Fórum dos Leitores

Atualizado às 6h03.

O Estado de S.Paulo

19 Fevereiro 2013 | 02h06

YOANI SÁNCHEZ

Moralistas?

A chegada ao Recife de Yoani Sánchez, a blogueira cubana que há anos se manifesta contra a ditadura dos Castros, demonstra mais uma vez que o país dos brasileiros deixa muito a desejar. Bando de industriados, malta descaracterizada, caterva paga com reais oriundos de partido vil transformou-os em dólares falsos para que lançados fossem à recém-chegada e intimorata cubana. Essa mesma súcia de que jamais se ouviu falar em passeatas contra a corrupção, contra políticos deste país de ninguém, deixado ao deus-dará da população amorfa e acordeirada.

MAURO EVALDY DE SOUZA
mauroevaldy@yahoo.com.br
Paulínia

*
Retrógrados!

A esses idiotas que protestaram à chegada da famosa blogueira cubana Yoani Sánchez, com acusações de ser ela agente da CIA a seu serviço, sugiro que sigam para Cuba, fixem residência por lá e, se possível, trabalhem no plantio e colheita de cana-de-açúcar. Em breve perceberão que a rapadura por lá é doce, mas não é mole. É simplesmente inacreditável que em pleno ano de 2013 existam ainda pessoas que se prestem a esse tipo de manifestação.

JOSÉ PIACSEK NETO
bubapiacsek@yahoo.com.br
Avanhandava

*
Destino ideal 

Já que o governo cubano foi tão gentil com a blogueira Yoani Sánchez, liberando-a para sair do país após mais de 20 tentativas fracassadas, por que o governo brasileiro não recomenda à juventude socialista que foi ao aeroporto recebê-la com insultos e até puxões de cabelo que se mude para o paraíso da família Castro, onde um protesto desses poderia levá-los ao paredón?

PETER CAZALE
pcazale@uol.com.br
São Paulo

*
Gatos-pingados

A meia dúzia de gatos-pingados que protestaram na chegada de Yoani deveria passar pelo menos umas férias em Cuba, aí queria ver se iriam fazer algum protesto. Aproveitem e protestem contra a censura ao Estadão (será que resolvem antes de eu morrer?). Falta de trabalho é fogo!

JOSÉ ROBERTO PALMA
palmapai@ig.com.br
São Paulo

*
Palavras requentadas

Que vergonha esse manifesto orquestrado pelo embaixador de Cuba no Brasil contra Yoani Sánchez na sua chegada a cada aeroporto brasileiro. Até os gritos de "Cuba sim, ianques não" usados no protesto são palavras requentadas, de mais de meio século atrás, quando Cuba tinha um papel de antagonismo aos EUA, e hoje nada representam. Felizmente, Yoani viu que são apenas meia dúzia de gatos-pingados, que não representam o povo brasileiro, e aproveitou a deixa para declarar que gostaria que protestos como esses fossem permitidos em Cuba.

RONALDO GOMES FERRAZ
ronferraz@globo.com
Rio de Janeiro

*
Nefanda vigilância

Gravíssima a denúncia de que o governo de Cuba, o PT e um (só um?) funcionário do Planalto se concertaram numa vigilância policialesca sobre a blogueira Yoani Sánchez (17/2, A11). E não só ela, mas sobre todos os brasileiros que se aproximarem dessa grande mulher, acometida, ante esses olhos medievais, de uma peste purulenta. Por essas e outras é que ainda não somos considerados, na avaliação internacional, uma completa democracia. Depois dirão que essa nefanda iniciativa foi obra de aloprados.

AMADEU R. GARRIDO DE PAULA
amadeugarridoadv@uol.com.br
São Paulo

*
Típico de ditadura

Conforme publicado por uma revista semanal de grande circulação neste fim de semana, alguns membros do PT devem enfatizar uma campanha difamatória contra Yoani Sánchez por meio de blogs e sites do partido, para tentar apagar ou minimizar sua passagem pelo Brasil. Novamente o sr. Gilberto Carvalho - ministro de sei lá o quê, que nunca fez nada de bom e útil pelo povo brasileiro, mas sobejamente conhecido pela atuante participação no caso do prefeito de Santo André Celso Daniel - está à frente desse movimento, escalado pela cúpula petista, já que ele é altamente favorável à ditadura cubana. Infelizmente, o povão, a massa brasileira que elege a maioria dos nossos governantes e legisladores, não tem conhecimento da clareza desses fatos e muito menos fará julgamento correto deste acontecimento. Mais uma vez os petralhas estarão levando ao conhecimento do grande público os fatos como eles querem e da maneira que melhor lhes convier. Só que, graças à liberdade de expressão da imprensa brasileira, a verdade sempre será esclarecida. Acorda, eleitorado brasileiro!

ANTONIO CARELLI FILHO
palestrino1949@hotmail.com 
Taubaté

*
PARTIDOS POLÍTICOS

Mais um...

Vem aí mais um partido político, o Rede Sustentabilidade, da ex-senadora Marina Silva, que se apresenta com propostas diferentes e avançadas. Acontece que o eleitor brasileiro já perdeu a conta do grande número de partidos existentes e com programas de governo idealizados por seus marqueteiros e, certamente, este será mais um idêntico aos demais, porém com rótulo diferenciado. O que o Brasil precisa é de novas lideranças políticas, com capacidade e competência para exercerem cargos eletivos e com coragem para inovar... e serem, lamentavelmente, carismáticos.

