Cartas

HILARY CLINTON

, O Estado de S.Paulo

14 Maio 2010 | 00h00

O milagre brasileiro

Hillary afirma que o Brasil reduz a desigualdade social porque cobra impostos altos (13/5, B7). Talvez por isso é que Lula é "o cara". Ele, de fato, opera milagres.

GILBERTO DIB

gilberto@dib.com.br

São Paulo

_____________________________________

Carga tributária

Lamentável a declaração da secretária de Estado Hillary Clinton, que é uma pessoa inteligente, elogiando a elevada carga tributária brasileira e apregoando que os outros países sul-americanos devem fazer o mesmo. Em primeiro lugar, apesar desta alta carga, o cidadão precisa pagar uma segunda vez por segurança, saúde e educação, já que o Estado brasileiro não as oferece adequadamente. Isso, por si só, já inibe o consumo de boa parte da população. No país dela pagam-se 6% de impostos sobre o consumo, enquanto aqui a média é de 38%. É por isso que os outlets da Flórida são invadidos por milhares de brasileiros, que pagam em média um terço do preço que pagariam no Brasil, ou seja, podem comprar três vezes mais com o mesmo dinheiro. Obviamente, para ela é bom que continue assim. Se aqui houvesse um imposto único sobre o consumo que fosse de 10%, esse dinheiro poderia ficar no Brasil, gerando empregos e renda para o nosso país, e não para o país dela.

PAULO DE TARSO ABRÃO

ptabrao@uol.com.br

São Paulo

_____________________________________

Dízimo ao contrário

Esse maravilhoso gênio financeiro mundial descobriu que, quanto mais escorchante for a tributação, melhor para o país. Recomenda que toda a América Latina siga o exemplo do Brasil, que tem a maior carga tributária do mundo. Por que será que os EUA não seguem as hilárias recomendações dessa ilustríssima senhora? O Brasil poderia, guiado por essa brilhante proposta, instituir o dízimo ao contrário, isto é, o cidadão reteria 10% de seus rendimentos e pagaria os 90% ao fisco. Não seria genial?

ADALBERTO MONTEMAGNI

montemagni@uol.com.br

São Paulo

_____________________________________

Viola no saco

Não satisfeita em contribuir para levar o seu próprio país por caminhos os mais nebulosos, a sra. Hillary Clinton, a exemplo do "cara", adora meter o bedelho onde não é chamada e pontificar sobre assuntos que desconhece completamente de lugares idem. Sra. Clinton, quem paga os escorchantes e humilhantes impostos cobrados no Brasil somos nós, brasileiros, e disso estamos fartos. Meta a viola no saco e vá cantar na sua freguesia, onde há muita porcaria ainda por fazer. Aqui dispensamos seus serviços.

FERNANDO GRAMANI HIPÓLIDE

fghip@ig.com.br

São Paulo

_____________________________________

BRASIL-IRÃ

Insistindo no erro

Pelo discurso da candidata petista (13/5, A8), se eleita, o Brasil manterá seu apoio quase que incondicional ao Irã - insistindo num erro crasso de nossa diplomacia. No mundo não há país correto. Há os menos errados e os mais errados. Por apoiar os mais errados (Cuba, Venezuela, Irã, Líbia, etc.), o governo Lula está minando a respeitável imagem que o Brasil sempre teve perante o mundo. O mais repugnante é termos a nossa reputação manchada, contra a nossa vontade, por governantes indisciplinados que usam o nosso nome em prol de causas muito erradas.

SÉRGIO ECKERMANN PASSOS

sepassos@yahoo.com.br

Porto Feliz

_____________________________________

FICHA LIMPA

Esclarecimento

A respeito do editorial Um avanço notável (13/5, A3), desejo, antes de tudo, reafirmar meu apoio ao Projeto Ficha Limpa. Votei pelo sim na Câmara. Gostaria de esclarecer, contudo, três aspectos que não foram mencionados por esse respeitado jornal: 1) Os destaques apresentados partiram da bancada do PMDB. Como vice-líder do partido na Câmara, tive de apresentá-los em plenário. 2) Não é verdade que o destaque visava a impedir a perda de mandato de candidato condenado, hipótese já prevista na Constituição. A proposta prevê justamente o contrário do que alega o editorial. A intenção do destaque é impedir uma nova hipótese de cassação de mandato pela perda do efeito suspensivo após a diplomação. 3) Por fim, a proposta não suprime a condenação por crime eleitoral, e sim busca instância recursal para matéria eleitoral, o que, infelizmente, o texto básico do Ficha Limpa não propôs em condições equânimes para todos.

