Cartas - 13/09/2011

CARGA TRIBUTÁRIA

, O Estado de S.Paulo

13 Setembro 2011 | 00h00

Na contramão

Dados do painel do Impostômetro apontam que o valor arrecadado até hoje já atingiu R$ 1 trilhão, e ainda estamos na primeira quinzena de setembro. É evidente que até o fim do ano esse volume aumentará significativamente. Entretanto, segundo notícia publicada pelo Estado (11/9, B6), o Brasil perdeu 20 posições no ranking de infraestrutura do Fórum Econômico. Em termos de competitividade, caminhamos timidamente, a passos lerdos, resultando como consequência carências significativas no que tange a rodovias, ferrovias e portos. Como pode um país crescer com esses entraves de monta que truncam o nosso desenvolvimento? Recursos não faltam para minimizar essa anomalia, como aponta o painel acima descrito. Na verdade, o que este país precisa mesmo é de planejamento com competência e de políticas severas de combate à corrupção, endemia que faz história na pátria brasileira.

FRANCISCO ZARDETTO

fzardetto@uol.com.br

São Paulo

_______

Corrupção e saúde

Se todo o dinheiro público surrupiado e canalizado para a corrupção (nos cálculos da Fiesp, de R$ 41 bilhões a R$ 69 bilhões por ano) mais os quebrados de devolução conseguidos nas condenações da Justiça nos processos de corrupção (vários milhões) fossem encaminhados para a saúde, com seriedade e controle, estaria resolvida a falta de recursos tão propalada! Nada de novos impostos! Para quê? Para desviarem mais e mais, sempre mais?

M. LUIZA AMARAL DE OLIVEIRA

mla2645@yahoo.com.br

São Paulo

_______

É preciso arrecadar mais?

Particularmente, acho que é preciso roubar menos, gastar melhor e ler mais. Afinal, há vasta publicação mostrando que o brasileiro paga mais imposto que qualquer país do Primeiro Mundo.

MANOEL MENDES DE BRITO

voni.brito@itelefonica.com.br

Bertioga

_______

ENCHENTES

Em Santa Catarina

Calamidade pública em Santa Catarina e o governo federal destina só R$ 30 milhões para ajudar. Para a Copa do Mundo de Futebol e a Olimpíada vão bilhões! Esse é o nosso governo federal... Parece o Império Romano: pão e circo para o povo. Vamos continuar com os movimentos contra a corrupção, já passou da hora.

EVERARDO MIQUELIN

everardo.miquelin@ig.com.br

São Paulo

_______

Dolo

As novas atribulações dos habitantes de Itajaí não podem mais ser atribuídas somente ao clima. Após a enchente de 2008 apresentei um projeto de alívio da calha do Baixo Itajaí-Açu a três instâncias governamentais do Estado de Santa Catarina, entre as quais o gabinete do então governador Luiz Henrique da Silveira. Lamentavelmente, não recebi nenhuma resposta. Os fatos falam por si. Novamente a região de Itajaí ficou debaixo de água, só que agora de forma dolosa, pela total omissão dos políticos de plantão. O projeto continua à disposição dos catarinenses.

GEERT J. PRANGE, engenheiro naval, consultor de dragagem

prange@sul.com.br

Paranaguá(PR)

_______

Lembranças

"O superintendente do Porto de Itajaí, Antonio Ayres dos Santos Júnior, recebeu em 2010 a Comissão de Estudos Preparatórios da Agência de Cooperação Internacional do Japão (Japan International Cooperation Agency - Jica), que está desenvolvendo projeto para contenção de cheias na Bacia do Rio Itajaí-Açu. Na pauta a busca de subsídios para a elaboração dos primeiros estudos, que deverão estar concluídos até o final do ano. O especialista em gestão de bacia hidrográfica e chefe da equipe, Minoru Ouchi, explica que os técnicos do Jica estão visitando todos os municípios da Bacia que foram atingidos pelas enchentes de 2008. "Com base nos subsídios colhidos nestes locais, será elaborado o masterplan que vai definir as ações a serem implementadas", informa Ouchi. Segundo o especialista, após essa etapa serão elaborados os estudos de viabilidade técnica e econômica, com prazo de conclusão em julho de 2011. "O foco serão três projetos para Itajaí, que englobarão serviços de prevenção e contenção de enchentes a montante do porto, de drenagem e também ações para evitar cheias no Rio Itajaí-Mirim", acrescenta." E até hoje... NADA!

SERGIO S. DE OLIVEIRA

marisanatali@netsite.com.br

Monte Santo de Minas (MG)

_______

PODER JUDICIÁRIO

Ação mais antiga

Assinante do Estadão há mais de 30 anos, li com prazer o editorial - como sempre, muito bom - A ação mais antiga do Supremo (11/9, A3). Tenho, porém, de fazer um reparo: minha família tem uma ação contra a União cobrando a indenização pela desapropriação da área onde foi construído o aeroporto de Vitória (ES). Essa ação, que está no Supremo, foi proposta desde 1948 e até hoje nada foi pago aos legítimos proprietários.

ACHILLE APREA

newplay1@terra.com.br

Vitória

_______

Justiça injusta

Que barbaridade, o processo mais antigo à espera de decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) completou 52 anos! A Justiça vem capengando há quase um século. Nada do que vem sendo feito ameniza o trabalho dos abnegados juízes que se debruçam sobre processos e ainda precisam cumprir metas, em início de carreira. Verdadeiros peões da Justiça. O trabalho é insano e interminável. Também, depois de tantas brechas nas leis, fica aquela sensação de impunidade, que o cidadão brasileiro não se cansa de ver. A polícia prende e a Justiça solta. Assim não há cristão que dê conta de tantos processos. Se o cidadão perde, recorre. Se ganha, a outra parte recorre. E a novela não tem fim. Isso sem contar com a bondade de alguns que, quando querem ganhar tempo, pedem vista do processo.

LUCIANA LINS

lucianavlins@gmail.com

Campinas

_______

Mensalão

Será que o julgamento do mensalão também vai demorar 52 anos, como outros processos que mofam no STF? Se a população deixar, com certeza - e, principalmente, com a bênção e as artimanhas de toda a "quadrilha", que faz das tripas coração para ficar no poder outros tantos!

BEATRIZ CAMPOS

beatriz.campos@uol.com.br

São Paulo

_______

"Se a CPMF não conseguiu, não é criando outro imposto que se vai tirar a saúde da UTI"

FILIPE LUIZ RIBEIRO SOUSA / SÃO CARLOS, SOBRE A AMEAÇA DE AUMENTO DA CARGA TRIBUTÁRIA

filipelrsousa@yahoo.com.br

"Cuidado, Marcos Valério, podem fazer com você o que fizeram com Celso Daniel e Toninho do PT!"

FABIO FIGUEIREDO / SÃO PAULO, SOBRE O MENSALÃO

fafig3@terra.com.br

_______

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 1.322

TEMA DO DIA

Edir Macedo é denunciado pelo MPF

Acusações contra líder da Igreja Universal incluem lavagem de dinheiro e formação de quadrilha

"Se o MPF denunciou é porque as provas são irrefutáveis, por isso a demora na apresentação da denúncia."

