Cartas - 29/06/2010

, O Estado de S.Paulo

29 Junho 2010 | 00h00

 

BRASIL 3 X 0 CHILE

Mamão com açúcar

Como se esperava, o Chile, nosso velho freguês de caderneta, foi aquele mamão com açúcar e não assustou em momento algum. Até agora, apenas Portugal deu algum trabalho e, mesmo assim, nossa seleção precisou apelar para a ajuda do juiz na vitória contra a Costa do Marfim. O Dunga continua com sorte, porque, diferentemente de uma Argentina, que pegará o rochedo Alemanha, sua seleção vai contra a Holanda, um time leve, bom meio de campo e ataque, mas com uma defesa não confiável.

LAÉRCIO ZANINI arsene@uol.com.br

Garça

________

Estamos chegando

O Brasil mostra parte do seu potencial e vence bem o Chile, por 3 x 0. É impressionante como a torcida e muitos analistas esportivos tupiniquins que se dizem conhecedores do esporte bretão temiam a seleção chilena. Agora, que a seleção do Dunga também não mostrou tudo que pode, isso é verdade. Mas sem atropelos chegou às quartas de final. Que venha a Holanda, a Argentina ou a Alemanha! Porque com a pegada em todos os setores do campo que o Brasil está exercendo tem tudo para trazer o sexto caneco...

PAULO PANOSSIAN paulopanossian@hotmail.com

São Carlos

________

Falhas da seleção

A seleção brasileira está seguindo seu caminho em direção ao hexacampeonato. Porém o técnico Dunga e os jogadores precisam entender que futebol é um jogo coletivo. Precisam ter a consciência de que estamos perdendo muito a posse da bola, pelo fato de os jogadores não fazerem trocas de passes mais rápida e assiduamente e quererem resolver sozinhos o jogo, em que todos participam, e não apenas um ou outro. Com esse jogo apresentado contra Portugal e Chile dificilmente conquistaremos o sexto título mundial.

BENONE AUGUSTO DE PAIVA benonepaiva@yahoo.com.br

São Paulo

________

FIFA

Tudo pode

Não entendi uma parte. Se o gol que é gol não é gol, o impedimento não é impedimento e o Morumbi não será sede paulista na próxima Copa, quem será o presidente da Fifa em 2014?

JÚLIO MESQUITA MORETIN hobbbit_one@hotmail.com

Descalvado

________

Tecnologia

A exemplo de nossos governantes, que se opõem à adoção de tecnologias que tornem transparentes suas decisões, a Fifa também não tem interesse, pois não quer justiça, e sim o caos, para poder direcionar seus interesses. Ou, então, como explicam a não-utilização de chip nas bolas?

MAURO RIBEIRO GAMERO mrgamero@ajato.com.br

São Paulo

________

CAMPANHA ELEITORAL

Dilema do DEM

A suposta rebelião do DEM contra o vice indicado pelo PSDB não tem nada de ideológico, apenas, como velho partido adesista e oportunista, sentiu no ar a derrota que se aproxima e está fazendo as malas para cair nos braços do PT. Claro que se isso acontecer o antigo partido da pureza nacional receberá os novos "cumpanheiros" de braços abertos. Afinal, para quem já tem como aliados Roseana e José Sarney, Collor, Renan Calheiros, Paulo Maluf e como vice o sinistro Michel Temer, entre outros, qual o problema? Há um ditado popular que diz: "O que é uma coceira a mais para um sarnento?" A rebelião do DEM reforça aquela tese de que os ratos são os primeiros que fogem quando percebem que o barco está afundando!

JOSÉ MILTON GALINDO galindo52@hotmail.com

Eldorado

________

Cristianização de Serra?

Ou muito me engano ou há nos ares do demotucanato um cheiro de cristianização de José Serra? Ocorrendo essa traição, nada mais impedirá a instalação da democracia lullo-chavista na Terra Brasilis e a única saída para os opositores será Cumbica.

PEDRO GALUCHI pgaluchi@gmail.com

São Paulo

________

Escolha demorada

Por que é tão criticada a demora na escolha do candidato a vice de Serra? No PT, parece, as coisas não ocorreram de forma diferente: Mercadante teve a mesma dificuldade, pois só agora descolou seu desconhecido vice.

PEDRO LUÍS DE C. VERGUEIRO

pedrover@matrix.com.br

São Paulo

________

PEDÁGIOS

Erro estratégico

Lamentavelmente, apesar da qualidade das rodovias privatizadas no nosso Estado e da aprovação dos usuários (93,6%), a cobrança abusiva e o aumento dos pedágios em ano eleitoral servirão de munição aos adversários. Mais um erro estratégico do PSDB.

