licitações de empresas públicas."

SEBASTIÃO LEME

________

Cartas enviadas ao fórum dos leitores, selecionadas para o estadão.com.br

AGORA FICA DIFÍCIL LULA DESMENTIR O MENSALÃO

"O que mais preocupa não é o grito dos violentos, nem dos corruptos, nem dos desonestos, nem dos sem ética. O que mais preocupa é o silêncio dos bons" (Martin Luther King)

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, pediu ao Supremo Tribunal Federal (STF) a condenação de 36 réus por envolvimento no esquema do mensalão.

Somadas, as penas máximas chegariam a 4,7 mil anos de prisão. Finalmente Roberto Gurgel acertou uma. Logicamente, o chefe e principal beneficiário continua de fora, o homem por trás de todo o esquema do maior caso de corrupção da História do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva. Também, as provas juntadas pela Policia Federal, pelo Ministério Público e pelas comissões parlamentares de inquérito são tantas que não há como Roberto Gurgel fugir delas e tomar atitude diferente. Espero que os ministros do STF também, desta vez pelo menos, ajam com acerto e condenem essa quadrilha a cumprir pena com Marcola, Fernandinho Beira-Mar e outros companheiros de crime. O então presidente da República dom Luiz Inácio (PT-SP) montou uma verdadeira quadrilha no governo de dois mandatos (2003-2011), legando à sucessora, Dilma Roussef, maldição sobre a qual ainda se irá falar muito e muito nos anos por vir. Dilma não tinha como evitar, até porque a sua fonte de alimentação repousa no mesmo cocho petista. Nunca antes na História deste país houve tanta corrupção e roubalheira como no governo Lula.

Antônio Dias Neme antonio.neme@superig.com.br

São Paulo

________

ATRÁS DAS GRADES

Parabéns ao procurador-geral da República que pede a condenação dos 36 entre os picaretas que fizeram parte do famigerado mensalão. Só resta ao STF agir de forma imparcial e colocar esses malfeitores atrás das grades. O povo precisa desse ato de justiça para minorar as denúncias de corrupção sem punições que não cansam de pipocar na imprensa.

Leila E. Leitão

São Paulo

________

MENSALEIROS NA BERLINDA

O procurador-geral da República, Roberto Gurgel, pediu a condenação de 36 réus do mensalão. Isso significa que os mensaleiros estão novamente na berlinda. De olho no novo mandato, o procurador criou um fato novo para fazer bonito na mídia e angariar simpatia dos brasileiros descrentes com o rumo da Justiça brasileira. Como a decisão ficará a cargo do ministro relator Joaquim Barbosa, pode ser que o julgamento do processo fique para 2012 e até lá prescreva, pois como se viu até agora tudo foi feito para que nada fosse apurado e acabasse em pizza. Portanto, todos podem ser absolvidos como se nada houvesse acontecido, pois da nossa Justiça se pode esperar tudo. Independentemente do que acontecer lá na frente, o fato de o procurador ter pedido a condenação dos réus foi um grande tapa na cara daqueles que insistem em dizer que o mensalão não existiu. Resta saber se as pessoas que negam o mensalão terão vergonha na cara o suficiente para continuarem negando os fatos.

Izabel Avallone izabelavallone@yahoo.com.br

São Paulo

________

CONDENADOS JAMAIS

Entre os 36 réus do mensalão cuja condenação foi pedida pelo procurador Roberto Rangel ao STF se inclui o "capitão-gancho" José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil da fantástica era Lula no "pudê". Pergunta que não quer calar: vamos supor que a condenação seja confirmada, possibilidade remota, pouco provável, para não dizer impossível, o que acontecerá? Absolutamente NADA!

Angelo Tonelli angelotonelli@yahoo.com.br

São Paulo

________

RIGOR

Alvíssaras! Procurador pede e mensaleiros devem ser condenados. Pelo rigor da lei, seis meses de prisão perpétua em regime aberto!

A. Fernandes standyball@hotmail.com

São Paulo

________

IN DUBIO PRO REO

É sintomático que o ex-chefe da Casa Civil José Dirceu, em face das acusações de improbidade no episódio do mensalão, não declare que não perpetrou os desfalques dos cofres públicos de que é acusado, mas apenas que não há provas de nenhuma espécie contra ele. Um réu pode ser absolvido por insuficiência de provas ou por estar comprovada sua inocência. São coisas diferentes e as declarações do acusado poderão ser processualmente relevantes, porém comprometedoras definitivamente da imagem de um homem público.

Amadeu R. Garrido de Paula amadeugarridoadv@uol.com.br

São Paulo

________

ZÉ DIRCEU INOCENTE?!

Zé Dirceu tem razão, ele é inocente. Culpados somos nós, que temos uma lei absurda que impede governantes e seus aliados de comprar deputados, senadores, dar golpe nos fundos de pensão, falsificar empréstimos e formar quadrilhas. Leis completamente absurdas que uma sociedade democrática exige. O legal na concepção de Dirceu seria deixar os cofres públicos abertos para os coitadinhos dos petralhas que queriam nos amordaçar e colocar uma ditadura comunista subjugando o Congresso. Que país mais ruim, gente!

Mas preparemo-nos todos, já começaram a montar o circo. O procurador Roberto Gurgel concorda que existem 36 ladrões do mensalão que roubaram dinheiro público. Só que agora vai depender daquele que renunciou e voltou, continuando suas estripulias como se fosse dono do Brasil. Valdemar Costa Neto, que todos nós conhecemos, mas não o povão que o elegeu, está com o futuro da quadrilha nas mãos! Se ficar, o processo será julgado; se renunciar, seu julgamento voltará à primeira instância, o que retardaria tudo e a quadrilha sairia limpinha, porque em agosto o processo prescreve. O caminho das Índias para livrar a quadrilha já foi anunciado, o circo montado e a população já se armando com nariz de palhaço.