TONETTO BÓZZ DELONI

"É triste ver pessoas que se dizem evangélicas sujarem a imagem de um povo que verdadeiramente é fiel."

ETORE MENEGATTO

"Lamento apenas pelas pobres almas iludidas por uma falsa igreja. Os responsáveis precisam ser detidos."

CRISTIANA DOURADO

_______

Cartas enviadas ao fórum dos leitores, selecionadas para o estadão.com.br

NA CRISTA DO MENSALÃO

Enquanto o prazo para o Supremo Tribunal Federal (STF) julgar os quadrilheiros do mensalão se afunila e a sociedade exige resposta, Marcos Valério, que é um dos réus abandonados pelo PT, insiste que Lula foi o maior beneficiado dessa corrupção ocorrida em seu governo e que também deveria ser investigado. O que não deixa de ter razão. Já José Dirceu, Delúbio Soares e muitos outros camaradas do petismo que participaram ativamente dos desvios de recursos públicos do citado episódio não colocam a boca no mundo, como o Valério faz, porque o partido lhes dá aconchego e livre trânsito para se candidatarem a novos pleitos e negociatas, como é o caso cristalino do Zé... Essas passeatas contra a corrupção que ocorreram em 7 de Setembro deveriam ter endereço certo, como o "fora Lula", porque ele foi e continua sendo o pai dessa esbórnia!

Paulo Panossian paulopanossian@hotmail.com

São Carlos

_______

''MUY AMIGO''

"Jamais abandono um amigo pelo caminho". Lulla esqueceu, mas Jefferson e Valério andam morrendo de saudades.

A. Fernandes standyball@hotmail.com

São Paulo

_______

QUANDO AS QUADRILHAS DIVERGEM

As razões finais de Marcos Valério compõem uma peremptória confissão (a rainha das provas). Só não o aproveita, posto que em direito penal não há compensação de culpas; todos respondem. O problema é que o principal beneficiário do "mensalão", o ex-presidente Lula, nem sequer foi investigado. Sobra a condenação de um e a impunidade do outro. Já o argumento de Dirceu de que falta lógica à acusação, é que tem característica de falácia. Ainda que da base aliada, os ilustres parlamentares envolvidos são acusados de não ter recusado um estímulo financeiro.

Amadeu R. Garrido de Paula amadeugarridoadv@uol.com.br

São Paulo

_______

NOME AOS BOIS

Valério cobra investigação sobre Lula (Estadão, 9/11, A6). Afirmando ser relevante a apuração das "condutas dos interessados (o boquirroto-mor e chefe da maior quadrilha do Brasil, seus comparsas ministros e seus partidários trambiqueiros) no suporte político" (sofisma para mensalão), Valério, enfim, dá nome aos bois. Aleluia! Que a justiça agora se pronuncie. Cana neles.

Renato Otto Ortlepp renatotto@hotmail.com

São Paulo

_______

CABRAS MACHOS, APAREÇAM!

Roberto Jefferson abriu a verdade e disse que Lula era o Ali Babá. Marcos Valério para livrar sua cara diz com a maior "cara de pau" nunca ter havido o "mensalão", mas se contradiz e estranha a ausência de Lula no processo como o principal mentor. Onde estão os "cabras machos" para desmascarar o poderoso "chefão"? Será que os mais de 40 ladrões são todos "cumpanheiros" ou aliados?

José Alberto de Paiva alpai12@yahoo.com.br

São Paulo

_______

MENSALÃO

Ninguém melhor que Marcos Valério para estranhar a ausência de Lula na ação do mensalão. Claro que

Valério não pode se esquivar de ter sido um dos pivôs do caso. Só que, trocando em miúdos, ele acabou sendo o maior bode expiatório dessa imundície toda, cognominada mensalão, sendo que os maiores tubarões acabarão sendo poupados, como sempre. E o Lula, será que não se toca que é indecente querer negar a existência daquilo em aconteceu sob as suas barbas, sob a batuta do eminência parda chamado José Dirceu?

Conrado de Paulo conrado.paulo@uol.com.br

Bragança Paulista

_______

RECADO AO STF

Ilmo. ministro Joaquim Barbosa: o Sr. Marcos Valério, operador do mensalão, resolveu falar. Não pretende carregar em suas costas toda a culpa. É chegada a hora de levar às barras da Justiça os verdadeiros culpados.

José Marques seuqram.esoj@bol.com.br

São Paulo

_______

UFA!

Com o STF e o MP agradados pela bagatela de R$ 7 bilhões (o custo do seu aumento de salário), o governo pode relaxar. Continua tudo dominado!

Maria Cristina Rocha Azevedo crisrochazevedo@hotmail.com

Florianópolis

_______

BEM PENSADO

Quando se perde o respeito pela verdade, nem que seja um pouco, tudo se torna duvidoso (Sto. Agostinho).

Lourdes Migliavacca lourdesmigliavacca@yahoo.com

São Paulo

_______

STF E DEFESA DA DEMOCRACIA

De fato, a frouxidão do PT em apurar os escândalos ou impedir qualquer resultado prático das CPIs é um câncer moral que afronta a dignidade do povo, compromete o Estado Democrático de Direito e seu desmedido assistencialismo pode criar mendigos institucionais.

Cesemayre Sousa de Oliveira ceseoliveira@ig.com.br

São Paulo

_______

DILMA NO ''FANTÁSTICO''

Dilma declarou no Fantástico (Rede Globo), em entrevista, que não pratica o "toma lá dá cá", e que só dá alguma coisa quando quer.....uma balela, a faxina terminou por pressão de Lula, com medo de perder mais gente na base aliada. Declarou ainda que não se sente refém de aliados, outra inverdade, pois se não atender a essa "base" acabará perdendo o seu apoio. Reféns estamos nós, desses governos petistas, que só estão trazendo maior carga de impostos a todos mas nunca apresentam um bom resultado com tanta arrecadação. Sabemos que em 8 anos os custos com o funcionalismo aumentou quase 140%, que os "marajás" continuam recebendo acima do teto, que as despesas com deputados e senadores aumentaram uma barbaridade. E sabemos que Dilma fez parte do governo Lula (que indiretamente ainda governa), e que, embora queira mostrar independência, ainda está refém do PT e dos demais partidos que a apoiam. Só não vê quem não quer.

Carlos E. Barros Rodrigues ceb.rodrigues@hotmail.com

São Paulo

_______

QUEM FISCALIZA?

"Não faço política do toma lá da cá", diz a nossa presidente em entrevista. Na realidade ela nomeia, oferece (dá) o cargo para depois cobrar o retorno (toma), é tudo uma questão de palavras. Nenhum dos corruPTos confirmados teve os seus bens bloqueados e muito menos devolveu parte ou o total do que "roubou" do erário, por quê? É por isso que a "faxina" nunca foi meta do atual (des)governo do PT e aliados? Os movimentos populares contra a "corrupção" estão apenas começando e tendem a crescer...União, Estados e Municípios que comecem a se mexer, enquanto é tempo, para acabar de vez com a "roubalheira". A quem cabe fiscalizar, apurar e punir os responsáveis?