JOSÉ MILLEI elymillei@hotmail.com

São Paulo

________

DESFILE DE 9 DE JULHO

Civismo ameaçado

Diante das enormes manifestações públicas realizadas em São Paulo, como a Marcha para Jesus no eixo norte da cidade e a Parada Gay na Avenida Paulista, com suas respectivas mensagens e propostas, paradoxalmente o tradicional desfile cívico de 9 de Julho, em frente ao Obelisco do Ibirapuera, vem sendo ameaçado pelas autoridades representativas a cada ano que passa. Desta vez, a "ordem" é para que o destacamento civil, constituído por escolas, escoteiros, fanfarras e outras entidades pertinentes, desfile em apenas 30 minutos. Ora, o rigorismo do tempo de duração incomoda a quem? O que se pretende com isso? Tal determinação configura não só uma ameaça à liberdade de expressão, para não dizer à democracia, mas um ultraje à nossa História pátria. O feriado cívico de 9 de Julho é hoje considerado data máxima do Estado e, como tal, merecedor de um grande desfile cívico aos olhos do povo. Num momento em que os brasileiros parecem anestesiados em face da crise que assola os altos escalões do governo, quando valores éticos e morais são desprezados, nada mais oportuno que a realização de uma brilhante parada cívica para homenagearmos dignamente os que lutaram em 1932 contra a ditadura Vargas instalada em nosso país.

PEDRO PAULO PENNA TRINDADE, diretor da Sociedade Veteranos de 32 - MMDC

pptrindade@hotmail.com São Paulo

________

"Nossa seleção melhorou um pouquinho. Quem sabe um dia não engrena

de vez? Não podemos perder a esperança"

HUMBERTO SCHUWARTZ SOARES / VILA VELHA (ES), SOBRE A VITÓRIA CONTRA O CHILE

hs-soares@uol.com.br

"Com sorte o Brasil vai disputar a final. Só faltam dois jogos para chegar lá"

OLYMPIO F. A. CINTRA NETTO / SÃO PAULO, IDEM

ofacnt@yahoo.com.br

"Os "aliados" querem mesmo que José Serra seja presidente? Acorda, Brasil!"

ANGELO ANTONIO MAGLIO / COTIA, SOBRE O IMBRÓGLIO DA INDICAÇÃO DO VICE

Angelo@rancholarimoveis.com.br

________

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 2.163

TEMA DO DIA

Sobe valor de pedágio nas rodovias de SP

Preços serão quebrados em até R$ 0,05; Estado tem 160 praças de cobrança; no resto do País, 113

"Os pedágios aqui são caros porque foram as primeiras concessões no País; a insegurança jurídica era tida como grande."

PAULO BATISTA

"Brasileiro adora ir de carro ao trabalho. Devemos cobrar do governo transporte público de qualidade, trens principalmente."

MARINA MELLO

"A grande quantidade de pedágios vai onerar ainda mais a cadeia produtiva. Quem vai pagar ainda mais caro será o povão."

JIN HO KENDO

________

 

Cartas enviadas ao Fórum dos Leitores, selecionadas para o Estadão.com.br

 

Dunga, o inovador

 

E mais uma vez o simpatissíssimo técnico da seleção brasileira surpreende, e contra nosso freguês mais cativo, que nos resgata, vez por outra, nos momentos mais conturbados (valeu, Chile!).

Não vou aqui falar sobre os méritos ou deméritos da nossa seleção, mas gostaria de salientar fato inédito na história do futebol que não deve passar batido.

Dunga acaba de entrar para a história do futebol mundial também como estrategista (já o fez como jogador e tem chances de fazê-lo como técnico). Ele é o primeiro treinador do mundo a jogar na formação que não ousarei batizar, pois cabe a ele, como criador, nomeá-la. Após a marcação do terceiro gol,  o nosso despreocupado técnico deu início a uma série de substituições que culminou na sua criação: o 6-3-1!

O Brasil jogou com Julio Cesar no gol, Lúcio e Juan na zaga, Gilberto Silva, Ramires e Kléberson de volantes, no ataque com Nilmar e, para espanto geral do grande público, ninguém no meio e quatro laterais de ofício, Maicon e Daniel Alves pela direita e Gilberto e Michel Bastos na esquerda. Aos teóricos caberão os estudos e à história, o julgamento.

 

Flavio de Figueiredo Nunes ff.tale@gmail.com

São Paulo

 

________

 

 Seleção

 

Não sou procurador do Dunga, mas justiça seja feita: até agora o Ganso e o Neymar não estão fazendo falta. Com a palavra os chorões para que os dois jogadores fossem convocados.