JOSÉ MILLEI
j.millei@hotmail.com
São Paulo 

*
Novo com cara de velho

A sra. Marina Silva afirma que sua nova sigla não é de esquerda nem de direita, não é situação nem oposição. Então, começou muito mal, pois já copiou o discurso do nefasto Gilberto Kassab quando fundou o PSD. Mas cabe perguntar: Heloísa Helena e outros (PT, PSOL, etc.) eram o quê? Façam-me um favor, não comecem algo novo com cara de velho e sejam claros em seu propósito, senão...

ADEMAR MONTEIRO DE MORAES
ammoraes57@hotmail.com
São Paulo

*
Mera coincidência?

Qualquer semelhança com o partido de Kassab será mera coincidência? Apenas outro partideco para se juntar aos 30 já existentes, que, juntos, de fato não valem um que preste?

ARIOVALDO BATISTA
arioba06@hotmail.com
São Bernardo do Campo

*
Rede

A rede e a arapuca são instrumentos usados pelos povos da floresta para capturar bichos distraídos e sonháticos.

FABIO MORGANTI
tao2@terra.com.br
São Paulo

*
YOANI SÁNCHEZ

A chegada da blogueira que faz oposição ao governo cubano Yoani Sánchez foi marcada por protestos de manifestantes favoráveis ao regime comunista nos aeroportos de Salvador e Recife. Essa meia dúzia de paus mandados foi mostrar como pensa o PT, é favorável ao governo comunista de Fidel Castro, mas adora viver na democracia brasileira. Os manifestantes que apoiam Fidel pensam como ele, agem como ele, porém gostam da vida que ele leva e da riqueza que ele possui. A revista Veja desta semana publicou a tempo matéria denunciando a prática perversa desse partido que diz governar para o povo. O plano para espionar e constranger Yoani Sánchez foi elaborado pelo governo cubano, mas será executado com o conhecimento e o apoio do PT, de militantes do partido e de pelo menos um funcionário da Presidência da República. Que vergonha, no Brasil livre, ficarmos sabendo que os algozes do PT além de apoiarem o comunismo estão a serviço de Fidel. O comunismo é um regime de governo bolado por espertalhões e que consiste na dominação do povo por uma minoria que vive nababescamente, enquanto o povo recebe o mínimo necessário para sobreviver.  A Previdência Social no governo do PT já colocou o plano em prática. Quer ver a coisa piorar? Dê poder a esses gângsteres.

Luciana Lins lucianavlins@gmail.com 
Campinas

*
AGENTES DE CASTRO

Se já não bastasse a vergonha de o Brasil ter relações diplomáticas com um país que explicitamente persegue os cidadãos, prende e manda para o paredão sem dar satisfação ao seu povo, que nada sabe, pois a imprensa é oficial e só publica as vantagens de ser cubano e as maravilhas feitas pelos seus governantes que se instalaram no poder definitivamente, agora vemos que o Consulado de Cuba abriga agentes infiltrados, “espiões”, livremente atuando no Brasil. Com a autorização de quem? As declarações da revista Veja sobre isso devem ser investigadas pelo nosso Ministério das Relações Exteriores. Do contrário, estaríamos subjugados aos ditames comunistas dos hermanos Castro. Preocupa-nos constatar que por baixo dos panos os petralhas fazem a festa contra a nossa já tão debilitada democracia. Acorda, Brasil, enquanto há tempo!

Leila E. Leitão
São Paulo

*
DE CUBA PARA O MUNDO

O governo cubano finalmente adotou a atitude correta, ou seja, a liberação da cubana Yoani Sanchez, para que ela possa passear por alguns países, nos quais por certo tem correspondentes blogueiros. E onde ela deverá incentivar a campanha para que os Estados Unidos suspendam o bloqueio econômico contra o seu país e mais, libertem as centenas de pessoas presas ilegalmente no presídio construído em Guantánamo, uma área que pertence a Cuba e que foi invadida por eles faz tempo. É a oportunidade dela de mostrar que realmente ama o seu país. E com a viagem ela poderá também fazer comparação entre a situação do povo de seu país, em se tratando de saúde, educação e cultura, com o que acontece em outros países deste vasto mundo.

Uriel Villas Boas urielvillasboas@yahoo.com.br 
Santos

*
NEM TUDO É O QUE PARECE

Estranho é que Yoani Sanchez tem um blog conhecido internacionalmente e consegue se opor a um regime tiranopata. Se tem importância a sua dissidência como conseguiu visto para sair da “ilha cárcere”? Estaria o regime de ferro e fogo dos Castro passando por um espasmo de tolerância? Sim, porque em Cuba quem se opõe ao governo e ainda usa um blog para denunciar ao mundo as atrocidades que ocorrem no governo, por certo, já teria se transformado em petisco para os tubarões da Baía dos Porcos. Não é fácil acreditar nessa blogueira, também porque o lugar adequado para protestar contra Cuba não é no Brasil. Os brasileiros petistas morrem de amores por uma ilha politicamente falida e economicamente quebrada, cujo destaque é o embargo econômico imposto pelos EUA, que os fazem se sentir vítimas do “império americano do Norte”. A sua estadia no Brasil, por certo, se dará por palestras e conferências agendadas pelos aliados no Brasil da família Castro. Disseminar as atrocidades que ocorrem na ilha caribenha é reeditar tudo que já se sabe sobre a violação dos direitos humanos que sempre ocorreram. Por que só agora Yoani põe “a boca no trombone”? “em tudo é o que se lhe parece.

