Cartas - 20/08/2010

CAMPANHA ELEITORAL

, O Estado de S.Paulo

20 de agosto de 2010 | 00h00

Cuidar do povo?

O presidente Lula diz que quer ganhar as eleições, que vai cuidar do povo... Como está cuidando dos aposentados?! Mas ele é candidato? Não é a sra. Dilma?

Sergio L. P. de Mello slpmello@ig.com.br

São Paulo

____________________

CONTINUÍSMO

Se Lula quer tanto continuar governando, por que não se candidatou a vice na chapa de Dilma?

Cláudio Moschella arquiteto@claudiomoschella.net

São Paulo

____________________

TUDO EM MÃOS ÚNICAS

Agências reguladoras sendo esvaziadas pelo atual governo, o Estado criando as suas próprias; o TCU sendo engolido pelo Executivo; o Legislativo totalmente comprado; o aparelhamento de Ministérios e outras instituições; a ideia de que Lula é o salvador da Pátria sendo incutida na cabeça da população, o "paizão"; a figura da "mãe" do Brasil surgindo agora na pessoa de Dilma... É, não dá para não pensar que um plano preconcebido possa estar em andamento, conforme sugere o editorial Um plano em execução (18/8, A3). Mais atentos e alertados do que estamos, impossível. Mas o que fazer para impedir o estigma autoritário que parece estar surgindo rumo ao retrocesso?

Myrian Macedo myrian.macedo@uol.com.br

São Paulo

____________________

PASSADO

A sra. Dilma contesta o sr. Serra e diz que é preciso olhar o passado, para valorizar as conquistas do presente e planejar o futuro - dela, claro. Só o povo mais humilde, pobre e com pouca escolaridade não sabe do passado da sra. Dilma. Por que tanto receio em divulgar o seu verdadeiro passado?

Luiz Dias lfd.silva@uol.com.br

São Paulo

____________________

CALADO DEMAIS

Fica no ar o porquê de o candidato José Serra se calar diante das denúncias de Dilma Rousseff haver participado de guerrilhas. Veja-se no Estadão de quarta-feira que o STM esconde a sete chaves por que motivo Dilma foi presa durante a ditadura militar. O povo quer saber mais, e em detalhes, o papel de Dilma quando guerrilheira. Ela é ficha-limpa?

Alcyr Pereira consultor-ap@hotmail.com

São Paulo

____________________

ÓTICA

Disse a ministra: "Aprovamos o Plano Real..." De fato, "é preciso olhar o passado", mas, sob a ótica da mentira, a imagem é sempre distorcida.

A. Fernandes standyball@hotmail.com

São Paulo

____________________

AGRICULTORES X MST

Quem é que a candidata Dilma apoia, em sua campanha, os agricultores ou o MST?

Cícero Sonsim c-sonsim@bol.com.br

Nova Londrina (PR)

____________________

MOVIMENTOS SOCIAIS

Perguntar não ofende. Por isso, tendo em vista que invadir e destruir propriedade alheia, manter em cárcere privado os empregados, ameaçar, roubar, etc., são crimes capitulados no Código Penal Brasileiro e, portanto, condutas antissociais, pergunto: o MST é movimento social? P. S.: Sei que vou receber e-mails insultuosos, mas a verdade deve ser dita.

Adelina Bitelli Dias Campos, procuradora de Justiça aposentada

adelinabitelli@uol.com.br

____________________

SÃO PAULO

O candidato Mercadante

O aspirante a governador fala em melhorar um Estado quase na penúria. Está faltando tudo. Tudo está por fazer. Parece referir-se ao Maranhão. Deve ser porque depois de oito anos em Brasília, com a missão única de defender Lula, desconhece o Estado que pretende governar.

Mario Helvio Miotto mhmiotto@ig.com.br

Piracicaba

____________________

SAKINEH

John Donne

Editor da primeira antologia bilíngue de poemas e sermões de John Donne, traduzidos com maestria pelo saudoso professor Paulo Vizioli, registrei uma oportuna coincidência na edição de quarta-feira do Estado. Dois articulistas do jornal, José Nêumanne (A2) e Roberto DaMatta (D12), a propósito do homicídio em progresso da viúva Sakineh Mohammadi Ashtiani, patrocinado pelo Jason Voorhees iraniano, citam aqueles que talvez sejam os versos mais famosos do grande poeta metafísico inglês (infelizmente, pouco divulgado entre nós), entre eles, o célebre "os sinos dobram por ti". Sim, lamentaria Donne, os sinos dobram pela infortunada mulher e assim permanecerão enquanto fundamentalistas, déspotas e políticos canalhas seguem fazendo toda espécie de vítimas até que sejam ejetados da face da Terra.

