Fórum dos leitores

MANIFESTAÇÕES

O Estado de S. Paulo

21 Agosto 2015 | 03h00

Esopo e La Fontaine

Vejam como funcionam duas manifestações antagônicas. O brasileiro trabalhador, cônscio da sua responsabilidade para com o País, participa aos domingos de manifestação por descontentamento com o desgoverno lulodilmista para não tumultuar o trânsito, respeitando o direito de ir e vir das pessoas. Os petistas, sob a batuta malandra de Lula, ciente da decadência da sua horda de seguidores, fazem suas manifestações nos dias úteis, complicando a vida das cidades e dos autênticos trabalhadores, encrencando o trânsito, para darem a falsa impressão de uma grande massa de adeptos à sua causa. Os dois movimentos nos fazem lembrar a conhecida fábula de Esopo, reescrita por Jean de La Fontaine, A Cigarra e a Formiga. Você, caro leitor, tire suas próprias conclusões.

HUMBERTO SCHUWARTZ SOARES

hs-soares@uol.com.br

Vila Velha (ES)

Passeata de petistas

É óbvio que a manifestação desta quinta-feira tenha ocorrido em dia útil, com vale-transporte e alimentação. Seus manifestantes estão lá a serviço.

HAROLDO NADER

nader.haroldo@gmail.com

Valinhos

Apoio a Dilma

Eu gostaria de ver esse pessoal que faz passeatas em apoio a Dilma e ao seu governo indo para os pontos dos eventos por meios próprios, sem direito a lanches, sucos, etc., para se ter uma ideia exata da proporcionalidade, do peso e da confiabilidade dessas manifestações.

MIGUEL RIBEIRO DA SILVA

mrsierra@ig.com.br

Jandira

Vira-latas e narcisistas

Deixe-me ver se entendi: então, para o Verissimo, os manifestantes contra Dilma e o PT são como aqueles cachorros vira-latas que correm atrás de carro? E, para Eugênio Bucci, não passam de narcisistas indo às ruas só para fazer fotos com pau de selfie?

SUSANA LOPES DE ALEXANDRIA

alexandria@terra.com.br

São Paulo

O cerne da revolta popular não está (ainda) na questão ideológica, na qual Verissimo defende PT & Cia. (O vácuo, 20/8, C10). O povo quer a saída do PT da política pelos crimes cometidos contra o patrimônio popular, as mentiras, o estelionato eleitoral, a corrupção. Intencionalmente ou não, Verissimo tergiversou.

OTTFRIED KELBERT

okelbert@outlook.com

Capão Bonito

Real grandeza

Com relação aos protestos de domingo, poderíamos parafrasear dom Pedro I: se é para o bem de todos e felicidade geral da Nação, diga ao povo que não fico!

EUGÊNIO VALDEMARIN

evaldemarin@terra.com.br

Campinas

LULOPETISMO

Balelas sempre

Vendo seu PT ruir, Lula resolve reaparecer com frequência na mídia. Seus pronunciamentos, sempre carregados de ódio e agressividade, têm o único objetivo de jogar para a oposição a responsabilidade pela crise por eles criada e mantida, alegando que os oposicionistas estimulam o “quanto pior, melhor”. Quem está no pudê há 13 anos, “cara”?

ANGELO TONELLI

angelotonelli@yahoo.com.br

São Paulo

Despudor

Uma dúvida: quando Lula e seus companheiros gritavam “fora FHC”, “vamos bater nas urnas e nas ruas”, “Aécio não é homem sério e de respeito”, impeachment para Collor, os propósitos dos petistas eram conservadores, antidemocráticos, golpistas e fomentavam a intolerância? No PT, a falta de autocrítica e o excesso de alienação atingem estágios tão elevados que um José Guimarães, irmão de Genoino, candidamente, comenta: “A gente sempre espera equilíbrio e moderação de um ex-chefe da Nação”. Nota: o ex é FHC.

HELENA RODARTE C. VALENTE

helenacv@uol.com.br 

Rio de Janeiro 

GOVERNO DILMA

Aumento do desemprego

A mídia informa que o número de desempregados – já em 1,6 milhão – vem aumentando sem cessar, pela má condução governamental da economia. Pergunto: se incluídos os desempregados dos programas federais, os sem-sem – sem emprego e sem procurar para não perder a boquinha –, para quanto iria a contagem?

