Cartas - 21/02/2011

SEGUNDO TEMPO

, O Estado de S.Paulo

21 Fevereiro 2011 | 00h00

Gol contra do PCdoB

Denunciado mais um escândalo com o dinheiro público envolvendo pseudo-ONGs e um partido da base governista que se diz socialista (Cercado por fraudes, Segundo Tempo turbina caixa e políticos do PCdoB, 20/2, A4). Sim, desta vez é o PCdoB, o velho partidão, frustrando a expectativa de jovens e crianças carentes da prática esportiva. O que diriam os idealistas puristas seguidores de Marx, Engels e Lenin?

LUIZ NUSBAUM

lnusbaum@uol.com.br

São Paulo

__________

Falta fiscalização

Ainda bem que neste país existe quem divulgue as maracutaias. Só em 2010 o Ministério do Esporte repassou R$ 30 milhões a ONGs de dirigentes e aliados do PCdoB, um dinheiro que foi desviado de sua função: beneficiar a população mais carente. Cá para nós, o Ministério Público Federal e o Tribunal de Contas da União estão de brincadeira, né? Será que é preciso que a imprensa divulgue a(s) irregularidade(s) para só então averiguar o que aconteceu com o dinheiro público?

EUGENIO DE ARAUJO SILVA

eugenio-araujo@uol.com.br

São José dos Campos

__________

Lástima

A reportagem/denúncia envolvendo o programa Segundo Tempo confirma a desconfiança que temos de ONGs em geral. Uma lástima: comunidades inteiras enganadas e crianças frustradas com promessas mentirosas. Políticos nunca perdem a oportunidade de mostrar que preferem usar em benefício próprio o dinheiro que se deveria destinar ao benefício social. O PCdoB se torna execrável, como outros tantos partidos políticos neste país.

MARISTELA V. C. BERNARDO

marisvcb@uol.com.br

São Paulo

__________

GASTOS MILITARES

Sem clima

A presidente Dilma Rousseff diz que não há "clima" para a compra de caças para a Força Aérea Brasileira (FAB). A rigor, a chefe de Estado está cedendo às pressões políticas que, em campanha, prometeu rejeitar. O Brasil já atingiu grau de maturidade para entender que, assim como é fundamental investir em educação, saúde e desenvolvimento social, é necessário investir em Defesa e nos meios para a garantia dos interesses nacionais.

LUIZ EDUARDO CAMARGO

Campinas

__________

Aventura

Por conta do ajuste fiscal, Dilma avisa que é hora de adiar a decisão sobre a compra dos caças. Muito bom, mas aproveito para perguntar: num momento difícil, em que os recursos são escassos, alguém - além dos óbvios interessados - ainda vê "clima" para a aventura do trem-bala?

SILVIO NATAL

silvionatal49@yahoo.com.br

São Paulo

__________

Tecnologia brasileira

As potências globais não têm amigos, têm interesses. O Brasil, ao contrário, não tem interesses, só tem amigos, como mostrou a nossa recente política diplomática. Se existe ameaça à nossa soberania que exija que nos armemos, não é comprando tecnologia no exterior que resolveremos o problema estratégico. Para tanto, melhor seria que continuássemos a desenvolver tecnologia militar em casa. A Embraer já produziu um avião militar de ataque que, mesmo não sendo um supercaça, é um bom projeto, além de perfeitamente adequado às nossas necessidades reais atuais. É lá que os R$ 13 bilhões dos caças deveriam ser empregados. O histórico da Embraer nos garante que há tecnologia brasileira de ponta, além de competência para dar continuidade ao processo de desenvolvimento do setor. Ou vamos fazer como no caso da Engesa, outra fonte de tecnologia militar de ponta, que nosso governo deixou quebrar? A compra dos caças lembra uma frase do saudoso Silveira Sampaio, definindo o que ele chamava de sudamericanidad: Quanto menor o Exército, maior o boné do marechal.

