Cartas - 17/02/2011

IRÃ

, O Estado de S.Paulo

17 Fevereiro 2011 | 00h00

Pena de morte

Os protestos que derrubaram Mubarak no Egito deram combustível aos povos de diversas nações próximas para tentarem derrubar seus governantes opressores. Na República Islâmica do Irã, os aiatolás estão querendo conceder pena capital aos opositores que levantem movimentos contra o governo. Ou seja, discordar é assinar a sentença de morte. Veremos quanto tempo mais o regime teocrático aguentará. Maldito seja.

SÉRGIO ECKERMANN PASSOS

sepassos@yahoo.com.br

Porto Feliz

___________

Parceria brasileira

E agora, fantástico líder carismático Lula e seu abre-alas Amorim, vocês não se vão manifestar para apoiar a repressão no Irã? E a sra. Dilma e o novo abre-alas, sr. Patriota, ficarão de boca fechada?

JOSÉ GUILHERME SANTINHO

msantinho@uol.com.br

Campinas

___________

"Briga de torcidas"

No democrático Irã, os governistas querem executar líderes oposicionistas. Ainda bem que é só uma "briga de torcidas".

A. FERNANDES

standyball@hotmail.com

São Paulo

___________

ANVISA

Emagrecedores

O uso de substâncias anorexígenas nos EUA e na Europa já faz parte do passado. Infelizmente, o Brasil está acordando tarde para a realidade. O femproporex, ainda prescrito - e futuramente proscrito, espero -, produz estimulação cerebral central, e não só redução da sensação de fome. O risco de complicações cardíacas existe, mas na minha experiência clínica, como psiquiatra e psicoterapeuta, o efeito indesejado mais importante desses anorexígenos é na personalidade do paciente, afetando gravemente suas relações pessoais, familiares e profissionais. Usar femproporex é usar anfetamina. Agitação improdutiva, hostilidade e insônia são os sinais principais. Produz-se uma "neurose artificial": a pessoa se sente irritada, gradativamente vai achando que está cercada por idiotas egoístas imprestáveis, como se fosse um lírio no lodo. Acha que merece muito mais do que tem, sente-se com mais direitos e menos deveres, em casa e no trabalho. A função de avaliação da realidade, que deveria ser um fator moderador, fica também alterada e a pessoa não se dá conta da sua inadequação. Depois de muito tempo, um bom amigo ou um médico conseguem fazer a pessoa perceber que está "alterada, sob o efeito de doping" e finalmente ela abandona o "tratamento". Mas frequentemente é tarde demais para apagar os estragos causados nos relacionamentos mais importantes. Ainda que os familiares compreendam intelectualmente o que aconteceu, no plano emocional ficam guardados mágoas e rancores que dificilmente serão esquecidos. Muito boa a matéria do Estadão e a entrevista do professor dr. Marcelo Ferraz Sampaio, recomendando a "proibição total" desses medicamentos.

MAURO MOORE MADUREIRA

mauromm@einstein.br

São Paulo

___________

PANAMERICANO

Mistério

Estranhamente, está sendo deixada para segundo plano uma questão que intriga a todos: para onde foi o dinheiro desviado do Banco Panamericano?

NELSON CARVALHO

nscarv@gmail.com

São Paulo

___________

Pelo ralo...

Gostaria de saber como os executivos da Caixa Econômica Federal, que é de todos nós, brasileiros, puderam comprar com o nosso dinheiro 49% do capital votante do Banco Panamericano e não foram capazes de, antes, detectar o rombo de R$ 4,3 bilhões. Economistas, auditores, nada perceberam para vetar o negócio? Ou são hiperincompetentes, ou não levaram a sério as lições do método Braille, ou devem ter levado o maior suborno da história contemporânea do País. Fico com a terceira alternativa. Quem quer dinheiro?!

GATTAZ GANEM

Gattaz@globo.com

Carapicuíba

___________

SALÁRIO MÍNIMO

Cínicos

É de doer assistir à discussão cínica do aumento do mínimo quando nossos nobres representantes nem chegaram a discutir o aumento descarado dos próprios salários. Só rindo, para não chorar.