EDUARDO CUNHA, deputado federal (PMDB-RJ)

a.felipe.lima@uol.com.br

Rio de Janeiro

_____________________________________

JUIZADOS ESPECIAIS

Exigência de advogado

O editorial A sobrecarga dos Juizados (10/5, A3), desse prestigioso jornal, afirma erroneamente que a bem-sucedida experiência dos Juizados Especiais Federais estaria ameaçada com nossa proposta de tornar obrigatória a presença dos advogados nessas Cortes, já acatada pelo ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ) Luiz Fux, presidente da Comissão de Reforma do Código de Processo Civil. A presença do advogado em todas as causas é direito do cidadão, quer por contratação direta, quer por designação do Estado para quem não pode pagar por um. Somente dessa forma se faz justiça, com advogado. E, ao contrário do que afirma o editorial, não burocratiza, viabiliza direitos. Assim, quando levei a proposta ao ministro Luiz Fux, em reunião no dia 4 de maio, em Brasília, foi por entender que o cidadão deve ter o seu direito constitucional do âmbito federal amparado e efetivado pelo Estado, que hoje se omite e se nega a designar advogado para o carente nos casos de Juizados Especiais. Assim, é uma discrepância verificar que muitos que defendem a permanência desta situação, sem obrigatoriedade de advogado, jamais compareceram em juízo sem um advogado para lhes dar assistência, enquanto o cidadão carente, abandonado pelo Estado, além de não poder contratar o advogado, fica no abandono, pois o Estado não lhe designa um. Vamos, sim, lutar pela presença obrigatória do advogado em todos os processos como forma de assegurar direitos básicos a todos os cidadãos.

LUIZ FLÁVIO BORGES D"URSO, presidente da OAB-SP

SSilveira@oabsp.org.br

São Paulo

N. da R. - A legislação em vigor dá ao cidadão a faculdade de decidir se quer ou não que um advogado trate de seus interesses nos Juizados Especiais Federais. A OAB parece entender que os cidadãos não têm capacidade de exercer essa faculdade.

_____________________________________

VOCÊ NO ESTADÃO.COM.BR

TOTAL DE COMENTÁRIOS NO PORTAL: 2.360

TEMA DO DIA

Tuma Jr. levou Li em visita oficial à China

Objetivo do secretário era discutir o combate ao crime organizado. Traficante foi visto com ele

""Dize-me com quem andas e eu te direi quem és." Esse dito popular parece ter razões filosóficas profundas."

ANTONIO FERREIRA DE CARVALHO

"A China tenta resolver um problema de segurança nacional e a gente leva para dentro do governo deles um mafioso."

RENATO MAIA

"Das duas uma: ou o Li foi aprender como escapar do cerco dos honestos ou foi mostrar como é que se faz."

MILTON WAIS

_____________________________________

Cartas enviadas ao Fórum dos Leitores, selecionadas para o Estadão.com.br

NA PRÓPRIA CARNE

O governo anunciou um corte no orçamento de R$ 10 bilhões. Como disse Mantega, cortar na própria carne. Lembro-me de, quando em campanha, Lula, dizia que os gastos do governo devem ser controlados como num lar, que não se pode gastar mais do que se ganha. E não foi isto que aconteceu, ele permitiu que se gastasse muito dinheiro em cartões corporativos, concordou com prejuízos de milhões de dólares perdoando dívidas a vários países, atingindo cifras em torno de US$ 800 milhões; permitiu que tivéssemos prejuízos na venda da refinaria da Petrobrás a Evo Morales; investiu pesado em Cuba, algo em torno de US$ 450 milhões; enviou ao FMI a cifra de US$ 10 bilhões, sem mencionar a ajuda a Hugo Chávez. Dentre outras façanhas financeiras do governo Lula, por exemplo, enviou milhões de reais ao MST, outros milhões para as centenas de ONGs existentes neste país, que nada fazem, apenas executam trabalhos banais sem resultados concretos; ninguém reivindicou a devolução dos milhões desviados do mensalão nem de outros desvios. Enfim, até o momento, parece que se governou contra a própria Nação, beneficiando quadrilhas e outros muito mais que o nosso próprio país. Cadê o trem-bala? Cadê os Rafales? Cadê a recuperação da malha ferroviária nacional? Cadê a transposição do rio São Francisco? Cadê a recuperação das rodovias federais? Cadê o biodiesel? Cadê as exportações sucroalcooleiras? Enfim... Enquanto isso, a Justiça requer aumento de férias para descanso, porque, segundo alegam, trabalham demais. E ganham demais.