Arcangelo Sforcin Filho arcangelosforcin@gmail.com

São Paulo

 

________

 

Injustiça

 

Não gosto muito de emitir minha opinião quando o assunto é esporte, prefiro política, mas no futebol está acontecendo uma injustiça tão absurda que desta vez não posso deixar de manifestar os meus pensamentos. Trata-se do episódio Dunga x Globo. Durante as transmissões seja de futebol ou Fórmula 1, a todo momento ficam alfinetando o técnico Dunga, elogiando Maradona, esquecendo as brutalidades que este fez quando a Argentina se classificou na sorte para Copa do Mundo. Gostaria de  dizer que o técnico Dunga, pelo menos para mim, mostrou ser uma pessoa digna e muito coerente e, principalmente, honesta, não se deixa influenciar por nada externo e que não seja bom para o Brasil conseguir seus objetivos. Dunga é o cara, seria muito bom se nossos políticos fossem como ele, mas isso é impossível, portanto, o Brasil não tem esperança de melhorar. Continue assim, Dunga, que seremos campeões!

 

JOSE MENDES josemendesca@ig.com.br

Votorantim

________

 

Coletiva

A crônica esportiva está numa tremenda saia-justa. O Dunga está, maquiavelicamente, mais dengoso com a mídia, menos zangado, mais feliz. As perguntas nas coletivas, cada vez mais inteligentes, mais elaboradas e... não tem como falar mal do mestre! Infelizmente, por motivo$ outro$, o Brasil não chegará à final, o que permitirá aos técnicos de escrivaninha destilar o fel sobre o técnico,  ensinando-nos tudinho o que eles teriam feito, com sucesso, para conquistar o hexa. E tem gente que dá audiência para eles!

Flavio Marcus Juliano opegapulhas@terra.com.br

São Paulo

________

 

 Esse Dunga...

Essa seleção... Esses jogadores... Com tantas críticas feitas ao treinador, à seleção e aos jogadores, mesmo assim já estamos nas quartas de final, faltam apenas três jogos, continuaremos torcendo e com boas chances de trazermos o tão sonhado hexa. Com o hexa o difícil vai ser "aguentar" a Globo e o "cara". A primeira, para engrandecer o técnico e a seleção, tão criticados e tão "malhados". O segundo, então, para se autopromover com fins eleitoreiros. Daí o nosso treinador nem vai tirar as duas mãos dos bolsos. Também, esse Dunga....

M. Teresa Amaral mteresa0409@estadao.com.br

São Paulo

________

 

Desfile em carro de bombeiro

Se o Brasil for campeão, todos os jogadores desembarcarão no nosso aeroporto e desfilarão em carro aberto pelas principais avenidas do País, com a costumeira bajulação dos políticos. Mas, e se não forem...? Eles virão assim mesmo, numa demonstração de que “amam com fé e orgulho a terra em que nasceram”, ou vão ficar por lá mesmo, para não enfrentarem a decepção do povão?

 

Antonio Penteado Serra apserra@uol.com.br

São Paulo

________

 

CARTÃO AMARELO

 

Contra a Holanda o Brasil jogará com três jogadores  amarelados (cartão amarelo). Esperamos que os outros oito não amarelem.

 

Virgílio Melhado Passoni mmpassoni@gmail.com

Praia Grande

________

 

DUNGA e LULA

Dunga é teimoso,  fala demais,  insiste  e é muito criticado, mas, aos poucos, está provando que o que está fazendo está funcionando.    Lula também é teimoso, insiste em coisas que até ele sabe que não estão certas,  é criticado,  mas nunca provou ou está provando que está certo. Espero que pelo menos os eleitores saibam avaliar melhor suas atitudes e descartem sua pupila.

CARLOS EDUARDO DE BARROS RODRIGUES cebr2403@gmail.com

São Paulo

 

________

 

Bolão da Copa

 

Com a vitória Brasil 3 x Chile 0,  Gilberto de Carvalho ganha o  prêmio do bolão da reunião da alta cúpula do governo presidido por Lula. O prêmio? Uma garrafa de cachaça. Parabéns ao ganhador. Se nas oitavas de final se disputa uma garrafa de cachaça, fico imaginando qual será o prêmio na final, caso o Brasil chegue lá.

Roberto Twiaschor       rtwiaschor@uol.com.br

São Paulo

 

________

 

Exemplos para imitar

 

Um sacrilégio comparar o navegador Bartolomeu Dias com um time de futebol! O jornalista do Globo fez isso. É bastante triste que  muitos jovens sonhem em se tornar jogadores de futebol. Mas eu ainda acho que eles devem imitar o espírito de  Bartolomeu Dias e Vasco de Gama.