Beatriz Campos beatriz.campos@uol.com.br

São Paulo

________

COMO PODE?

Como pode uma pessoa como José Genoino, que está sendo processado e com pedido do procurador-geral da republica para pena de até 99 anos de prisão, ter cargo de confiança no governo? Isso é um desrespeito ao povo brasileiro, ou seja, uma verdadeira conivência com a imoralidade.

Marco Antonio Martignoni mmartignoni@ig.com.br

São Paulo

________

VALDEMAR COSTA NETO

O deputado Valdemar Costa Neto é um dos réus do mensalão cuja condenação foi pedida pelo procurador-geral da República. Na época, para quem não se lembra, ele foi acusado de receber propinas pela própria esposa. Está envolvido até o último fio de cabelo no recente escândalo do Ministério dos Transportes. Até que nível de desonestidade e falta de caráter um político pode alcançar neste país antes de ser cassado e preso?

Victor Germano Pereira victorgermano@uol.com.br

São Paulo

________

CÁGADO

O processo envolvendo políticos do governo e aliados, batizado de ''''mensalão'''' e que se desenvolve com agilidade no dorso de um cágado sedado, o mais volumoso e atrevido desvio de dinheiro a que a terra de Macunaíma já havia assistido, tem nesse baú de maldades o deputado Valdemar da Costa Neto (PR-SP), que afirma não renunciar ''''nem por reza braba''''. O julgamento dos 38-2 terá a sentença dos togados do STF, cujas últimas sentenças têm surpreendido leigos e entendidos. O ministro Francisco Barbosa diz que a conclusão do processo se dará somente em meados de 2012. O tempo vai passando, os réus, com desenvoltura invulgar, assumem posições de relevo na vida pública e, quem sabe um dia, depois de passados os burburinhos da Copa e da Olimpíada, alguém de boa memória pergunte pelo processo do mensalão e alguém responderá: ''''Estamos esperando a chegada do cágado''''.

Jair Gomes Coelho jairgcoelho@gmail.com

Vassouras - RJ

________

INOCENTADOS

Seis anos depois do escândalo do "mensalão", só agora o procurador-geral da República pediu ao STF a condenação de 36 dos envolvidos no referido?! Quem se lembra das pessoas envolvidas no tal escândalo? Como um Gushiken, amigo unha e carne do Lula, que nem relacionado foi... Claro, uma turma de advogados pagos a peso de ouro sabe como nunca usar as mil brechas que nossa porca legislação oferece aos que podem arcar com tais custos. Chega a ser ridícula a figura desses advogados quando entrevistados, fazendo caras e boca de sabichões, rindo dos ignorantes do País, "provando" como são inocentes seus clientes coitadinhos, vítimas de injustiça. Agora vai ao Supremo para quê? Para ficar mais alguns anos mofando nos arquivos e só depois de a população informada se esquecer deles irá a julgamento, quando todos escaparão da cadeia. Mas esperar o que de um STF cujos membros devem seus cargos a políticos rasteiros? Se fosse na China, os 36 terminariam num estádio de futebol, de joelhos, recebendo uma bala na nuca. Talvez sofressem o mesmo os advogados que ousam defender tais malandros. Aqui, um acusado de caso de corrupção mais recente, como o ex-ministro dos Transportes, voltará ao cargo de senador e será recebido com ovação geral da turma do Cambalacho Nacional.

Laércio Zanini arsene@uol.com.br

Garça

________

AS NOSSAS DÚVIDAS

Ao ficarmos mais idosos acreditamos saber mais do que os outros, motivados pela experiência dos anos vividos, pelos trabalhos executados, por lermos mais e uma série de outras coisas. Porém o que nos preocupa é que hoje os jornais, ou seja, a "mídia", no desespero de chegar ao seu público, nos enche de informações de toda espécie. Especialmente sobre os danos financeiros que atingem os bolsos de todos os cidades brasileiros que lutam para pagar os seus impostos e vivem com o pouco que lhes resta, uma vez que a cada ano de trabalho entrega aos cofres públicos de 3 a 4 meses de seus rendimentos. Esta é a nossa dúvida: estariam os nossos homens públicos, eleitos por nós e encarapitados em cargos de grandes responsabilidades, preparados para exercer as funções que lhes são dadas e em condições de pelo menos executarem a vigilância do investimento do dinheiro que lhes está sendo posto em mãos? Este seria o mínimo do trabalho: exercer vigilância e austeridade. Ao invés disso, deixam-se levar para o lado das conveniências políticas, desmoralizam-se perante os seus eleitores, nem têm a vergonha necessária para pedir desculpas e se retirarem do circuito e, principalmente, devolverem o que nos foi surrupiado. Em tempos idos, segundo nos consta, alguns até chegaram a extremo de se suicidar ao se verem desmoralizados perante a família, os amigos e eleitores. A nossa dúvida é se os poderes de Justiça estarão seguindo também decisões políticas quando, por obrigação de fé, deveriam estar seguindo somente o que a lei determina. Vejamos o que será decidido com os 40, hoje já diminuídos para 36 do "mensalão" que serão julgados pelo STF...

Essa é mais uma dúvida.