TÂNIA PINOTTI

tkita@uol.com.br

São Paulo

___________

SARNEY

No Twitter do STF

Cadê a liberdade de expressão prevista na Constituição federal? Qual é a justificativa do Supremo Tribunal Federal (STF) ao decidir afastar sua funcionária só porque ela comparou a aposentadoria de Ronaldo com a perpetuidade de Sarney no poder?

MARIA EULÁLIA M. BUZAGLO

membuzaglo@bol.com.br

São Paulo

___________

Chuteiras e chuteiras

As chuteiras de Ronaldo deram glórias ao Brasil, já as chuteiras de Sarney deram glórias a...

ANTONIO BRANDILEONE

abrandileone@uol.com.br

Assis

___________

INFRAERO

Contratos nos aeroportos

Em relação à matéria Maia mantém contratos sem licitação nos aeroportos (16/2, A6), a Infraero esclarece que cumpre rigorosamente o estabelecido pela Lei n.º 8.666/1993 (Lei de Licitações) e que, ao contrário do afirmado pelo jornal, não alterou regras no processo licitatório e que segue unicamente os dispositivos previstos e permitidos pela lei. Sobre a afirmação de que as lojas no Aeroporto de Brasília fecharam as portas "pois seus proprietários não tiveram mais como pagar o valor cobrado pelos aluguéis", vale destacar que o valor cobrado é proposto pelo próprio concessionário na ocasião da licitação, cabendo à Infraero estipular um valor mínimo para a área comercial em questão, geralmente majorado pelo proponente.

TIAGO BENIA, assessoria de Imprensa da Infraero

imprensa@infraero.gov.br

Brasília

N. da R. - O que a Infraero atribui ao jornal são queixas dos lojistas expostas ao presidente da Câmara, Marco Maia (PT-RS), e relatadas pela reportagem. A emenda apresentada por Maia em favor dos concessionários, e publicada pelo jornal, desmente a Infraero.

___________

"O máximo é ver como nossos homens públicos se dão o "máximo" e decidem sobre o nosso "mínimo""

EDUARDO MARCONDES FRUTIG / SÃO PAULO, SOBRE A VOTAÇÃO DO SALÁRIO MÍNIMO

emfrutig@gmail.com

"Quanto pesa no Orçamento o salário de deputados, senadores, ministros e da presidente?"

CÍCERO SONSIM / NOVA LONDRINA (PR), IDEM

c-sonsim@bol.com.br

"Surpreende que Berlusconi ainda não tenha sido apelidado de Burlesconi"

DAVID HASTINGS / SÃO PAULO, SOBRE OS ESCÂNDALOS EM QUE SE ENVOLVEU O PREMIÊ ITALIANO

david.hastings.brazil@gmail.com

___________

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 1.510

TEMA DO DIA

Vereadores podem não receber aumento

Reajuste de 61% a ser concedido aos 55 parlamentares de SP será depositado em conta judicial

"Aqui no Brasil existe uma inversão gigantesca de valores, onde quem deveria servir é servido."

JULIO MARTINELLI

"Do jeito que as coisas em São Paulo andam, eles deveriam receber o salário mínimo."

JONAS MOTTA

"Nenhum político poderia ganhar mais que cinco vezes o valor do salário mínimo. Isso seria maravilhoso, pena que é utópico."

MARCOS CUNHA

___________

Cartas enviadas ao fórum dos leitores, selecionadas para o estadão.com.br

 

 

 

 

 

 

GAFE NO TWITTER

Se o ex-ministro da Fazenda Rubens Recupero, tivesse alegado, na época do escândalo da parabólica, "que se tratava de um ato impensado de um funcionário terceirizado" que lhe imitara a voz, talvez não tivesse renunciado.

Sergio S. de Oliveira ssoliveiramsm@hotmail.com

Monte Santo de Minas (MG)

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

"ATOS IMPENSADOS"

Na terça (15), o twitter do STF fez constar: "agora que o Ronaldo se aposentou, quando será que o Sarney vai resolver pendurar as chuteiras?". Percebido o engano o STF, em nota oficial, atribuiu o "gracejo" ao "ato impensado" de uma servidora terceirizada e, pediu "desculpas" a Sarney. O tetrapresidente - supra sumo - gostou de ser lembrado e comparado ao "fenômeno", recomendando que a "servidora" não fosse punida, e nem deveria por tão pouco, mas...Mesmo porque muitos fatos que acontecem no Senado, são "atos impensados" ou "secretos", e ninguém é punido.