Alberto Nunes albertonunes77@hotmail.com

Itapevi

___________________

CORTE NO ORÇAMENTO

O corte anunciado no orçamento de R$ 10 bilhões é muito pequeno em relação ao

que já foi gasto no primeiro trimestre - R$ 152,8 bilhões. Ou seja, esse

freio não vai segurar o trem-bala da gastança do governo Lula,

corroborado pelo crédito livre e farto, que estimulou a economia para

se livrar da ''marolinha''.

Assim, criou-se um clima propício para uma bolha assassina, tal qual

a que agora ronda a Europa, mas isso não importa, o que vale é se

manter no poder, custe o que custar.

Alberto Bastos Cardoso de Carvalho albcc@ig.com.br

São Paulo

___________________

MATANDO MINHOCAS

A cada cajadada que o presidenciável Serra dá no governo Lulla, mostrando defeitos graves, a tropa de ministros sai a campo matando as minhocas. Chegou a vez da gastança. Não é segredo de ninguém, porque os números não mentem, que o governo gastou muito e gastou mal nestes sete anos e meio. E só agora, faltando meio ano para o governo acabar, os ministros Paulo Bernardo e Mantega saem tentando tapar o sol com a peneira. Com o maior estardalhaço, imprensa em peso noticiando, eles declaram que agora cortarão gastos, que "vai doer". Falam com uma firmeza e propriedade dignas do "çeu" guia. Depois que o governo Lulla passar, amargaremos uma dívida interna de quase R$ 2 trilhões e externa "como nunca antes nesse país". Quem paga a conta?

Beatriz Campos beatriz.campos@uol.com.br

São Paulo

___________________

VAI DOER, NÃO!

Já está doendo! Essa afirmação do Paulo Bernardo, que mereceu até manchete no Estadão 13/5, quando fala em corte de gastos, para impedir superaquecimento da economia, demonstra o ministro, assim como sempre ocorre no governo Lula, que acordou tarde.

Há muito analistas de mercado, através da imprensa, vêm sugerindo a redução dos exagerados gastos improdutivos que esta gestão petista vem irresponsavelmente imprimindo.

E o presidente, do alto da sua soberba, sempre respondeu que os que criticam seu governo torcem contra o País.

Os números estão aí: o déficit público cresce, a economia está aquecida e não é sustentável. E o pior: os juros sobem, assim como a inflação! Ou seja, já está doendo no bolso do consumidor. E daqui a pouco até com prejuízos para o mercado de trabalho. Porque, se este propalado corte não for suficiente, o remédio terá de ser bem mais amargo! E não foi por falta de aviso, mas de juízo...

Paulo Panossian paulopanossian@hotmail.com

São Carlos

__________________

AUMENTO DO CONSUMO SEM POUPANÇA GERA INFLAÇÃO

Todo sistema assistencialista é naturalmente, antipoupança. As bolsas são a forma de ''manter o descoupado'', com dinheiro para ir à venda comprar! Comprar o quê?

Ajustou-se o salário mínimo, que de longe, nunca foi o ''mínimo de salários''. A previdência virou um ''cabide de aposentados'', onde uma grande parte nem sequer foi empregada do que quer que seja e cujo ''salário'' é o mínimo.

O sistema desequilibrado de desempregos, uma verdadeira gangorra, premia os ''salários baixos'', cuja referência é o salário mínimo. O troca-troca de empregos gera o assistrencialismo de ''ganhar para gastar''.

Num país carente de tudo, qualquer dinheiro no bolso vira ''consumo de tudo'', lembram-se do Sarney? Claro que o governo está precoupado com o efeito Sarney. A região Sudeste, a mais adiantada do país, ainda está na era dos anos 20 da economia americana. Hoje atingimos, no Brasil, a quantidade de automóveis que o americano já tinha na Primeira Guerra, o que temos hoje de telefones, e por causa da popularização do celular, o americano já tinha nos anos 50, e já nos achamos ''desenvolvidos''!!!