CARLOS PACHECO F. FILHO

c-pacheco-filho@uol.com.br

São Paulo

__________

ENGENHARIA

O 1º computador

Cumprimento o jornal pela iniciativa de divulgar o que é realizado na Universidade de São Paulo (USP), sobretudo as realizações de caráter aplicativo, que resultam em benefícios diretos à sociedade. Esse é o tom da matéria Fundação desenvolve carvão limpo (16/2, A15). Nela há um quadro com o título Instituto ligado à USP construiu 1.º computador. Sem desejar ofuscar o mérito da Fundação para o Desenvolvimento Tecnológico da Engenharia (FDTE), creio que não pode ser omitido o fato de que o desenvolvimento do 1.º computador foi obra de professores, pesquisadores, alunos e funcionários da Escola Politécnica da USP (Epusp). O seu protótipo motivador, chamado Pato Feio, foi construído num programa de pesquisa do então Laboratório de Sistemas Digitais (LSD), que deu origem ao atual Departamento de Engenharia de Computação e Sistemas Digitais da Epusp. Para dotar a USP de instrumentos ágeis que permitissem o desenvolvimento de novas tecnologias é que, no início da década de 70, foi criada a FDTE. Assim, o 1.º computador, na sua versão voltada a produto, foi desenvolvido como o primeiro projeto realizado pela Epusp por meio da FDTE. Louvando o valor e os bons serviços que a FDTE tem prestado aos vários departamentos da Epusp, é importante que seja dada visibilidade aos que efetivamente construíram o 1.º computador: os integrantes do LSD, professores, pesquisadores, alunos e funcionários que há 40 anos decidiram enfrentar o desafio de desenvolver um computador e de criar a FDTE.

JOSÉ SIDNEI COLOMBO MARTINI, professor titular e chefe do Departamento de Engenharia de Computação e Sistemas Digitais da Epusp

sidnei.martini@poli.usp.br

São Paulo

__________

COPA 2014

Pelé

Li os comentários de Pelé sobre a Copa de 2014 ("Brasil corre risco de nos decepcionar", 19/2, E1) e acho que ele tem toda razão. Está ocorrendo o que é comum por aqui, especialmente nos governos de Lula e do PT: muita fala e pouca obra. Quando as obras ficarem prontas (será que ficam?), não estarão bem feitas, custarão muito mais que o orçado e, posteriormente, serão abandonadas. Vide o que ocorreu com o que foi feito para os Jogos Pan-Americanos do Rio em 2007. Passaremos, pelo visto, por dois vexames: o da Copa de 2014 e o da Olimpíada de 2016... Lamentável.

CARLOS E. BARROS RODRIGUES

cebr2403@gmail.com

São Paulo

__________

"Da tapioca ao esbanjamento do dinheiro público via ONGs duvidosas..."

NELSON PEREIRA BIZERRA / SÃO PAULO, SOBRE AS FRAUDES EM FAVOR DO PC DO B, DO MINISTRO ORLANDO SILVA

nepebizerra@hotmail.com

"Será que o Segundo Tempo vai ter prorrogação ou vai receber logo um cartão vermelho?"

FLAVIO MARCUS JULIANO / SÃO PAULO, IDEM

opegapulhas@terra.com.br

"Gambiarra ligada ao poste provoca curto-circuito"

VIDAL DOS SANTOS / SÃO PAULO, IDEM

vidal.santos@yahoo.com.br

__________

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 833

TEMA DO DIA

PC do B turbina caixa com "Segundo Tempo"

Partido do ministro Orlando Silva controla projeto lucrativo, mas com resultados precários

"Comunistas, democratas ou fascistas, tanto faz. Quando se trata de se apropriar dos recursos públicos, são todos iguais."

CELSO LUIZ BOTELHO

"Integrantes de partidos levam vantagens financeiras subjugando os interesses do esporte. E ainda teremos a Copa 2014..."

JOEL CARLOS SARAIVA

"A imprensa precisa denunciar, doe a quem doer. É preciso dar um basta nessa corrupção desenfreada."