J. C. Ismael jcismael@ig.com.br

São Paulo

____________________

CFM

Abusos e excessos

Com relação à reportagem CFM desiste de restringir viagens de médicos pagas por laboratórios (16/8, A13), ressaltamos que o tratamento dado ao tema não condiz com o conteúdo da entrevista concedida. Ao contrário do que foi publicado, nunca houve desistência ou recuo. O assunto continua na pauta do Conselho Federal de Medicina (CFM), cuja meta é criar condições para o exercício ético da profissão e a defesa dos interesses da população. O combate aos abusos e excessos é tema prioritário para a instituição. O que explicamos à reportagem é que o assunto continua sendo discutido com os representantes da indústria e de outras entidades, em busca de uma solução consensual e criteriosa. A cautela é importante para garantir que as medidas a serem tomadas alcancem os objetivos desejados.

Roberto Luiz D"avila, presidente do CFM bthiago@cfm.org.br

Brasília

____________________

A repórter Fabiane Leite responde: O texto da reportagem informa exatamente a explicação dada pelo presidente do CFM - em entrevista gravada e acompanhada pela assessoria - de que não haverá uma resolução do órgão sobre o tema, o que criaria um impedimento legal para as viagens. Foi nesse sentido que o título informou que o órgão desistiu (não aplicará mais esse impedimento legal). O texto informa também, conforme o declarado, que será perseguido um acordo de cavalheiros com a indústria.

____________________

"Serra está igual à seleção do Dunga no segundo tempo do jogo contra a Holanda. Ou ele parte para o ataque ou perde a eleição"

WALTER MENEZES / SÃO ROQUE, SOBRE A CAMPANHA ELEITORAL

wm-menezes@uol.com.br

____________________

"Com José Dirceu "calçando" o mandato de Dilma, é

certo que Lula voltará em 2014 para cumprir o plano do PT: 20 anos no poder!"

CONRADO DE PAULO / BRAGANÇA PAULISTA, IDEM

conrado.paulo@uol.com.br

____________________

"As locadoras de vídeos agradecem o enfadonho e mentiroso horário político"

FERNANDO FARUK HAMZA / RIO DE JANEIRO, IDEM

botafogorio@bol.com.br

____________________

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 2.753

TEMA DO DIA

Candidatos reais vão concorrer a "Cacareco"

Tipos como Tiririca, Mulher Pera e Agenor Bisteca ampliam espaço no horário eleitoral gratuito na TV

"É duro cobrar algo do povo se o que aparece todo dia são tais palhaços. Não me surpreenderá se a Mulher Pera for eleita."

MARIANA MENDES

"Eles têm direito a concorrer. Cada um vota em quem quiser. Se você seguiu o trabalho do Congresso, sabe em quem votar."

ALESSANDRO ADINOLFI

"Levar a sério a eleição? Como acreditar em alguém como Tiririca, que ignora o cargo que disputa. É tirar sarro do eleitor."

EDILAYNE LOPES

____________________

Cartas enviadas ao fórum dos leitores, selecionadas para o estadão.com.br

MENDIGO SOLIDÁRIO

Li com espanto e admiração no Caderno2 do Estadão de ontem (19/8)

minúscula nota no rodapé da página 2, com o título "Cena sui generis"''.

Este caderno do jornal é dirigido a intelectuais, ligados às artes, cinema,

teatro, TV, etc., e também à vida social de pessoas ilustres e alhures.

A página, com a coluna Direto da Fonte, é assinada por Sonia Racy.

Justamente aí esta o espanto da ''''cena sui generis''''.

Pelo conteúdo da nota e pelo fato inusitado que representa, ela

merece ser transcrita na íntegra também no Fórum dos Leitores, porque o fato narrado ali traz uma incrível ação espontânea de amor,

solidariedade e lição de vida, vejam só, que tem como protagonista um

mendigo sujo e esfarrapado. Eis a íntegra da notinha: "Morador de

rua entrou anteontem em uma Drogasil no Paraíso. Sujo e esfarrapado,

andou em direção ao caixa. Ali, depositou uma moeda no cofre da AACD

e saiu. A atendente da farmácia diz que o homem repete a cena todos os

dias."

José Carlos de Sylos

São Vicente

____________________

POBRE VENEZUELA

A estupidez humana é capaz de produzir episódios trágicos. Num dos períodos mais duros da ditadura militar no Brasil, várias vidas poderiam ter sido poupadas, não fosse a brutalidade da censura, que impedia a divulgação da existência da epidemia de meningite. Pelo visto, os ditadores de plantão, como Hugo Chávez, não aprendem nada com a História e tentam "amenizar" e mascarar a realidade com a censura aos jornais. Lastimável.