 

Helga Szmuk  helgasz@uol.com.br

Florianópolis

 

________

 

“Vocês vão ter que me engolir”

 

O “reizinho” do futebol argentino, que tem semelhanças físicas com o nosso “reizinho” da política e também gosta muito de aparecer, pode não ser um expert como técnico de futebol, como diz o Pelé, mas tem muito carisma e calor humano. Haja vista que na partida contra o México ficou muito claro o que é realmente “fechar um grupo”. Seus jogadores, que o idolatram como a um deus, parece que não jogam por si, para a torcida ou pela pátria, mas sim para ele. Isso nós não temos por aqui.

Lourival Geraldo Moreira logmoreira@yahoo.com.br

Botucatu

________

 

Exemplo de superação

 

É verdade que nós, brasileiros, não queremos nem pensar em ver a Argentina campeã nesta Copa... Mas uma coisa é inegável: o exemplo de superação do técnico Diego Maradona, que conseguiu sair do limbo das drogas onde se encontrava e criar uma seleção coesa  e integrada, além da forma carinhosa como trata seus atletas!

 

Eloá Galpern Gruc eloagruc@hotmail.com

São Paulo

 

________

 

Afinando as vuvuzelas

 

Nesta altura do campeonato, já saindo das oitavas de final, a candidatura Serra parece estar para seleção brasileira assim como a candidatura Dilma parece estar para seleção argentina. Há um descrédito quase que generalizado de que o Brasil possa vencer esta Copa, assim como Serra possa vencer as eleições. Enquanto isso, Lulla e Maradona afinam suas vuvuzelas para tripudiar sobre o povo brasileiro.

 

José Carlos Degaspare degaspare@uol.com.br

São Paulo

 

________

 

Cuidado com o pé-frio

 

Depois de pedir votos até em enterro de Nobel, os marqueteiros do PT localizaram uma oportunidade de levar a Dilma Russilva à Copa se o Brasil estiver na final.

Espero que não seja mais uma ideia do asponex top-top Garcia, que em todas as suas iniciativas anteriores foi sempre infeliz: resgate de reféns com Chávez, apoio a Zelaya, paz entre palestinos e israelenses e acordo com Irã.

É uma idéia arriscada porque o top-top é o maior pé-frio de nossa política exterior e se Dilma for à África do Sul, acaba vendo a Argentina campeã.

 

Márcio M. Carvalho

Bauru

 

________

 

Bandeira, vuvuzela e ferro

 

A Copa é o limite da civilidade participante brasileira. Com um Kaká e um Robinho, mais sete ou oito Dungas,   o brasileiro vence   e fica feliz.  Duro   vai ser na hora de uma dezena de Dilmas,   assessoradas por centenas de Paloccis, Dirceus, Bernardos, Vanucchis, Elenices, Dulcis e outros que tais, a desfraldar a bandeira vermelha da vergonha que tingiu o País, encabeçada pelo Lulalá da propaganda enganosa que virou realidade , assumirem novo mandato com direito ao  bolivarianismo integral, ao golpe do pré-sal e ao que sobrou de  recursos do erário,   pós-gastos da família Silva.  

 

Ronaldo Parisi rparisi@uol.com.br

São Paulo

 

________

 Copa do Mundo e Eleições 2010

 

Já que hoje o clima é de Copa do Mundo, com muitas demonstrações de patriotices e patriotadas Brasil afora, mas daqui a três meses os brasileiros terão de traçar seu rumo para os próximos quatro anos, aproveito para fazer uma analogia desta Copa com o atual momento, referente à próxima eleição para presidente da Nação verde e amarela.

Hoje ainda estamos nos 44 minutos do primeiro tempo da eleição, onde o time governista acaba de virar o jogo, com um gol contra da oposição, marcado por Aécio Neves, que amarelou na hora decisiva e deixou os seus torcedores na mão. O reserva escalado, Álvaro Dias, foi rejeitado por parte da comissão técnica, através da imprensa, gerando um mal-estar no time tucano. A verdade é que, assim como o de Dunga, o banco de reservas da oposição é fraco. Até a presidente do Flamengo foi cogitada. Mas, e aqueles que não são rubro-negros, como ficam? Se o critério da escolha for apenas a popularidade do jogador, melhor chamar o Pelé ou o baixinho Romário para vice. Se o Brasil for campeão na Copa da África, pode ser o Dunga. Aí não terá pra niguém.