Alberto Caruso albertocaruso@uol.com.br

São Paulo

________

GUSHIKEN

O sr. Roberto Gurgel agiu corretamente não indiciando o exemplar cidadão, ex-presidente do Sindicato dos Bancário de São Paulo e ex-ministro da Secretaria de Comunicação Luiz Gushiken. Como sindicalista ele foi um herói na luta em favor dos bancários quando o Banespa estava balançando e caiu. Mas, mesmo assim, garantiu os empregos. Os bancários guardam sua saudosa lembrança pelo trabalho em benefício dos seus filiados. Que saudade! Durante sua gestão como ministro, ele trancou os cofres de todos os fundos de pensões a sete chaves e não teve mensaleiro nem PT que tirasse proveito. Tudo o que falam dele é intriga da oposição, podem conferir com o ex-deputado Roberto Jefferson, que certamente dirá que Gushiken é mais um que não sabia de nada.

Benone Augusto de Paiva benonepaiva@yahoo.com.br

São Paulo

________

PAÍS BANDIDO

É realmente estranho esse grande país, com dimensões continentais, chamado Brasil. É uma roubalheira generalizada com denúncias daqui, denúncias dali, enriquecimento a jato de políticos e filhos de políticos, mensaleiros denunciados, aloprados, enfim, tudo quanto é falcatrua, logro e fraude e, pasmem, ninguém vai preso. Tão ou mais estranho ainda é que as denúncias partem geralmente da imprensa e quase nunca de Tribunais de Contas, Ministério Público, Polícias Federal e estaduais, ou seja, os que são pagos para investigar, denunciar e mandar para a cadeia, porque é lá o lugar dessa gente. Como brasileiro - já sem nenhum orgulho -, é duro constatar uma realidade tão premente: Brasil, um país bandido.

José Eduardo Victor je.victor@estadao.com.br

Jaú

________

A NOSSA BRILHANTE IMPRENSA

Parabéns a imprensa brasileira por se colocar sempre em nossa defesa. Parabéns pelos repórteres fuçadores que acabam descobrindo o lado negro dos nossos políticos, que vergonhosamente é muito substancial. Tenho certeza, e como eu todos os brasileiros que enxergam um palmo adiante do nariz, que se continuarem pesquisando, nossos repórteres continuarão descobrindo falcatruas gigantes, graves e generalizadas. Por isso Lula odeia a imprensa, pois não deixa seus amigos roubarem em paz. Torçamos para que os repórteres tomem coragem de investigar os filhos dos corruptos que, certamente orientados por seus paizinhos, deitam e rolam. A imprensa tem sido a maior guardiã moral dos nossos tempos e, embora sempre ameaçada, consegue furos que nos enchem a alma de alegria. E pensar que Lula certa vez disse que não haveria ninguém com moral suficiente para lhe dar lições de ética...

Geraldo Siffert Junior siffert18140@uol.com.br

Rio de Janeiro

________

DESABAFO

A simples leitura do noticiário nos estarrece: parece que estamos sendo (des)governados por uma enorme e voraz quadrilha! A cada novo escândalo de corrupção, alguém cai, mas segue sua vida boa de novo milionário à custa do dinheiro do povo, sem que haja punição alguma - o agora ex-ministro dos Transportes simplesmente volta ao Senado e seu partido saliva dizendo que não abre mão da vaga, sem o menor vestígio de constrangimento, sem demonstrar nenhuma preocupação com o País! Porque o povo está inerte, anestesiado, habituando-se perigosamente a deixar como está para ver como é que fica, enquanto os políticos contam com essa inércia e dela se aproveitam. Antes de fazer passeatas pró isso ou aquilo, abraçar lagoas, promover beijaços ou levantar quaisquer bandeiras filosóficas, o povo precisa se organizar, urgentemente, para protestar contra os desmandos que comprometem o futuro de todos, para exigir punição exemplar, para botar na cadeia aqueles que se locupletam nos governos, que nos roubam com a cara mais lavada como nunca antes neste país. Aqueles que, na política ou em suas cercanias, enriquecem sem mais nem menos, da noite para o dia, num país onde ainda é preciso dar um duro danado para pagar as contas e alimentar a família. A nossa atitude precisa mudar, temos de desprezar essa gente e exigir que pague por tanta corrupção, ou nossos filhos, os filhos de nossos filhos e as gerações vindouras serão cooptados por essa ladroagem sistêmica e, um dia, o Brasil se verá inteiramente perdido para um bando de ratos.

Então, não mais seremos uma Nação, mas um completo covil. Não merecemos isso!

Doca Ramos Mello ddramosmello@uol.com.br

São Sebastião

________

É CRÍTICO!

Talvez o fato de que todos nós não lemos nada de novo há tantos anos se deva ao nada de novo com que os partidos da situação nos premiam nos últimos oito anos e meio, além, é claro, de denúncias, escândalos, mensalões, incompetência, posses e renúncias de políticos totalmente despreparados, em conhecimento e em ética, para os Ministérios sorteados. Apenas um socialismo muito particular entre eles. Necessitamos urgentemente de governantes como Oswald, que "captem a essência dos assuntos e discursem como grandes entendedores", para não vivermos encalhados no passado.

Flavio Marcus Juliano opegapulhas@terra.com.br

São Paulo

________

MEU DISCURSO

O discurso que eu gostaria de fazer seria assim: sra. presidente, governadores, senadores, deputados federais, deputados estaduais, prefeitos, vereadores, juízes e promotores, serei breve e o que peço é que podem fazer todas as cagadas que quiserem, porque daremos um jeito de buscar o conserto, só não roubem. Quando erram na economia, o mercado ajeita; quando fazem leis absurdas, elas não pegam; quando o projeto é faraônico, cai em desuso; quando ganham o que não merecem, pagamos; quando cometem injustiças, poucos são prejudicados; quando mentem, em algum momento serão desacreditados; mas quando roubam em obras e serviços, os prejuízos são irrecuperáveis. Escolas, hospitais, presídios, equipamentos, laboratórios e muito mais deixam de ser construídos ou comprados. Pesquisa e ciência não são produzidas. Estradas, portos e aeroportos ficam deficientes. As Forças Armadas se sucateiam. Não quero só acertos, mas desde que não roubem, em pouco tempo poderemos fazer deste país uma NAÇÃO, todos ganharemos e vocês muito mais. Ganharão a felicidade pelo dever cumprido. No caixão a grana não vale nada.