Luiz Nusbaum lnusbaum@uol.com.br

São Paulo

____________________

O EXEMPLO DA VENEZUELA

Na edição de ontem do Estadão, na primeira página, vemos a atitude

corajosa do jornal El Nacional, de Caracas, reagindo à censura imposta

pelo amigo do nosso PresidenTe, através do seu ''judiciário''. Tal reação espelha a do Estadão, que durante a ditadura publicava, no

espaço destinado aos artigos censurados, receitas de bolo e/ou versos

camonianos. Entretanto, para espanto dos leitores, nosso jornal não usa do mesmo

recurso no atual governo, quando está, igualmente, sofrendo censura

por parte da família proprietária do Maranhão, também promovida pelo

judiciário local. Qual seria a diferença?

Nelson Carvalho nscarv@gmail.com

São Paulo

____________________

CENSURA

Não devemos nos espantar com a censura imposta ao ''El Nacional'' da Venezuela, afinal, o Estadão, aqui no Brasil, em pleno 2010, está igualmente censurado, só que há exatos 385 dias.

Pedro Sergio Ronco sergioronco@uol.com.br

Ribeirão Bonito

____________________

VAMOS CENSURAR O PRESIDENTE

O Brasil do futuro começa a mostrar sua cara. Ainda bem que se pode dizer que há tempo de ser reconhecidas. Nosso presidente deveria chamar-se LUÍS HUGUINÁCIO LULLA CHÁVEZ DA SILVA. Tanto lutou pela democracia (anistiado político) e com a maior cara de pau se coloca contra ela. Lamentável!

José Jorge Ribeiro da Silva jjribeiros@yahoo.com.br

Campinas

____________________

DILMA E A LIBERDADE DE IMPRENSA

É engraçado como na campanha vale tudo, até posar de democrata. Pega leve, dona Dilma. O Estadão está há meses sob censura. Já que a senhora é a favor da liberdade de imprensa, peça uma audiência ao seu tutor (caso ele se encontre em Brasília) e mande-o dar uma canetada e impor ao STF a liberação de nosso querido jornal. Salvo se os forem contra a LIBERDADE DE IMPRENSA. Aí deixa como está que tomaremos nossa conclusão.

Gilmar Henrique dos Passos gil_passos@terra.com.br

São Paulo

____________________

ESTADÃO SOB CENSURA E NÓS TAMBÉM

O fato de o presidente da Republica poder escolher e nomear os ministros dos tribunais superiores a seu bel-prazer é a razão de estarmos sob censura. Diariamente leio que o Estadão ficou mais um dia censurado por nos ter fornecido informações sobre falcatruas do clã Sarney. Quarta-feira, li que o Superior Tribunal Militar proibiu que se publiquem dados da "ficha limpa" da presidenciável Dilma Rousseff e com isso o grande público leitor do Estadão não pode checar a veracidade das tenebrosas informações sobre essa candidata que circulam na internet. Se for verdade que ela não tem nenhum fato que macule sua personalidade, por que não pede ao seu todo-poderoso manto protetor que determine a suspensão dessas censuras? É o que gostaríamos que acontecesse, se é que estamos num país de plena democracia política.

Raul S. Moreira raulmoreira@mpc.com.br

Campinas

____________________

NÃO SABIA?

O ministro-chefe da Secretaria de Comunicação da Presidência da República, sr. Franklin Martins, rebateu os comentários do candidato José Serra a respeito da LIBERDADE DE IMPRENSA, dizendo que esta, no Brasil, É SAGRADA.

Ora, pois, pois: será que ele tem conhecimento de que o Estadão está sob censura há 385 dias, bem como as emissoras de rádio e TV estão impedidas de fazer comentários relativos a todos os candidatos? Isso sem citar a proibição de nossos humoristas, nos esquetes, fazerem alusões à nossa política.

Rubens Colonezi

São Paulo

____________________

POR FALAR EM CACHAÇA

Dois assuntos ventilados no noticiário desta semana se contrapõem. Primeiro, o presidente Lula diz que, terminado o seu mandato, vai poder tomar cachaça sem medo de ser fotografado. Segundo, a negativa de Franklin Martins de que o governo utiliza métodos para intimidação da imprensa (sem falar nos de Sarney), conforme afirmação de Serra.

Desses dois episódios vem a pergunta: se o desejo de Lula é esse, então, por que a tentativa de usar a agora já extinta Lei da Imprensa para expulsar, em 2005, o jornalista do jornal The New York Times por ter cogitado de que Lula abusava da caninha? Finalmente se admite que era verdade? Por que ameaçar o jornalista? Até mesmo porque para isso foi necessário usar de uma lei da época da ditadura.