Já os governistas começam a largar as suas chuteiras e caneleiras para calçar seus sapatos altos, esquecendo que, assim como no futebol, na política os ventos da sorte também mudam sem aviso. O craque Tancredo Neves já dizia que "a política é como uma nuvem, uma hora está de um jeito, logo está de outro".

Lula é o Maradona dos petistas e peemedebistas. Por eles endeusado, mitificado, paparicado, bajulado... Não existe ninguém no time do Planalto capaz de lembrar ao técnico que, assim como no futebol, na política ou na vida "a soberba antecede a queda".

Os cartões amarelos distribuídos pelo TSE não surtiram efeito e os jogadores ignoram a autoridade dos juízes. Tudo leva a crer que ainda haverá mais algumas sérias afrontas às regras (que não são claras) e se as punições não forem mais duras, o jogo pode descambar para a baixaria, inclusive com violência entre torcedores fanáticos.

Enfim, acredito que em 3 de outubro teremos a semifinal da eleição e que na grande final o campeão ou campeã só será conhecido após a cobrança dos pênaltis.

 

Sandro Ferreira sandroferreira94@hotmail.com

Ponta Grossa (PR)

 

________

 

Judiciário Torcedor

 

Advogando há mais de 50 anos no Foro desta capital, assisti ao fim do Estado de Direito durante os anos de chumbo, com os direitos individuais suspensos. Ontem, ouvindo soar as vuvuzelas dos grevistas na porta do  Fórum João Mendes, há 60 dias em greve, vejo que a história se repete, não mais  como tragédia, mas como farsa. A

ditadura virou zona!

 

Arsonval Mazzucco Muniz  arsonval.muniz@superig.com.br

São Paulo

 

________

 

Arbitragem no futebol

Se a Fifa tivesse a intenção de acabar com falhas decisivas de arbitragem, já teria colocado mais árbitros com poder de decisão nos campos, a exemplo do basquetebol, que utiliza três juízes, com apito. Veja-se a disparidade: o campo de futebol tem área mínima de 6.400 m² e a quadra de basquete ocupa somente 420 m².

No entanto, muito mais simples seria designar auxiliar de árbitro para acompanhar os jogos através de monitor de TV. Quando ocorresse lance capital duvidoso, o auxiliar por fone imediatamente esclareceria o titular quanto ao que realmente teria acontecido.

 

Flávio José Rodrigues de Aguiar

rsd100936@terra.com.br

Resende (RJ)

 

________

 

A Fifa é uma balela

Por que antes de cada jogo oficial da Fifa entra em campo um grupo de jovens carregando uma bandeira escrita FairPlay (Jogo Limpo), se a própria Fifa não sabe usar esse conceito? Que o digam Inglaterra e México. E assim caminha o futebol... desmoralizado.

 

Leandro Spett spett@hotmail.com

São Paulo

 

________

 

Realmente...

 

Luis Fabiano usando as mãos, os braços (de Deus?)...

Goleiro da Alemanha buscando bola no fundo do gol e fingindo que não foi nada...

"Carlito" Tevez marcando gol em flagrante impedimento e correndo para o abraço...

É, realmente o esporte bretão é um jogo de cavalheiros...

 

Jorge Zaven Kurkdjian zavida@uol.com.br

São Paulo

 

________

 

Gol invalidado

 

É bem possível que o juiz uruguaio J. Carrionda e seu assistente não tenham visto o gol do inglês Lampard, porque são humanos. Mas o goleiro Neuer, da Alemanha, foi desonesto ao fingir que não viu a bola bater a mais de 30 centímetros para dentro da linha de gol, porque o mundo inteiro viu.

 

CLÁUDIO MOSCHELLA arquiteto@claudiomoschella.net

São Paulo

________

 

Solução rápida

 

Enquanto o mundo todo pede que a Fifa adote o replay das redes de TV para checagem da arbitragem, a Fifa proíbe o replay. Perfeito, sem o replay, vai-se a certeza e fica apenas a dúvida. E a dúvida sempre foi a mãe da excelência...