Sérgio Barbosa sergiobarbosa@megasinal.com.br

Batatais

________

QUEDA DO MINISTRO DOS TRANSPORTES

É isso aí, dona Dilma! Continue com a vassoura e o detergente limpando a área que uma hora conseguiremos. Mas trame também para que o dinheiro roubado ou desviado seja devolvido.

Cecilia Centurion e Pedro Vital www.ceciliacenturion.com.br

São Paulo

________

DESFAÇATEZ...

O PR (Partido da Roubalheira), apesar de todas as evidências vergonhosas de desvio de dinheiro público, ainda insiste em manter o Ministério dos Transportes. É muita desfaçatez! Essa é a grande oportunidade de a presidente Dilma se livrar da "herança maldita" e ainda mostrar, de uma vez por todas, se os brasileiros de bem ainda podem ter esperanças de um Brasil melhor.

Marco Antonio R. Nunes nunesmarcelao1@ig.com.br

Pindamonhangaba

________

BANDALHEIRA NOS COFRES PÚBLICOS

O aumento de dinheiro nos cofres públicos foi fruto do esforço de todo o povo nos anos 80 e 90, do mais humilde ao mais afortunado. Com o que a gestão petista está fazendo e permitindo que se faça, além de ser um retorno ao passado nas práticas de gestão, é certo que o caixa vai acabar. Vão bloquear nosso crescimento fatalmente, teremos de passar por tudo novamente. Todas as tentativas de reação da população, através de qualquer tipo de manifestação, sistematicamente são desqualificadas pelos soldados petistas, a fim de se manterem aproveitando os recursos da Nação em beneficio próprio. Não podemos esquecer agora, diante dos novos acontecimentos, do escárnio que foi a tentativa de montagem da mentira fantasiosa dos aloprados (exemplo do que eles pensam de nossa capacidade) e o caso do senador do Ceará. Povo, reaja antes que somente sobrem para nós dificuldades e necessidades. Não se esqueça de que a cada R$ 500 que você consome, R$ 200 são impostos. Está na hora de nossa indignação ser mostrada com atitude mais contundente e na rua.

Nelson Pereira Bizerra nepebizerra@hotmail.com

São Paulo

________

DURA ESCOLHA

Entre tantos brasileiros que se dedicaram em prol de nosso país estão Antônio Palocci, Alfredo Nascimento e José Dirceu. A qual desses você daria o troféu?

Virgílio Melhado Passoni mmpassoni@gmail.com

Jandaia do Sul (PR)

________

MINISTÉRIO DOS TRANSPORTES

Quando se entrega osso a um cachorro, é muito difícil tomar o osso de volta. Mesmo sendo um cachorro vira-lata (PR), pode-se levar uma mordida, vai depender da coragem do dono do osso (presidenta Dilma).

Marco Antonio Soares marco_antonio_so@uol.com.br

São Jose dos Campos

________

CORRUPÇÃO ENDÊMICA

Impressionante como grassam a corrupção e a ineficiência no governo do PT, que já se arrasta há oito anos e meio no Palácio do Planalto. Agora sob Dilma, parece que a gestão se vê envolta em teias de desmandos e malfeitos ainda mais complexas do que aquelas que imprimiram a marca da roubalheira na Presidência Lula - tanto é assim que dois ministros já caíram em pouco mais de seis meses de governo! E os petistas não aprendem a lição nem com reza brava: tão logo pediu demissão do Ministério dos Transportes, Alfredo Nascimento foi avisado pela cúpula governista de que seu sucessor na pasta viria do PR, seu partido. A ser assim, resta evidente que o novo ministro já chegará sob desconfiança. A lição não aprendida: em democracias sérias não se loteiam Ministérios e cargos em troca de apoio político. Entendeu, PT?

Henrique Brigatte, hbrigatte@yahoo.com.br

Pindamonhangaba

________

SONO ETERNO

No Brasil dos escândalos e da corrupção desenfreada não se sabe o que é melhor: se é ter consciência ou ser alienado. Nesta ciranda que parece não ter fim fica clara apenas uma coisa: o modelo eleitoral está falido. Triste é saber que os eleitores que votam nessa corja de marginais em troca de migalhas continuam em sono profundo e eterno, felizes com o pão e com o circo (futebol, novela das 8 e Bolsa-Família). Não leem revistas, jornais e tampouco sabem em quem votaram na última eleição...

Sinceramente, a vontade é de sumir deste lugar ou pegar em armas. Que democracia fajuta é essa?

José Aparecido Ribeiro jaribeirobh@gmail.com

Belo Horizonte

________

EFEITO ITAMAR

Parece que a morte do ex-presidente Itamar Franco serviu de exemplo para o afastamento e posterior demissão do ministro Alfredo Nascimento, como ocorrido com Henrique Hargreaves (este, comprovada a sua inocência, voltou ao cargo). Em oito anos de governo Lula nunca vimos o afastamento para uma completa investigação livre e sem influência, mas parece que as coisas estão mudando, espero que não seja mais uma ilusão.