Jair Gomes Coelho jairgcoelho@gmail.com 
Vassouras (RJ)

*
PIOR A EMENDA...

O PT foi preparado para organizar uma recepção hostil à blogueira cubana Yoani Sanchez em sua passagem pelo Brasil. Coincidentemente ela chegou na semana em que o partido festeja 10 anos de poder, juntando em júbilo personagens como Lula, Dilma e os condenados  José Dirceu, José Genoíno e amigos ilustres como Calheiros, Collor, Jucá e outros, festejando as grandes conquistas do partido. Isso depois do Palácio do Planalto, em conjunto com a Embaixada de Cuba, terem preparado um dossiê para que militantes do partido hostilizem nossa ilustre hóspede, como ocorreu nos aeroportos de Recife e Salvador. Para não empanar a festa do partido, seus dirigentes deram uma clara demonstração de comportamento antidemocrático, que faz parte das atitudes normais da agremiação partidária atualmente no poder. Enquanto isso, os brasileiros saberão que a “emenda” do PT não empalidece a imagem da corajosa blogueira, que nos visita e que apenas luta para seu país libertar-se de uma pesada ditadura dos atrasados comunistas.

Fabio Figueiredo fafig3@terra.com.br 
São Paulo

*
DE CUBA, LIVRE

A blogueira Yoani Sanches, finalmente autorizada sai pela porta da frente de Cuba, e chega a sua visita ao Brasil. De passagem no Recife e em Salvador, foi hostilizada por amigos de Fidel, provavelmente formados por petistas frustrados, com gritos de ordem: “colaboradora da CIA” e “vendida aos yankees”, etc. Inteligente, Yoani, hoje colunista do Estadão, respondeu a esses papagaios do autoritarismo que tal manifestação “é um banho de democracia, que não aconteceria em Cuba”. Perfeito! Aliás, este mesmo país que pelos irmãos “Castro” castram os cubanos da liberdade de ir e vir há mais de 50 anos! E, diga-se de passagem, com apoio irrestrito da turma do nosso Palácio do Planalto... E que certamente estes lulistas, que deveriam festejar este raio de luz democrático com a chegada de Yoani Sanchez, seguramente fumam alegremente seus charutos cubanos com a volta do déspota, e mais do que enfermo Hugo Chávez, à Venezuela... E para bronca maior dos petistas, esta dissidente cubana somente conseguiu sair do seu país graças ao trabalho incansável da grande imprensa brasileira! É para comemorar...

Paulo Panossian paulopanossian@hotmail.com
São Carlos

*
A BLOGUEIRA CUBANA

Para o PT (e seus espontâneos manifestantes registrados por CLT), é como aquele raciocínio: “É impossível que 1 milhão de moscas estejam erradas... coma cocô!”.
 
Paulo Celso Biasioli pcbiasioli@yahoo.com.br 
Limeira

*
OS INFILTRADOS

Vergonhosa a parceria desses bandalhos comunistas apinhados no Executivo nacional em conluio com o serviço secreto cubano para desmoralizar a blogueira Yoani Sánchez. O que pretende essa torpe turba comunista brasileira? Talvez, que se repita o feito de 1964, quando tentavam levar o País para o comunismo, forçando as Forças Armadas a intervirem. Qual é o legado que o comunismo deixou para o planeta? Nada, nenhum. Da Rússia sobrou somente Sputnik e do resto da cortina de ferro, assassinatos em massa, fome, desilusão e destruição. Presidente Dilma, já temos tantos problemas neste país, por favor, deixe a ideologia para depois do seu mandato. Para o momento, tente governar com inteligência.

Ivan Bertazzo bertazzo@nusa.com.br 
São Paulo 

*
BOAS VINDAS

Bem-vinda, Yoani, líder autêntica que vive as realidades de uma ditadura comunista, modelo do que pretendiam Lula, Dilma, Dirceu, Genoíno, Garcia e sua tropa para o Brasil... Grande oportunidade para que o povo brasileiro, eleitor de Lula, conheça a viva voz e em primeira mão a opinião de quem vive no inferno da pseudoigualdade social.

Gilberto Dib gilberto@dib.com.br
São Paulo

*
DEMOCRACIA

Bem-vinda ao Brasil!  A reportagem da revista Veja desta semana mostra bem como os governos de inclinação ditatorial se entendem e afinam ações e objetivos. Verdadeiro “furo” da revista, ilustrando bem por que tantos figurões do PT lutam para amordaçar a imprensa livre. Então, em Cuba quem compra bananas é considerado rico? Aliás, ao chegar ao Recife, Yoani já foi “saudada” por manifestantes agressivos e saiu-se muito bem: “É a democracia, e isto é o que quero em meu país”. Parabéns!

Alberto Futuro carlos_futuro@viscondeitaborai.com.br 
São Paulo

*
VIVA!

Yoani Sánchez, boas-vindas e boas viagens mundo afora! Viva Cuba libre!
 
J. S. Decol decoljs@globo.com 
São Paulo

*
VER PARA CRER

Os manifestantes no aeroporto do Recife e em Salvador só podem ser pessoas doentes da cabeça ou cegos de liberdade. Como alguém pode defender um crápula chamado Fidel Castro, que matava pessoas que queriam expressar suas opiniões livremente? Esses paranoicos desinformados ainda falam em ianques? Os Estados Unidos precisam de Cuba para quê? A democracia está acima de qualquer país e de qualquer cidadão, seja ele de onde for, por isso peço a esses idiotas que vão para Cuba e vejam a situação  do povo. Depois falem ou calem a boca, por favor.