Páis sem projeto de nação, vai ao léu das ditaduras da vez. Hoje estamos em plena ditadura ''socialista do pudê'', que substiuiu outras tantas, desde o descobrimento do Brasil. A ditadura do ''pudê'' mantém o feudo miserável do Nordeste!!

Ariovaldo Batista arioba06@hotmail.com

São Bernardo do Campo

___________________

INVERDADES NA ECONOMIA

As páginas de economia são muito interessantes, publicam notícias emitidas por fontes de diferentes tendências e contrastantes interesses políticos. Analisando o conteúdo, percebemos que a essência da informação é usada para evidenciar fatores de conveniência, omitindo outros fatores que seriam interpretados negativamente. Temos visto a publicação da auspiciosa notícia do crescimento do mercado interno sem alertar que este se realiza com o consistente aumento de produtos e componentes importados. Fala-se da contribuição das exportações na balança dos pagamentos sem dizer que itens caros como aviões e carros exportados possuem alto percentual de componentes importados. Deixa de ser dito que os carros exportados valem a metade dos importados. Deixa de ser dito que sem os recursos extrativos e o potencial agrícola, doados ao Brasil por Deus, a balança dos pagamentos seria negativa e sobraria muito pouco para enaltecer os milagres do nosso superpresidente.

Franco Magrini framagr@ig.com.br

Cachoeira Paulista

___________________

APOSENTADOS

Jamais governo algum tratou os aposentados que ganham acima de um mínimo com tanto descaso e desprezo, como esse que aí está. Sabemos muito bem quem está por trás dessa manobra infame do tal erro de digitação. Esse mesmo que está para acumular sua quinta aposentadoria, que nunca sabe de nada. Demagogicamente, aumentou o salário mínimo, deixando à míngua os aposentados que contribuíram pelo teto durante toda uma vida de trabalho, e têm o direito legítimo de receber conforme contribuíram. Mas o que vemos? Um governo com sua base aliada com plano para que todos os aposentados, independente de quanto contribuíram, ganharem como os que contribuíram sobre apenas um salário mínimo. Esse é um falido pensamento comunista, que ataca justamente uma classe indefesa, que não pode fazer greve. Só que calculou mal. Esqueceu-se de que quem ganha acima de um mínimo tem a seu favor os familiares e amigos, que estão atentos a isso, pois um dia também se aposentarão. Como só temos como arma o voto, nós e nossos familiares e amigos faremos sentir nosso protesto nas urnas de todo o País. Estou certo de que uma fragorosa derrota deste governo fará o próximo ter mais respeito por quem se preparou mais, estudou a duras penas e contribuiu com mais para ter um certo conforto na velhice. Não queremos políticos que acham que aposentado bom é aposentado é morto.

Aguinaldo Parreira agui.par@gmail.com

São Bernardo do Campo

___________________

DÉBITOS COM A PREVIDÊNCIA e COMPETÊNCIA NA ADMINISTRAÇÃO PÚBLICA

Numa democracia legítima, quando analisamos uma questão que afeta a vida de todos os envolvidos, como é o caso do reajuste aos aposentados e a eficiência da administração pública, que acaba por determinar os rumos do País, temos que ter primeiramente a mais rigorosa transparência dos fatos, além de lisura nas informações.

Conforme o site do Ministério da Previdência Social, os devedores do INSS até 2008, empresas e órgãos públicos que deixaram de repassar os valores devidos aos cofres da previdência, possuem em cobranças administrativas a dívida de R$ 74,8 Bilhões e a dívida ativa de R$ 162,4 Bilhões, perfazendo um total de R$ 237,20 Bilhões, valor este que, se cobrado devidamente como seria de se esperar (é o mínimo que poderiam fazer), seria mais do que suficiente para cumprir com as obrigações constitucionais e garantir uma vida digna aos trabalhadores brasileiros, que são cobrados com pesados impostos em efeito cascata sem ver o retorno social a que estes valores se destinam e encontrariam justificativas. Exemplo: o trabalhador paga imposto de renda diretamente na fonte sobre seus salários; gasta uma parte e poupa uma parcela para sua velhice; faz um plano de previdência privada para não sucumbir de fome ou depender de esmolas de parentes; e tem que pagar 35% de imposto de renda sobre o que poupou (VGBL - imposto regressivo). Portanto, uma bitributação sobre a mesma fonte (salários, no caso). Somos cidadãos vilipendiados diariamente pela falta de idoneidade das políticas públicas e seus respectivos administradores.