MÁRIO A. DENTE

dente28@gmail.com

São Paulo

Automóveis?!

Gostaria de saber com quem a dona Dilma conversa quando dá seus pitacos na política econômica. Ora, primeiro apoia um ajuste a contragosto. No meio do caminho, atropela tudo e, finalmente, obriga os bancos oficiais a emprestar dinheiro às montadoras a taxas reduzidas, com a justificativa de manter empregos. O problema da indústria não é o custo financeiro, são as vendas, cuja queda já atingiu o pré-sal. Nesse cenário, pergunto: por que a indústria vai produzir e manter emprego, se não tem quem compre a produção? Realmente, seus conselheiros devem ser duendes. Bem escreveu o jornalista Marco Antonio Rocha (20/8, B2), nenhum programa de ajuste dará certo com ela, pois lhe faltam capacidade e discernimento para tomar as decisões corretas. E viva a mandioca!

JOSÉ ANTONIO MOREIRA

rsbrasil@real-soft.de

São Paulo

Só ‘venha a nós’

Cada vez me convenço mais da falta de seriedade e competência do governo, incluindo agora também o ministro da Fazenda, em quem ainda restava um fio de esperança. Cada dia é uma bomba! A última foi a procrastinação do 13.º salário dos aposentados. Só que para os funcionários da União, incluído Joaquim Levy, foi pago normalmente em julho! Por que para eles pode e para os aposentados não pode? Quem vai responder a essa pergunta?

MARIO ANTONIO ROSSI

mario_rossi@uol.com.br

São Paulo

Joaquim Levy, um burocrata grandão que não está conseguindo dizer a que veio.

SERGIO S. DE OLIVEIRA

ssoliveira@netsite.com.br

Monte Santo de Minas (MG)

Angela Merkel no Brasil

Aproveitando a visita da chanceler alemã, vamos pedir à sra. Angela Merkel que fique mais um tempo no País e dê exemplos de como se administra uma nação. E podemos enviar nossa ilustre presidenta e demais petralhas para a Alemanha, para ensinarem aos alemães como se quebra um país em tão pouco tempo.

WALTER ÂNGELO CAROTTI

waltercarotti@yahoo.com.br

Indaiatuba

Cartas selecionadas para o Fórum dos Leitores do portal estadao.com.br

EXÉRCITO PETISTA

É impressionante a hipocrisia desses movimentos conhecidos por siglas como a CUT (Central Única dos Trabalhadores), o Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), a União Nacional dos Estudantes (UNE), o Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST), etc. Fingem reclamar dos ajustes econômicos, mas defendem o governo e mamam nos nossos suados impostos. Como pode esse exército petista clamar por democracia, se lambem as botas de Fidel, Chaves e outros ditadores? Sem trabalhar e sem prestar contas a ninguém, vivem chupando o suor dos trabalhadores e constroem belos edifícios, dirigem bons carros, viajam pra todo o lado, alugam ônibus e sustentam massas de manobra, etc. Por acaso algum dirigente da CUT bate cartão? Será que os caciques do MST ou do MTST vivem em assentamentos ou prédios invadidos? A “presidenta” da UNE conhece a situação miserável a que estão relegadas as escolas públicas brasileiras ignoradas pela outra “presidenta”? Alguém precisa mostrar ao povão ingênuo que sua miséria é um grande negócio para esses oportunistas metidos a socialistas. Já passou da hora de o Ministério Público investigar também esses ralos de dinheiro público.

João Carlos A. Melo  jca.melo@yahoo.com.br

São Paulo

*

DIFERENÇAS

Há uma gritante diferença entre as manifestações favoráveis ao governo e as desfavoráveis ao desgoverno. São mercenários os participantes das manifestações favoráveis ao governo, visto que recebem uma ajuda de custo, visam a outros ganhos pessoais e ocorre em dias úteis, para dar uma falsa idéia de adesão por causa da retenção do trânsito, enquanto as manifestações desfavoráveis ao desgoverno são feitas espontaneamente e recriminam a corrupção, os desenfreados gastos governamentais, visando ao bem coletivo e são feitas aos domingos, para não tumultuar o ir e vir dos trabalhadores.