Márcio M. Carvalho

Bauru

____________________

SIMPATIAS QUE PREOCUPAM

O que preocupa não é só o que o déspota Hugo Chávez vem fazendo com a democracia de seu país, censurando judicialmente o jornal El Nacional para que não publicasse imagens da falência de seu regime insano, com um necrotério lotado de cadáveres em tempos de paz, mas os elogios e a simpatia que despertou e ainda desperta em Lula e na sua candidata, agora com chances de se tornar a próxima presidente. Está chegando o tempo de extravasarmos nossos sentimentos por tudo o que está aí.

Peter Cazale pcazale@uol.com.br

São Paulo

____________________

MAUS PAIS DO POVO

Não seria conveniente que José Serra se ocupasse em mostrar mais, em seu horário eleitoral, junto às suas propostas, os traços do viés autoritário do PT e de Lula? Eles estão aí pra quem quiser ver: amizade com ditadores, fabricação de dossiês contra adversários, tentativas de usurpação da liberdade de imprensa... Será que são esses ''pais do povo'', apegados a valores morais de gosto tão duvidoso, que queremos para governar um país deste tamanho?

Henrique Brigatte hbrigatte@yahoo.com.br

Pindamonhangaba

____________________

CAMPO DE CONCENTRAÇÃO

Dizia Jorge Luis Borges que não existe nada mais sólido que o passado. Por mais que tentemos afastá-lo, ele sempre volta. E agora volta com força na matéria publicada pela TV Record revelando a existência de um campo de concentração, num subúrbio de São Paulo, durante os ''anos de chumbo'', instalado no sítio ''31 de Março'', de propriedade de um tal ''coronel'' Fagundes, zeloso colaborador da ditadura, onde foram

torturados até a morte centenas de opositores do regime. Nesse Auschwitz caboclo foram cometidos crimes contra a humanidade, que não prescrevem nem podem ficar impunes. Com a palavra a presidenciável Dilma, antiga ''partisan'' da luta contra a

ditadura. Fará Justiça?

Arsonval Mazzucco Muniz arsonval.muniz@superig.com.br

São Paulo

____________________

GEMIDOS MENTAIS

Após tomar ciência do teor da carta enviada ao Foro de São Paulo pelo "lame duck" que ainda

habita o Alvorada, à nação estupefata resta apenas gemer mentalmente qual uma anêmona do mar.

Sem ter a quem reclamar, vê o resultado da ganância do PMDB, que a troco de algumas migalhas

cerceou as CPIs capazes de terem evitado a fatalidade da direção ao "bolivarianismo".

Caio Bastos [mailto:cblucchesi@yahoo.com.br]

São Paulo

____________________

REPÚBLICA SINDICALISTA

O que é palpável, depois de oito anos de governo Lula, somados

aos próximos quatro que se avizinham de PT com Dilma, é a estrutura

minuciosamente construída de uma República sindical no Brasil.

Sindicatos são instituições representativas reivindicatórias

de classe, portanto, teoricamente independentes do Estado e do poder privado.

Entretanto, por aqui viraram o corpo do Estado, dando as cartas dentro dos três Poderes,

como nunca antes visto neste país e quiçá em nenhum outro do mundo.

Sarney, Collor, Temer e outros são apenas marionetes segurando seus currais

votando no PT.

Francisco José Sidoti fransidoti@terra.com.br

São Paulo

____________________

TERCEIRO MANDATO

Lendo o editorial de ontem (19/8, A3), não senti medo como Regina Duarte, nem

arrepios como Jabor, mas uma grande sensação de PÂNICO.

Dina Palma rcpalma@uol.com.br

São Manuel-SP

____________________

PIOR QUE O JABOR ESTÁ CERTO

Assim como o Jabor, eu também passei por todos os momentos citados e sinto que caminharmos para um ponto de difícil retorno. E mesmo se isso acontecer, ele custará caro, muito mais caro, como foi a volta à normalidade pós-golpe de 64. Quando se fala do golpe de 64, muita gente hoje questiona se valeu a pena devolver a normalidade para chegar a isso que está aí. Eu sou um a pensar assim.