 

M. Teresa Amaral mteresa0409@estadao.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

O FENÔMENO DO SENADO

 

Tudo indica que a funcionária do Supremo Tribunal Federal que emitiu mensagem via Twitter do STF, perguntando quando José Sarney irá "pendurar" as chuteiras, foi demitida. Ora, ela fez uma pergunta que todo brasileiro que não faz parte do esquema de corrupção que assola o país, gostaria de fazer. Motivo para demissão sumária do serviço público, segundo os estatutos, é roubo e assassinato. Hoje no Brasil os assassinos, inclusive os internacionais são protegidos, os ladrões e corruptos são promovidos, parece até ser condição sine qua non para ocupar cargos no primeiro e segundo escalões do governo. Afinal, experiência é fundamental, não é mesmo?. Portanto, até que tudo mude, falta moral em qualquer um dos Três Poderes para demitir ou até mesmo para censurar atitude semelhante de qualquer servidor público, mesmo os terceirizados. Tem mais: para encerrar esse espetáculo circense, a própria corte, de joelhos, pede mil desculpas ao nobre senador. Esse país tornou-se uma piada.

 

Humberto de Luna Freire Filho hlffilho@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

PERFIL MINISTERIAL

No governo Dilma, uma das figuras de proa é o Excelentíssimo Sr. Ministro da Fazenda, fiador da continuidade. Tido como "desenvolvimentista", como se houvesse "atrasistas" ele se vê na obrigação contínua de se apresentar sob vários disfarces. Deve ter aprendido com Zeus (Lula) a quem iniciou nos mistérios da Economia. Seria impossível retratar essa personalidade multifacetada, mas não custa tentar. Eis alguns possíveis perfis dessa instigante personalidade.

Mantega Sherezade - contando histórias, durante mais de 1001 noites de entrevistas, para salvar sua pele; poderia também ser Mantega o soporífero , pelas mesmas razões. Mantega, o jogador - homenageando Dostoievsky- quando fez aquelas apostas tolas sobre PIB, superávit primário etc., no 45° minuto do segundo tempo. Mantega, discípulo de Dionísio, quando aposta "vinho do bom’. Mantega, o ishperto, quando perdeu as apostas e não as honrou. Mantega, discípulo de Proudhon , ao redigir o manifesto de Olinda do PT (redigiu ou passou a limpo?) de 2002. Se a propriedade não era bem um roubo, os contratos em geral o eram, merecendo serem rasgados, até que surgiu a carta do "cara" ao Povo brasileiro, que pavimentou o caminho da eleição de Lula no primeiro mandato. Mantega, o amnésico, quando esqueceu toda a retórica. Ou teria sido Mantega, o pragmático? Mantega "Mãos de tesoura", ao ter de cortar o orçamento. Johnny Depp que se cuide! Mantega, o Houdini desastrado, nas suas mágicas de fazer desaparecer gastos transformando-os em receitas, a fim de garantir o superávit primário. Mantega, o plagiário, quando tentou transformar a inflação do chuchu de Mário H. Simonsen em ‘inflação do feijãozinho". Mantega, o guerreiro pacifista, com o perdão do oxímoro, quando lançou o termo ‘guerra de moedas’. Tudo isso colocado num liquidificador, ainda homenageando Dostoievsky, nos leva a Mantega, o idiota, no sentido que os gregos davam a ‘idiótes’.

 

Alexandru Solomon alex101243@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ESQUECERAM DE MIM!

Enquanto o Governo diz que tem a "intenção" de recuperar o salário mínimo até 2023, o Ficha Limpa foi engavetado e esquecido pelo povo, sempre alheio. Nesses próximos 12 aninhos, será que conseguiremos ter no governo o salafrário mínimo?

 

Flavio Marcus Juliano opegapulhas@terra.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

MORALISTAS

Pobre Berlusconi! Se ele vivesse no Brasil, não estaria sofrendo tanta pressão. Aqui, nós temos ministro do Turismo que paga motel com dinheiro público e ministro que costumava acertar seus negócios escusos em uma casa que era frequentada por moçoilas do tipo que Berlusconi aprecia. Não deu nada. Ninguém fez passeata e os dois continuam muito bem de vida. Estes italianos são tão moralistas!