Luiz Dias lfd.silva@uol.com.br

São Paulo

_______

MUITO ALÉM DO JARDIM

Se o neto da presidente Dilma (Não faço política de toma lá dá cá, 12/9) tivesse nascido quando ela começou sua participação no governo petista ele já estaria com 8 anos e 8 meses. É longa a vivência da "presidenta" com a corrupção. Acredito que sua "faxina" seria muito mais crível não só com seu ministério, mas se ela deixasse de falar em trem-bala e de pôr dinheiro público em infalíveis elefantes brancos, como a maioria dos estádios da Copa de 2014, na ridícula bolsa reclusão, maior que o mínimo, e outros mimos populistas. Pobre República. Começou com um marechal esclerosado e continua do jeito que todos sabemos.

Roberto Rios rios.roberto@bol.com.br

São Paulo

_______

PAPÉIS TROCADOS

Na entrevista de domingo no Fantástico, a Patricia Poeta poderia ter encurralado a Dilma várias vezes. Se não o fez, foi, ou porque doutrinada a não fazê-lo pela Globo ou por ignorância do cotidiano como repórter. Agora, na firmeza das perguntas e no olhar firme da repórter, séria, objetiva e direta, a impressão causada é a de que os papéis estariam ótimos se fosse o contrário: Dilma repórter e Patricia Poeta presidente. Acho que as coisas seriam bem melhores. Para todos nós, brasileiros.

Regina Ulhôa Cintra reginaulhoa@uol.com.br

São Paulo

_______

PROGRAMA ERRADO

Muito pobre em termos de conteúdo a entrevista concedida por Dilma ao Fantástico. Boa parte da mesma gasta em assuntos triviais, com pouca política como deveria ser uma entrevista feita com a presidente da Republica, e sem abordar, com os questionamentos devidos, os temas do momento que são a corrupção disseminada nos órgãos do governo e a volta da CPMF, apesar da promessa de campanha dela de que não aprovaria essa volta. Ficaria bem melhor no programa da Ana Maria Braga, e num horário que só as donas de casa conseguem assistir à TV.

Ronaldo Gomes Ferraz ronferraz@globo.com

Rio de Janeiro

_______

ROUBALHEIRA IMPUNE

Há décadas se constata que milhões somem aqui, outros tantos ali, outros milhares acolá; bilhões são desviados; milhares de "servidores" e políticos mamam descarada e impunemente nas fartas tetas da Nação. Saúde, educação, segurança pública e infraestrutura falidas. Esse o retrato do Brasil. E querem criar novo imposto? Se criarem será justo e necessário que o soneguemos. Basta de encher a "burra" de desonestos. Roubam e nada, nada acontece. Ninguém é preso. Nenhum centavo é recuperado ou devolvido (por onde anda a chamada Justiça reparatória?). Confiram, é ladroagem de colarinho branco, de milhares de "caras de pau", principalmente no poder central, que para lá foram levados e remunerados para cumprirem função pública, em benefício do povo. Muitos posam de brasileiros honestos e respeitáveis. Outros tantos nem isso! São, na verdade, bandidos disfarçados com o mais cruel e covarde dos escudos, exatamente o da função pública. E, pior, estão servindo de exemplo para o resto da sociedade. Basta ver as estatísticas. Qual outra alternativa se não a de apeá-los do "pudê"? Já passou da hora. Caras-pintadas, precisamos voltar às ruas!

Daniel Giácomo Fiorotti

São Caetano do Sul

_______

CIVISMO E MODISMO

Comparar as manifestações do dia Sete de Setembro em todo o Brasil, ainda que pequenas e isoladas com o movimento "caras pintadas", é no mínimo desconhecer o que é civismo. Na época, orquestrado pelo PT e outros partidos comunistas, o povo foi manipulado e a sua maioria, jovens estudantes, foi usada pelos políticos na manifestação para desestabilizar o presidente Collor, que depois foi cassado. Em nenhum momento o povo tomou a iniciativa, só os partidos políticos interessados em aumentar suas bases foram beneficiados, e Collor caiu porque não teve a brilhante ideia de instituir o mensalão. Fica um alerta ao povo brasileiro: nunca, nenhum partido político de direita, esquerda ou muito pelo contrário vai convocar manifestação cujos beneficiários são os próprios manifestantes. No dia em que os brasileiros conseguirem intimidar os políticos tomando atitudes por amor à Pátria, começarão a ganhar a guerra contra os corruptos e ladrões, que só têm medo das urnas, pois é lá que será depositado seu ganha-pão, que é o nosso voto. O Brasil acordou!

Luiz Ress Erdei gzero@zipmail.com.br

Osasco

_______

O CORRUPTADO É MERCADORIA ADQUIRIDA PELO CORRUPTOR

É incrível o número de leitores que se manifestam revoltados com a onda de denuncias de corrupção por parte de políticos e agentes públicos bem como com o corporativismo de membros do legislativo ao inocentarem corruptos. Poucos, porém, atentam não estarem identificando corretamente o alvo de sua ira, qual seja o corruptor, já que o corrupto é apenas e tão somente a mercadoria comprada pelo corruptor. Pouquíssimos devem conhecer o Anticorrupt Act há muito sancionado nos Estados Unidos, que define, inclusive, praticas por administrador de empresa consideradas corruptoras, bem como as penalidades aplicadas ao infrator. Enquanto a Sociedade não pleitear legislação semelhante, para penalizai o corruptor, sempre haverá corruptos já que, como se afirma, a carne é fraca. Se houver legislação penalizando a administração da empresa que praticar atos corruptores, e se ela obrigar o corruptor a nomear o corruptado, e o valor da "transação", a luta para minimizar esse tipo de contravenção tornar-se-ia muito mais fácil. Ai está uma situação contemporânea que justificaria uma Medida Provisória criando o Anticorrupt Act tupiniquim, estabelecendo nossa concepção ética e legal de atos corruptores por parte de empresários aéticos, quando não criminosos, bem como as correspondentes penalidade aos infratores. Para concluir, vale relembrar que tanto um presidente como um ministro da justiça já terem se manifestado sobre a "normalidade" do Caixa 2 para justificar irregularidades cometidas por políticos e ministros, sem pejo em estarem reconhecendo a existência de um ato criminoso, tal como desvio de patrimônio empresarial (roubo, apropriação indébita), contrariando seu voto de respeitar a constituição quando da posse.

Paulo A. Santi pasanti@terra.com.br

São Paulo

_______

AUSÊNCIAS NO PALANQUE

As ausências, no palanque de 7 de Setembro, em Brasília, dos comandantes militares e do vice-presidente constituíram quebras de tradições antiquíssimas. Explica a assessoria do Planalto que "os comandante militares não são mais ministros". Tudo bem. Conclui-se, então, que a filha da presidente o é. Resta definir a pasta que ocupa. Quanto ao vice, diz-se que estava descansando (de quê?) no Nordeste, na casa de um Congressista. Caso estivesse em Brasília, teria comparecido, acompanhado de sua esposa (também é ministra?), que se postaria a poucos metros da presidente. A última vez em que isso ocorreu foi na posse de Dilma, quando a imprensa que Zé Dirceu quer calar espalhou pelo mundo a imagem da jovem "segunda-dama". Talvez tenha sido mesmo mais conveniente que ela, desta vez, tenha ficado a 2.000 km do palanque. Freud (o vienense, não o ex-segurança) explica.