Laércio Zanini arsene@uol.com.br

Garça

____________________

O ENIGMA LULA

Lula é um enigma. No primeiro programa da propaganda eleitoral obrigatória, na noite de 17 de agosto último, Lula disse: "Na minha primeira noite no Palácio do Planalto, como presidente, pedi a Deus que me ajudasse a escolher auxiliares para fazer um bom governo e Deus me atendeu." Dentre os 30 e tanto ministros que se revezaram nos últimos oito anos, os ex-ministros Benedita, Anderson, Dirceu, Rondeau, Matilde, Jucá, Palocci, Gushiken e Guia foram afastados por envolvimento do erário em delitos e corrupção, muitos deles associados com escândalos que ficaram conhecidos como mensalão, bingos, sanguessugas, ambulâncias, vampiros, etc... Onde localizar o enigma? Ora, o "cara", embora pouco ilustrado, burro não é. Então, ao jogar no lixo sua biografia por engajar, de forma indecente, toda administração do governo e estatais na campanha da candidata de sua preferência, de duas, uma: ou a vitória da oposição irá expor a maior fraude jamais perpetrada por um governo neste país, ou elle não acredita que não é possível enganar para sempre os 80% de brasileiros desavisados que o apoiam.

José Sebastião de Paiva j-paiva2@hotmail.com

São Paulo

____________________

PASSADISTA

Mais uma vez no palanque (Salgueiro, 18/8), Lula acusa FHC de não investir em ensino profissionalizante no Nordeste. Em seguida ataca dom Pedro II de não levar à frente a obra da transposição do Rio São Francisco. Logo, logo, vai acusar Pedro Álvares Cabral como culpado por ter descoberto o Brasil...

Jorge Zaven Kurkdjian zavida@uol.com.br

São Paulo

____________________

FICHA LIMPA PARA PRESIDENTE

É claro que a Dilma já levou. Porém o que nos resta é lamentar a oportunidade perdida e o que teremos pela frente com essa moça.

Vamos lembrar que ela nunca foi uma democrata, seus tempos de bandoleira priorizavam uma ditadura socialista e sanguinária como a de Fidel Castro. Seus atos delituosos de então, por razão que não posso entender, não são lembrados pela mídia nem pelos partidos de oposição, mas na internet, que, infelizmente, não chega aos 50% de eleitores que não têm primeiro grau. Esses fatos são gravíssimos, como no caso do envolvimento de seu grupo no assassinato cruel do recruta Kozel Filho em São Paulo, de assaltos vários, do desaparecimento de US$ 2,5 milhões que estavam no cofre do Adhemar de Barros, no sequestro de embaixadores... Dilma deveria esclarecer todos esses pontos negros que pairam sobre sua atividade passada e como isso pode interferir na sua condição de futura ''laranja'' de Lula e, pior, responsável pelos problemas homéricos que cercam o nosso país.

Embora idoso, e talvez não veja os infortúnios que certamente estão por vir, estou apavorado com o futuro de meus filhos e netos.

Fernando José Alves www.ferclea@uol.com.br

São Paulo

____________________

EMBRATEL E CVM

Mais uma de Lulla e seus petralhas. A Embratel soltou um edital para recompra de ações da NET. Segundo o edital, a oferta era irrevogável e imutável desde que não ocorressem fatos estipulados no edital (queda de 20% no Índice Bovespa, queda de 20% no dólar, entre outros). Nada disso ocorreu e, no entanto, a empresa modificou a data do leilão do dia 9/9 para 29/9, fazendo com que os investidores perdessem 20 dias de aplicação dos recursos e corram mais risco de que aconteça algum dos fatos que cancelam a oferta. Além disso, agora a empresa só recomprará a totalidade das ações ofertadas caso as ofertas atinjam dois terços do total, sendo que anteriormente não havia condições. Ou seja, o investidor está sendo triplamente prejudicado. O pior, e aí que entra o desgoverno Lulla, é que os comentários são de que as mudanças ocorreram por exigência da CVM, órgão que deveria proteger os investidores e, ao invés disso, está prejudicando. Depois do que fez com a Petrobrás, cujas ações estão despencando graças aos petralhas que lotearam a empresa, prejudicando trabalhadores que têm o FGTS aplicado em ações da empresa, só faltava essa do desgoverno Lulla.

Luiz Henrique Barros luiz67@msn.com.br

São Paulo

____________________

PADRINHO

Está na hora de o candidato José Serra atacar mais a adversária Dilma Rousseff na propaganda eleitoral gratuita, para mostrar aos eleitores menos avisados quem realmente ela é e qual a sua proposta, porque até o momento quem está fazendo a campanha é o seu padrinho. Saber dela, e não do padrinho, o porquê do crescimento pífio do Brasil na área socioeconômico, uma vez que o País só cresceu mais do que o Haiti, a Venezuela e o Paraguai; questionar sobre a corrupção neste governo, o mais corrupto de todos os governos anteriores; sobre a crise na educação e na saúde; sobre a dívida interna, que já deve estar beirando a casa dos trilhões de reais; sobre o aparelhamento do Estado nas mãos de pessoas despreparadas para os cargos que ocupam. Enfim, saber o que a candidata fez e o que fará sem a sombra do seu protetor, se for eleita.