 

Victor Germano Pereira victorgermano@uol.com.br

São Paulo

 

________

 

A PODEROSA FIFA

 

Excelente a reportagem do Estadão com o jornalista britânico Andrew Jennings. Aliás, não disse nehuma novidade, mas a frase "qualquer brasileiro com mais de 10 anos sabe que a corrupção em torno da Copa de 2014 já está instalada" expressa a realidade. Talvez ele não imagine ou não saiba que no Brasil, no atual governo, tudo é movido a corrupção, como mensalão, eleição, futebol. Enfim, já faz parte da cultura do povo brasileiro querer levar vantagem em tudo. Querem um exemplo? O desgoverno corrupto do PT hoje faz conchavos com a zelite (almoço das socialites com Dilma), com o povão que vive da esmola da Bolsa-Família, os estudantes que recebem do ProUni e as universidades que recebem adiantado do governo. Somente a classe média, que come chuchu e arrota peru, paga uma infinidade de impostos e acha que este governo é o melhor que o Brasil já teve. Logo, sr. Andrew Jennings, nós, brasileiros pequena percentagem, sabemos o que vai acontecer até lá. E o senhor não falou da Olimpíada. Tenha certeza que o buraco no Brasil vai ser muito maior que o da África do Sul e o brasileiro idiota vai vestir a camisa do Brasil e torcer para essa cambada.

 

José Saez jsaez2007@gmail.com

Curitiba

 

________

 

Bolas e boladas

 

A.Jennings explica: Fifa+COI+Confederação+PT/governo+Múltis emplacam Copa e Olimpíada no Brasil, para lotar estádios e esvaziar o bolso do povo!

 

Antonio Wuo wuo.antonio@gmail.com

Mogi das Cruzes

________

 

Ainda a Copa de 2014

 

O brado de alerta foi reafirmado pela entrevista concedida à reporter Sra. Flavia Tavares, pelo escritor/repórter sr. Andrew Jennings, no caderno Aliás do Estadão deste domingo(pág. J4). Com a contundente declaração de "que qualquer brasileiro com mais de 10 anos sabe que a corrupção em torno da Copa 2014 já foi instalada", ficam claras quais foram os reais razões para o banimento do Morumbi como estádio para a mesma. Aos que ainda não tomaram conhecimento da citada entrevista, por favor, que o façam e julguem por si mesmos.

 

João Ernesto Varallo jevarallo@hotmail.com

São Paulo

 

________

 

Eleição do Rio

 

A entrevista de Andrew Jennings ("A ginga perfeita dos donos da bola") no caderno Aliás levantou os meandros da Fifa e do COI, além de fazer uma crítica ao jornalismo esportivo praticado no mundo. Pela primeira vez alguém abordou a eleição que escolheu o Rio para sediar os Jogos Olímpicos de 2016. Esta eleição apresentou uma migração atípica dos votos após cada escrutínio em direção ao Rio. Em eleições anteriores a distribuição dos votos em cada escrutínio entre as cidades remanescentes era mais harmônica.

 

Adilson Osés aoses@ufv.br

Viçosa (MG)

 

________

 

Mesquinharias

 

Parabenizo o Estadão pela entrevista com o jornalista Andrew Jennings sobre a realidade por trás de um megaevento como a Copa do Mundo.

Infelizmente, usam a festa máxima do futebol planetário, que deveria expressar a comunhão de pessoas e mesmo de países na disputa futebolística, para mesquinharias e egoísmos.

Refletindo em cima da reportagem, deveríamos repensar - ainda há tempo! - o papel da Copa de 2014 e da Olimpíada de 2016 no futuro de nosso país.

Parabéns pela entrevista

 

Edison Minami edison.minami@hotmail.com

São Paulo

________

 

"EM DEFESA DO VOTO OBRIGATÓRIO"

 

A doutora Isabel Lustosa (28/6, A2) que me desculpe, mas eu sou plenamente a favor do voto facultativo. Já fui candidato a vereador em minha cidade por duas vezes, além de participar de outras diretamente. Em função desta experiência prática afirmo: é muito bonito e "politicamente correto" alardear que o voto obrigatório é uma grande conquista da democracia, mas na prática não passa de uma oficialização da compra e venda de votos. Infelizmente, a grande maioria das pessoas, como se veem obrigadas a votar, fazem-no mediante um benefício particular direto, independentemente das qualidades ou prerrogativas do candidato.

Entendo que o voto facultativo dificultaria essa "comercialização", uma vez que o cidadão que não tem interesse em participar do processo eleitoral simplesmente não participaria. Participando cidadãos mais interessados, entendo que haverá mais chances de eleger candidatos mais comprometidos com as causas públicas, que tenham mais argumentos para o convencimento, argumentos estes não em espécie, mas em ideias.

Por que nos países do Primeiro Mundo o voto é facultativo e aqui temos essa visão, a meu ver demagógica, de que é um retrocesso o voto facultativo? A quem interessa esta obrigação do voto?