Roberto Saraiva Romera robertosaraivabr@gmail.com

São Bernardo do Campo

________

SENADOR

Agora, sim! O tal PR - Partido da República (sic!), e que República, hein?! - pode anunciar em "horário gratuito e obrigatório" que esse tal Alfredo Nascimento é... se.na.dor! É que antes da sua exoneração do Ministério dos Transportes o tal PR o anunciava ministro e... senador! O PR omitia que ele era senador "licenciado"! E aqui, no Brasil, o sujeito ora é senador, ora é ministro, ou ora é ministro, ora é senador. Ou seja, perde-se um cargo para se preservar o outro cargo, e vice-versa. Que promiscuidade entre "Poderes", hein?! Numa República quem é parlamentar (Legislativo) e passa a ser ministro (de Estado!) deveria perder o mandato imediatamente. Essa malandragem de ora estar no Legislativo e ora estar no Executivo precisa acabar. P.S.? E DNIT significa Departamento Nacional de Inescrupulosas Transações.

Ney José Pereira neyjosepereira@yahoo.com.br

São Paulo

________

FAXINA GERAL

Mais um ministro, mais um político brasileiro é suspeito de desvio ilícito do dinheiro público. Alguns devem perguntar: por que isso se tornou rotina em nossa política? A resposta é fácil: pessoas desonestas, num âmbito propício, e o pior, a manutenção dos esquemas fraudulentos conduzidos pela impunidade que impera no País. Enquanto não houver punição explícita, severa e exemplar, a tendência é que o quadro só venha a piorar. Somente a ameaça de perder cargos públicos, ou impedir de disputar futuras eleições, já está provado que não intimida e tampouco resolve o problema, que já se tornou crônico. O País clama por faxina geral. A começar pelos mais obscuros corredores de Brasília até o alto escalão da política brasileira.

Filipe Luiz Ribeiro Sousa filipelrsousa@yahoo.com.br

São Carlos

________

TUDO EM FAMÍLIA

Pelo visto, o sr. Alfredo Nascimento era uma espécie de capo, pois tinha a família toda envolvida em falcatruas no Amazonas: mulher cuidando de pneus, nãos os provocados pela celulite, mas da frota pública; filho cuidando de obras com o Ministério dos Transportes, do qual o sr. Nascimento era titular; e assim por diante. Sem falar no amigo Valdemar Costa Neto, expert em coisas ilícitas dentro do campo político-partidário em comunhão com os caminhos do dinheiro público. Que não seja mais um caso que vá para a latrina da impunidade, pois o povo está cansado de ouvir denúncias e nada de punir os culpados. Pois este mesmo povo morre nas estradas mal conservadas, nos hospitais por falta de estrutura, nas filas da Previdência à espera de sua aposentadoria, à qual faz jus, e em outros caminhos tortuosos da burocracia e da corrupção já institucionalizadas nos corredores dos Ministérios e do Congresso Nacional.

Walter Francisco Barros walterfbarros@yahoo.com.br

Araçatuba

________

QUEIJO SUÍÇO

A corrupção grassa neste país tão descarada e impunemente que nos deixa perplexos. Assemelha-se a um queijo suíço, onde há brechas por todos os lados e os ratos fazem a festa. Sistematicamente se observam ocorrências em todos os níveis e em qualquer escalão, quer de governos municipal, estadual ou federal.

Escândalos com envolvimento de ministros, prefeitos, secretários e demais servidores públicos. Enriquecimentos patrimoniais inexplicáveis, em escalas geométricas e em tempos recordes. Assustador!

E quando a Nação espera providências mais enérgicas visando a coibir a farra com o dinheiro público, a base aliada do governo federal no Senado aprova o Projeto de Lei de Conversão (PLV) 17/2011, o questionável Regime Diferenciado de Contratação Pública (RDC) para as licitações e contratos visando à realização das Copas do Mundo 2014, das Confederações 2013 e da Olimpíada 2016. Mais um facilitador que certamente propiciará novos atos de corrupção. Para se ter uma ideia, o custo estimado só da Copa do Mundo (nesta terra de um futebol já decadente) chegará a R$ 100 bilhões, o dobro da previsão inicial, para deleite dos oportunistas de plantão. Reforma-se o que já foi reformado e a um custo elevadíssimo. Uma festança megalomaníaca, uma insensatez social, e tudo patrocinado com o dinheiro público!

Atentemos que na nossa História nem corrompidos nem corruptores, em especial - que são geralmente grandes e intocáveis empresas, muitas das quais que patrocinam campanhas políticas - são punidos. Brinca-se, zombasse, desdenhasse de um povo que já amarga as agruras do dia a dia, e seguem impunes. Raríssimos (se é que existem) os casos em que o corrupto devolve o dinheiro desviado, tem os seus bens confiscados ou é privado de liberdade.

J. Hildeberto Jamacaru de Aquino hildebertoaquino@yahoo.com.br

Russas (CE)

________

SINAIS PARTICULARES

Parabéns a Loredano pela charge na página A2 do Estadão de sexta-feira. Só faltou um galão de desinfetante para tirar o odor dessa podridão que infesta nosso país.

Elza Maria Carlorta de A. C. Pieri colyacpieri@uol.com.br

São Paulo

________

CAINDO NA REAL

Aos poucos a verdade vai aparecendo. Dilma reconhece os avanços e realizações do governo FHC, contrariando assim a ideia de herança maldita. Aos poucos também se percebe que as fantasiosas promessas eleitorais, como 6 mil creches e mais de 600 escolas técnicas, nunca sairão do papel, devido à herança recebida de seu padrinho Lula, tanto quanto às questões econômicas quanto, e principalmente, ao pesadíssimo fardo, dos "aliados e indicados", como Palocci e Nascimento.

Luiz Nusbaum lnusbaum@uol.com.br

São Paulo

________

RDC

Desde os tempos da construção das pirâmides do Egito, passando pela muralha da China e chegando aos dias de hoje, a corrupção sempre existiu. Dizem que é ilegal, entretanto tem sido bem tolerada. No Brasil, seus adeptos chegaram até mesmo a presidir altos escalões da República. Recentemente dois ministros do governo Dillma foram "exonerados" depois de denúncias da prática. Agora, a medida provisória que institui o Regime Diferenciado de Contratações (RDC) é a primeira tentativa do governo federal de legalizar a corrupção.