José Wilson de Lima Costa jwlcosta@bol.com.br

São Paulo

____________________

ESTOU ME SENTINDO DOENTE

Acabei de assistir, no horário eleitoral gratuito pago por nós, ao programa de José Serra e já estou me sentindo um doente.

Grima Grimaldi grimagri@terra.com.br

São Paulo

____________________

PAU DE ARARA

Deve estar imbuído nas mentes dos nordestinos, nortistas e, principalmente, dos mineiros o lema: nunca votar em paulista para presidente. São Paulo só serve quando estão doentes e sem emprego. Se votassem no Serra, teriam hospitais, casa, trabalho e ficariam por lá mesmo. Seria bom para todo Brasil.

José Francisco Peres França josefrancisof@uol.com.br

Espírito Santo do Pinhal

____________________

DESAFIO SUS

Como cirurgião cardíaco que sou, gostaria de lançar um desafio.

Qual autoridade brasileira se trataria num hospital que atenda ao SUS, fora da cidade de São Paulo? Em tempo, a cúpula do governo federal trata-se num hospital privado de São Paulo.

Mário Issa drmarioissa@yahoo.com.br

São Paulo

____________________

INCONFORMISMO NÃO BASTA!

O descaramento deste governo é tanto que deve estar gargalhando e dizendo: ''Enquanto os cães ladram a caravana passa''. Agora um abraço, Inês é morta. Já tiveram a sua vez.

Ao invés de ficar esperneando e gemendo, já não é passada a hora dos inconformados saírem do comodismo de suas confortáveis tocas e suas canetas e irem para as ruas protestar para mudar este estado de coisas? inconformismo e revolta só não bastam.

Vejamos o Estadão de ontem: os juízes federais querem mais mordomias. Estes merecem mais benefícios e privilégios, mas de acordo com a produção, principalmente no julgamento de políticos e autoriades, a começar pelos mensaleiros. Se querem isonomia, que se adote a '' meritocracia'' adotada por Serra para promover e aumentar salários dos professores estaduais.

O Tiririca é uma aberração eleitoral (que lembra bem o cacareco), juntamente com Mulher Pera, Angenor Bisteca, Tati Quebra-Barraco, Simony, Tetraneto do Zumbi, etc., etc.

Mas pelo menos estes, por enquanto, têm ficha limpa. E por isso merecem respeito. Piores são os tradicionais (já conhecidos) corruptos de elite, de carteirinha, useiros e vezeiros na corrupção, que os tribunais protelam julgar.

Deveria haver uma punição também para quem votasse nos tais fichas-sujas. Só corrupto vota em corruptos. Ora, não há punição para ambas as partes no caso de prevaricações/corrupção ativa e passiva?

Tem candidato preso que entrou com recurso para ter seu registro no Tribunal Eleitoral. Um outro, que mandou matar fiscais federais do trabalho numa ciadade do interior de Minas, elegeu-se e reina leve e solto, enquanto seu processo privilegiado aguarda nas prateleiras da Justiça até à prescrição.

Sebastião Pereira jardins@oadministrador.com.br

São Paulo

____________________

AGORA OU NUNCA

As eleições estão chegando e a impressão que estamos tendo através das pesquisas é que o eleitor brasileiro até hoje não se conscientizou de que, em 1964, não foi esse pessoal que está no poder que pediu mudanças, foi o grito uníssono do povo nas ruas que as exigiu. A maioria que hoje está nos Poderes da República e se diz guerrilheira para receber polpudas indenizações usou aquele momento para enganar a população e tentar implantar no País um sistema de governo terrorista, com muitos atentados, assaltos, sequestros e até mesmo assassinatos. Fundaram um partido político para lhes dar guarida e garantir o poder perpétuo para todos os guerrilheiros/terroristas. O grito do povo precisa ser ouvido novamente, desta vez para combater nas urnas quadrilhas formadas para a prática de peculato, falsidade ideológica, evasão de divisas, lavagem de dinheiro, corrupção ativa, corrupção passiva e gestão fraudulenta. A turma é gigantesca. Se prestarmos atenção, vamos ver que no interior do nosso Rio de Janeiro o trabalho desse pessoal para as eleições de 2010 está tendo uma cobertura financeira violenta. Estamos sentindo que existe uma aliança de todos com todos. Eles não podem perder. Com certeza, não é essa a democracia que pedíamos em 1964. Precisamos mostrar a esses aproveitadores que nos cansamos deles. A salvação é agora ou nunca mais.

Leônidas Marques leo_vr@terra.com.vr

Volta Redonda RJ

____________________

PARTIDO DOS TRABALHADORES?