Gil Cordeiro Dias Ferreira gil.ferreira@globo.com

Rio de Janeiro

_______

CORRUPÇÃO NO GOVERNO LULA

Duas reportagens na mesma página, Valério cobra investigação sobre Lula e Embaixador vê corrupção na gestão passada. Na primeira, uma atitude recorrente que só a Justiça se nega a verificar. Roberto Jefferson, agora Marcos Valério se defendendo sob a justificativa que o maior beneficiário do "mensalão" se safou. Aqui a falha desta oposição tíbia, que ao tempo correto pretendeu ser grande estrategista, deixando Lula de lado, pois entendiam que nas eleições seguintes o Lula seria devidamente julgado. Deu no que deu, mais quatro anos de mandato para o Ali Babá. Na segunda, uma vergonha que corresponde a real visão que o mundo exterior tem do Brasil, que é de um país com corrupção generalizada nos Três Poderes, e uma Justiça injusta, tíbia e inoperante. Ou não é isso que se tira do parágrafo abaixo?

Para Shannon, "polícia, procuradores e juízes precisam de treinamento adicional" no Brasil. "Procuradores e juízes, em especial, precisam de treinamento básico para ajudá-los a caminhar em direção a um sistema acusatório mais eficiente", escreveu. A defesa do Lula, se vier a ocorrer, será pelo caminho de que os loiros de olhos azuis sempre o atacam e não têm competência para criticá-lo. Como se o grosso dos gaúchos, catarinenses e paranaenses não fosse também brasileiro, e evidenciando que ele, sim, é um preconceituoso e discriminador. E enquanto isso a nossa Justiça vai esperar de corruptos recibos dos valores recebidos e/ou confissões assinadas. O próprio Estado é vítima dessa situação, diante da operação "Boi Barrica", mas o próprio Estado sai na defesa desta gentalha que se apodera de cargos, posições funcionais e poder, para dar curso aos seus inconfessáveis projetos. Sigilo de Paulo Okamoto preservado, Celso Daniel assassinado (e irmãos exilados, além da viúva ministra do atual governo) sem culpados, Toninho do PT e Campinas assassinado sem culpados (e a sua pobre viúva até hoje pretendendo esclarecimento do caso), fortuna de Antonio Palocci não claramente averiguada, são alguns poucos casos, dos muitos que o PT e o atual status quo da política nacional, ai claramente incluídas as inoperâncias de nossas polícias e Justiça deixam à mostra como comprovação da leniência com o crime organizado.

Temos que ter uma reformulação de nossa Justiça, ou não sairemos deste caminho nada esperançoso.

Abel Cabral abelcabral@uol.com.br

Campinas

_______

ASSANGE DESCORTINA A CORRUPÇÃO DE LULA

Então o Lula caiu na malha fina do WikiLeaks! É lixo cibernético para todos os lados! Cuidado, Assange e embaixador dos EUA, a turma do PT vai colocar uma mordaça em vocês!

Mara Fonseca Chiarelli mara.chiarelli@ig.com.br

Mogi Guaçu

_______

COVARDIA

O ex-embaixador dos EUA no Brasil, Thomas Shannon, declarou a quem queira saber, que o Lula, ex-presidente do Brasil é o maior corrupto de todos os tempos na história do País. Reforça essa declaração o Sr. Marcos Valério, resolveu dar nome aos bois, para não levar a culpa sozinho junto a opinião pública. Esperamos agora que os brasileiros menos avisados saibam que "o cara" é o chefe dessa quadrilha de assaltantes do dinheiro público do povo.

E os senhores orgulhosos e arrogantes, Ministros, cotados o STF estão calados por quê? É covardia!

Edward Brunieri patricia@epimaster.com.br

São Paulo

_______

EMBAIXADA AMERICANA NA MIRA DA CENSURA

Carta da diplomacia americana escrita há um ano e meio pelo embaixador dos Estados Unidos no Brasil, Thomas Shannon ao procurador-geral, Eric Holder revela dados que toda população brasileira alfabetizada já sabia. Na carta dizia-se que a corrupção no governo de Luiz Inácio Lula da Silva era "generalizada e persistente" e atingia os três Poderes. Muito bem, agora que o assunto foi divulgado a imprensa americana corre um sério risco de ser censurada pelo PT, pois o partido não suporta que a mídia faça ilações a respeito do governo do homem que em oito anos de governo não sabia de nada nem tem escrúpulos. Basta ver a serie de denúncias que estão sendo descobertas nos ministérios. Temos um percentual bastante significativo de analfabetos que acreditam em Papai Noel ainda.

Izabel Avallone izabelavallone@gmail.com

São Paulo

_______

MORDAÇA PETISTA

A imoral proposta surgida no 4°Congresso da quadrilha petista com a finalidade de regulamentar a mídia ("democratização", na novilíngua dos corruptos de plantão) não passa de uma tentativa de acobertar os desmandos do governo, principalmente os ocorridos durante o mandato do apedeuta. Afinal ele tentará voltar a ser presidente e se vier à tona a podridão ocorrida em seus oito anos de reinado, o sonho vai para o espaço. Isso justifica sua posição de ambiguidade sempre demonstrada com relação ao tema. A cada denúncia que é feita pelo jornalismo investigativo surge uma onda de indignação entre os ladrões do erário. Afinal eles se acham no direito de roubar sem serem incomodados. Foi graças ao quarto poder (imprensa) que os ratos Palocci e Nascimento foram postos fora de ação. Vão ficar algum tempo sem a chave do cofre, só gastando o produto do roubo, isso porque a nossa Justiça é uma vergonha, está a serviço do Executivo e só condena ladrões de galinha.

Humberto de Luna Freire Filho hlffilho@gmail.com

São Paulo

_______

PT X MÍDIA

Por que me odeias tanto se eu nunca te ajudei? Esse antigo ditado resume o relacionamento do PT com a imprensa em geral hoje em dia, sendo que o primeiro insiste tanto no tal do controle midiático, demonstrando puro ódio por uma imprensa livre. Será que sem a "ajuda" da mídia tanto o PT quanto Lula existiriam atualmente?

Albert Henry Hornett hornettalbert@hotmail.com

São Paulo

_______

MARCO REGULATÓRIO DA MÍDIA

O PT, partido dos trânsfugas (perdão aos trabalhadores), em proposta aprovada durante o seu 4° Congresso, decidiu que o controle da mídia (para não dizer censura), mas com o nome pomposo de marco regulatório da mídia, uma criminosa metáfora, seja praticado pelo governo, para impedir que os meios de comunicações noticiem as frequentes falcatruas que enojam e corrompem, principalmente, os Poderes Legislativo e Executivo desta infeliz República. Mas, num gesto de total e patriótica demonstração de independência e de estadista, a presidente Dilma, coerente com que sempre afirmou em sua campanha, dá-nos a esperança de que nem tudo está perdido em nosso país. Dilma está cumprindo o provérbio: "verbum emissum non redit" (a palavra proferida não volta).