Mustafa Baruki mustafa-baruki@bol.com.br 
São Paulo

*
SEM RUMO
 
A chegada de Yoani Sánchez ao Brasil provocou um rebuliço no PT, PCB, PC do B e outros partidos ditos comunistas mamando nas gordas tetas de um Brasil capitalista. Ninguém sabe se agrada a blogueira, se ignora sua presença ou protesta, grita, fecha a Avenida Paulista em solidariedade aos irmãos Castro, duas figuras vivas de um museu de cera que é a cúpula de Cuba. Gostando ou não, ela está aqui, vai chamar a atenção da mídia e de grupos sérios e ignorar os comunistas de mentirinha que só se declaram comunistas para chamar a atenção. São como um sujeito esperto que compra um barril de madeira, leva para as Cataratas do Iguaçu, bem longe da gigantesca cachoeira e anuncia que vai realizar uma proeza que é saltar para o abismo dentro do barril. Fica todos os dias anunciando o grande salto e a mídia inocente não arreda pé, tentando o melhor ângulo para captar a queda, até que venha o período de estiagem, e o espertalhão desiste do salto, pois não tem água suficiente... O grupelho dos pseudocomunistas só sobrevive pois a cada dia é dita uma bobagem e a mídia corre “é notícia”. Um declara ser bisexual, vira notícia, importante. Outro declara que vai participar de um manifesto contra o embargo dos EUA, uma ideia brilhante, única, vira notícia! Notícia boa é a blogueira ter saído de Cuba, e se for esperta, não volta mais. Um único cidadão libertado do comunismo já é um grande lucro para a humanidade e um prejuízo enorme para os dinossauros comunistas.
 
Luiz Ress Erdei gzero@zipmail.com.br
Osasco

*
BREJO

A natureza tem esses mistérios. No meio brejo sujo e fedorento, sempre nasce uma flor de lis, que só tem valor para quem está fora do brejo. Já “livre”, que tal Yoani Sánchez completar seus blogs contando de fato o que é sordidez do brejo comunista e fedorento de Cuba?
 
Ariovaldo Batista arioba06@hotmail.com 
São Bernardo do Campo

*
A VOLTA DE HUGO CHÁVEZ

Hugo Chávez volta à Venezuela, de madrugada, na surdina, sem ser fotografado? Justo ele, que adora aparecer na mídia? Queremos foto. Queremos foto, porque naquela divulgada dele em Cuba com as duas filhas ao lado parece que ele está embalsamado. Imagine se alguém que acaba de escapar da morte, sofreu traqueotomia, estaria coradinho e gordinho como ele. Escrever no Facebook, Twitter qualquer pessoa alfabetizada o faria. Queríamos vê-lo assumindo a presidência como deveria e pagando a Petrobrás pela sociedade na refinaria de Pernambuco, que até agora apenas o povo brasileiro pagou.

Beatriz Campos beatriz.campos@uol.com.br 
São Paulo

*
FOTO

Vendo a foto do Hugo Chávez lendo jornal sorridente com as filhas, lembrei-me da foto do Tancredo Neves sorridente com a mulher e os médicos que o operaram. Morreu poucos dias após. O final será o mesmo?

Luiz Francisco A. Salgado direg@sp.senac.br
São Paulo

*
PHOTOSHOP

Os vezuelanos que nos perdoem, mas o Tancredo fotografava muito melhor.
 
A.Fernandes standyball@hotmail.com 
São Paulo

*
MENTIRA?

Jornais venezuelanos mostram imagens de Chávez em Cuba, ao lado de duas filhas e do jornal Granma do dia. Só pode ser mentira, porque Chávez aparece sorrindo e com cabelos. Mas a mídia independente diz que ele está hospitalizado há dois meses, sedado e respirando por aparelhos. En Venezuela y en Brazil no hay gobierno hace mucho tiempo. Alla son grandes productores de petróleo y sus finanças van muy mal y acá lo mismo,  veá-se la Petrobras.

Mário A. Dente dente28@gmail.com 
São Paulo

*
A LEI DE IMPRENSA EQUATORIANA
 
Com a vitória de Rafael Correa no Equador, vem a prometida Lei de Imprensa para o país. E certamente não será daquelas libertárias ou que possibilitem o livre pensamento da imprensa equatoriana, o que se pensa tendo-se em conta que, por várias vezes, o presidente ameaçou a mídia e jornalistas. Não é bom para a América Latina nem para o Brasil, porque será mais um a engrossar as fileiras daqueles esquerdistas que desejam o controle do conteúdo da mídia, embora de forma disfarçada ou até sutil. Assim, temos postos avançados contra a verdadeira liberdade de imprensa na Venezuela, na Argentina, na Bolívia e no Equador, além de Cuba, cuja atuação tem sido clássica e continuada contra uma imprensa livre e desembaraçada. Os brasileiros precisam, então, ficar de prontidão contra as ameaças e desejos do PT, a agremiação da democracia só para seus membros.