Um dia destes me perguntaram por que desconfio sempre das ações dos petistas. Minha resposta foi simples: porque o PT nunca deixou de ser uma grande fraude nacional. É uma pena que o nosso país esteja na iminência de cair nas mãos de uma quadrilha tão sofisticadamente bem organizada.

Sergio S. de Oliveira ssoliveira@netsite.com.br

Monte Santo de Minas (MG)

____________________

MITOLÓGICA

Reza a lenda que Zeus se teria apaixonado por Métis. Há inúmeras versões, mas todas convergem num ponto. Um dia, Zeus experimentou uma terrível dor de cabeça. Convocado, Hefestos, ou teria sido Prometeu, Hermes ou Palaemon, partiu-lhe a cabeça, com um golpe certeiro de machado e de lá saiu Atena, já investida de armadura e capacete, soltando um poderoso grito de guerra. A cabeça de Zeus experimentou imediata cicatrização. Nem foi preciso recorrer a Pitanguy, no Olimpo tudo se passava de maneira fácil, sem precisar do Hospital de Base.

Nosso Zeus não precisa de nenhuma apresentação Antes dele, o caos, depois, a redenção. A dor de cabeça pode ter sido causada pelo mensalão e a deusa que nasceu da cabeça dele, pronta com um sorriso de guerra, adivinhem quem é.

Alexandru Solomon asolo@alexandru.com.br

São Paulo

____________________

BIBELÔ

Política é coisa para gente forte. Se Dilma Rousseff não pode enfrentar um confronto mais ácido, nem deveria ter-se lançado candidata. Escudar-se no fato de ser mulher para não enfrentar questões mais espinhosas ou mesmo encarar algum duelo verbal em debates é coisa de quem não tem força e firmeza necessárias para a função de governar um país. Não há por que poupá-la. As mulheres, em geral, enfrentam discussões e ataques mais duros com valentia e até com mais coragem que muitos homens. Com suas queixas e insinuações sobre uma suposta agressividade maior de Serra, Dilma apenas mostra que não tem estofo para a missão que assumiu. Não podemos ter um ''bibelô'' frágil e indefeso no comando do País.

M. Cristina da Rocha Azevedo crisrochazevedo@hotmail.com

Florianópolis

____________________

SACUDIDA

O PSDB está completamente perdido na elaboração da propaganda eleitoral destinada ao horário gratuito da televisão do José Serra. Na verdade, precisa ser mais ousado e muito mais objetivo, até mais agressivo, para poder atingir e mudar essa opinião do voto da população. Agora eu pergunto: não teria sido muito melhor e mais confortável pra o PSDB indicar Aécio Neves como candidato a presidente e José Serra a vice? Acredito que dessa forma as chances seriam muito maiores, mas, como se diz, agora não adianta chorar pelo leite derramado, vamos sacudir esse pessoal para reverter essa tendência.

Angelo Tonelli angelotonelli@yahoo.com.br

São Paulo

____________________

PESQUISAS DE OPINIÃO E ELEIÇÕES

Li com muita atenção a longa carta do leitor sr. Alexandru Solomon fazendo pertinentes observações a respeito das pesquisas de opinião (19/8). Concordo com todos os argumentos e exemplos apresentados, mostrando os fatores que podem, voluntária ou involuntariamente, influenciar as pesquisas. Em função disso espero que os resultados finais sejam diferentes daqueles apresentados atualmente. Mesmo assim, acho que os estrategistas da campanha de José Serra precisam perceber que a maioria do eleitorado do PT não é sensível a argumentos racionais e a complicadas teorias econômicas e tanto menos ao cavalheirismo e à elegância na disputa. Está mais do que na hora de a campanha passar a utilizar a linguagem do povo, explicando o significado de fatos como o aparelhamento do Estado, usando termos como "panelinha", falando claramente da corrupção, do mensalão, do mensalinho, do dinheiro nas malas, nas cuecas, nas meias, do altíssimo custo do funcionalismo cada vez mais disponibilizado a favor dos amigos ou dos amigos dos amigos, da impunidade. Está na hora de chamar os perdoáveis desvios de conduta com a palavra roubo, dizer que os vários trenzinhos da alegria estão tirando o dinheiro do bolso do povo. Está na hora de mostrar com imagens cruas todas as dificuldades enfrentadas com a saúde, a educação, a moradia, a burocracia, mostrar que as realizações do governo são mais virtuais do que reais e que grande parte do Brasil continua sendo apenas o país do futuro.

Franco Magrini framagr@ig.com.br

Cachoeira Paulista

____________________

PENSE NISSO!