 

Maria Cristina Rocha Azevedo crisrochazevedo@hotmail.com

Florianópolis

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

EM 20 DIAS

O Berlusconi deveria fugir para o Brasil para escapar do julgamento em 20 dias por abuso de poder e corrupção de uma menor. Aqui um caso como esse não seria julgado nem em 20 anos.

Mário Barilá Filho mariobarila@yahoo.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

EU JÁ SABIA

Um ministro com o nome "belisconi" só podia dar no que deu...

Gilberto Dib gilberto@dib.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

BERLUSCONI

Finalmente a Justiça italiana resolveu tomar medidas sérias contra o poderoso "chefão", o fanfarrão Berlusconi, primeiro ministro da Itália. Todos sabemos, pela mídia em geral, de todas as maluquices e falcatruas que ele vem cometendo, e lá, como aqui, as coisas passavam em brancas nuvens......Quem sabe agora, com esses novos processos (alguns desarquivados), essa folclórica figura venha a conhecer o peso da Justiça e o sabor de ser preso. Já não é sem tempo. A única coisa que pode pesar é a fortuna que ele tem, será ? Aguardemos.

Carlos E. Barros Rodrigues cebr2403@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

O IRÃ DO LULA

Reverenciado pelo petismo, Ahmadinejad, ao reprimir violentamente manifestantes iranianos que pacificamente homenageavam o povo egípcio e tunisiano pela derrubada de seus governos déspotas, mostra como o Lula foi irresponsável expondo o nosso País, ao se aliar a este ditador. Será que um dia a cúpula do PT vai ter moral e vocação para defender direitos humanos, e abaixo a corrupção com o brio deste povo iraniano?!

 

Paulo Panossian paulopanossian@hotmail.com

São Carlos

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

PASSAPORTES ESPECIAIS

 

É uma desmoralização para o Itamaraty a concessão de 328 (!!!) passaportes especiais nos últimos cinco anos. Políticos, religiosos, funcionários, os filhos do ex presidente Lula, parece que todo mundo recebeu o seu passaporte especial, mesmo em desacordo com a lei e sem merecimento. Gostaria que o ex presidente Lula se manifestasse a respeito, assim como Celso Amorim e Antônio Patriota. É um bom exemplo do nosso subdesenvolvimento, do nosso atraso, das nossas mazelas culturais e do desrespeito aos princípios da igualdade, moralidade e da legalidade, no Brasil.

 

 

Renato Khair renatokhair@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PARA INGLÊS VER

A preocupação de Dilma de mostrar ao mercado seu compromisso em conter a inflação justo em cima do salário mínimo mais parece uma piada de mau gosto; enquanto o seu salário de "presidenta" e de seus ministros tiveram um ajuste muito superior ao da inflação e a do legislativo superou os 60%, só pedindo: conta outra Sra.Dilma.

Leila E. Leitão leilaelston@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

O MÍNIMO É O MÁXIMO

O máximo foi aprovado, a favor dos próprios, em pouco tempo, nem foi necessário negociar os votos, estupendo! Esse "mínimo" é o máximo, quase 50 vezes menor que o máximo. O Povo está feliz, elegeu o seu candidato e agora vai ter o melhor salário mínimo, só tem que comemorar...País rico é país sem pobreza!

 

Luiz Dias lfd.silva@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

MÍNIMO X MÁXIMO

 

No embalo da quadrilha junina tão característica do vexame petista, a hipocrisia campeia na coletiva assumida pelos associados da mãe-joana que carrega, agora, o cofre . Os ilibados de todos os partidos asseveram que haverá inflação (??) caso o mínimo seja aumentado em míseros quinze reaizinhos . Esquecem-se, com a rapidez que a conivência pela culpa recomenda, que seus 60% de reajuste , na calada da noite e do ano, não devem ser questionados, mencionados, ou contabilizados no prejuízo do unzinho que perde seus quinzezinhos , que valem ao menos três ou quatro diárias de sobrevivência, na lama , na calçada e na farra de ver seu ilustre deputado engravatado na TV da loja da esquina . São milhares de anos que nos separam do povo egípcio, é certo, mas, na era da internet, não é mais possível crer na, ou, aceitar a, impunidade . Falta um brasileirinho corajoso atirar a primeira pedra, o resto virá por carreira, via Orkut, Facebook, fome e raiva . É só começar . E, não creia nos telejornais, são cooptados também .