Humberto Schuwartz Soares hs-soares@uol.com.br

Vila Velha (ES) 

*

ATOS PRÓ (DES) GOVERNO

Esses não reclamam de nada, ganham para isso! Algumas cidades de 15 Estados fazem atos pró-desgoverno, provavelmente pagos por todos nós. Querem mostrar para os “contra” ao desgoverno que preferem continuar na “mamata” do dinheiro dos que trabalham para o bem do País, que felizmente em número ainda são infinitamente maiores – 80%, enquanto esse bando de vendidos, que não passam de baderneiros, é bem menor – 8% e aprovam a roubalheira e a corrupção que está provocando uma enorme crise econômica sem precedentes, em razão dos descasos das nossas instituições coniventes com tudo isso. 

Luiz Dias lfd.silva@2me.com.br

São Paulo

A FAVOR DA CORRUPÇÃO!

Frente a corrupção deste governo, existem apenas duas posições: ou você é a favor ou é contra, não existe meia corrupção! Os petistas são totalmente a favor!

Eugênio José Alati eugeniojalati@gmail.com

Campinas

*

QUEM TE VIU E QUEM TE VÊ

Atos isolados de manifestações pró-Dilma contaram com a participação de alguns sindicatos e movimentos sociais. O absurdo é a participação da UNE e do Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo (Apeoesp). Os pobres professores paulistas são manipulados e usados como massa de manobra. Outro absurdo é a entidade que representa a elite intelectual se sujeitar a um sindicato de operários. Quem quer crescer tem de se unir aos melhores. 

Jose Alcides Muller josealcidesmuller@hotmail.com

Avaré

*

REAÇÃO DOS PETISTAS

Interessante a reação dos petistas no Congresso em relação às declarações de Fernando Henrique Cardoso sobre um gesto nobre que Dilma teria, caso se afastasse do poder, diante dos clamores das ruas e das dificuldades de sua governabilidade. José Guimarães, irmão de Genoíno, cinicamente, comenta que "a gente sempre espera equilíbrio e moderação de um ex-chefe da nação". Por que será que os mesmos que reclamam não sabem fazer uma autocrítica? O que dizer do equilíbrio e moderação de um ex-chefe da Nação que atende pelo nome de Lula da Silva? A memória dessa turma é voltada para a alienação dos fatos.

Leila E. Leitão 

São Paulo 

*

MINISTRO INDIGNADO

Então o ministro da justiça (pequeno mesmo) José Eduardo Cardozo determina investigações sobre provável vazamento de dados bancários da empresa de Lulla, aquela que "elle" usa para suas caríssimas palestras, já que uma revista de grande circulação semanal publicou que a tal LILS (empresa de Lulla) arrecadou R$ 27 milhões em quatro anos, conforme dados do Coaf, e dados esses que foram repassados para o pessoal da Lava Jato. Então sr. Lulla não pode ter seus dados sob suspeição, diante do volume de ganhos para uma empresa que dá palestras motivacionai$$.  Motivacional cara-pálida? Nem o mais bem preparado e famoso palestrante obtêm essa grana em apenas quatro anos. Se o sigilo foi quebrado e vazou, foi porque está sob a mira do pessoal de Curitiba. Qual é, ministro Cardozo? Já esqueceu que seu partido fez para o caseiro Francenildo?  Palocci mandou quebrar o sigilo dessa humilde pessoa com a ajuda de Jorge Matoso, então presidente da Caixa Econômica Federal. Vai defender quem está sendo acusado de norte a sul de leste a oeste no País como o grande causador do mega roubo na Petrobrás? Vai dar uma de indignado, ministro?!

Agnes Eckermann agneseck@gmail.com

Porto Feliz

*

REPETIÇÃO

Convém avaliar bem a pressão que o Planalto e o Renan Calheiros irão colocar sobre Eduardo Cunha.  Sua personalidade não afasta a hipótese de, sob pressão, se transformar em um novo Roberto Jefferson e detonar de vez toda a cúpula da República.