 

Zoenio Garcia Siqueira zoenio.duda@yahoo.com.br

Guarujá

________

 

Voto consciente ao invés de obrigatório

 

A democracia, mesmo com seus defeitos, faz-se com liberdade de escolha, sem coação. O próprio ato de votar faz parte da opção. Comparar com outras questões fundamentais, como vacinação e educação, parece-me a tentativa sofismática de usar argumentos pífios quando o principal falha, como feito por Isabel Lustosa. Levado ao extremo dos argumentos ali apresentados, quem ganha mais de R$1 mil por mês deve ser considerado conivente com a péssima distribuição de renda no País, pois contribui para outros ganharem pouco (ou nada); ou que todos somos obrigados a conhecer economia e ciência com propriedade, da mesma forma que somos obrigados a conhecer a lei, para não sermos engambelados pelos "senhores da verdade". A obrigação democrática vem do compromisso. Para eleições majoritárias há discussão, mas para constituição de conselhos municipais, tão importantes quanto o Parlamento, nada é discutido sobre a participação do cidadão.

 

Adilson Roberto Gonçalves priadi@uol.com.br

Lorena

 

________

 

Discordância

 

Respeitosamente, discordo do que diz Isabel Lustosa sobre o voto obrigatório. Máxime, com a comparação entre a obrigatoriedade do voto e a vacina compulsória de Oswaldo Cruz. Neste último fato, tratava-se da proteção da saúde coletiva. Já o voto obrigatório constitui, na maioria das vezes, a proteção da enfermidade política coletiva que hoje existe no Brasil. Por que será que os países culturalmente mais evoluídos já o aboliram? Em tempo: estou desobrigado, pela idade, de votar. Mas o faço. Espontânea e conscientemente. Para contrabalançar os que - grande maioria - o fazem obrigatória e inconscientemente.

 

JOSÉ ETULEY BARBOSA GONÇALVES etuley@uol.com.br

Ribeirão Preto

 

________

 

Bananas e alicates

 

Discordo completamente da dra. Isabel Lustosa. Qual é o problema em haver índices altos de abstenção em eleições? Em países de todo o mundo, inclusive os mais democráticos, muitas pessoas simplesmente optam por não votar e a democracia é mais robusta do que no Brasil. Comparar questões de interesse público, como vacinação ou conservação do patrimônio histórico, com o voto, que é pessoal, secreto e intransferível, é como comparar bananas com alicates. O cidadão brasileiro já tem maturidade suficiente para decidir por si e dispensa a tutela do Estado. Se "só os mais politizados e interessados" irão às urnas, é óbvio que a qualidade do voto será muito superior. Há um risco para os partidos que não estão na situação, que podem ser esmagados pela mobilização da máquina pública e da propaganda do governo para a mobilização de seus militantes, como ocorreu na Venezuela, por certo. Todavia, nos países onde a Justiça Eleitoral é atuante e independente, isso não acontece. Basta que ela - a Justiça - o seja no Brasil. Se o problema reside aí, o que está errado não é a maneira como se vota.

 

M. Cristina da Rocha Azevedo crisrochazevedo@hotmail.com

Florianópolis

 

________

 

Pedágios

 

Realmente, a oposição não aprende. Como pensa em ganhar as próximas eleições com esses aumentos abusivos dos pedágios? São as melhores estradas do País, mas os custos são os maiores do mundo. Quem já andou por outros países sabe muito bem disso. Enquanto isso, Lula e Dilma veem seus adversários pelo espelho retrovisor e sem pedágio para atrasá-los.

 

Mário Issa drmarioissa@yahoo.com.br

São Paulo

 

________

 

Valor abusivo

 

A cada 40 dias, desde 1998, as estradas estaduais de São Paulo que foram entregues à administração da iniciativa privada passaram a contar com um posto de pedágio. Que é uma tarifa muito cara, influindo no preço do transporte coletivo, de mercadorias e, claro, mexendo no bolso do cidadão que precisa fazer uma viagem. Faça-se o cálculo do que se gasta entre a capital e São José do Rio Preto, por exemplo. Um valor abusivo, que somado aos gastos com o combustível atinge um valor exorbitante. Este assunto vai ser abordado pelo candidato José Serra nos debates de quais vai participar durante a campanha? Como economista e administrador, ele precisa dar explicações factíveis, pois, na verdade, pagamos o maior pedágio do Brasil, no Estado mais rico da Federação.