José Carlos de C. Carneiro carneirojc@ig.com.br 
Rio Claro

*
O PARTIDO DE MARINA SILVA

“Nunca tivemos tanta liberdade, mas nunca nos sentimos tão impotentes para usar esta liberdade para mudar a realidade das coisas. Milhões de assinaturas coletadas contra Renan Calheiros não sensibilizaram o Congresso”, disse Marina Silva, e esta questão é a nova crise identificatória. Ainda falta uma nova revolução da democracia que utilize os novos meios como internet, e-mail e celular para uma consulta e participação direta e permanente dos cidadãos nas decisões políticas e de Estado. Isso já é possível e fica cada vez mais confiável e seguro. Seria a democracia direta e radical. Surge uma nova opção de fazer política através dos movimentos em rede e do ativismo autoral. Nasce um novo partido como reflexo das transformações que já ocorrem na sociedade. O partido será mais um instrumento, e não um fim em si mesmo. A confiança de mais de 19 milhões de brasileiros que votaram em Marina Silva para presidente em 2010 precisa ser renovada nessa nova proposta de sociedade mais sustentável e ética! Vamos em frente para consolidar as mudanças sociais que queremos ver acontecer de imediato! A hora da “Rede” é agora!

Guilherme Aranha Coelho gacoelho@gmail.com
São Paulo

*
O RETORNO DE MARINA

Marina Silva lançou no sábado, 16 de fevereiro de 2013 (A6), o seu novo partido que nomeou de “Rede de Sustentabilidade”. Na ocasião, Marina disse que a legenda não será “nem de oposição, nem situação, nem de esquerda, nem de direita”, mas diferente. Pergunto: Diferente como? E acrescento: Nem acima, nem abaixo, nem verde, nem vermelho. E digo: Gosto do azul mas posso optar pelo amarelo, desde que eu saiba qual é a cor. Definitivamente, Marina precisa definir-se melhor, gosto dela, gosto de muitas de suas ideias, mas não vou segui-la cegamente sem saber qual o caminho que pretende trilhar, simplesmente porque também sei pensar. Não vou aceitar algo que não seja profundamente limpo e democrático. A Rede de Sustentabilidade não deve nascer de forma ambígua, para ser aceita muito rapidamente e ter muitos seguidores, é preciso tudo estar muito claro. 

Alvaro Salvi alvarosalvi@hotmail.com
Santo André 

*
NOVAS DISCUSSÕES

Concordo plenamente com o cientista político Carlos Melo: “Não basta a retórica pós-moderna, há que ter algo novo a dizer”. Gostaria de acreditar e poder vibrar com o novo partido, se Marina fizer do “Estado laico” de fato a sua bandeira a nortear e permitir realmente novas discussões e conquistas.  

Dinah M. Clemente De Pietro dinahpietro@uol.com.br 
Jaguariúna

*
NÃO É SÉRIO

Um partido que nem no nome toma partido, que não se diz de direita, nem de esquerda, nem de centro, ou seja, sem posição definida, que diz que não aceitará doações das indústrias de cigarros, bebidas e armamentos, mas nada diz a respeito das doações de empreiteiras que muito mais mal causam ao povo brasileiro pelo roubo do seu dinheiro, que admitiu fazer alianças com as chamadas legendas tradicionais, mesmo sabendo que nessas está o que de pior existe na nossa política, não vai a lugar algum, e não deve ser levado a sério como proposta inovadora.

Ronaldo Gomes Ferraz ronferraz@globo.com 
Rio de Janeiro 

*
NÃO PRECISA DE FICHA LIMPA

Não é de situação nem de oposição. Não aceita ficha suja. Para se filiar não precisa ficha limpa. É, está muito bem explicado, Dona Marina. Quanto custa mesmo o apoio de seu partido?
 
Vitório F. Massoni suporte@eam.com.br
Catanduva

*
DOAÇÕES RESTRITAS

Marina Silva disse que seu novo partido irá barrar sumariamente aporte financeiros de empresas ligadas a indústria de bebidas alcoólicas, cigarros, armas e agrotóxicos. Esperamos que doações de construtoras que constroem usinas nucleares ela não aceite também!

Virgílio Melhado Passoni mmpassoni@gmail.com 
Jandaia do Sul (PR)

*
NOVO PARTIDO VELHO

Novo partido político de Marina Silva já vem rotulado como o extinto PFL não era de esquerda nem de direita, ficava sempre em cima do muro e deu no que deu, o ex-presidente Lula enganou durante anos para recentemente declarar que nunca teve nenhuma ideologia, nem esquerda nem direita e que nunca disse que era da esquerda, revelou ser somente mau caráter. Precisamos de oposição ferrenha a esta situação que o Brasil vive, este marasmo político administrativo, Marina nem deveria mencionar que apoiará coisas boas do governo, seria impossível, pois este governo nada tem de bom para oferecer a não ser discursos vazios e falácias, não conseguirá 500 mil assinaturas de políticos honestos, simplesmente porque não existem políticos honestos, é utopia, fantasia de sua cabeça ou falsidade peculiar das lideranças políticas brasileiras.

Jose Mendes josemendesca@ig.com.br 
Votorantim 

*
CUIDADO, MARINA MORENA...

Marina Silva, enfermeira que pode tratar desse Brasil doentio, onde o contágio dentro do “hospital” chamado de Brasília é o maior produtor de bactérias resistentes – leia-se políticos corruptos – faz-me pensar que ela, que obteve 20 milhões de votos nas eleições passadas, inclusive o meu, poderá ser um Obama de saias a sacudir essa democracia brasileira, onde nem a direita “conservadora” de privilégios “elitistas” nem a esquerda “revolucionária”, hoje contaminada por essas mesmas bactérias resistentes – leia-se PMDB – são confiáveis para medicarem esse Brasil doente em seu caráter, e que tem sua dignidade cada vez mais vilipendiada. Espero apenas que Marina Morena, não comece a repetir as incríveis “coligações” que tanto têm prejudicado nosso futuro de nação poderosa, soberana e democrática, pois creio que todos os que nela votarem,  se decepcionados – como sempre aconteceu com os outros – com a não realização de suas promessas de candidata, poderão cantar aquela parte da letra famosa de Dorival Caymmi da música Marina Morena: “Marina Morena, me aborreci, me zanguei, Já não posso falar, E quando eu me zango Marina, Não sei perdoar, eu já desculpei muita coisa, você não arranjava outro igual, desculpe, Marina morena, mas eu tô de mal, de mal com você, de mal com você!”. Cuidado, Marina Morena!