Ronaldo Parisi rparisi@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

É POSSÍVEL?

O deputado federal ACM Neto(DEM-BA), na sessão de discussão sobre o valor do salário mínimo, disse da tribuna da Câmara que se cortassem gastos desnecessários daria para dar mais do que o governo propõe. Ótimo, deputado. Gostei da sugestão. Cortar gastos desnecessários. Que tal começando a cortar pela metade o salário de vocês e dos senadores, embora nem isto vocês valham. Aposto que dá para pagar um salário mínimo melhor do que o proposto pelo governo. Que tal? Encampa a proposta?

 

Panayotis Poulis ppoulis@ig.com.br

Rio de Janeiro

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

AGORA ENTENDI...

 

Por que o governo defende um aumento mínimo para um salário que já é mínimo e para os políticos defendeu um máximo para um salário que já é de marajá? Ah... porque se sabe que qualquer valor à maior para o bolso do povo tem impacto enorme sobre as contas...porque corresponde à remuneração de quase 30 milhões de trabalhadores formais e informais, fora os quase 20 milhões de aposentados. Já com os políticos é diferente, o impacto nem existe porque elles são proporcionalmente muito poucos...Quero lembrar que impacto quem sente é o povo, que , não bastasse a inflação a doer na mesa e no bolso, ainda tem que aturar a argumentação do governo tentando explicar a mixuruquice desse aumento ridículo. Para eles tudo, mas para o povo, ó!

 

 

Mara Montezuma Assaf montezuma.fassa@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

DESPROPORCIONAL

 

O insignificante e demorado aumento que se discute no Congresso não é nada proporcional ante ao que se concederam e num tempo comparável ao um bólido. É estranho que as partes interessadas não se contrapõem que o aumento ao "salário da fome" causará gigantesco déficit, com um raciocínio mediano, ele também produzirá maior consumo, maior imposto e maior contribuição previdenciária.

Anízio Menuchi amenuchi@uol.com.br

Praia Grande

 

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

PARA QUÊ?

Diante de tantas ameaças e obrigatoriedade, para que oposição? O montante gasto com essa parcela de deputados e seus asseclas, que não servem pra nada, repassem aos aposentados, ora!

 

Elaine Navarro elainenavarro.pa@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

PRESSÃO

 

A aprovação índice de reajuste do salário mínimo mostra algumas questões que merecem destaque. Como o fato de que nos últimos anos o valor teve uma evidente evolução, com reajustes anuais que superaram em muito as previsões dos mais otimistas. O valor atual supera os trezentos dólares. Mas está ainda muito aquém do que determina a Constituição dos idos de 1988. E quase não se toca neste assunto. Outra questão a destacar é que faz tempo que a questão não tem destaque nas lutas sindicais e isto pode ser constatado nesses meses que antecederam a data de votação. Há manifestações de alguns dirigentes sindicais, mas a massa, principalmente de aposentados e pensionistas não foi tão sugestiva nas manifestações necessárias. Mas enquanto o Governo discute com as Centrais Sindicais e alguns deputados, sabe-se que número significativo de Prefeitos de todo o Brasil tem pressionado seus representantes parlamentares a não exagerar no valor a ser votado, para não atrapalhar seus orçamentos. Como se conclui, ainda vai levar muito tempo para que as questões abrangentes e que atingem uma ampla gama de interesses serão debatidas em termos da repercussão na economia e num clima político de alto nível, sem interesses corporativos. E pensar que o

Governo usa de pressão para a aprovação de sua proposta, ameaçando alguns interessados em relação a cargos públicos.

 

 

 

Uriel Villas Boas urielvillasboas@yahoo.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

SALÁRIOS E SALÁRIOS

A discussão dos diferentes valores para o salário mínimo é vergonhosa. Como a chantagem é presente nesse momento. Tendo uma correção que cubra a inflação ou pouco mais está ótimo na situação atual. Pois nós, classe média, seríamos atingidos em cheio com essa benevolência falsa dos R$ 600. Pagamos nossos empregados e não temos o mesmo reajuste em nossas atividades . Afinal, não recebemos como os políticos que descaradamente jogam seus salários nas alturas e ninguém diz nada, pois "tudo está dentro da lei". Que País é esse, gente?!