 

Uriel Villas Boas urielvillasboas@yahoo.com.br

Santos

 

________

 

Viajar com tranquilidade

 

Fiz há alguns anos uma viagem a Curitiba por rodovia federal, ida e volta sem pedágio. Antes houvesse, como agora. Na viagem de volta, devido ao mau estado da pista, rompeu uma das buchas do lado esquerdo do eixo traseiro, gerando o seguinte efeito-cascata: rompimento da bucha do lado direito; aumento da fricção dos dois pneus traseiros, causando seu desgaste; falha na articulação dos dois amortecedores e desgaste nos rolamentos. Resumo do episódio: R$ 1.200, sem contar o desgaste mental. Aos que reclamam dos pedágios nas estradas paulistas, peço considerar que o governo paulista está atolado em dívidas de precatórios e em débito com uma remuneração digna de seus funcionários, entre muitas outras necessidades de custeio e de investimento. Também não acho justo pagar IPVA e pedágio, mas prefiro viajar com tranquilidade. Afinal, para um brasileiro uma viagem em carro sem luxo, mas moderno e seguro, é um privilégio e se ela for tranqüila, com assistência técnica gratuita, ainda melhor. Prefiro pagar pedágio, melhor que passar por insegurança, prejuízos e aborrecimentos

 

Roberto Castro roberto458@gmail.com

So Paulo

 

________

 

Gororoba

 

A imprensa toda noticiou com destaque o aumento nas tarifas de pedágio no Estado de São Paulo.

Mas nenhum jornal destacou a queda nos índices de acidentes fatais em nossas estradas, comparando com os níveis encontrados nas estradas federais. Que pena...

São Paulo é o único Estado da Federação com estradas de Primeiro Mundo e para chegar a este patamar nenhum "espírito santo" agiu através de milagres, pois nós pagamos pela qualidade que usufruímos. Costumo dizer que, se vou a um restaurante e me servem comida de primeira, nunca reclamo do preço que pago. O difícil é quando pagamos preço de comida de qualidade e nos servem gororoba....

 

Mara Montezuma Assaf montezuma.fassa@gmail.com

São Paulo

 

________

 

Uma no cravo, outra na ferradura

 

Nos 12 anos do programa de privatização das estradas paulistas, a segurança e a qualidade das rodovias melhoraram. Isso ocorreu em função do modelo de privatização do governo de São Paulo, que prevê manutenção permanente do ganhador da licitação. É por isso que as dez melhores estradas do País são paulistas, enquanto quem viaja para Curitiba é obrigado a enfrentar a Rodovia da Morte. Mas a oposição aos tucanos só pensa em condenar a cobrança de pedágio.

 

Andrea C. Carvalho spdeiacarvalho@gmail.com

São Paulo

 

________

 

TCM paulistano

 

Há muito o Tribunal de Contas do Município de São Paulo perdeu as características de um tribunal isento para assumir as feições de órgão político. Quem esqueceu que os conselheiros do TCM aprovaram as contas de 2004 da petista Marta Suplicy passando por cima de um relatório de 484 páginas elaborado pelo corpo técnico do TCM que apontou graves irregularidades na gestão da ex-prefeita e recomendou a reprovação de suas contas? As contas do prefeito Gilberto Kassab receberamo tantas ressalvas porque ele deve ter contrariado o interesse de conselheiros.

 

Helli dos Santos Oliveira helliso@hotmail.com

São Paulo

 

________

 

Nova Carta Régia

 

Esmail Ghaani, lugar-tenente da Guarda Revolucionária iraniana, ingressou no País sem visto da Embaixada do Brasil. Além da ridícula política externa, o Itamaraty já está importando guerrilheiro das Farc e terrorista do Irã. Não faz muito tempo que um cineasta amigo de Hugo Chávez também chegou ao País sem visto de entrada. Veio fazer campanha para dona Dilma. Estamos virando casa de mãe Joana.

 

Humberto de Luna Freire Filho hlffilho@gmail.com

São Paulo

 

________

  

"Panos quentes no Mercosul"

 

Se a ONU, que tinha projeto na sua criação, já se tornou um massa morta, imagine o Mercosul, que nunca teve projeto algum, a não ser os interesses pessoais dos caudilhos da vez.

 

Ariovaldo Batista arioba06@hotmail.com

São Bernardo do Campo

 

________

 

Basta de muros

 

Os judeus europeus (ashkenazi), que sempre foram extremamente racistas em relação aos palestinos, mostram agora seu radicalismo contra os judeus do norte da África e Oriente Médio (sefarditas), chegando ao cúmulo de erguer um muro de concreto numa escola para separar as alunas ("Justiça de Israel liberta pais ultraortodoxos", 28/6, A13).

Antes da chegada dos judeus europeus à Palestina não havia muros para separar árabes de judeus e muito menos judeus de judeus.

Este fato mostra que estamos diante de mentes perigosamente insanas.

 

Wilson Haddad wilson.haddad@uol.com.br

São Paulo

 

________

 

 

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.