Sagrado Lamir David david@powerline.com.br 
Juiz de Fora (MG)

*
O PREÇO DA ‘DIVERSÃO’

Há dias a mídia noticiou, bem discretamente, diga-se, os milhões de reais que o governo do Ceará direcionou em 2012 para contratar cantores, bandas, humoristas e até artistas internacionais para participarem de eventos públicos que divulgassem sua obras e programas de sua administração. Foi assim que há apenas um mês ele pagou R$ 650 mil de cachê para Ivete Sangalo num show de inauguração de um hospital em Sobral, cidade a 250 km de Fortaleza, que reuniu a bagatela de 50 mil pessoas que acompanharam a programação. Imagine-se o quanto se gastou em divulgação, propaganda e transporte deste pessoal! Ao receber críticas, Cid Gomes tascou esta pérola: “Ricos é que questionam essas coisas, mas o povo precisa de saúde e educação e também de diversão”. O “circo” está bem evidente, a gente só não encontra fácil é a saúde e a educação, onde estará? Vejamos: em janeiro deste ano, segundo o jornal Diário do Nordeste de 11/1, os moradores de Sobral reclamaram até da qualidade da água distribuída pelo Sistema Autônomo de Água e Esgoto (Saae), que de tão turva que chegava, não estava sendo utilizada nem para as tarefas domésticas como lavar roupa e tomar banho. Pois bem, o hospital recém-inaugurado em Sobral, em meio à usual pirotecnia de um político populista, depois de uma forte chuva neste domingo, 17/2, teve sua fachada ruída, ferindo um engenheiro da obra e um operário que fazia a manutenção da unidade hospitalar. É uma vergonha! Como se esbanja dinheiro de forma irresponsável num país tão cheio de problemas sociais como o nosso... Parece que só o que importa é o poder!

Mara Montezuma Assaf montezuma.scriba@gmail.com
São Paulo

*
HOSPITAL NO CEARÁ

Há pouco tempo, o governador Cid Gomes, do Ceará,  promoveu um show com a Ivete Sangalo que custou R$ 650 mil, na inauguração de um hospital na cidade de Sobral, que nem começou a funcionar direito e já  fachada do prédio desabou após uma chuva, parecendo ter sido colada com cuspe (página A7 de 18/2). O “coroné boca de privada” ainda teve o desplante de responder de forma sarcástica àqueles que o criticaram por usar o evento para promover seu governo, usando a desculpa de dar alegria à população da cidade, que está esperando um hospital completo para merecer tal nome, equipado para fazer tomografias, ressonâncias magnéticas, raio X, laboratório e demais equipamentos obrigatoriamente  somados a uma equipe médica na quantidade e qualidade necessárias a um atendimento decente e em tempo ao cidadão. Espera-se que a justiça obrigue o governador a ressarcir o Estado de tal despesa, assim como investigar os custos da construção do prédio.  
 
Laércio Zannini arsene@uol.com.br 
São Paulo

*
OS PAGAMENTOS NOS TRIBUNAIS

É simplesmente vergonhoso, indecente e incoerente o comportamento e atitudes dos tribunais em geral no País, em especial os de São Paulo, como foi recentemente o Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ), que liberou R$ 7 milhões a 41 magistrados entre eles juízes e desembargadores a título de pagamentos antecipados. Agora é a vez do Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo (TRE), que no último mês de 2012 liberou nada menos que R$ 5,3 milhões para pagamento também a 41 servidores sob alegação de terem exercido cargos de confiança e, portanto, terem esse direito adquirido. Portanto, entende-se que, por eles exercerem funções em que se exige serem confiáveis e honestos, tais requisitos não são considerados como obrigações, e sim qualidades profissionais com direito a remuneração.

Angelo Tonelli angelotonelli@yahoo.com.br 
São Paulo

*
SEM MÃOS A MEDIR
 
O Brasil passa por momentos de  desequilíbrio institucional, vitimado por  fatos escabrosos que ocorrem na esfera pública nacional. Segundo estudos de dados da ONU, publicados pela mídia, o Congresso Nacional é o segundo mais caro do mundo, ficando abaixo apenas dos EUA (pouca diferença). Mas sabemos que os EUA têm um PIB dez vezes maior que o nosso. Outra notícia desabonadora publicada ontem (18/2) pelo Estado é que o TRE de São Paulo pagou R$ 5,3 milhões em bônus a 41 servidores (somente um levou R$ 300 mil), um privilégio absurdo. Uma classe de apaniguados que infesta a administração pública no Brasil, tem custo exorbitante e prejudica, por evidente, projetos de maior interesse coletivo. As verbas destinadas para educação, saúde, infraestrutura, como todos sabemos, são sempre preteridas em favor dessa burocracia ineficiente e extremamente cara que emperra o País, escurecendo os horizontes da nação no sentido de desenvolver-se adequadamente. Uma lástima.
 