Antonio Brandileone abrandileone@uol.com.br

Assis

_______

CENSURA

Mais uma vez tenta o PT calar a mídia, sob o manto de "controle social da informação" ou "democratização da informação". Qualquer tipo de controle confunde plenamente com "censura". A mídia de qualquer país é a guardiã da democracia e é por isso que os principais líderes do PT tanto admiram a "democracia" de Cuba e da Venezuela, onde a mídia está calada pelas baionetas do poder. A nossa presidenta pretende separar o partido do governo, porém há que se considerar que ela faz parte do partido e daí ela é corresponsável por seus atos, quer quando o PT auxilia o seu governo ou, como neste caso, prejudicando-o. Como, nos últimos tempos, não podemos confiar nos Poderes da República, especialmente no Legislativo, cuja maioria de seus membros está atolada de lama até o pescoço, só nos resta a mídia que nos alerta diariamente sobre as falcatruas de nossos políticos, que certamente usarão de todos os meios para silenciá-la. Vamos lutar com todas as nossas forças para que isso jamais ocorra.

Roberto Luiz Pinto e Silva rlpsadv@terra.com.br

São Paulo

_______

LIBERDADE

Não apenas com respeito à pretensão de "controle social" da mídia, hoje escandalosamente defendido pelo PT com unhas e dentes, faz bem ao sistema imunológico brasileiro reler o trecho do poema de Eduardo Alves da Costa que, à esquerda da ocasião, serviu de bandeira no movimento contra a ditadura militar, nos idos de 1970, dadas as similaridades com as atuais circunstâncias. A mídia é e continuará sendo nossa voz, quando não nossos olhos, ouvidos e olfato (ainda há muito a farejar, ver e ouvir!) e que ninguém com mínima astúcia acredite nessa conversa fiada de faxina, que só foi esboçada pela "Dona" Dilma por conta do trabalho valoroso de nossos meios de comunicação. Sabemos todos que caíram algumas cabeças, mas elas continuam funcionando por detrás dos malditos corpos, que se mantém de pé. No caminho com Maiakóvski: "[...] Na primeira noite eles se aproximam e roubam uma flor do nosso jardim. E não dizemos nada. Na segunda noite, já não se escondem; pisam as flores, matam nosso cão, e não dizemos nada. Até que um dia, o mais frágil deles entra sozinho em nossa casa, rouba-nos a luz, conhecendo nosso medo, arranca-nos a voz da garganta. E já não podemos dizer nada. [...]" (grifos meus). Em suma, concidadãos, a conclusão inquestionável é que o que importa mesmo é o "Poder" , seja lá por quais motivos (financeiros), a que preço (a receber) e sob quais métodos (de censura) os seus " donos" nele se mantenham, em qualquer tempo e lugar. O povo? Ora o povo...

Vivemos novos tempos de velhos maus presságios... Liberdade, liberdade, abre as asas sobre nós!

Renata Di Pierro renata@dipierro.com.br

São Paulo

_______

BURRA CHEIA

O painel do impostômetro aponta a receita de R$ 1 trilhão arrecadado até estes dias. Não é crível que ainda o governo tenha tido a desfaçatez de pretender a implantação da famigerada CPMF. A faxina promovida pela presidente Dilma em três Ministérios estancou, naturalmente pelo temor de atrito com a base aliada do governo e também a mando se deu tutor. O governo habilmente recuou da acintosa iniciativa de implantar mais esse imposto, em razão da repulsa indignada da população. Lamentamos que a nossa presidente tenha arrefecido seu saudável ímpeto de higienizar o que é sujo dentro do governo. Diminuindo a corrupção, é claro que o volume de recursos proporcionará uma saúde no Brasil, de equivalência aos países de primeiro mundo.

Francisco Zardetto fzardetto@uol.com.br

São Paulo

_______

FUTURA SAÚDE

O governo vai propor usar os futuros royalties do futuro petróleo que vai ser extraído dos futuros poços que vão ser licitados no futuro, para cobrir o futuro custo da saúde que será aprovado na Câmara, num futuro próximo.

Victor Germano Pereira victorgermano@uol.com.br

São Paulo

_______

SURREAL

Engraçado... Ficam falando por aí que o "pré-sal" é a solução de tudo, discutem - desde já - a divisão dos recursos, fazem propaganda onde o apontam como uma coisa que já existe, etc. Agora, quando se fala em usar esses "recursos maravilhosos" pra não ter que criar a CPMF, aí só vai sair daqui à sete anos. Como sempre, a propaganda que o povo engole é bem diferente da realidade.

Ricardo Marin s1estudio@ig.com.br

Osasco

_______

CPMF, JAMAIS

Assalto de mais de US$ 6 milhões ao Banco Itaú em plena Avenida Paulista, briga de punks, balas perdidas no Rio de Janeiro matando mais do que no Iraque, Bonde despencado do trilho, UPPS em guerra, traficantes dominando territórios e polícia não os enfrenta, saúde insalubre, e os governadores têm a cara de pau de dizer que apoiam a CPMF, e o nobríssimo Sergio Cabral, aquele dos jatinhos das construtoras, diz que é crime ter acabado com essa excrescência? Por que não usar toda dinheirama da Copa para melhorar hospitais, segurança, construir casas populares (diminuíram a verba), estradas caindo pelas tabelas, aeroportos, e inclusive com isso evitando todo desvio de verbas que já está provado fica em torno de 10% a 15%, além do aumento dos nossos juízes bonzinhos que ganham tão pouco? Ora seus políticos de meia pataca, tomem vergonha na cara e parem de inventar impostos a quem já está até o pescoço de pagar tanto para nada ter e parem de colocar a cumpanheirada para levar grana sem fazer nada, tirem 20 dos assessores de deputados, senadores, vereadores etc., ou seja, deem o exemplo primeiro para depois cobrarem algo. Chega de tanta desfaçatez e cara de pau.

Marieta Barugo mbarugo@bol.com.br

São Paulo

_______

BASTA QUERER

É voz corrente que a Saúde precisa melhorar e, para tal, carece de mais recursos financeiros. Pois bem. O próprio governo poderá, sem elevar a carga tributária, amenizar o problema. A Petrobras foi blindada de uma recente CPI, devido a contribuições às suas inúmeras ONGs, não inteiramente especificadas. O governo é o maior acionista da Petrobras e poderá, de uma canetada só, transferir todos os recursos hoje direcionados às ONGs para a Saúde. Não será a solução para a Saúde, mas ameniza. Já é um bom começo e só depende do governo. Basta querer.

Humberto Schuwartz Soares hs-soares@uol.com.br

Vila Velha (ES)

_______

RECURSOS PARA A SAÚDE: GESTÃO DESCENTE!

Só faltava essa: o ministro Lobão pretender nos ensinar de onde tirar dinheiro para a saúde (8/9, A8)! Com os impostos mais altos do planeta, basta colocar gente competente e ficha-limpa nos ministérios e acabar com os 25 mil cargos suscetíveis de indicação política na esfera federal.

Nilson Otávio de Oliveira noo@uol.com.br

São Paulo

_______

POR QUE O CONTRIBUINTE?

Em vez de o governo tentar melhorar a Saúde com todo dinheiro que arrecada, e diga-se a cifras são astronômicas, porque cogita lançar mais um imposto sobre o já extorquido contribuinte. Será que o trem bala e todo dinheiro desviado da corrupção são mais importantes do que o respeito ao bolso do contribuinte?