Angela Barea, economista angelabarea@yahoo.com.br

São Paulo

___________________

CARGA TRIBUTÁRIA MAIS ALTA DO MUNDO

A sra. Hillary tem razão, pois só viu um lado. Ou seja, que a carga tributária no Brasil é a mais alta do mundo.

Por outro lado, ela não viu que o Brasil é um dos países que apresenta os piores índices de educação, segurança, saúde, habitação e transporte.

Com certeza ela não viu que com esta carga tributária escorchante não precisava o governo extorquir os aposenados.

Estes, que contribuíram sobre 20 salários mínimos, reduzidos para 10, quando se aposentaram, com 7, há 10 anos, estão hoje reduzidos a 3 e, daqui a 5 anos, nesta política do governo, devem estar zerados.

Ainda não deve ter visto que a assistência à saúde fica relegada a último plano e quem quer ter melhor assitência que se vinculte a um plano de saúde particular, não obstante a elevada carga tributária.

Comparativamente, que tal se ela citasse a carga tributária do Canadá e os benefícios sociais que esse país presta aos seus cidadão, principalmente com a aposentadoria e assistência à saúde, sem falar da educação, habitação, seguança e transporte?

Concordo que seja a carga mais elevada do mundo, sem compromisso de contrapartida à altura.

Sebastião Pereira jardins@oadministrador.com.br

São Paulo

___________________

HILLARY, GO HOME

Carga tributária alta é bom? Larga de ser burra, mulher!

Sergio S. de Oliveira ssoliveira@netsite.com.br

Monte Santo de Minas (MG)

___________________

''DANDO TEMPO AO TEMPO''

Ao ler as declarações da secretária Hillary em favor da carga tributária brasileira, eu compreendo o outro prazer que o presidente Clinton sentia ao incentivar suas parceiras à prática... oral.

Eduardo Roberto Maluf ermaluf@ig.com.br

Jandira

___________________

FALAS DE DILMA

Dilma fez um pronunciamento afirmando que o Irã tem armas nucleares em desenvolvimento; depois desdisse, falou que foi um engano.A diferença entre ela e Lula é que os dois mentem, Lula propositadamente, tentando enganar a todos, como sobejamente sabemos, e em muitos casos fala besteiras por ignorância ou desconhecimento, mas Dilma, por pura ignorância. Sinceramente, Lula, que é uma pessoa considerada por muitos como inteligente, embora ignorante em muitos aspectos, e melhorou ao longo de seu mandato, como conseguiu escolher essa figura para ser sua sucessora? É um verdadeiro mistério, ou então no PT não existe ninguém melhor do que ela, o que é uma catástrofe. Darão o sangue para se perpetuar no poder, uma catástrofe ainda maior. Dilma não é nada palatável, é antipática, nada sabe, não é política, uma verdadeira hecatombe. Se eleita, pobre Brasil.

Carlos Eduardo de Barros Rodrigues ceb.rodrigues@hotmail.com

São Paulo

___________________

SONHO ENCANTADO

A candidata do PT à Presidência da República, Dilma Rousseff, em declaração bombástica afirmou que o Irã controla armas nucleares e defende a visita de seu padrinho político, presidente Lula, à nação referida. Como ele só serve para viajar, que vá e fique por lá, assistindo aos testes com as armas atômicas. Mas como ficará tal afirmação, se o governo iraniano nega categoricamente a existência de tais armas? Isso é conversa de terrorista, ao que ela está superacostumada. Esta senhora deve estar assistindo a muitos filmes do 007. Espero que ela prove tais declarações perante o mundo livre. Pois o Irã é controlado por um ditador. E a ditadura é o sonho encantado de toda a esquerda festiva brasileira.

Roberto Stavale bobstal@dglnet.com.br

São Paulo

___________________

"AHRMAGEDONEJAD"

Questionada sobre o respeito aos direitos humanos no Irã, a pré-candidata petista saiu-se com esta pérola: ''Vamos exigir uma atitude contra o uso de armas nucleares e contra o extermínio de judeus. É uma posição que não concordamos e já manifestamos''. Ué, O Irã já começou a exterminar judeus, com seu surpreendente urânio para uso pacífico, e ninguém nos avisa?