Claudio Juchem cjuchem@gmail.com

São Paulo 

*

AGENDA BRASIL

O presidente do Senado, Renan Calheiros (PMDB-RJ), encaminhou uma série de propostas ao governo federal sob a alegação de que as medidas ajudariam na retomada do crescimento. Entre as ideias apresentadas, o senador por Alagoas propõe um modelo de cobrança para os usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), cujo pagamento seria fixado de acordo com a faixa de renda. Renan aproveita o momento de instabilidade política e a fragilidade da presidente Dilma Rousseff para mostrar o quanto a sua presença no Congresso pode não ser positiva ao País. Além disso, um senador da República deveria conhecer a Constituição e, portanto, saber que o texto constitucional é claro quando prevê que o sistema de saúde deve ser amplo e universal, portanto gratuito. A sociedade brasileira não pode permitir que os direitos duramente conquistados com a promulgação da Constituição, em 1988, sejam retirados por conta do oportunismo e da disputa pelo poder.  

Willian Martins martins.willian@globo.com

Guararema 

*

LULA E O PT

Com efeito, o maior pecado cometido por Lula foi ter corrompido, de cabo a rabo, o projeto político do PT, jogando na lama da história o ideário de um partido nascido sob a égide da correção, transparência, retidão e probidade. Como disse Lord Acton, com sabedoria e profundidade: "O poder corrompe e o poder absoluto corrompe absolutamente."

J.S. Decol decoljs@globo.com

São Paulo

*

GOLPE NOS GOLPISTAS

Ditado popular: ”Ladrão que rouba ladrão tem mil anos de perdão.” Dessa forma, vamos dar risada dos corruptos espertinhos, que compraram quadros autênticos dos golpistas. (Sobre a descoberta de que os espertinhos corruptos “compraram” quadros de artistas famosos).

Ricardo Guilherme ricardoeeunice@ig.com.br

Monte Alegre do Sul 

*

 FIM DO MITO LULA?

O Brasil se manifestou e parece convencido de que o mito Lula acabou, assim como sua cria, o PT. Mas a história pede cautela, o jogo não acabou e nada está definido. O PT continua governando o País, que já viu viradas históricas. O Brasil inteiro pensou que o senador Renan Calheiros seria afastado, quando descobriram que ele pagava a pensão da amante com dinheiro de empreiteiras ligadas ao governo. Houve enorme pressão, mas ele resistiu e está aí até hoje, mais forte do que nunca. Enquanto não salgarem a terra onde Lula e o PT estão, não se deve cantar vitória. 

Mário Barilá Filho mariobarila@yahoo.com.br

São Paulo 

*

DESESPERO DO PT

O atual momento é extremamente perigoso. Sabemos que historicamente a cúpula do partido elimina qualquer que esteja no caminho atrapalhando os seus planos, vide Celso Daniel, Toninho de Campinas... 

Jose Roberto Iglesias rzeiglezias@gmail.com

São Paulo

*

INTOLERÂNCIA À CORRUPÇÃO

Parece que o ministro sr. Edinho Silva não entendeu que as ruas são intolerantes  à corrupção e ao descaso com a coisa pública. E o pior é que a tal intolerância ao seu partido e líderes é espontânea, sem claques, sindicatos ou partidos patrocinadores. 

José Eduardo Zambon Elias zambonelias@hotmail.com

Marília 

*

LULA!

Quem garante que ele não está envolvido com todas as falcatruas que ouvimos por aí.   Um simples torneiro mecânico e filho, são hoje uns dos maiores milionários do Pais! O dinheiro veio de onde? O povo brasileiro é besta mesmo!

Jose de Arimatea de Andrade zearian@hotmail.com 

São Paulo

*

ATITUDE INDECENTE

Realmente vivemos num País governado comprovadamente pelo PeTelulismo corrupto, sujo e marginalizado. Pois, enquanto suspenderam a antecipação de metade do 13.° salário aos aposentados e pensionistas, que recebem uma miséria, à presidente Dilma e aos ministros da área econômica o valor foi liberado em julho, como também o governo Federal já pagou metade aos servidores da União. Vergonhoso, indecente!