Francisco Zardetto fzardetto@uol.com.br 
São Paulo

*
PAGAMENTOS DO TRE PAULISTA

Está na hora de os tribunais de contas e do Ministério Público ficarem de olho nos pagamentos de salários exorbitantes que governo federal, estadual e municipal têm realizado a servidores. Se alguém olhar a folha de pagamentos de janeiro de 2013 da Prefeitura de São Paulo vai notar que tem professores e diretores de escola ganhando de R$ 150 mil a R$ 340 mil por mês, centenas de funcionários recebendo mais de R$ 12 mil por mês por 20 horas de trabalho, ou seja, se não houver fiscalização, continuaremos a ver o dinheiro de nossos impostos cair nas contas pessoais de funcionários públicos que não trabalham ou de políticos e assessores corruptos, e a população a sofrer com o péssimo atendimento em saúde, educação, segurança e transporte. Não tem cabimento pagarmos mais de R$ 1 milhão por mês a apenas 5 professores do ensino municipal com o nível de ensino que temos em nossas escolas. Então, vamos fiscalizar e investigar?

Luiz Claudio Zabatiero zabasim@ig.com.br 
São Paulo 

*
SENTADOS NO BARRIL DE PÓLVORA

Dezenas de usinas de açúcar e etanol estão para fechar ou mudar de donos devido a dificuldades econômicas. A outrora próspera siderúrgica Usiminas perdeu 75% do seu valor nos últimos cinco anos (Estado, 18/2). O sistema público de saúde em crise de atendimento, que também contamina os planos de saúde e leva à penúria os hospitais filantrópicos. A eletricidade dá sustos na população que, recentemente, viu os reservatórios das usinas geradoras em níveis críticos. Não menos assustada vive a população com a falência da segurança pública. E, mesmo assim, a propaganda oficial aponta para um admirável e próspero país. Como podem as usinas produtoras de álcool, combustível escasso na matriz energética nacional, estar em crise? O que leva crise a uma grande siderúrgica? Existem muitas coisas incompreensíveis, como o pagamento de correção menor que a inflação à caderneta de poupança, o achatamento do salário dos aposentados que recebem mais de um salário mínimo, etc. A sensação é a de que estamos sentados sobre o grande barril de pólvora. Embora os diferentes setores da economia sinalizem frequentemente para problemas, o governo chega a ser ufanista em sua propaganda que vende à população a idéia de um país como “nunca antes”. A sociedade e os empresários, outrora tão ativos e questionadores, precisam tomar sua posição. Não podemos continuar vivendo o flagelo da iminência de o pior vir a acontecer. Os detentores do capital precisam, no mínimo, garantir sua manutenção. E os representantes dos detentores do trabalho não podem se contentar apenas com o emprego que hoje lhes é garantido nos escaninhos do governo. Se o País for para o buraco, iremos, todos, juntos!

Dirceu Cardoso Gonçalves aspomilpm@terra.com.br
São Paulo

*
HORÁRIO DE VERÃO

Finalmente, tiraram o bode da sala!

Hermínio Silva Júnior hsilvajr@terra.com.br 
São Paulo

*
METEORITO

A queda do meteorito na Rússia atingiu seis centros populacionais, em 8/2/2013, chegando a fazer um buraco de seis metros de diâmetro em um lago gelado e ferindo mais de 950 pessoas. Quantos brasileiros ao lerem essa notícia pensaram: “bem que poderia ter caído na Praça dos Três Poderes em Brasília”, por que será? Durante o período de carnaval não seria nada bom, já que os nossos muy caros, dignos, probos congressistas lá não se encontravam, estavam gozando o merecido descanso de carnaval, afinal ninguém é de ferro. Para que um meteorito faça a alegria de quase 200 milhões de brasileiros, precisaria cair nessa praça num dos dias festivos, como no dia da posse dos tão queridos e novos presidentes do Congresso. Pena que estragaria uma das mais belas obras arquitetônicas de Oscar Niemeyer, que poderia ser transformada no “mausoléu da salvação do Brasil”, ou é exagero? Quem rouba o povo não merece respeito...
 
Luiz Dias lfd.silva@2me.com.br 
São Paulo

*
ESTRELA CADENTE

O meteoro riscando os céus da Rússia... lembrei-me da estrela do PT.
 
Jorge Zaven Kurkdjian zavida@uol.com.br
São Paulo

*
DEUS É PAI

Em relação ao ocorrido na Rússia, fiquei me perguntando no que poderia ter acontecido, caso esse meteoro tivesse caído na União Soviética, há 50 anos, no auge da crise dos mísseis em Cuba. Certamente os russos pensariam tratar-se de um ataque nuclear americano e Nikita Kruschev não hesitaria em apertar todos os botões vermelhos, dando início à 3ª Guerra Mundial. Não estaríamos vivos para comentar o dia de hoje. É, como diz o ditado popular, “Deus é pai” – e sabe o que faz.
 
Sérgio Eckermann Passos sepassos@yahoo.com.br 
Porto Feliz 

*
A RENÚNCIA DO PAPA

As últimas declarações do papa Bento XVI sobre a necessidade de o Vaticano voltar-se a Deus melhoram sua imagem perante o mundo. O Vaticano, a Igreja, nos últimos cem anos, tem voltado sua atenção para fatos sociais muito longe do sagrado. Se voltar-se para Deus, sobreviverá, caso contrário, desaparecerá. É a vida.