JOSÉ ARAÚJO

__________

Cartas enviadas ao fórum dos leitores, selecionadas para o estadão.com.br

DINHEIRO NA SUÍÇA

A reportagem deste domingo, que menciona a ''ponta do Iceberg'' do dinheiro que os brasileiros possuem em paraísos fiscais, é de deixar atônitos os que a leram. Dizer que entre 2001 e 2009 ocorreu a maior saída de divisas brasileiras para essas contas, bem demonstra o que foi, em termos de roubalheira e corrupção, o que ocorreu durante o período Lula (basta ver o dinheiro distribuído pelo Ministério dos Esportes a ONGS fajutas). Será que, diante da matéria apresentada pelo mais respeitado e sério jornal brasileiro, a presidente Dilma deixará passar barato tudo isto ?

Carlos E. Barros Rodrigues ceb.rodrigues@hotmail.com

São Paulo

_____________

MENSALÃO ÀS AVESSAS

Lula dava tapetes persas para que a turma votasse com ele. Dilma ameaça puxar o tapete de quem votar contra ela. É exatamente o mensalão ao contrário. A alegria de ganhar se transformou no medo de perder. Diz a presidente: quem for contra mim será tratado como de oposição. Mas, não era essa a oposição que em seu primeiro discurso disse que iria estender a mão? Os situacionistas são os iluminados. Só pensam no bem do Brasil. Os oposicionistas são crápulas que querem acabar com o Brasil. Será que esse muro de Brasília é tão sério e confiável assim? Será que Dilma também viu na metamorfose ambulante o seu grande caminho.

J. Treffis jotatreffis@hotmail.com

Rio de Janeiro

_____________

CONTRADITÓRIO E OLIGÁRQUICO

O que a presidente Dilma diz ter sido o Brasil no passado é um verdadeiro raio x da política brasileira no presente, tendo seu ápice na votação do mínimo onde o contraditório era o antes combativo Vicentinho votando contra toda sua história e junto com todo o PT e oligárquica é a maioria representada pelo neo peleguismo sindical do PT, PSB e PCdoB aliados com os peleguistas (autênticos) do PTB e PDT e os fisiológicos e oligárquicos de sempre PMDB e os nanicos e de aluguel. Quanto ao Brasil "potencia" lembra um São Bernardo desajeitado e sem conhecimento de seu próprio tamanho que muitas vezes age no reboque de Tiuauas como Chávez e Castro.

Márcio M. Carvalho mmcoak@hotmail.com

Bauru

_____________

TODOS PERDEM

Sim, com certeza o PC do B pode ter lucrado com os desvios do dinheiro pelas entidades contratadas para o programa Segundo Tempo do Ministério do Esporte, mas todos perdem e em especial os jovens pobres - como o menino Rafael dos Santos Lima, que iludidos cammpeiam à marginalidade.Fico imaginando o que esses líderes do PC do B, fariam com o Brasil e seus recursos financeiros, caso tivessem sido ganhadores da Guerrilha do Araguaia.Isto é Brasil, isto é fraude, sem penalização!

Edivelton Tadeu Mendes etm_mblm@ig.com.br

São Paulo

_____________

A CLASSE POLÍTICA

A classe política é motivo de muitas críticas. E tudo tem a ver com o comportamento de pessoas que são eleitas para exercer um cargo por determinado período. E ao assumirem o cargo, são levados a pensar que podem fazer o que bem entendem. Surgem então as denúncias os processos, os afastamentos do cargo, a cassação dos mandatos. E faz muito tempo que se fala em buscar formas de controlar as normas eleitorais, com reforma política geralmente mencionada no inicio dos mandatos no Congresso Nacional. Que se faz necessária, é evidente mas que o assunto não fique restrito às chamadas Comissões parlamentares. Mais do que nunca os demais segmentos sociais se movimentem para que sejam adotados mecanismos que efetivamente evitem jogadas eleitoreiras tão conhecidas. O assunto deve motivar debates e discussões as mais amplas, para que efetivamente possam ser evitadas manobras e manipulações. E que leve a classe política a ser respeitada no seu todo.