Flavio Marcus Juliano opegapulhas@terra.com.br

São Paulo

___________________

DILMA E O COMBATE AO CRACK

A aparição da candidata Dilma terça-feira, na TV, discorrendo sobre o que espera fazer no combate ao crack foi muito mal planejada por sua assessoria!

No esforço para que ela apareça na tela e com isso fixe a sua imagem, o tiro saiu pela culatra.

Para ser sincera, ela deveria dizer que pretende continuar fazendo o mesmo que o governo ao qual ela pertence fez nos últimos 8 anos no combate ao crack, ou seja nada ou praticamente nada. É só passar pelos postos da Polícia Rodoviária Federal e constatar que não existe nenhuma fiscalização e que os poucos casos de apreensão são resultado de denúncias anônimas.

A não ser que a aparição tenha por objetivo combater os craques do Dunga e num erro de português foi grafado crack! Se este for o caso, permita discordar também da candidata, pois concordo plenamente com os critérios do Dunga, que, conforme falou, monta a sua equipe com pessoas comprometidas com o melhor para o Brasil

Orlando Moschini moschini@uol.com.br

São Paulo

___________________

CONHECIMENTO DE DONA DILMA

Aldous Huxley afirmava: Conhecimento não é aquilo que você sabe, mas o que você faz com aquilo que você sabe. Essa é a grande ameaça que paira sobre o País, no caso de Dilma Rousseff. Em sua biografia ela nunca foi de estudar, como conseqüência, seus conhecimentos são bem limitados. Ela sempre foi de se engajar, de seguir lideranças, incondicionalmente, de mandar fazer o que lhe ordenassem, uma perfeita militar, muitas vezes a serviço de causas condenáveis. No seu discurso de despedida da Casa Civil disse que seguiria os projetos sociais que Lula implantou, sempre se apoiaria nele, o que seria até bom. Na sua campanha, diversas vezes Lula chamou-lhe a atenção, por seu discurso autoritário, suas atitudes agressivas, que assustam as classes mais conservadoras. O perigo reside no fato de ela achar que sabe muito e, se eleita, logo tentar voos solo, empregando suas certezas em coisas que o cargo nem a nação necessitam. Por só saber mandar, por sua notória dificuldade em negociar, em ceder, é perfeitamente lógico supor que terá sérias divergências com o Congresso Nacional. Como o poder inebria e seu projeto já está contaminado pelo vírus bolivariano, quando eleita esquecerá seu atual líder para seguir o exemplo de Chávez.

João Henrique Rieder rieder@uol.com.br

São Paulo

___________________

HÁ RAPOSA NO GALINHEIRO

O Estadão estampa em sua página A4, terça-feira, dia 11 de maio, a figura do secretário nacional de Justiça, Romeu Tuma Júnior.

O seu semblante é de deboche.

O Estadão tentou ouvi-lo, não sonseguiu, ele se recusa sistematicamente a falar ao jornal.

Em entrevista à Folha de S. Paulo, Tuma disse estar sendo vítima do crime organizado.

Ora, essa, Tuma, você é integrante do crime organizado. Não queira confundir a opinião pública, pois ela não é idiota. As gravações da PF comprovam que você faz parte da máfia chinesa.

E o Lula está em dúvida se demite seu apadrinhado. O Brasil não meresse esse tipo de gente.

Edward Brunieri ebsolucao@uol.com.br

São Paulo

___________________

''Me engana que eu gosto''

Continuando a série das ''travessuras'' do Tuma Jr. mais uma ficamos sabendo: o contrabandista Paulo Li acompanhou o secretário da Segurança em viagem oficial à China.

O contrabandista é amigo há 30 anos da família Tuma mas eles nunca souberam das atividades espúrias do chinês.

Quem é que vai ressarcir os cofres da União ?

O que mais tem de informações a Polícia Federal nesta história escabrosa ?

Maria Tereza Murray terezamurray@hotmail.com

São Paulo

___________________

TUMA JÚNIOR

Ninguém retratou tão bem o secretário como Loredano. Seu João Bafo de Onça está perfeito.