Direto e reto: dois candidatos paulistas ao Senado serão guindados a Brasília. Muitos são os pretendentes, desde o funqueiro neoevangélico Netinho, passando por Tuma, Marta, Aloysio Nunes e Quércia. Marta está colada como sombra risonha em todas as imagens em que Dilma aparece nesta campanha e, segundo pesquisas, está com votos garantidos para ser eleita. Isso acontecendo, depois de outubro teremos Marta junto a Eduardo Suplicy representando São Paulo como senadores. Para alguns paulistas, é mosca no mel, mas, para muitos outros, é dose para elefante.

Portanto, espero que neste quesito nós, eleitores de São Paulo, saibamos perceber o risco que nosso Estado corre de ser ''equivocadamente'' representado no Congresso, por isso alerto: sejamos bastante pragmáticos na hora de escolher nossos candidatos ao Senado, porque as consequências práticas de uma escolha meramente emocional podem ser irremediáveis. Só dois serão eleitos, o desafio é não se deixar concretizar aquela dobradinha fatídica em Brasília. Ao menos em São Paulo, e por São Paulo, a escolha política pode ser toda nossa. Pense nisso!

Mara Montezuma Assaf montezuma.fassa@gmail.com

São Paulo

____________________

ESQUECEU-SE DE SÃO PAULO

Lula afirma confiar que Aloizio Mercadante, se eleito, governe tão bem São Paulo quanto Dilma Rousseff governará o Brasil. Entretanto, sempre às voltas em defender as posições petistas no Senado Federal, Mercadante nunca conseguiu aprovar nada de vantajoso a favor de São Paulo, Estado que o elegeu para representá-lo.

Eni Maria Martin de Carvalho enimartin@uol.com.br

Botucatu

____________________

AO POVO PAULISTA

Há muito tempo acompanho o trabalho do senador Aloizio Mercadante, candidato do PT ao governo de São Paulo. Quem acha que ele não é atuante no Estado é porque não conhece seu trabalho e projetos. Só de emendas como senador para o Estado de São Paulo ele conseguiu mais de R$ 125 milhões. Mercadante tem uma atuação séria, defende os interesses do cidadão, é bem preparado para assumir os desafios de alavancar o desenvolvimento do nosso Estado, abandonado nas mãos do PSDB.

Márcio Dias marciooliveiradias@ig.com.br

São Paulo

____________________

JUIZ DE SERGIPE

Ah, nada como ser juiz e poder ter uma arma para bem se defender, não?

Enquanto isso, nós, pobres mortais, temos o ''eficientíssimo'' Estatuto do Desarmamento para nos proteger.

Paulo Boccato pofboccato@yahoo.com.br

São Carlos

____________________

COPA AMÉRICA

Parabéns ao Internacional de Porto Alegre por sua conquista da Copa América.

Virgìlio Melhado Passoni mmpassoni@gmail.com

Praia Grande

____________________

NEYMAR/SANTOS

Parabéns ao sr. Álvaro Ribeiro, presidente do Santos F. C., pelo exelente desempenho na negociação com o atleta Neymar. O presidente do Santos acaba de mostrar aos demais dirigentes dos principais clubes brasileiros que podemos segurar muitos dos craques, com um trabalho conquistando novas fontes de renda para o clube, e pagar os craques caros, mas grande fonte de renda compensadora. O clube inglês voltou com as mãos vazias e espero que o interessado pelo Ganso volte também desacompanhado dos nossos craques.

Benone Augusto de Paiva benonepaiva@yahoo.com.br

São Paulo

____________________

EXEMPLO PARA O FUTEBOL

Como torcedor do Santos F. C., não poderia deixar parabenizar o nosso presidente e toda a sua diretoria pelo esforço, brio e, acima de tudo, honestidade, consolidanto a permanência do jovem Neymar nas fileiras santistas. Foi bom para o Santos, foi bom para o Neymar (vejam o exemplo do Robinho) e foi melhor ainda para o Brasil e o seu futebol.

O Santos com esses meninos - cito, dentre outros, apenas dois exemplos, Neymar e Ganso - pode fazer o Brasil relembrar o futebol de Pelé, Coutinho, Zito, Pepe, Mengalvio, Carlos Alberto, Gilmar e outros que, dirigidos pelo Lula (não esse que está ai ''presidindo'' o Brasil) deram, através do nosso time, tantas glórias ao Brasil. Parabéns, presidente! Certamente todos os santistas, como eu, estão, neste momento, comemorando a sábia decisão do Neymar e do senhor. Obrigado, a família santista agradece de coração. Saúde e paz!

Carlos Benedito Pereira da Silva advcpereira@hotmail.com

Rio Claro

____________________

RONALDO

A diretoria do Corinthians deveria criar um Departamento de Sumô. Atleta o clube já tem.

Delpino Veríssimo da Costa dcverissimo@gmail.com

São Paulo

____________________

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.