Uriel Villas Boas urielvillasboas@yahoo.com.br

Santos

_____________

A VER NAVIOS...

Mais uma prova de que a extrema esquerda não é exceção e considera que erário é para ser espoliado mesmo e sem dor na consciência, ainda que prejudicando os menos favorecidos: o Programa Segundo Tempo , principal bandeira do Ministério dos Esportes serviu apenas para dar dividendos eleitorais ao PCdoB, legenda do ministro Orlando Silva, pois os diferentes núcleos esportivos ligados ao partido e que receberam verbas do governo - (só em 2010, cerca de R$30 milhões) - para , através da prática do esporte, conseguir o'' desenvolvimento integral do homem'' ...embolsara o dinheiro e pouco ou nada fizeram . Resultado: as crianças ficaram a ver navios, ...e as ONGs beneficiadas engordaram com este dinheiro desviado.

Será que com a descoberta da maracutaia a justiça vai obrigá-los a devolver o dinheiro roubado do povo?

Mara Montezuma Assaf montezuma.fassa@gmail.com

São Paulo

_____________

PRORROGAÇÃO

Homônimo de cantor profissional, o ministro dos Esportes anda desafinando no Segundo Tempo.

A. Fernandes standyball@hotmail.com

São Paulo

_____________

CONTROLE SOCIAL DA MÍDIA

Não é à toa que partidos como o PC do B são favoráveis ao controle ''social'' da mídia. Onde já se viu a imprensa atacar, do modo como o fez o Estadão, iniciativas tão meritórias quanto o programa Segundo Tempo, ainda que membros do partido se locupletem? O que são esses detalhes diante da construção do Novo Homem do comunismo? Controle ''social'' da mídia já!

Marcelo Guterman margutbr@gmail.com

São Paulo

_____________

FARINHAS DO MESMO SACO

O PCdoB é comunista com o dinheiro dos outros.Mas para ele, partido é um só lema: ''vem prá mim graninha é assim que eu te gosto." Não tem jeito mesmo, são todos exatamente iguais.

José Piacsek Neto bubapiacsek@yahoo.com.br

Avanhandava

_____________

CORRUPÇÃO

Na sua posse Dilma disse que prefere as críticas e denúncias da imprensa do que seu silêncio...Pois é isso que o Estadão está fazendo ao denunciar esse Ministério do Esporte que está aí,que incentiva a malandragem e a roubalheira,menos o esporte.Que vergonha,ministro! Se eu fosse o senhor pediria demissão já.

José Eduardo Zambon Elias zambonelias@estadao.com.br

Marília

_____________

CPI NELES

Rumores sobre desvios de finalidade com o dinheiro público no Ministério dos Esportes ficaram comprovados com a matéria publicada pelo Estadão a propósito do projeto ''Segundo Tempo'', o encaminhamento das subvenções ao Partido Comunista do Brasil e não aos fins sociais projetados, o que se entende perfeitamente, considerando-se que se trata de um partido pequeno e ideológico, para o qual os fins estratégicos da agremiação sempre subordinam os fins sociais imediatos aos quais as verbas públicas são destinadas. A oposição deveria propor uma CPI, ainda que para ver a proposta derrotada e escancarar o estilo ético da base do governo.

Amadeu Roberto Garrido de Paula amadeugarridoadv@uol.com.br

São Paulo

_____________

NADANDO EM DINHEIRO

O Ministério dos Esportes está, através de ONGs, segundo reportagem do Estadão, atendendo políticos do partido no Programa Segundo Tempo. Segundo levantamento já teriam sido transferidos a estas ONGs R$ 30 milhões, e não aplicado conforme proposta do Programa. Resta a clássica pergunta: vai acontecer o quê? Já sabemos o final. Nada. São esquemas sabidos e conhecidos por todos. País rico, nadando em dinheiro é outra coisa. E povo também, pois nem se preocupa. Deve achar que a conta é paga pelos outros.