Peter Cazale pcazale@uol.com.br

São Paulo

_______

POVO MAIS FELIZ

Estudo da Universidade da Virgínia (EUA) concluiu que os países que cobram mais impostos dos ricos têm o povo mais feliz e melhor qualidade de vida. Não por acaso, os países nórdicos como Suécia, Dinamarca e Noruega ostentaram os melhores índices. Nesses países desenvolvidos, prevalece a progressividade dos tributos, onde ''quem tem mais, paga mais'', com justiça tributária e distribuição de renda. Já no subdesenvolvido e injusto Brasil, ao contrário, prevalecem os tributos regressivos, no qual os pobres e a classe média pagam - proporcionalmente - muito mais tributos do que os ricos. O tempo passa e nada de sair a tão falada reforma tributária. Até quando continuaremos reféns desse modelo tributário regressivo, injusto e cruel que temos hoje no Brasil?

Renato Khair renatokhair@uol.com.br

São Paulo

_______

FOI O CABRAL...

...Quem descobriu o Brasil e o outro Cabral (PMDB/RJ), governador do Rio, quer porque quer resolver o enorme problema da saúde, criando mais um problema para o país: quer a legalização do jogo de azar. O que seria mais um grande problema, principalmente para a cidade maravilhosa, juntaria a "jogatina com as drogas", daí como segurar a "bandidagem"? Como dar segurança ao povo? A saúde é péssima para o cidadão brasileiro, já que nossas "autoridades", para qualquer "dorzinha", correm para São Paulo - Hospitais Sírio-Libanês ou Albert Einstein -, tudo por conta do erário. Que tal... Vamos jogar, gente! O Cabral só pode estar "voando" nos jatinhos dos empresários, foi o Cabral que teve a ideia!

Maria Teresa Amaral mteresa0409@estadao.com.br

São Paulo

_______

BENEFÍCIO PRÓPRIO

É inacreditável que governadores como Sergio Cabral, Geraldo Alckmin e outros defendam a CPMF em benefício próprio. Um imposto que além de "burro" já foi rejeitado pelo povo brasileiro. Aos que apoiam essa mazela vale lembrar que eleições virão, e disso o povo não esquece.

Gustavo Guimarães da Veiga gjgveiga@hotmail.com

São Paulo

_______

ECONOMIA DOMÉSTICA

Nossa dirigente e seus auxiliares diretos- ministros, secretários e indiretos congresso nacional,assembléias, etc... em vez de querer nos extorquir através de mais um imposto,que para Saúde sabemos que não irá, não vão atrás dos desfalques e corrupção nunca antes visto neste pais no governo. Não é difícil, e sugiro, que assim como quando se mora fora de casa, mas em grupo, e tudo tem que ser rateado, separado e quais gastos serão efetuados colocando-os em envelopes (aluguel, água, luz, gás, alimentação, impostos, etc...) o governo em pleno século 21 use o computador e faça "envelopes" para todos os impostos, taxas, tributos, Darfs, etc. e tal e realmente possamos saber de quem é, e quanto foi arrecadado para cada órgão, departamento e só assim conhecer onde falta e onde há "ralos". Se houvesse isto, com certeza a Saúde estaria ótima com toda a CPMF que já nos foi retirada (assaltada). Snceramente, mais competência presidente(a), ministros, governadores, prefeitos, senadores, deputados, vereadores e menos corrupção e corruptores!

Tania Tavares taniatma@hotmail.com

São Paulo

_______

INDICADORES DIVERGENTES

O economês sempre informando mal, e estupefato com suas conclusões também erradas. a) A indústria automobilística é como um transatlântico em movimento, cujo radar está ligado para trás. Não são as vendas futuras que direcionam o navio, mas as passadas, e quando estão aquecidas lá trás, ligam as turbinas para a frente, e como não há radar na frente, ou se há, não mostra nada, a única forma de saber que o mercado está mudando, é o tamanho do pátio crescendo. É assim desde que comecei a trabalhar na indústria automobilística há 40 anos! A única coisa melhor hoje é que em termos de operários, a coisa é muito mais enxugada, e dispensar é mais caro do recrutar, daí que a dispensa se torna um "mal necessário", quanto há pouco mais de 20 anos, era sinônimo de inteligência executiva! b) Está claro que nossa indústria automobilística está ligada ao consumo de países ricos, e estamos produzindo automóveis para grandes cidades, onde daqui a pouco, os automóveis podem sair com velocidade máxima de 10 Km/h, mas produzimos carros para andar a 200 km/h não se sabe onde. E aqueles carrinhos tipo "fusca" que ainda seria o carro do interiorzão, desapareceram. E quanto o resto do mundo civilizado deixa de "importar tranqueiras", nossa indústria vai automobilística vai continuar produzindo para quem? E é claro que os grandes CEOs são aqueles trazidos do exterior, uma vez que os executivos brasileiros ainda não sabem sequer fazer contas de aritméticas, e mal sabem ler, mesmo os que vão para o exterior, por que afinal aprendem como vivem o gringos, e não os brasileiros! c) Em 1985 fui trabalhar numa autopeças americana no Rio, a produção automobilística na época era em torno 1,7 milhão por ano, e a previsão "militar" era de se dobrar a produção até 1988, evidentemente com investimentos maciços em infraestrutura, e os "planos" corriam para lá. Aí a "ditadura militar" começou a rolar escada a baixo até pelas próprias burrices, e somente hoje, quase 20 anos de "democracia socialista", estamos falando nos 3 milhões veículos, todos de "primeiro mundo", com estradas e cidades de "terceiro"! E ainda se chama até hoje os "milicos" de burros. Inteligente mesmo é essa raça de "comunistas do pudê".

Ariovaldo Batista arioba06@hotmail.com

São Bernardo do Campo

_______

PERDÃO DO BC

O Banco Central (BC) vai perdoar R$ 18,6 bilhões da dívida dos bancos falidos, por força do Refis, que permite o abatimento. É revoltante, mas, infelizmente, o perdão é legal, porque fizeram leis direcionadas para atender fraudadores. Aliás como a maioria ds leis neste país. É feita com viés pro marginal, pro bandido. E ainda alguns governadores tem coragem de se manifestar pela volta da CPMF para a Saúde, não é Sr. Sérgio Cabral? Que dirão tomando conhecimento deste perdão? Nada. Vão dizer que é a lei. São filhos de marceneiros. Todos cara de pau. Nesta questão de financiamento para a Saúde, se é que terá que ser feito, o melhor é aumentar o imposto sobre cigarros e bebida alcoólica. Quem não se incomoda em perder seu pulmão ou fígado, não vai se importar em perder alguns reais para a Saúde. Não é?

Panayotis Poulis ppoulis@yahoo.com.br

Rio de Janeiro

_______

DINHEIRO DO PERDÃO

O dinheiro público ficará para os bancos. Saúde perde. E o patrimônio particular dos banqueiros, fica integralmente para eles? Então, não há como se falar em novo tributo para a saúde!