Carlos Montagnoli carlosmontagnoli@uol.com.br

Jundiaí

___________________

SENADOR ROMEU TUMA

Meu pai sempre me disse: ''Dize-me com quem tu andas e direi quem és''. É um antigo ditado popular que se aplica bem aos filhos e não importa, senador Romeu Tuma, a idade, a profissão ou o cargo que ocupa. São filhos e necessitam de orientação.

Paulo César Pieroni pcpieroni@hotmail.com

Campinas

___________________

SECRETÁRIO DA JUSTIÇA X POLÍCIA FEDERAL

A Polícia Federal, entidade sem mácula nenhuma até hoje, não pode deixar esta situação criada pelo secretário Tuma Jr. sem resposta convincente para nós, brasileiros, que ainda cremos na eficácia e honradez dos homens que militam em seus quadros, da chefia aos agentes do nosso país inteiro. Esta investigação terá que ser efetivada nos mínimos detalhes, para, se possível, chegar até a uma absolvição do investigado, mas, ao contrário, se provado for, não poderá ficar restrito ao famigerado ''segredo de justiça''. A credulidade da nossa Polícia Federal nunca esteve tão em xeque como neste imblóglio policial. Inocente ou culpado? O povo aguarda o veredicto.

Aloísio Arruda De Lucca aloisiodelucca@yahoo.com.br

Limeira

___________________

O DIRCEU DA VEZ

Ao que tudo indica, o secretário Tuma Jr. tem mais poder no governo que José Dirceu possuía, para desobedecer e desacatar seu superior, o ministro da Justiça, e ao belo estilo Lula ainda debochar: "Não tem essa história de licença. Eu jamais vou pedir licença! Isto não existe." E mais adiante, ironicamente: "Vou pegar um sol...Vvolto quando estiver moreninho." Como o senador Romeu Tuma acompanha Lula desde os tempos de cadeia, deve ter mais trunfos na manga que o ex-ministro possuía. É o governo petista - cada um diz o que quer e ninguém tem autoridade para se impor. Isto são as imagens do Brasil de hoje, desprovido de energia, vergonha e pudor.

João Roberto Gullino jrgullino@oi.com.br

Petrópolis (RJ)

___________________

TODOS IGUAIS

Imagino as desculpas dadas pelo ex-secretário da (in)justiça sobre a foto publicada no Estadão de ontem (A1): ''Há tantos Paulinhos por aí'' - quem se lembra desta? Ou, ''chineses são muito parecidos, deve ser outra pessoa''. E por aí vai. Como diz o velho d(e)itado, filho de peixe peixão é! Que horror!!!

Renato Camargo natuscamargo@yahoo.com.br

São Paulo

___________________

BATOM NA CUECA

Muito boa essa foto de Romeu Tuma Jr. acompanhado do contrabandista Li Kwok Kwen, vulgo Paulo Li, em visita oficial à China, para discutir a cooperação nas áreas de combate ao crime organizado e lavagem de dinheiro. É a mancha de batom na cueca que faltava para enterrar de vez o moribundo Tuminha.

Ronaldo Gomes Ferraz ronferraz@globo.com

Rio de Janeiro

___________________

DESMORONAMENTO

Tuma não é engenheiro, mas sabe que a casa caiu.

A. Fernandes standyball@hotmail.com

São Paulo

___________________

PARABÉNS

Parabéns a José Neumanne pelo artigo "Polícia é polícia, bandido é bandido" (12/5, A2). Pena que o "noço" guia não lê. Enquanto isso, o Estadão contina sob censura e os que infringem a lei estão livres, dando as cartas em seus cargos, sob a tutela de Lulla.

Ângelo de Agostini angedemari@gmail.com

Campinas

___________________

LULA E OS VAGABUNDOS

''País não aceita líder eleito após golpe''. O Itamaraty não reconhece Porfirio ''Pepe'' Lobo como presidente de Honduras. É evidente que, sempre que houver a possibilidade de apoio a um homem de bem ou a um vagabundo, Lula e seus trotskistas, que o aconselham, escolherão apoiar o vagabundo.