Panayotis Poulis ppoulis@ig.com.br

Rio de Janeiro

_____________

HORÁRIO DE VERÃO: ECONOMIA?

Em minha opinião o horário de verão não é bem vindo para um grande número de Brasileiros. Leva-se um tempo para se adaptar ao mesmo e depois outro tanto para voltar ao normal. Durante a vigência do mesmo tudo fica fora dos eixos. Nós Brasileiros, somos muito acostumados a nos dirigir e orientar pelo sol e pela luz do dia. Durante o horário de verão, tudo fica atrasado. Janta-se mais tarde, dorme-se mais tarde e assim vai. No verão os dias já pela natureza são mais longos. Será que precisamos alongá-los ainda mais de forma artificial ? A explicação se baseia na economia de energia elétrica. Será que economizamos algo ? O verão é a época das chuvas. Nossa energia é em grande, ou em sua maior parte hidrelétrica e muitas vezes as comportas dos reservatórios tem que ser abertas. Em outras palavras, economizamos de um lado, para jogar esta economia fora pelas comportas. Será isto verdadeiro ? Não quero fazer afirmações, porém é a conclusão que tiro do que leio nos jornais e ouço nas notícias. Será que alguém mais versado no assunto poderia explicar se realmente fazemos economia ou se apenas estamos nos iludindo ? Eu ficaria muito grato com um esclarecimento.

Thomaz Metzler tmetzler@uol.com.br

Botucatu

_____________

REPÚDIO

O Conselho Regional de Psicologia - SP repudia veementemente a violenta repressão policial impetrada aos participantes de ato público contra o aumento das tarifas do transporte público no município de São Paulo. As cenas divulgadas pelos meios de comunicação mostraram situações impressionantes de truculência por parte da Guarda Civil Metropolitana e da Polícia Militar, que não poupou os manifestantes, jornalistas e vereadores presentes. As manifestações públicas são e devem ser tratadas como ações legítimas da cidadania, garantidas pela Constituição e comuns em sociedades democráticas. A militarização da Segurança Pública é inaceitável, assim como a utilização de funcionários do Estado para atacar os protestos da população. O CRP-SP manifesta solidariedade aos feridos, em especial o assistente social Vinicius Figueira e se junta ao coro dos que exigem a imediata responsabilização dos culpados pelos lamentáveis acontecimentos.

Carla Biancha Angelucci, presidente do Conselho Regional de Psicologia de S.Paulo fatinassif@gmail.com

São Paulo

_____________

TROFÉU DA INCOMPETÊNCIA

É invejável a limpeza, a eficiência e a organização no Aeroporto de Miami. Os americanos têm motivos de sobra para criticar outros aeroportos. Quando o passageiro chega em Miami, as malas já estão todas fora da esteira enfileiradas e cada passageiro retira sua mala sem o menor problema e sempre com a ajuda de funcionários. Em Guarulhos, a demora das malas para chegar e o fato de ficarem circulando nas esteiras por muito tempo, acaba por serem desviadas e roubadas. Se no aeroporto de Miami sobram funcionários, no de Guarulhos a escassez é sentida em todos os lugares. Sabemos que é um problema de gestão da Infraero e da Anac, que só pensam em manter seus empregos, e das companhias, que só pensam nos lucros, mas temos de reconhecer que a educação do cidadão conta muito. E assim o Brasil coleciona mais um troféu da incompetência.

Izabel Avallone izabelavallone@yahoo.com.br

São Paulo

_____________

O PIOR DA AMÉRICA LATINA

O Aeroporto de Guarulhos foi escolhido pelos usuários americanos como pior aeroporto da AL, conforme a revista de economia "Latin Trade" de Miami (EUA)! É só fazer uma visita aos banheiros do aeroporto de Cumbica para apoiar os americanos. Depois que a classe C descobriu que é fácil e barato voar, os banheiros públicos de Cumbica não deixam nada a desejar aos da pior rodoviária do país. Não adianta apenas ter dinheiro, é preciso ter educação também! Independente disso está faltando administração competente para acompanhar a demanda, educada ou não.