José Carlos Degaspare degaspare@uol.com.br

São Paulo

________

SEM MISÉRIA

Antes mesmo de ser lançado o programa de governo Brasil sem Miséria, já fazia sucesso quando o Congresso concedeu aumento de mais de 100% para eles próprios e a presidenta. Agora que foi assinado e já está valendo, parece que os Ministérios estão bastante envolvidos com programa e estão tirando a barriga e os filhos da miséria. A lei das licitações que foi aprovada será simplesmente o aperfeiçoamento do programa Brasil sem Miséria. E o povo? Bom, o povo "que se exploda"!

José Mendes josemendesca@ig.com.br

Votorantim

________

ABERTURA DA COPA

O ministro dos Esportes vem manifestando a intenção de sugerir aos organizadores da Copa do Mundo que o jogo de abertura seja realizado em Brasília. Tomara que se confirme, pois será um alívio para nós, paulistanos, não termos de pagar com o nosso dinheiro as obras de um estádio privado. Aliás, a capital paulista não precisa de eventos dessa natureza, uma vez que trará mais transtornos do que benefícios. Até que enfim alguém no âmbito federal estará nos auxiliando, e fica desde já a nossa gratidão ao ministro pela sua iniciativa.

Ademar Monteiro de Moraes ammoraes57@hotmail.com

São Paulo

________

ITAQUERÃO

Essa excrescência de concessão de incentivo fiscal para clubes de futebol à custa do suado contribuinte paulistano só significa uma coisa: Kassab quer de qualquer maneira se eleger - seja para o que for - com os votos dos corintianos.

Paulo Ribeiro de Carvalho Jr. paulorcc@uol.com.br

São Paulo

________

DESMANDOS DE UM PREFEITO

Quando Marta Suplicy saiu do governo da cidade de São Paulo, achei que tempos melhores viriam e eu não iria mais errar no meu voto para prefeito (visto que votei nela para o segundo turno em 2000). Ledo engano. As coisas até melhoraram um pouco na gestão de José Serra e, para não ser injusto, na primeira gestão de Gilberto Kassab. Entretanto, nesta segunda gestão Kassab (prefeito em quem votei e me arrependo amargamente hoje), só estou vendo absurdos ridículos e inomináveis.

Como é possível um prefeito "doar" R$ 420 milhões do nosso dinheiro para a construção do estádio do Corinthians, visto que esse dinheiro seria o necessário para reformarmos o Pacaembu para a Copa, algo que seria muito mais racional que construir um estádio novo, só para aparecer e retirar mais dinheiro dos cofres públicos. Sem contar o fato de que é um estádio central é muito mais bem localizado que o Itaquerão. E fora que esse dinheiro, se fosse utilizado para ajudar as empresas em dificuldades da cidade de São Paulo ou construir creches, escolas e hospitais, seria muito mais benéfico do que ajudar a construir um novo estádio (São Paulo já tem quatro estádios de médio e grande porte, mais que suficientes).

Outro absurdo do nosso prefeito é dar entrevista avaliando o governo dele com nota 10 e dizendo que temos a passagem de ônibus mais barata do Brasil. Isso é o tipo de politicagem barata que não se aceita mais nos dias de hoje. Todos os que andam de ônibus em São Paulo reclamam da qualidade do transporte (ônibus sujos, barulhentos, desconfortáveis, sem manutenção e com motoristas que mais parecem loucos). Vejo que ele não sabe avaliar o transporte público em São Paulo mesmo. Mas quem não sabe avaliar a nota do próprio governo não saberia avaliar o transporte.

Mais uma: ele basicamente criou uma série de problemas na Vila Mariana, destruindo todas as facilidades de trânsito do local, para construir um corredor a fim de impedir que as motos utilizassem a 23 de Maio. E até agora as motos continuam lá, causando uma série de acidentes e atrapalhando o trânsito. Se fosse para deixar como está, não seria necessário gastar esse monte de dinheiro fechando cruzamentos e invertendo a mão de ruas, bem como o corredor de ônibus que ele construiu na região, que leva de nada a lugar nenhum.

O sr. prefeito agora está com uma série de projetos mirabolantes, como um túnel para ligar a Roberto Marinho à Imigrantes, desalojando um monte de pessoas e gastando valores absurdos. Para quê? Seria mais útil melhorar as condições da Bandeirantes, ou utilizar esse dinheiro para recapear ruas (não tapar buracos, porque isso é porqueira e só piora as vias). E ele ainda quer construir mais um túnel ligando a Sena Madureira à Ricardo Jafet e à Vergueiro desnecessariamente, visto que se ele trabalhar melhor na sincronização de faróis consegue o mesmo resultado. E também os faróis de onde desembocaria esse túnel causariam o mesmo trânsito.

Para completar, ele definiu uma série de metas no início do mandato que não conseguiu nem conseguirá cumprir, e para se eximir disso disse que meta não é compromisso. Essa foi a pior desculpa já encontrada, ele deveria baixar a cabeça, pedir desculpas aos cidadãos e explicar por que não conseguiu cumprir, seria muito mais honroso e bonito de fazer.

É realmente complicado termos um político como esse. Afinal, parece que ele só quer mais é saber de fazer politicagem e criar partido com seus pares do que realmente administrar corretamente a cidade que ficou a seu encargo.

Ao menos posso agradecer por não confiar mais nesse senhor.

Marcelo de Araújo Aquino Gallo mgallosp@uol.com.br

São Paulo

________

VERGONHA!!!