Celso Vicente Fiorini celsofiorini@ig.com.br

São Paulo

___________________

ZELAYA INSISTE

Quando questionado a respeito do dissidente cubano que estava em greve de fome, e dos outros presos políticos, Lula se justificou e justificou a didadura cubana, sob a alegação de que estava tudo de acordo com as leis internas daquele país. No caso da expropriação do patrimônio da Petrobrás por Evo Morales, Lula defendeu a soberania da Bolívia. Com relação a Honduras, Lula e seus companheiros de quadrilha bolivariana querem ditar como os hondurenhos devem eleger seu presidente e hostilizam o presidente eleito e empossado de acordo com as leis de Honduras. A soberania é, nesse caso, desconhecida pela plêiade de democratas.

Mario Helvio Miotto mhmiotto@ig.com.br

Piracicaba

___________________

BALTASAR GARZÓN

O juiz Baltasár Garzón foi liquidado com o simples recebimento de abertura de processo contra ele requerido por um pseudo-sindicato de extrema direita, denominado de ''mãos limpas'', em razão de o acusado ter dado início a um processo investigatório sobre os crimes praticados na guerra civil espanhola, por um juiz instrutor do Tribunal Supremo da Espanha, com a divulgação de sua figura no banco dos réus e a suspensão temporária de suas funções, antes mesmo de uma condenação, o que representa um sério retrocesso na evolução do direito no sentido de sua mundialização, mediante a superação do espaço (jurisdição ilimitada) e no tempo (imprescritibilidade), cujos conceitos estão bem assentados em obras jurídicas transformadoras, como a de Geoffrei Robertson, ''Crimes contra a Humanidade e a luta pela universalização do direito''.Clamam em seu favor, em manifesto urgente, pers onalidades como Alain Touraine e Carlos Fuentes. Esse episódio com certeza será marcante na história do tenso conflito entre as concepções anacrônicas do direito e a transformação das instituições jurídicas no século 21.

Amadeu Roberto Garrido de Paula amadeugarridoadv@uol.com.br

São Paulo

___________________

TROPA DE ELITE 2

Deputado José Genoino está indignado com filmagens do filme Tropa de Elite 2, alegando que estão achincalhando o Parlamento. Isso soa como piada, porque quem vem desmoralizando o Congresso são os próprios políticos, que agem conforme suas conveniências e favorecimentos pessoais. Veja como exemplo a indecente proposta do deputado Vacarezza, de férias fora de hora para a Casa, por causa da Copa do Mundo. E as votações? Ah! Isso não interessa.

Ademar Monteiro de Moraes ammoraes57@hotmail.com

São Paulo

___________________

SELEÇÃO

Agora sei por que o DUNGA não convocou os melhores.

Porque Dilma falou que craque faz mal.....

Tiago Homem de Melo de C. e Silva tihmcs@ig.com.br

Campinas

___________________

DORIVAL JÚNIOR

Dorival Júnior, ''peitado'' por Ganso na final do Campeonato Paulista, ''enfiou o rabo entre as pernas''. Agora, covardemente, ''crucificou'' Rodrigo Mancha pela derrota dos ''bobos da Vila'' para o Grêmio. Em menos de um mês, assim, o técnico do Santos F. C. deu duas claras demonstrações que de seu bravo tio Dudu (Dudu/Ademir da Guia) não herdou a virtude da coragem.

Jorge João Burunzuzian burunlegal@hotmail.com

São Paulo

___________________

O BRASIL NA COPA

Pode ser que Dunga volte como campeão mundial, no entanto, veremos jogos monótonos, sem aquela expectativa de jogadas diferenciadas e belos gols.

Para Dunga e seus fiéis companheiros aumentou a responsabilidade, pois, do modo como foi feita essa convocação, terão de trazer essa Copa de qualquer jeito.

Admar Regalio fabireg30@uol.com.br

São Paulo

___________________

DEPOIMENTO DE MARIO PRATA

Confesso que quando acabei de ler o depoimento do Mário Prata a respeito da ascensão do Linense ao grupo de elite do futebol paulista estava com os olhos marejados. O Mário, que com as suas crônicas no Estadão só nos fazia rir, me fez chorar, também de alegria. Sempre li suas crônicas quando escrevia nesse jornal. Até fui contemplado, pelo Estadão, ao renovar uma assinatura, com seu livro contendo essas crônicas. Não esqueço daquela crônica sobre o médico, se não estiver enganado, da própria Lins, da camisa e a marca do pneu ''Good Yer''. Parabenizo o depoente, embora sendo avareense, me senti linense.

Antônio Carlos ''Tuta'' de Oliveira esctuta@uol.com.br

Avaré

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.