José Carlos de Carvalho Carneiro carneirojc@ig.com.br

Rio Claro

_______

DINHEIRO NO LIXO

A saúde necessitando de uma enxurrada de dinheiro, nossos "ilumidados" políticos querendo nos empurrar mais um imposto, e, o Banco Central joga no ralo mais de 18 bilhões, a título de perdão a Bancos endividados. Custo a acreditar, mas isto não é brincadeira, afinal é o dinheiro do pobre contribuinte que está se evaporando. - Como disse nossa "Presidenta", em seu discurso da Independência, - "Viva o Brasil"

Sérgio Dafré sergio_dafre@hotmail.com

Jundiaí

_______

CORRUPÇÃO DE R$ 682 MILHÕES

Agora é oficial a Controladoria Geral da União (CGU) confirmou a quantia de R$ 682 milhões que foi roubada com a corrupção dos cofres públicos pelo Ministério do Transporte, com 66 irregularidades em 17 processos. Mas além de serem afastados e demitidos a nação espera ver a devolução deste dinheiro, que poderia salvar vidas na saúde, segurança e dar um futuro melhor a muitos jovens na Educação. Se esta reposição destas verbas, não acontecer com juros e correção monetária, o crime compensou! Está muito fácil é só a Receita Federal comparar salários com patrimônios, daí vão descobrir quem foi o mais beneficiado destes crimes.

Anderson Aparecido dandersonaparecido@yahoo.com

Hortolândia

_______

FOSSE O DINHEIRO PARA A SAÚDE...

Quantas pessoas seriam atendidas (e bem) no SUS com R$ 682 milhões?

Maria do Carmo Zaffalon Leme Cardoso mdokrmo@hotmail.com

Bauru

_______

NOVAS PAPUDAS

Só no Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) foram desviados (leia-se roubados) mais de R$ 682 milhões, montante equivalente ao valor pago em 22 sorteios da Mega Sena acumulada. Não será esse o motivo que mesmo o painel do impostômetro sinalizando R$ 1 trilhão em arrecadação, a maioria dos governadores são favoráveis a volta da CPMF? Na minha opinião, a "presidenta" Dilma Rousseff, além da vassoura, deveria pensar na construção de novas Papudas, até porque a sociedade dá sinais de que não suporta mais ver o dinheiro que paga em tributos indo direto para os bolsos dos bandidos...!

Virgílio Melhado Passoni mmpassoni@gmail.com

Jandaia do Sul (PR)

_______

ATESTADO DE INOCÊNCIA, QUANTO CUSTA?

O senador Alfredo Nascimento e ex-ministro dos Transportes está a exigir atestado de inocência por julgar que a auditoria feita pela CGU foi inconclusiva. Com isso ele chantageia a presidente Dilma Rousseff, com a ameaça de retirar o PR como partido aliado da base governista. Não sei quanto custa para se obter um " atestado de bons antecedentes" como os que são vendidos na praça da Sé, em São Paulo... mas acredito que com os R$ 682 milhões que (sabe-se até agora) foram desviados do Ministério dos Transportes dá para se comprar um atestado de inocência 100% confiável! Se é para usar de cinismo... usemos também! E se não uso de tratamento respeitoso para com um senador da república é porque ele não fez por merecer o cargo que ocupa. O que torna esta farsa mais inaceitável é que o senador foi defenestrado do ministério por evidentes atos de corrupção ocorridos em sua pasta, mas voltou a ocupar a cadeira de senador, com direito a votar em todas as questões de interesse nacional! E tudo de forma legal... se é que se pode dizer assim! Isso merece ou não uma manifestação de repúdio em âmbito nacional?

Mara Montezuma Assaf montezuma.scriba@gmail.com

São Paulo

_______

RIDICULARIZADOS

É simplesmente inacreditável, inadmissível sermos tão subestimados na nossa inteligência pelo "PR", ocasião em que a cúpula do mesmo avaliou que a auditoria efetuada pela Controladoria-Geral da União (CGU), foi "inconclusiva", e que a sindicância não indica responsáveis palavras de Alfredo Nascimento (PR-AM), ex-ministro dos Transportes. Caso este senhor tivesse um pouco de "vergonha na cara" e não fosse tão "cínico", com certeza não se exporia ao "ridículo" que se expôs, fazendo esta declaração "absurda".

Angelo Tonelli angelotonelli@yahoo.com.br

São Paulo

_______

OBA-OBA

Em qualquer país sério do mundo a corrupção anunciada e auferida ao Ministério dos Transportes de R$ 682 milhões já seria o suficiente para uma derrocada no governo e na detenção dos acusados com a exigência de devolução do dinheiro roubado. Por aqui, como sempre, irá ficar no oba-oba, no blábláblá e tudo mais. Que turma de "fariseus" nos comandou e nos comandam nesses últimos anos! É uma verdadeira praga, até quando?

Leila E. Leitão

São Paulo

_______

AS PESQUISAS DE VOTO PARA SÃO PAULO

Com o resultado da pesquisa da Datafolha, referente à eleição para prefeito de São Paulo no ano que vem, aparecendo a senadora Marta Suplicy à frente dos eventuais candidatos bastou para que ela se declarasse candidatíssima, com ou sem o aval de Lula, que, aliás, não teria nada que meter o bedelho na escolha do nosso prefeito, ou prefeita. Mas é um resultado esperado, pois entre todos os pseudocandidatos, ela é praticamente a única que canta aos quatro ventos que quer porque quer ser prefeita novamente. Então não deveria ter se candidatado ao Senado. A experiência que nos deixou em sua primeira passagem pela nossa prefeitura, só de ouvir a pretensão, no dá calafrios, sem contar que a sua eleição implicará na condução ao Senado como representante do nosso Estado, o atual vereador Antônio Carlos Rodrigues, que idealizou o famigerado "centrão" na Câmara Municipal e pertence ao PR, partido que até outro dia dilapidou o Ministério dos Transportes. Teríamos então uma péssima prefeita e um péssimo senador. José Serra até agora não se manifestou nem um pouco se quer ou não quer ser candidato. E eu acredito que não deveria, já que ele largou o mandato anterior pela metade e nos obsequiou com o atual prefeito, para se eleger governador de Estado, para também sair antes do tempo e candidatar-se à presidência da República, com uma campanha no mínimo risível. O candidato in pectore do ex-presidente Lula, é uma piada de mau gosto, já que como ministro da Educação, não conseguiu nem gerenciar os exames do Enem, imaginem gerenciar a maior cidade da América do Sul. O deputado federal Gabriel Chalita é outro que não nos merece confiança, pois salta de um partido para outro, mais que passarinho de galho em galho. O ex-deputado Celso Russomano vai de um samba de uma nota só, no caso a defesa do consumidor, enquanto os problemas da cidade são outros ainda mais importantes. A do vereador Netinho de Paula, nem mereceria comentários, pois não conseguiu ser nem bom vereador, e o cartaz que possui como cantor e outras atividades meritórias, também não o credenciam ao mais alto cargo da cidade. O prefeito, que não assimila a decadência da sua aprovação, pretende emplacar seu secretário do Verde e do Meio Ambiente, que é do PV, mas vem autorizando o desmate do que resta de árvores em São Paulo. Enfim, até agora não apareceu nenhum pré-candidato que a rigor merece o voto do paulistano, pois nenhum deles apresenta predicados suficientes para governar e principalmente consertar os absurdos perpetrados nas últimas décadas contra uma cidade que já foi aprazível para morar, estudar e aprender de verdade e trabalhar, sem passar quatro horas na condução nauseabunda. Enfim, precisamos acabar com essa festa de cacique colocar aprendiz de prefeito em nossa cidade e aventureiros se darem à petulância de acharem que podem nos governar com competência.