Como cidadão brasileiro, fico triste, constrangido, envergonhado e com inveja quando leio em todos os jornais e revistas de negócios notícias como as seguintes:

1) China inaugura uma ferrovia de trem-bala com 1.300 km., ligando Xangai a Pequim. É um dos mais rápidos e modernos do mundo e demandou apenas três anos para ficar pronto.

2) China inaugura a maior ponte do mundo, que, ao todo, chega aos impressionantes 42 km. E o que é mais incrível ainda, sobre o mar. Construção que demandou apenas quatro anos para ficar pronta.

E nós, que tristeza, não conseguimos reformar um aeroportozinho, recapear uma rodoviazinha, construir um metrozinho, uma ferroviazinha, um hospitalzinho, um estadiozinho, uma escolinha decente. Como é que essa gente vem me falar em sediar uma Copa do Mundo, a Olimpíada?

Se fôssemos construir uma ferrovia de trem-bala daqui de São Paulo até a Bahia, que é mais ou menos a distância entre Pequim e Xangai, demoraria, no mínimo, uns 25 anos, se é que seria concluída!

Lembra da Transamazônica? Lá nos longínquos anos 70? Há quantos anos mesmo está em construção? 40? 45? Esquece!

Não vou nem falar no fiasco que foi a tentativa de construção da Ferrovia Madeira-Mamoré, de tristes recordações.

E se fôssemos construir uma ponte de 42 km? Demoraria quanto? 30, 40, 50 anos? Sem chance! Antes disso todo o dinheiro do Tesouro Nacional teria sido roubado, só para dizer o mínimo!

Se eu fosse uma autoridade fazendo parte desse governo, e lendo notícias desses países sérios com seus incríveis avanços, ficaria muito, mas muito constrangido!

E olha que não é por falta de dinheiro, tecnologia e mão de obra, não. É por absoluta falta de vergonha na cara.

Tenham todos um bom dia, se for possível

José Marques dos Santos seuqram.esoj@bol.com.br

São Paulo

________

PEDRA CANTADA

Estava na cara, apesar de o ministro Mantega afirmar não perder o sono. A inflação dos últimos 12 meses continua acima da meta de 4,5%, furando a banda de 2%. No momento o "termômetro" marca 6,71%. Por que não há nenhuma surpresa? Simples.

A inflação de junho de 2010, medida pelo IPCA, foi zero, que saiu do cômputo, dando lugar a um valor bem comportado de 0,15%, cujo efeito foi incrementar o valor acumulado. Como os IPCAs de julho e agosto 2010 foram respectivamente de 0,01% e 0,04%, é bem possível que permaneçamos acima do teto. A situação deverá melhorar a partir do último quadrimestre. Torçamos que os valores do IPCA nesses meses de 2011 sejam inferiores a 0,45%, 0,75%, 0,83% e 0,63%, o que em princípio pode não ser sonho. Mas precisamos "combinar com os russos", pelo menos para garantir um sono tranquilo ao nosso ministro.

Alexandru Solomon alex101243@gmail.com

São Paulo

________

POUPANÇA NEGATIVA

Coitado do poupador brasileiro, que não dispõe de um mecanismo capaz de protegê-lo quando a inflação supera a correção da caderneta de poupança.

Sergio S. de Oliveira marisanatali@netsite.com.br

Monte Santo de Minas (MG)

________

AÍ TEM TRUTA...

Alguém pode me explicar? A indústria farmacêutica, até alguns anos atrás, sob a alegação de que a matéria-prima importada era atrelada ao dólar, elevava os preços dos medicamentos. Desde algum tempo, mesmo com o dólar em queda livre, os preços dos medicamentos, com a cumplicidade governamental, são reajustados anualmente para mais, ao invés de para menos. O consumidor merece uma explicação convincente. Com tanta corrupção aflorando a cada momento dá pra imaginar que aí tem truta...

Humberto Schuwartz Soares hs-soares@uol.com.br

Vila Velha (ES)

________

AS AUDIÊNCIAS PÚBLICAS NA JUSTIÇA

Bastante ponderadas as colocações sobre as audiências públicas na Justiça, na edição de 7/7 pág. A3. Com efeito, a função do Judiciário é aplicar a lei e dizer o direito, devendo o juiz obedecer tão somente ao seu convencimento técnico-jurídico. Qualquer outra influência que não disser respeito à função jurisdicional em sentido estrito estará ferindo de morte o único Poder da República que não provém das urnas, mas sim das escolas de Direito. Um Poder técnico, portanto; jamais político.

Benedito Dantas Chiaradia bdantas@uol.com.br

São Paulo

________

STF E OPINIÃO PÚBLICA

O editorial do Estadão "As audiências públicas na Justiça" (7/7, A3) levanta um problema sério. Se as audiências públicas devem embasar os temas mais polêmicos, por que o STF decidiu ditatorialmente equiparar a união entre homossexuais com a união estável? Esse é um problema polêmico por excelência. E sem querer fazer trocadilho, suas excelências resolveram sem mais passar por cima da Constituição e do Congresso para atender os lobbies de esquerda. E a decisão sobre a Marcha da Maconha? E a opinião pública, se não gostou, que se dane! Essa é a democracia que temos.

Juan Antonio Arrozabal juanitoj@hotmail.com

São Paulo

________

A JUSTIÇA ENLOUQUECEU?