Beatriz Campos beatriz.campos@uol.com.br

São Paulo

_____________

HOLOCAUSTO...

No ano de 1948, foi aprovada a declaração universal dos direitos humanos. Neste mesmo evento a ONU, reconheceu que o holocausto era a expressão radical genocida com a intenção de destruir, um grupo religioso e não almejou em destruir somente uma parte, mas sim todos os judeus. Esse ato levou a morte 6 milhões de pessoas, não que elas tivessem feito algo, mas por serem unicamente judeus. O holocausto é a encarnação da intolerância e injustiça que diverge com o artigo 1º da declaração de 1948 que diz : '' Que todos somos iguais e devemos viver em fraternidade''. Que o holocausto sirva, como forma de mobilização de toda a sociedade e conscientização das gerações futuras, evitando assim estes atos de intolerância e violência.Pois somente com essas medidas teremos uma sociedade, igual aquela que é apresentada no 1º artigo da declaração dos direitos humanos onde ''reina'' a fraternidade, compreensão e tolerância a grupos sociais e religiosos, tendo assim um sociedade igualitária.

Yuri de Oliveira Pereira yoliveirapereira@ig.com.br

Guarujá

_____________

O CÂNCER DE DRESDEN

O recente entrave entre manifestantes antinazismo e Nazistas em Dresden, na Alemanha, expõe a persistência deste tumor maligno que tenta reerguer-se das cinzas há anos. Uma das mais ferozes neoplasias existentes, o câncer é conhecido por sua resistência à tratamentos e pela velocidade de crescimento, quando foge do controle médico. O Governo Alemão tem a obrigação moral e ética de tomar atitudes rápidas e efetivas contra esta ameaça, que evoca o passado maligno e sombrio da Alemanha.

Sérgio Eckermann Passos sepassos@yahoo.com.br

Porto Feliz

_____________

LIDERANÇAS

Em toda essa trama de revoltas no Oriente Médio pressupõe-se um efeito dominó onde, no entanto, não surgiu ainda a figura de um líder carismático. Vale lembrar que nessa liderança cabe sempre uma chefia, um rebelde cujos seguidores só o creem virtuoso. Porém em todo rebelde há um déspota eis que enfim, a rebeldia é o despotismo ao revés, como quis Vargas Vila. O líder revoltoso entra como libertador e a seguir torna-se opressor, a exemplo de Fidel Castro, Mubarack, Papa Doc no Haiti e outros mais. Todos pretendem criar uma dinastia para seus parentes ou seus descendentes. Assim nasceu o absolutismo na França que caiu com a tomada da Bastilha e a guilhotina no gogó do rei fujão e de sua encantadora esposa que na falta de pão sugeria brioches...Recordo que na natureza os fatos, os fenômenos se repetem como o nascimento das tartaruguinhas e tucanos que cuidamos para não desaparecerem. Na história os eventos se sucedem segundo Viana Moog. Estamos no limiar de grandes acontecimentos aqui no Brasil e o líder que deixou há pouco o poder já fala em voltar...Lideranças!

Fernando Averbach reginalili@yahoo.com

São Paulo

_____________

AMIZADE E SOLIDARIEDADE

Por que Lula não faz uma visitinha agora ao amigo Kadafi para oferecer solidariedade ao amigo diante dos cadáveres dos opositores? Deveria aproveitar o ensejo e estender sua viagem à Tunísia, Síria, Jordânia e Iemen. Assim, estaria completo o ''tour'' da ditadura.