Angelo Tonelli angelotonelli@yahoo.com.br

São Paulo

*

DILMA TEM 13.º, APOSENTADO NÃO

Lá pelos lados do Palácio do Planalto ninguém está reclamando de falta de pagamento...  E, para confirmar, acredite se quiser, a presidente Dilma Rousseff, seus 39 ministros, 23 mil camaradas em cargos de confiança, e todos servidores públicos federais já receberam sem atraso algum a metade do 13.º no último mês de julho!  Mas, sórdido que é este governo petista, que não se importa em infernizar a vida dos brasileiros, como já faz com a alta da inflação, desemprego, e recessão econômica, etc., agora, pega como pato das suas orgias e maldições os 30 milhões de aposentados do setor privado, deixando-os  sem receber a metade do 13.º ¬.  Ou seja, um duro golpe para o já minúsculo orçamento desses sofridos brasileiros!  É triste ainda observar que, a grande maioria já se comprometeu com este valor que deveria receber, principalmente com compras de produtos básicos e remédios.  Ou seja, o não pagamento desses proventos que recebem desde 2006 é uma fraude!  Já que 13.º é lícito! Um direito! Não é propina, como por quase 13 anos receberam as quadrilhas de camaradas montadas dentro das nossas estatais nesta era petista...  

Paulo Panossian paulopanossian@hotmail.com

São Carlos

*

NO REINO DAS MARAVILHAS

Sorrateiramente, os espertos ratos roeram um bom naco do queijo da marca “Ajuste Fiscal”. Enquanto cancelavam a metade do 13º. dos 27 milhões de aposentados, invadiram a cozinha do Palácio e abocanharam R$ 3,4 bilhões, atinentes aos seus próprios rendimentos extras, o quinhão da metade dos seus 13.º. Ficamos aqui a matutar: esses tais não se envergonham ao se olhar em seus espelhos, quando de suas toaletes, ou já estão calejados em suas abocanhadas? O Estado de 20/8, B7, nos dá conta do descalabro: Dilma recebeu  R$ 15.467;  Levy – um dos principais opositores com seu chefe à antecipação do pagamento a nós, simples mortais – recebeu R$ 15.467; Nelson Barbosa, R$ 15.559. A monstruosidade é maior: o ministro da Previdência Social recebeu R$ 15.526; o ministro do Trabalho, R$ 16.881.  E outros, e outros mais. Como dizia Tutty Vasquez:  ô raça!...

Luís Lago lago.luis2010@gmail.com

São Paulo

*

FALTA DE DINHEIRO?

Enquanto até julho a presidenta Dilma, ministros e funcionalismo já haviam recebido metade do 13.º salário, aos aposentados da rede privada foi negado por “falta de dinheiro”! Se o Brasil hoje vale alguma coisa, foi pelo trabalho desses aposentados, que durante 30 anos deram o sangue para sustentar o País. Eles mereciam muito mais respeito. Hoje a impressão que se tem é de que o governo reza para que morram logo.  A falta de investimento em saúde comprova isso, já que velhinho bom é velhinho morto. Que os aposentados se protejam contra o governo, porque eliminá-los parece ser a política preferida do PT, que se elegeu um dia sob a bandeira de protegê-los.   

Beatriz Campos beatriz.campos@uol.com.br

São Paulo

*

O PAÍS NÃO É SÉRIO

A presidente Dilma alegou falta de recursos para pagar o décimo terceiro aos aposentados e pensionistas. Justamente a classe dos velhinhos que depende desse dinheiro para comprar remédios é penalizada pela presidente, que diz governar para os mais pobres. Triste é saber que a presidente Dilma, sua equipe econômica e os servidores da União já receberam em julho 50% do 13 º salário. Dilma e Joaquim Levy, o homem que é contra a antecipação do pagamento aos aposentados, receberam o valor de R$ 15.467,00 cada. O ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, recebeu R$ 15.559,00, Carlos Gabas, ministro da Previdência Social recebeu R$ 15.526,00.    Se o País está em crise, não deveria o exemplo vir de cima? Falta a essas pessoas que comandam a Nação vergonha na cara, espírito de solidariedade, honra e respeito aos mais necessitados. Definitivamente esse país não é sério!