O Brasil vive um triste tempo à deriva na Justiça, infelizmente, tão atrelada à política aloprada dos tempos de hoje. É bizarro ver o comediante, profissional e nitidamente homem do bem, Rafinha Bastos, que entre outras coisas se apresenta no programa CQC, da TV Bandeirantes, ser atacado pelo Ministério Público. Uma promotora que quer aparecer por ele ser famoso cria um caso insinuando que ele teria cometido o crime de apologia ao crime, ao debochar de alguns casos de denúncia de estupro. É óbvio que isso foi uma brincadeira sem consequências. Mas diante de tantos assaltos que vi na semana, a primeira é que a Justiça, seguindo pedido do governo, não prende mais ninguém que assalta, basta assaltar mais e arranjar o dinheiro da fiança. E agora vêm essas figuras querendo "fama" e ficam caçando deslizes para ter seu nome mencionado... Deveriam responder, sim, esses acusadores de pessoas honestas, que obrigam o artista perder tempo, dinheiro e ainda ficar mal visto por quem não entende a politicagem torpe. Ora, vão trabalhar, ao invés de perturbar a ordem ou denunciar bandido de verdade.

Roberto Moreira Da Silva rrobertoms@uol.com.br

Cotia

________

LIBERDADE DE EXPRESSÃO

A liberdade de expressão, matéria pouco aceita pelos políticos e pelos corredores da Justiça, é o que denota a proibição que a Justiça impõe ao Estadão, que apenas está querendo mostrar as falcatruas em que está metido o filho do ex-presidente e senador José Sarney, o últimos do chefões e coronéis da política brasileira, mas que ainda assim tem poder suficiente para tanto.

Marcos Barbosa micabarbosa@gmail.com

Casa Branca

________

O SENTIDO DO RIDÍCULO

A maioria das pessoas sabe quais são os cinco sentidos. Alguns acreditam também no sexto sentido. Vinicius de Morais disse que o amor não é ilusão, é o sexto sentido da paixão. Quem sobe o morro para entrar na favela usa todos os sentidos para se defender dos ultrajes a uma condição de vida miserável, mas quando levanta os olhos ao céu encontra, milagre da tecnologia moderna, moderníssimos teleféricos dignos de Aspen, Saint Moritz, Cortina D"Ampezzo, e nesse mesmo instante descobre o sentido do ridículo. Sabemos que do ridículo para o sublime é necessário somente um pequeno passo e por isso é possível estar próxima a inauguração de pistas de esqui nos morros cariocas. Para consolo dos urbanizadores dos morros lembramos uma frase de Marilyn Monroe: A imperfeição é bela, a loucura é genial e é melhor ser absolutamente ridículo que absolutamente chato.

Franco Magrini framagr@ig.com.br

Cachoeira Paulista

________

BIN LIGHT

Bin Light aterroriza o Rio de Janeiro com seus mais de mil bueiros-bomba! A Aneel nem comparece à reunião com a prefeitura carioca para pressionar a Light a identificar seus bueiros-bomba! A população segue em pânico, crianças não querem sair às ruas em Copacabana, Leblon e Ipanema.

Cecilia Miklos Dale ceciliamdale@hotmail.com

São Paulo

________

QUEIMA DA CANA E POLUIÇÃO

A poluição causada pela queima da cana-de-açúcar na cidade de Birigui (SP) é 5 vezes pior do que na cidade de São Paulo, mas daqui a três anos isso vai acabar. Claro quem viver verá, ou verá quem sobreviver. Por que não acabar com essa insanidade já? Todos querem ir ter vida boa no interior, mas essa cidade deve estar sofrendo, e muito.

Antonio Jose G. Marques anjogoma@yahoo.com.br

Rio de Janeiro

________

MÁ GESTÃO

Lamentável a trajetória da gestão de Juvenal Juvêncio no Tricolor Paulista. Nem títulos, nem jogadores de nível, nem técnicos estáveis. A torcida tricampeã do mundo começa a desistir de torcer, perde a esperança de novas alegrias e não vê segurança nas ações infrutíferas que representam este período tão fraco de uma diretoria. Parece, mesmo, que aquela união de esforços que tanto incomodaram os rivais no passado foi comprometida, se não destruída.

Para um clube que conquistou o tricampeonato da Libertadores em apenas 13 anos, em vez de 50, e ainda sem contar com um Pelé e um Neymar, o SPFC merece mais, muito mais acerto, responsabilidade e resultados.

Ronaldo Parisi rparisi@uol.com.br

São Paulo

________

REINACH

Relação tamanho dos dedos-tamanho do pênis Como diria o Ibrahim, essa pesquisa é "hors concour" para o IGNOBEL. Ganha fácil em Medicina, Estatística, Biologia, Antropologia...

Milton Akira Kiyotani miltonak@gmail.com

São Paulo

________

CUMPRIMENTO AOS COLABORADORES

Tenho acompanhado com certa frequência o Fórum dos Leitores e é com muita tranquilidade que asseguro ser prazeroso participar de um espaço que faculta a liberdade de expressão e o estímulo à reflexão.

No geral, o Fórum costuma ser muito bem nutrido pelos não poucos colaboradores, como os srs.

Panayotis Pouluis, Angelo Tonelli, Izabel Avallone, Laert Pinto Barbosa, Laércio Zannini e outros nomes que me fogem à memória, mas que seguramente também são importantes para este espaço, assim como para a própria opinião pública.

Sendo assim, faço questão de cumprimentar não só a equipe deste Fórum como também os colaboradores que cada vez mais aprecio, não só pela inteligência e palavras tão bem deliberadas, mas principalmente pela coragem de registrar publicamente o que consequentemente incomoda os inseguros e/ou desclassificados, os quais com certeza detestam ser citados em espaços como este, principalmente quando se trata de pessoas esclarecidas e que sabem muito bem como enquadrar, por meio de palavras, os deslizes encontrados nas mais diversas esferas de contextos sempre tão bem explorados.

Pierre Magalhães pierre.magalhaes@ibest.com.br

São Bernardo do Campo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.