James F. Sunderland Cook sunderland2008@gmail.com

São Paulo

_____________

NOVOS TEMPOS, NOVOS DESAFIOS

As revoltas populares contra os regimes ditatoriais no Oriente Médio, parecem estar tendo o chamado efeito dominó. O processo civilizatório da humanidade de tais rebeliões neste terceiro milênio, potencializado pela tecnologia de comunicação virtual instantânea, é alvissareiro.Os efeitos macroeconômicos de tais mudanças é que ainda não estão bem claros de como serão equacionados.Quanto a nós neste canto de mundo, procuremos nos preparar para os novos tempos que estão por vir, agilizando reformas estruturantes para enfrentar essa nova realidade global que se aproxima.

José de Anchieta Nobre de Almeida josedalmeida@globo.com

Rio de Janeiro

_____________

O TREM COLOMBIANO

Na edição de hoje (20/02, A18), o colunista Mac Margolis registra o fato de estar a Colômbia planejando a construção, com financiamento chinês, de uma ferrovia cortando o país de lesta a oeste, ligando o Caribe ao Pacífico. Tal ferrovia será destinada, basicamente, ao transporte de cargas, no caso o carvão colombiano, para exportação. O investimento é visto como altamente rentável, sendo o custo estimado em 7,6 bilhões de dólares. Ao contrário, aqui na terrinha, vamos gastar muitas vezes mais para a construção do trem-bala, destinado ao transporte de (!) passageiros, sabidamente deficitário. Uma Belo Monte sobre trilhos.Realmente, o subdesenvolvimento manifesta-se em todas as oportunidades...

Nelson Carvalho nscarv@gmail.com

São Paulo

_____________

É DIFÍCIL EXPLICAR

Que atire a primeira pedra quem nunca antes fez uma piadinha sobre o comportamento dos políticos brasileiros. Um exemplo disso foi o mico imposto ao deputado federal por são Paulo, Vicente Paulo da silva, o Vicentinho, ex-presidente da central única dos trabalhadores (CUT) que relatou o projeto de reajuste do salário mínimo pífio de R$ 545, defendido pelo governo. Não deve ter sido fácil para o deputado que sempre esteve do outro lado do balcão defendendo os trabalhadores, com essa iniciativa Vicentinho ajudou o governo a obter uma vitória acaxapante na câmara, já o trabalhador foi obrigado a se conformar com um revés. No final das contas, de nada adiantou as sonoras vaias e os protestos dos representantes sindicais, que vaiaram o deputado e relator do projeto ainda que haja previsão do ministério da fazenda que o mínimo chegue a R$ 616 no ano que vem, os anseios e as reais necessidades da população vão muito além desses dígitos. Quanto ao deputado e ex-sindicalistas vai ter muito que explicar para seus eleitores cativos do ABC.

Turíbio Liberatto turibioliberatto@hotmail.com

São Caetano do Sul

_____________

VAI DAR CERTO

O atleta do século 20, Pelé, considerado por muitos como um ser de outro planeta,me parece ser também muito ingênuo e não ser do Brasil,Pelé você esta preocupado em passar vergonha por não cumprir metas para copa de 2014,fique tranquilo,pois você que foi um atleta de outro mundo, não deve saber que o Brasil é um país classificado entre os mais corruptos e tudo é feito de forma que os prazos fiquem esgotados, para que não hajam licitações,não se esqueça que o Brasil é o país que inventou o mensalão ,no fim tudo vai dar certo,e todos vão sair ganhando!

Jose Mendes josemendesca@ig.com.br

Votorantim

_____________

A BOLA VAI ROLAR

As construções de estádios de futebol para a Copa do Mundo de 2014 já estão a todo vapor...Pena que ainda vemos em nosso país, gente amontoadas nos corredores dos hospitais por falta de leitos, e em muitos lugares contêiner servindo de escolas para a criançada estudar. Quando terminar a Copa do Mundo, provavelmente teremos novos milionários andando em carrões importados, e vivendo em mansões com piscinas , adquiridos, creio eu , com dinheiro de propinas. Mas é como já dizia o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva,este é um país de todos...

Virgílio Melhado Passoni mmpassoni@gmail.com

Praia Grande

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.