Adinael Carlos duquevinte@uol.com.br
São Paulo

*
BENTO XVI E A VERDADE
 
Fui criado e educado por meus pais recebendo vários referenciais que edificaram a minha estrutura de valores, entre eles, destacando-se  a verdade. Talvez por isso eu não consiga dissimular, fingir que não percebi, fazer-me de otário propositalmente ou tirar proveito da polêmica para esticar assunto e/ou desviar focos. Essa celeuma criada em torno da renúncia do papa Bento XVI é uma maneira encontrada para encobrir a verdadeira razão  que o levaram a renunciar. Esse negócio de pedofilia é mais antigo na Igreja Católica que o rascunho da Bíblia. A administração financeira  e  a  roubalheira sempre existiram. Papas não morreram vendendo saúde, todos ficaram adoentados e levaram sua missão até o leito de morte. Todos sabem, e ninguém quer admitir. A renúncia do papa é um alerta para que se voltem e vejam que a divisão política dentro da Igreja chama-se Teologia da Libertação, que nada mais é que um marxismo cristianizado, e está ganhando dimensões que podem se tornar incontroláveis. A propósito, a Confederação Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) é regida pela Teologia da Libertação. Só não sabe quem não quer e/ou vive  atolado na ingenuidade, e a quem convém fingir não saber.
       
Nei Silveira de Almeida neizao1@yahoo.com.br 
Belo Horizonte

*
BEM AVENTURADOS
A Igreja está desfigurada porque se afastou das bem-aventuranças. O papa não é culpado do comportamento dos padres, eles é que são desobedientes.

Lourdes Migliavacca lourdesmigliavacca@yahoo.com 
São Paulo

*
VATICANO

Renúncias de papas se explicam, mas o inexplicável é a receita do Vaticano ser sempre menor do que a despesa. E os fiéis sabem que a mais humilde paróquia é obrigada a contribuir.
 
Fausto Ferraz Filho faustoferrazfilho@hotmail.com 
São Paulo

*
PARA SEMPRE

A renúncia é uma marca indelével.
 
Roberto Cabral cabralhoje@bol.com.br 
Maringá (PR)

*
SUCESSÃO DO SANTO PADRE

Ah, se arrependimento matasse eu já teria ido a óbito! Ah, se eu tivesse dado ouvido ao meu confessor, naquele inesquecível retiro espiritual, na Quaresma de 1953, promovido pelos Irmãos Maristas do Colégio Arquidiocesano de São Paulo, que me anunciava o chamado de Jesus. Ah, se eu tivesse acreditado na minha vocação, aparentemente enrustida, para o sacerdócio, em vez de me entregar as tentações da vida mundana, hoje, com 74 anos, poderia ser um arcebispo, quiçá um cardeal, prontinho para ser eleito papa, em substituição a Bento XVI, o demissionário. Atormenta-me pensar no nome que adotaria para ser chamado durante o meu pontificado, depois de colocar o anel do pescador no meu dedo anular. “Dominus Vobiscum Pax Tecum Pax Dominus”.

Sergio S. de Oliveira ssoliveira@netsite.com.br 
Monte Santo de Minas (MG)

*
MAIS PERTO DE DEUS

Não é para menos que o mundo católico está pasmo com a atitude de renúncia do papa Bento XVI ao seu ministério papal. Afinal é toda a doutrina da Igreja Católica Romana que cai por terra. Haja fé para bancar a crença na doutrina de que o  representante de Deus aqui na Terra, ora propagado como o homem santo, com os mesmos poderes de Jesus para conduzir o povo de Deus, renúncia a tamanha responsabilidade. Imagine o mundo Cristão, se o homem Jesus Cristo houvesse renunciado ao seu ministério terreno de salvar a humanidade, o que  aconteceria com a fé da humanidade?  Com certeza ela já não seria voltada para o Deus de amor, mas sim para o príncipe das trevas, e então a desgraça e a profanação já teriam se incrustado de forma definitiva na obra da Criação. Numa esfera menor, imaginemos se o apóstolo Pedro, que é propagado pela doutrina do catolicismo como sendo o primeiro papa da igreja, houvesse renunciado diante do desafios infortunados  que gradativamente o levaram a sofrimentos físicos, humilhações com prisões e ameaças com a própria morte terrível que a ele o mundo designou. Realmente o gesto do papa merece profunda reflexão do mundo cristão, que ao invés de buscar a sua doutrina de vida espiritual na aceitação plena da palavra de Deus passa a confiar em doutrinas sociais humanas que incorporam erros que a própria Bíblia condena como sendo fatais para distanciar as pessoas de Deus. Creio na brandura do espírito da pessoa que representa o papa atual, assim como creio na brandura e no amor de Deus para com o mundo, desde a sua criação. Acho, portanto, que o fato ocorrido é da plena direção de Deus, já que Ele  é  também  o evangelizador do seu povo, deste o início da criação do mundo até a sua redenção para uma nova vida sem pecado, conforme claramente está escrito na Bíblia Sagrada.
 
José Carlos de Camargo Ribas ribistico@yahoo.com.br 
Dois Vizinhos (PR)

*
JORNADA DA JUVENTUDE

O governador Sergio Cabral, do Estado do Rio de Janeiro, gastará com a visita do novo papa cerca de R$ 400 milhões. Essa quantia deveria ser aplicada em creches, hospitais e em profissionais da saúde no Estado. O Vaticano, aliás muito rico, deveria custear todas as despesas de tal evento, a fim de divulgar esta decadente religião. Em tempo: se o governador insistir nesse gasto, o seu candidato, na próxima eleição, levará um “pisão”.

Geraldo Nunes Sebastiani suelymoliterno@yahoo.com.br 
Guarujá

Mais conteúdo sobre:
Fórum dos Leitores

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.