Gilberto Pacini benetazzos@bol.com.br

São Paulo

_______

DATENA COMO PREFEITO PAULISTANO?

Saiu essa noticia que parece inacreditável, mas, numa população de 12 milhões de habitantes na qual talvez metade disso seja eleitor e mais da metade de uma ignorância cavalar ao ponto de votar no Lula, não duvido que elejam o Datena, um dos seus maiores puxa-sacos.

Laércio Zannini arsene@uol.com.br

São Paulo

_______

DIGA NÃO AOS TRAIDORES EM 2012

O voto secreto agride nosso regime democrático, mas a imoralidade não se instala apenas em Brasília. em cada casa parlamentar desse nosso Brasilzão, vemos estarrecidos ações acintosas que ferem na alma, a cada dia, nosso sentimento cívico de repúdio. Brasília, capital federal, projetada pelo nobre arquiteto Oscar Niemeyer, tem o desenho de um avião. No entanto, esse veículo criado para ser a capital do país e centro da democracia nacional e não tem saído do chão e como o próprio arquiteto outro dia mencionou, deveriam substituir as linhas terrestres da aeronave por um camburão, tamanha roubalheira, falcatrua e superfaturamento em obras públicas que ocorre por lá nos últimos anos. Se Brasília fosse transformada numa prisão, iria faltar vaga para acomodar os milhares de ladrões do dinheiro público. Isso vai ter que ser dado um basta, se não for assim nunca vai sobrar dinheiro para investimento em educação, na segurança, em infra-estrutura e principalmente na saúde que anda pela hora da morte em todo o país. Lá na capital projetada está instalado o QG de quadrilheiros que nos roubam na cara dura a paixão pelo Brasil. Nas comemorações de nossa independência, não tivemos muito o que comemorar. Festejar o quê? Que já pagamos de impostos de Janeiro até agora quase um trilhão para o governo? Que estão prestes a criar um novo imposto para enfiar a mão em nossos bolsos ainda mais fundo? Ou seja, o papel desempenhado pelos parlamentares com poucas exceções nos envergonha e constitui retrocesso do país em termos institucionais. Nós, eleitores, por causa dessa excrescência, devemos ignorar de forma impositiva quem foi a favor e contra da cassação nessa votação imoral da absolvição da deputada espertalhona e corrupta, Jaqueline Roriz. Assim como não sabemos quem votou a favor da permanência da parlamentar, devemos considerar culpados e suspeitos toda a base aliada, formada por PT, PMDB, PTB, PDT, PSDB, PCDOB, PRB, PP E PR, lembrando não votar nesses partidos e em seus candidatos nas eleições municipais de 2012. Desde agora, o eleitor consciente deve se manifestar em pesquisas contra o voto em tais legendas, dizendo não a corrupção. E o mínimo que podemos fazer para varrer parte dessa quadrilha da política nacional. O Brasil não merece isso que aí está, mudanças já!!!

Turíbio Liberatto turibioliberatto@hotmail.com

São Caetano do Sul

_______

A QUEM NÃO INTERESSA O VOTO DISTRITAL

A quem não interessa uma mudança na legislação eleitoral que implemente o voto distrital no Brasil? A quem não interessa um aperfeiçoamento fundamental no nosso sistema de democracia representativa, em que eleitores e eleitos passariam a conviver de forma muito mais próxima, aumentando significativamente os canais de comunicação entre a sociedade e o Congresso? A quem não interessa que o eleitor não mais se esqueça daqueles que elegeu na última eleição, podendo, com a divisão do território nacional em distritos (no qual cada um elegeria o seu representante), fiscalizar de forma mais eficiente os trabalhos de seu deputado? A quem não interessa a aprovação de um sistema que reduziria drasticamente os custos das campanhas eleitorais? Àqueles que marcharam contra a corrupção, ou àqueles que motivaram a realização das marchas contra a corrupção? Claro que a resposta é a segunda afirmação!

Henrique Brigatte hbrigatte@yahoo.com.br

Pindamonhangaba

_______

LICITAÇÃO FRAUDULENTA

Com antecedência, o ''Grupo Estado'' já sabia quem seria o vencedor da licitação para iluminação pública do município de São Paulo. Nome do ganhador da concorrência na capital e valor de R$443 milhões, foram registrados em cartório civil e divulgado pelo site (estadao.com.br) antes de o resultado ser conhecido. A proposta vencedora, como foi publicado na segunda feira, dia 5, no site estadao.com.br e registrado no 19º Cartório de Registro Civil de Perdizes, às 09,24 Hrs de ontem, é do consórcio formado pelas empresas Alusa Engenharia e FM Rodrigues, que ofereceu R$443.794.099,16. Essa manutenção vem sendo feita por meio de contratos de emergência e o serviço lidera o ranking de reclamações na Ouvidoria do Município desde o começo da década - sinal de que essa prática vinha agradando as administrações públicas municipal - e demorou tanto tempo para tentar mudar e com fraudes. Pelo que notamos, as corrupções registradas diariamente em Brasília, não é privilégio somente dos petistas na área federal. A administração municipal do prefeito Kassab também mostrou ser muito hábil nesta prática. Graças ao Jornal da Tarde, do Grupo Estado, os munícipes poderão ficar livres de mais essa despesa adicional que certamente teria as contas para os contribuintes pagarem.

Benone Augusto de Paiva benonepaiva@yahoo.com.br

São Paulo

_______

PODEM BEBER À VONTADE

É isso aí minha gente, embebedai-vos a vontade e se por um "infortúnio" você perder a direção, não enxergar um palmo a sua frente, não conseguir brecar seu automóvel e matar várias pessoas inocentes, o culpado será o inocente que estava no lugar errado e momento errado! Essa é a visão do novo Ministro Fux do STF o que de certa forma vem dispensar a Lei Seca, os bafômetros, policiais para cassar a carteira e fazer blitz. Que tal acabar de vez com a polícia? Porque ladrão de pena considerada leve - até quatro anos - será solto. Assassino responde em liberdade pelo seu crime esperando anos pelo julgamento e agora bêbado pode matar quem quiser, porque seu crime será considerado "fatalidade". Melhor lutar para acabarmos com o Judiciário, para que servirá daqui para frente? Além da economia a própria população que faça cumprir sua própria lei.

Beatriz Campos beatriz.campos@uol.com.br

São Paulo

_______

FRAUDE

Na carta intitulada Juízes ou Saúde, publicada na secção de cartas do estadão.com, Daniel Dantas é citado. Por isso, esclarecemos que: a operação Satiagraha foi uma fraude armada para atender a interesse$ privados e políticos. O objetivo era prender, mesmo após as investigações policiais constatarem a inexistência de crime por parte do Opportunity, o que está comprovado em documentos. Quanto aos interesses que levaram à execução da operação fraudada, as investigações - que estão em andamento - devem apontá-los.

Elisabel Benozatti, assessoria de Comunicação do Opportunity ebenozatti@opportunity.com.br

São Paulo

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.