 

Odilon Stefani dilostefani@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

VOTAÇÃO DO MÍNIMO

Poderes Legislativo e Executivo amarrados pelo rabo.

Roberto Twiaschor rtwiaschor@uol.combr

 

São Paulo

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

A PERGUNTA QUE NÃO QUER CALAR

 

Uma servidora do Supremo Tribunal Federal, perguntou no Twitter do STF: "Agora que o Ronaldo se aposentou, quando será que o Sarney vai resolver pendurar as chuteiras?" e foi demitida. O resto da população que faz essa pergunta a 57 anos, também continua sem resposta...

 

 

Victor Germano Pereira victorgermano@uol.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

FUNCIONÁRIA TERCEIRIZADA

"Funcionária terceirizada?", afirmou o STF no pedido de desculpas. Redundância incabível ou não? Ou é "funcionária" ou é "terceirizada". Uma coisa não tem nada a ver com a outra. Com a palavra o STF.

Nicanor Amaro Silva Neto nicanoramaro@yahoo.com.br

Bauru

 

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

UMA PERGUNTA

O direito brasileiro só permite terceirização do serviço de limpeza e segurança (Súmula 331, TST). Como que a moça da faxina acessou a conta do STF no Twitter?!

 

Leandro Coelho leandroancoelho@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

SALÁRIO DOS VEREADORES

 

Os vereadores de São Paulo, não estão nem aí, muito menos preocupados se o aumento de 61% a receberem é inconstitucional. Pois pra eles só interessa dinheiro no bolso, o "resto é resto".

 

Angelo Tonelli angelotonelli@yahoo.com.br

São Paulo

 

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

CHUVAS

Como o período das chuvas aproxima-se do final, a Prefeitura de São Paulo já anunciou a recuperação de 58 ruas. É um trabalho insano que é feito a cada ano e já consumiu mais de R$ 527 milhões para a recuperação de vias na cidade desde 2005. Nenhum outro prefeito investiu tanto no recapeamento de ruas como a administração Serra-Kassab. Se ao longo dos anos a manutenção tivesse sido feita por outras administrações, provavelmente a Prefeitura gastaria menos dinheiro com este serviço e poderia investir mais em educação e saúde.

 

Macmiller Ribeiro macmilleribeiro@gmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

 

PAULISTA NO ESCURO

A iluminação recém-inaugurada e a calçada em ordem da Avenida Paulista não chegou ao trecho final da via onde há escuridão e calçadas ruins, segundo informou a Folha em "Reforma não chega ao lado B da Paulista". Li que a troca de postes feita pela AES Eletropaulo na Avenida Paulista custou R$ 3,5 milhões e que foi feito um acerto de contas entre a Prefeitura e a empresa para equacionar débitos anteriores a 2005 pendentes. Protesto! Os maus prefeitos que passaram pela administração da cidade e deixaram de pagar as contas de luz deveriam ser obrigados a pagar do próprio bolso a dívida ou terem a luz de seus imóveis cortada como acontece com qualquer paulistano que não paga a conta de luz.

Tiago Vinícius Matos matostv@hotmail.com

São Paulo

 

 

 

 

 

 

_________

 

 

 

 

 

 

 

 

O CORRETOR DE IMÓVEIS

 

O aquecimento do mercado imobiliário brasileiro, motivado em parte pelo expressivo aumento do volume de financiamentos, colocou em evidência a corretagem imobiliária. O corretor de imóveis - profissional aprovado em curso técnico ou superior e registrado no Conselho Regional de Corretores de Imóveis (CRECI), autarquia federal com representação em todos os estados brasileiros - viabiliza o direito fundamental à propriedade, preceituado na Declaração Universal dos Direitos Humanos e na Constituição Federal. O processo de intermediação imobiliária conduzido pelo corretor de imóveis também incrementa significativamente o Produto Interno Bruto (PIB) do país. A corretagem imobiliária, realizada de conformidade com o Decreto nº 81.871/1978, que a regula, transforma em realidade o acalentado sonho da casa própria e gera pujantes riquezas para o Brasil.

 

Túllio Marco Soares Carvalho

Belo Horizonte

 

 

 

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.