Izabel Avallone izabelavallone@gmail.com

São Paulo

*

ANTECIPAÇÃO DE 13º PARA ALGUNS

Para os aposentados não pode. Falta dinheiro. Mas, para a presidenta e seus assessores, já veio a antecipação. Se tiverem vergonha na cara, devolvam o dinheiro. Vergonhoso!

José Claudio Canato jccanato@yahoo.com.br

Porto Ferreira 

*

A DITADURA DA DITA DURA

Presidenta e ministros já receberam a parcela do 13.º, que obrigaram aos aposentados não receber para pagar a conta. Essa á cara da ditadura que não tem vergonha de ser a dita dura.

Ariovaldo Batista arioba06@hotmail.com

São Bernardo do Campo

*

VERGONHA

Presidente Dilma e seus ministros já receberam metade do 13.° salário. Será que poderiam parar de tripudiar em cima do povo brasileiro! Até onde podem chegar?

Luíz Frid luiz.frid@globomail.com

São Paulo

*

MAIS PEDALADAS

Com a confirmação do não pagamento da primeira parcela do 13.º salário aos aposentados e pensionistas, como ordens dadas por Dilma e Levy, arrochando ainda mais a situação deste grupo de pessoas já tão prejudicadas pela falta de sensibilidade e noção de decência deste desgoverno,  sugiro que, de agora em diante, os salários e benefícios de todo do Executivo, Legislativo, Judiciário, além de todos os assessores destes três órgãos sejam suspensos até que as contas do desgoverno Lullopetista entrem nos trilhos, dando um exemplo de altivez, cortando na própria carne aquilo que impingem sobre os menos favorecidos. Acrescentem a esses cortes aquelas beneces dadas aos que nunca contribuíram para o INSS (os da Bolsa-Família) até que tudo fique em ordem nas contas do desgoverno. Assim a Justiça será feita em todos os níveis de maneira igualitária no País. 

Boris Garbati Becker borisbecker54@gmail.com

São Paulo

*

SOCIALISMO DE CONTRACHEQUE

Interessante. Toda vez que leio um artigo no Estadão defendendo o governo ou o PT, vejo que o autor ou é funcionário ou professor de uma instituição pública. É o chamado socialismo de contracheque!

Marco Túlio de Freitas  mtulio5@live.com

Belo Horizonte 

*

INDÚSTRIA AUTOMOBILÍSTICA

A indústria automobilística é quem sustenta o País, mas o prefeito “Maldade” nem sequer considera essa contribuição e continua desconsiderar o assunto. Ele é de  burrice extrema. Os petistas estão no fundo do poço!

Maria de Mello nina.7mello@uol.com.br

São Paulo

*

CRÉDITO PARA AS MONTADORAS

O brasileiro vive sem água, sem esgoto, sem emprego, sem governo, sem segurança, sem saúde, sem educação.                                  Mas não vive sem o automóvel!

Miguel Politi miguel.politi@uol.com.br

São Paulo

*

ESTÍMULO AOS EMPRESÁRIOS

Vários segmentos da cadeia produtiva nacional podem ser contemplados, doravante, com empréstimos feitos por bancos públicos, com juros menores, se não demitirem empregados. O setor automotivo foi o primeiro contemplado, devendo outros seguir na opção governamental de estímulo. Com efeito, trata-se de medida de estímulo às empresas, com o objetivo de se preservar a cadeia de empregos propiciada por empresas nacionais em especial. Eis que o desemprego está sendo já o fantasma nacional, pondo em sofrimento e desespero milhares de famílias do País, visto que, em média, ressalte-se, a taxa de desemprego mensal já atingiu o montante de cem mil empregos, o que já torna a situação verdadeiramente preocupante.

José Carlos de Carvalho Carneiro carneiro.jcc@uol.com.br

Rio Claro 

*

FÁBRICA DE SAMBA

Silenciosamente a Prefeitura está para concluir 6 grandes prédios para serem entregues às escolas de Samba, de mais  de 60.000 m², estimados em mais de  meio bilhão de reais. O dinheiro deve ter sido desviado das creches, de posto de saúde e de escolas que o Sr. Haddad deixou de construir  Faltando verbas o PT desvia recursos de prioridades para a campanha política.

Ariano Araujo arianoxaraujo@terra.com.br

São Paulo

  

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.